Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 24/Oct/2014 às 11:25
44
Comentários

Em desespero, revista Veja tenta o golpe e fracassa

Veja antecipa a capa dessa semana e tenta dar o golpe, mas é prontamente desmentida por advogado do próprio doleiro. Em notória crise de credibilidade, colunistas da revista já pedem o "impeachment" de Dilma Rousseff caso ela seja reeleita

revista veja golpe dilma
Tentativa de golpe da Veja não durou mais de 24 horas. Especulação foi desmentida por advogado de doleiro. Em desespero, Merval Pereira e Reinaldo Azevedo pedem impeachment de Dilma (Imagem: Pragmatismo Político)

A menos de 72 horas das eleições presidenciais, a revista Veja publica uma capa que poderá entrar para a história do jornalismo como um dos mais sórdidos atentados contra a democracia já vistos no País. A reportagem destaca suposto trecho da delação premiada do doleiro Alberto Youssef, em que ele afirmaria que tanto a presidente Dilma Rousseff como seu antecessor Luiz Inácio Lula da Silva “sabiam de tudo” que ocorria na Petrobras.

Os vazamentos seletivos já foram condenados pela Ordem dos Advogados do Brasil e delações premiadas, num contexto político como o atual, podem se converter em mentiras premiadas.

Advogado desmente revista

A tentativa de golpe da Editora Abril contra a democracia brasileira não durou um dia. Menos depois de 24 horas após circular com uma edição extra, acusando a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula de “saberem de tudo” sobre o esquema denunciado na Petrobras, o “depoimento” do doleiro Alberto Youssef foi desmentido por ninguém menos que seu próprio advogado, o criminalista Antonio Figueiredo Basto.

“Eu nunca ouvi nada que confirmasse isso (que Lula e Dilma sabiam do esquema de corrupção na Petrobras). Não conheço esse depoimento, não conheço o teor dele. Estou surpreso”, afirmou Basto. “Conversei com todos da minha equipe e nenhum fala isso. Estamos perplexos e desconhecemos o que está acontecendo. É preciso ter cuidado porque está havendo muita especulação”, alertou o advogado.

Impeachment

Sem força para vencer uma eleição nas urnas, os golpistas agora apelam para o impeachment. É o que fizeram Reinaldo Azevedo, da Veja, e Merval Pereira, de O Globo. Azevedo afirma que a eleição presidencial deste ano se dá entre o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o vice Michel Temer. Sua tese infundada é de que a presidente Dilma Rousseff será alvo de processo de impeachment, antes ou depois de eleita.

Ao que tudo indica, o golpe é a nova estratégia das forças que já se veem derrotadas no próximo domingo.

Irresponsabilidade

A edição de Veja foi antecipada para esta quinta-feira para tentar interferir na sucessão presidencial, sobrepondo-se à soberania popular. Ontem, pesquisas Ibope e Datafolha confirmaram a liderança da presidente Dilma Roussef nas pesquisas eleitorais.

Os responsáveis diretos pelo atentado à democracia cometido pela Editora Abril são o diretor de Redação de Veja, Eurípedes Alcântara, o executivo Fábio Barbosa, que conduz a gestão da empresa, além dos acionistas da família Civita. Conduziram o jornalismo brasileiro a seu momento mais irresponsável, mais vil e mais torpe.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

com agências e brasil 247

Recomendados para você

Comentários

  1. Carlos Postado em 24/Oct/2014 às 11:36

    Até uma dessas capas aqui (http://desesperodaveja.tumblr.com/) seria bem melhor que essa. É uma pena que um país como o nosso tenha uma justiça eleitoral de controle de massa populacional como essa que consiga chegar a tal ponto.

