Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 09/Oct/2014 às 11:02
15
Comentários

Erundina se diz “envergonhada” com apoio do PSB a Aécio

“É vexatório declarar voto para uma candidatura notadamente conservadora”. Luiza Erundina defendia a neutralidade do partido no segundo turno das eleições presidenciais

luiza erundina aécio neves psb
Deputada reeleita Luiza Erundina foi voto vencido e PSB decidiu apoiar Aécio Neves no segundo turno das eleições de 2014

Reeleita deputada federal por São Paulo no último domingo, Luiz Erundina (PSB) criticou ontem (8), em entrevista à revista Carta Capital, a decisão de seu partido em apoiar Aécio Neves, candidato do PSDB à presidência da República. Além de avaliar que a escolha afeta a reeleição dos governadores Camilo Capiberibe e Ricardo Coutinho, que disputam, com o auxílio do PT, o segundo turno no Amapá e na Paraíba, respectivamente, ela se mostrou decepcionada com o posicionamento de sua legenda.

“Desde o início do processo eleitoral, tanto Eduardo Campos quanto Marina Silva defenderam ser preciso superar a velha polarização entre PT e PSDB. É incoerente, depois de tudo que se passou, reforçar um desses polos agora”, afirmou Erundina. “É ainda mais vexatório declarar voto para uma candidatura notadamente conservadora, que defende posições tão contrárias ao que defendemos, como a redução da maioridade penal”.

A Executiva Nacional do PSB decidiu se aliar ao tucano na última quarta-feira. A deputada defendeu a neutralidade da agremiação, junto à senadora Lídice da Mata (BA), o senador Antônio Carlos Valadares (SE), Katia Born, o secretário de Juventude Bruno da Mata, o presidente do partido Roberto Amaral e o secretário da Área Sindical, Joílson Cardoso. O senador João Capiberibe (AP) foi o único a votar pela união a Dilma neste segundo turno. Após a definição do apoio à candidatura tucana, sustentado por 22 pessebistas, Erundina e o deputado Glauber Braga, do Rio de Janeiro, decidiram se retirar da reunião. “Saímos no momento em que eles começaram a redigir a carta de apoio a Aécio. Respeitamos a decisão da maioria, mas não queríamos referendar essa posição”, contou.

A ex-petista admitiu, ainda, que o partido está rachado. “Vamos ver quais serão os desdobramentos dessa decisão da Executiva do PSB. É inegável que há uma crise interna, uma divisão dentro do partido, e isso emerge num momento em que ainda estamos disputando o segundo turno em quatro estados”, comentou.

Fórum

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Maria Maria Postado em 09/Oct/2014 às 12:05

    Pois a Erundina deveria ter muita vergonha é dela mesma por ter continuado no PSB a partir o momento em que Eduardo Campos traiu o PT e mostrou a que realmente veio. Ela não teve a dignidade e a coragem dos irmãos Cid e Ciro Gomes. Toda a admiração que eu tinha por esta mulher se esvaiu completamente. Que papelão foi postar-se ao lado da Marina, essa mau caráter de carteirinha! Igualou-se a ela. Espero que jamais seja eleita e que desapareça politicamente para sempre. E que o vá juntinho com ela o Roberto Amaral.

    • Pedro DiasMoreira Postado em 09/Oct/2014 às 18:17

      Precisamos urgentemente de uma reforma político/partidária nesse País para evitar essas barganhas vergonhosas com puro interesse particular, ninguem leva em conta as necessidades dos menos agraciados pela sorte ou seja dos marginalizados pelo poder do capitalismo Neo Liberal...

    • Eva Postado em 10/Oct/2014 às 09:06

      Eu espero da Erundina reconheça também, o equívoco Marina. Pelo menos ela parou a tempo.