    • Rafael Postado em 24/Oct/2014 às 13:41

      A verdade! O advogado Antonio Augusto Figueiredo Basto, coordenador da defesa do doleiro Alberto Youssef, disse nesta sexta-feira que está impedido de se manifestar sobre as declarações de seu cliente. A mais recente edição de VEJA traz uma reportagem revelando que Youssef disse à Polícia Federal e ao Ministério Público que tanto o ex-presidente Lula como a presidente Dilma sabiam do esquema de corrupção na Petrobras. O depoimento foi prestado na última terça-feira na presença de um delegado e de um procurador da República. Basto explicou que, devido ao segredo de Justiça, não pode comentar o processo de delação premiada de Yousef e nem fornecer qualquer detalhe sobre as declarações do doleiro. “Sobre a reportagem, o que eu disse é que não concordo com o vazamento dos depoimentos. Mas isso, num país que tem imprensa livre, cabe às autoridades investigar quem vazou”, disse o criminalista. O senhor nega que Alberto Youssef tenha dito que o Lula e Dilma sabiam dos desvios na Petrobras? Eu acho que as minhas declarações estão sendo usadas politicamente. Não posso me manifestar sobre um fato que é sigiloso. Nunca desmenti a reportagem da revista. Eu não posso desmentir um fato sobre o qual não posso me manifestar. Mas o senhor tem conhecimento do teor do depoimento prestado na terça-feira. O que estou dizendo é que não posso confirmar o teor dos depoimentos porque eles são sigilosos. A reportagem de VEJA afirma que as declarações foram prestadas na presença de um procurador e de um delegado. Sobre a reportagem, o que eu disse é que não concordo com o vazamento dos depoimentos. Mas isso, num país que tem imprensa livre, cabe às autoridades investigar. A imprensa é livre para divulgar o que apura, mas não posso me manifestar sobre um conteúdo que é sigiloso, sobre o qual não tenho autorização para falar. A defesa sabe de tudo que é dito nos depoimentos, mas não se pronuncia nem para desmentir nem para confirmar.

      • Letícia Postado em 24/Oct/2014 às 14:20

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk esse dai é assinante.

      • Vicente Postado em 24/Oct/2014 às 14:26

        Rafael, leia com atenção por favor: “Eu nunca ouvi nada que confirmasse isso (que Lula e Dilma sabiam do esquema de corrupção na Petrobras). Não conheço esse depoimento, não conheço o teor dele. Estou surpreso”, Aqui não está dizendo "não posso me manifestar sobre isso". Então, cai na real e não inventa história.

      • Rafael Postado em 24/Oct/2014 às 15:55

        "Vicente" "Nunca desmenti a reportagem da revista. " Palavras do Advogado, é lógico que ele não vai falar nem que sim e nem que não! Ele pode se ferrar para qualquer lado que caia!

  2. Christiano Postado em 24/Oct/2014 às 11:46

    A muito tempo percebo a queda dessa revista sensacionalista. Deixou de fazer reportagens sérias. É só ver o tamanho que a revista tem agora e as poucas páginas só trazem propagandas. Simplesmente ridículo e sem fundamento. Os "coxinhas" não sabem mais o que fazer. Só lamento por eles.

  3. Roberto Postado em 24/Oct/2014 às 11:50

    Veja bandida. Jornalismo de esgoto terá a respostas nas urnas no domingo.

  4. Cícero Postado em 24/Oct/2014 às 12:00

    Fantástico o corrido acima ter citado a soberania popular, a força incorruptível do povo, essa sempre prevalece! O Brasil quer mudança, mas entre o que já está ai, assegurando nossa democracia, e o retrocesso ideológico, o que vale mais? Quem tiver o mínimo, uma fagulha, um esporro de consciência cidadã não se deixa levar por essa onda de ousadia e ignorância midiática. Agora imagina essa gente no poder??! Um pesadelo!

  5. Luciano Medeiros Postado em 24/Oct/2014 às 12:05

    Tá na hira de fortalecer novos jornais, revistas e tvs, será que a esquerda vai acordar quando que precisamos um contra-ponto a altura!!!!!!!!!!!!!!

  6. Paulo Postado em 24/Oct/2014 às 12:12

    A única utilidade da revista Veja, em pouco tempo, será a possibilidade de reciclar o papel. Nem para embrulhar cocô de cachorro vai servir mais.

  7. Salomon Postado em 24/Oct/2014 às 12:13

    os memes estão bombando na internet http://desesperodaveja.tumblr.com/

  8. Walter Postado em 24/Oct/2014 às 12:13

    REC - REDE ESCROTO DE COMUNICAÇÃO

  9. eu daqui Postado em 24/Oct/2014 às 12:13

    Alguém ainda acredita nessa revista? Nem sei se isso é revista. Parece mais um caderno doutrinário mesmo.

  10. Walter Postado em 24/Oct/2014 às 12:15

    Igual ao volume morto fede.

  11. Elis Ferreira Postado em 24/Oct/2014 às 12:16

    Essa revistinha não têm credibilidade, nunca teve.

  12. silva Postado em 24/Oct/2014 às 12:21

    A revista golpista acreditou ter a bala de prata para salvar Aero, o tiro saiu pela culatra,só coxinha para acreditar nesse lixo, o tal do rafael acredita.Sabe de nada inocente! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  13. Marcio Postado em 24/Oct/2014 às 12:23

    Acho melhor eles começarem a publicar o horóscopo.

  14. thales Postado em 24/Oct/2014 às 12:27

    Apesar q esse mesmo advogado disse que o envolvimento do psdb bo escândalo da Petrobrás era mentira

  15. Silva Postado em 24/Oct/2014 às 12:30

    Adeus coxinha vai ler a Veja da semana.

  16. CarolF Postado em 24/Oct/2014 às 12:32

    50 anos depois o Golpe não é militar,é midiático!

    • Roges Postado em 24/Oct/2014 às 14:04

      CarolF! Já leste o livro do Juremir Machado da Silva (1964 - Golpe Civil Midiático Militar)? Ele fala do apoio da imprensa (na época não era mídia) ao golpe, inclusive de jornalistas famosos que hoje se manifestam contrários ao golpe militar. Caso tenhas interesse no assunto, sugiro fortemente. Um abraço.

      • Antonio Postado em 25/Oct/2014 às 10:56

        Opa, já que falaram em livros, sugiro a leitura do livro do meu pai, "O Golpe civil e militar de 64", meu pai era militar e foi preso e cassado. No livro ele conta o que estava por trás disso tudo. http://www.sinpro-rio.org.br/servicos/espaco-do-professor-estante-o-golpe-militar-e-civil-de-64.php

  17. GustavoZ Postado em 24/Oct/2014 às 12:40

    É a Veja do lado do Aécio e esse site do lado da Dilma. Não existe imprensa imparcial no Brasil!!

    • Deisi Postado em 24/Oct/2014 às 13:30

      Só existe uma diferença a revista publica mentiras para favorecer seu candidato, aliás essa revista é um braço do psdb, mas dessa vez ultrapassou os limites da ética. Um golpe! que quer confundir os eleitores, querem ganhar no grito ou através de golpe. Antecipar a edição da revista é um atentado a democracia, jogo sujo e rasteiro. O Pragmatismo Politico, reproduz matérias verdadeiras e checadas, se caso comete algum erro reitera e corrige. Não existe comparação entre um órgão e outro, Pragmatismo Politico preza pela ética e verdade, já a revista é golpista e oportunista. Uma mentira, onde sua maior fonte de informação era o preso Cachoeira, agora toma como verdade a palavra de um bandido. Toma Veja farsa, mentira, oportunismo, falta de ética, golpista, sensacionalista e canalha.

      • Julio Postado em 25/Oct/2014 às 13:34

        Imprensa ética publica vícios e virtudes de ambos os partidos. Não somente as virtudes e os erros de quem lhe convém.

  18. Elcio Rabello Postado em 24/Oct/2014 às 12:43

    Aqui no Rio a Veja virou a "Oia Porco" não dá mais susto em ninguém, se suas fantasias se confirmassem não restaria mais nenhum jornalista desse pasquim vivo, pois já seríamos uma republica COMUNISTA e todos estariam fuzilados kkk , estaríamos em moratória desde 2009, o PSDB estaria canonizado pelo Papa, São Paulo jorrando água.... resumindo a cada dia que passa perdem o pouco de credibilidade que tinham e a única solução é uma constituinte plena com a lei de mídia....

  19. KARINA BB Postado em 24/Oct/2014 às 12:57

    Genteeeee chegar ao cumulo de antecipar a ediçao, !!!!!o que a veja e a globo querem é fazer chantagem ,o PT reduziu drasticamente o BV de ambas,kkkk a VEJA é a piada do seculo kkkkkkkkk o que me da mais raiva é o fato da midia porca querer ser soberana em detrimento do povo brasileiro,eles querem mandar no BRASIL,FILHOS DA PUTA,SEM MAIS PALACRAS se eu externalizar nesse coment toda a minha indignaçao,o comentario ficara impublicavel rsrsrs

  20. Dani Postado em 24/Oct/2014 às 13:04

    Lembrando que a Week chamou a Veja de "Gossip Magazine". Se liga na moral. xD

  21. sleiman v m n Postado em 24/Oct/2014 às 13:06

    O fechamento desta revista seria um exemplo a ser seguido. Denigriu, difamou, ou fez coisa parecida, ainda mais se tratando de um atentado contra a sociedade brasileira, o fechamento e a prisão dos responsáveis não seria um exagero.