  2. KARINA BB Postado em 09/Oct/2014 às 12:33

    Gente esse Glauber Braga é uma pessoa honesta,trabalha mesmo,esse honra o cargo que recebeu aqui no RJ, é um politico maravilhoso e acima de tudo honesto,e isso se pode dizer d pouquissimos politicos,ele nunca apoiaria algo que fosse danoso às minorias e ao povo mais pobre,como um governo do psdb....muito coerente,,,,Glauber representa nao so a mim como a muitos aqui no RJ

  3. mariana Postado em 09/Oct/2014 às 12:40

    Eu não esqueci que a Marina Siva afirmou que jamais estaria num palanque do PSDB. E estava bem decepcionada com a Erundina mas essa matéria me aliviou um pouco.

    • Mauro Assis Martins Postado em 09/Oct/2014 às 16:25

      Essa afirmação de Marina vai se transformar em votos para Dilma, o mesmo vai acontecer quando: Armínio Fraga aparecer na propaganda política, a construção dos aeroportos em terras da família do Aécio Neves, demissão de 71 mil funcionários públicos, por culpa de Aécio....têm muitas coisa para serem exploradas, vai chegar o momento certo!!!! DILMA 13

  4. Olga Postado em 09/Oct/2014 às 12:43

    Injustificável, a adesão do PSB a direita!!!

  5. Dinio Postado em 09/Oct/2014 às 13:37

    É o efeito Marina...a Demolidora ! Ouvi dizer que os Estúdios de Holiwood estão sondando transformar Marina numa Heroína Cucaratcha, aos moldes do Super Herói...O Demolidor (que é cego mas tem superpoderes). A nossa Demolidora está se notabilizando por deixar Terra Arrasada por onde Passa! Só não fez isto com o PT, porque o PT tem LULA e este é maior que todos...justo por ser grande e humilde ao mesmo tempo. Mas de resto conhecemos a história da Ismigol. Ela é igual que uma "lesma "...por onde se arrasta deixa uma gosma tóxica que contamina o meio-ambiente, envenando tudo e todos. Eu tenho certeza que Dilma não quer e não terá o apoio desta víbora. Que fique abraçadinha ao Aécioporto e afundem no mar de lamas de onde brotaram...no Cantareira!

  6. Valentina Postado em 09/Oct/2014 às 14:29

    Também eu fiquei muito decepcionada com Erundina. Talvez não tanto se ela não tivesse declarado um pouco antes que a candidatura de Marina, que se fazia de forma tão oportunística, era atitude que "deseduca politicamente". Mostrou-se igual.

  7. José Postado em 09/Oct/2014 às 16:53

    Essa posição do PSB só mostra que o discurso é ideológico, mas a prática não. Pela "nova política" estavam apenas os que se manifestaram pela neutralidade.

  8. maria lucia Postado em 09/Oct/2014 às 19:16

    Erundina tem agora a chace para escolher um lado. Se quer continuar a esquerda, deve no mínimo se aproximar de nomes históricos do partido que queiram tentar recuperar a reputação da legenda. Se sua opção for seguir a onda neoliberal que acomete todo o planeta, deixando seus rastros com economias devastadas enquanto a riqueza se concentra nas mãos de poucos, nada podemos fazer além de lamentar e NUNCA MAIS VOTAR NELA!!!

  9. carlos cruz Postado em 09/Oct/2014 às 22:21

    Erundina se tem coerencia deve anunciar que deixa o PSB por ir contra as diretrizes de sua fundação, AGORA. Não adianta resmungar e permanecer. Se tem coerencia deve mostrar AGORA. Ficar entre os interesses partidários e de seus eleitores, deve escolher os eleitores. AGORA!

  10. Fillipe Miranda Postado em 10/Oct/2014 às 01:32

    Aliança PSB e PSDB já vinha sendo arquitetada desde Eduardo Campos. Isso ao meu ver se chama incoerência política onde se nega a base ideológica e parte para a conveniência. Ao invés de Partido, deveria se chamar Hospedeiro.

  11. julio cesar montenegro Postado em 11/Oct/2014 às 15:04

    a marina afastou-se do chico mendes e reapareceu DEPOIS DA MORTE DO parceiro junto com a neca, a febre chic "ungunha" & o aécio neves empoado? essa mulher foi uma blitzmoda...

  12. eu daqui Postado em 13/Oct/2014 às 10:04

    PSB nunca mais. Ao menos pra mim.