  22. Andre Postado em 24/Oct/2014 às 13:22

    VOCÊ SABE LER???? ADEUS TUCANALHAS....KKKKKKKKKKKKKKKKKk

  23. Alan Postado em 24/Oct/2014 às 14:01

    Por que o servico de imprensa prestado pela revista Veja nao eh objeto de processo judicial? Face a atual conjuntura midiatica o principio da liberdade de imprensa deve ter limites no Brasil. A democrtizacao da Midia eh uma pauta tao importante quanto a reforma politica.

  24. Denisbaldo Postado em 24/Oct/2014 às 14:14

    O mais engraçado é o Reinaldo Azevedo pedir o impeachment da Presidenta Dilma. Ele nem deve saber o quórum mínimo de votação na Câmara dos Deputados para que o Senado aceite esta acusação. São necessários no mínimo 2/3 da Câmara dos Deputados para que seja dado início no processo. Coitado, não sabe nem contar direito o número de deputados do PT e PMDB já eleitos. É muito patético tudo isso. E vários coxinhas já estão entusiasmados com esta ideia.

  25. Natália MS Postado em 24/Oct/2014 às 14:41

    Fico aqui pensando, o que seria da revista Veja, caso o PT perdesse? no mínimo já no declínio da Abril, demitiria jornalistas e funcionários, mesmo porque, sua maior fonte de renda são as denúncias do PT.Assim como Diogo Mainardi, que partiu para Veneza assim que lula deixou a presidência. pois só sabia falar mal de Lula...afff

  26. poliana Postado em 24/Oct/2014 às 15:43

    vergonha alheia viu!!! o q o desespero de certos grupos n faz!! seria cômico se n fosse trágico!! NOJO define!!!!!

  27. SilD Postado em 24/Oct/2014 às 18:02

    A revista Veja já se acostumou a fazer o que quer e sair impune. Espero que receba o que merece, tanto da justiça brasileira, como da banca rota dos poucos incautos que ainda acreditam nos artifícios dessa mafiosa. https://www.youtube.com/watch?v=SqEY-r_JH4Y

  28. Roger Postado em 24/Oct/2014 às 18:15

    Espero que, com a vitória da Dilma, o governo "caia matando" sobre essa máfia do jornalismo. O povo, em grande parte, já abriu os olhos e não cai mais nas mentiras, invenções e manipulações de Veja, Estadão, Globo e outros refugos da ditadura. Quero ver o governo, enfim, cobrar o mais de R$ 1 bi de calote da Globo no Fisco. E por gente da Veja na CADEIA, que é o lugar de caluniador, injuriador e incitador de violência.

  29. walter p de sousa Postado em 24/Oct/2014 às 18:49

    Jornalista da veja não serve para escreve nem da queles jornais do jogo do bicho.

  30. diogo Postado em 25/Oct/2014 às 00:16

    #foraPT #foraDilma #foraPetralhas

  31. enganado Postado em 25/Oct/2014 às 00:57

    Meus caros generais Merdal Pereira e Reinaldo Azevedo gostaria que ambos dessem o golpe=1964 e ver qualquer um dos dois darem tiros. Mas não é com revolvinho de água, mas de verdadinha tá! Sinceramente, vocês infelizmente não honram as calças que vestem, parece que vocês ao contrário dos travecos que se vestem de mulher, vocês se vestem igual homem, mas na verdade são dois enrustidos. Vamos ver saiam do armário, pois o que fazem e escrevem são pessoas de duas caras, de dia ficam igual duas donzelas e noite vão para o trabalho de terno. Pergunta de foro íntimo; "algum de vocês dois tem coragem de encarar os filhos cara a cara? Olha se eu fosse filho de qualquer um de vocês, a estas horas já teria pedido asilo na embaixada dos EUA, ido embora e nunca mais olhado pra trás. Qual é a nacionalidade de vocês? Perguntem se alguma país os receberia como cidadãos? Nos EUA/iSSrael, jamais! Os dois Países são Nacionalistas até depois de mortos, taí o exemplo de um cidadão de dupla nacionalidade Diogo Mainardi: só EUA/iSSrael, até fala português sem sotaque de americanos. Então vocês vão pedir o "impeachment", tá bom! Mas antes façam um exame de sangue para ver o índice de testosterona no corpinho, tá!

  32. Fábio Gomes Postado em 25/Oct/2014 às 01:25

    Vai dormir, coxinha do Aécio e da Veja!!!

  33. GILBERTO MENDES ROSA Postado em 25/Oct/2014 às 12:28

    É lamentável, que mais uma vez, entra em cena a covardia extrema, a REVISTA VEJA no intuito de mudar o rumo das eleições junto com sua associada Organizações Globo e demais, antecipam matérias, o famoso disque me disque, este doleiro, infelizmente paranaense, de origem libanesa, cuja a tradução é josé, é o mesmo, que era tucana da privataria, estava lá, levando dinheiro da CC5 do Banestado S/A - Orgulho do Paraná, eu disse Orgulho do Paraná, só ele e seu bando, entre transações internas e externas, movimentaram na época a bagatela de R$ 42 bilhões de reais, trazendo a valor presente, daria mais de R$ 100 bilhões de reais, deixou para o estado do Paraná, com aval do FHC, a divida/herança maldita de R$ 20 bilhões de reais, dos quais, o paraná já pagou até 2014 a bagatela de R$ 10,5 bilhões de reais e ainda deve até 2029, a bagatela de R$ 9,5 bilhões de reais, esta é só uma operação dos escândalos do PSDB no poder, não tem o disque me disque, é real, e esta lá, só que, só foi acusado peixe pequeno, que não tem uma unha para....., fala sério imprensa marrom, vocês querem acusar quem de que, se quer moral vocês tem, já aconteceu algo parecido com Ibsen Pinheiro no passado, deposito na conta dele de um mil dólares, transformou-se em um milhão de dólares, com ajuda de uma porcaria de um deputado do DEM da Bahia, tenham vergonha na cara, um bandido, primeiro, ao acusar alguém tem que ter provas concretas e não abstratas, logo este camarada, alguém neste Brasil acredita, duvido muito.................

  34. João Postado em 25/Oct/2014 às 17:07

    Por que motivo meu comentário nessa reportagem não está aqui?

  35. eduardo de paula barreto Postado em 25/Oct/2014 às 18:29

    · VOTO X CORRUPÇÃO Se eu for utilizar a corrupção como critério para a escolha do meu candidato à presidência, terei que anular o meu voto, mas por não querer que outras pessoas escolham quem definirá o meu futuro, eu faço a seguinte análise: Dilma Rousseff integra o PT, partido político cujos integrantes têm sido envolvidos em escândalos de corrupção, e o seu adversário, Aécio Neves, faz parte do PSDB, cujos integrantes também figuram em muitos escândalos de corrupção, então o que devo fazer? Primeiramente preciso analisar a postura de cada um desses partidos diante dos desvios de conduta dos seus membros, no caso do PSDB, é fato histórico que durante o seu governo os escândalos de corrupção eram abafados com o ostensivo apoio da grande Mídia, enquanto nos governos do PT, denúncias foram feitas e as autoridades tiveram liberdade para fazer as apurações e aplicar as punições. Sendo assim, se Aécio vencer as eleições, não teremos mais denúncias bombásticas nas principais revistas e emissoras de TV, e consequentemente, os crimes praticados pelos corruptos serão escondidos debaixo do tapete e a população terá a impressão de que a corrupção diminuiu, por outro lado, com a vitória de Dilma, a grande Mídia continuará buscando por manchetes relacionadas a desmandos do governo. Concluo que prefiro ter o PT no governo com o acirrado monitoramento da oposição e da grande Mídia em busca de atos de corrupção, do que ter o PSDB no poder e ter que conviver com a constante maquiagem das manchetes. Então opto por manter Dilma no poder e deixar o PSDB, Veja, Estadão, Isto É, Globo, etc, como um grande partido de oposição. Eduardo de Paula Barreto 25/10/2014.

  36. Domicio Campos Postado em 12/Jul/2015 às 08:49

    Quem, em sã consciência ainda defende a quadrilha PT? Os fatos dizem tudo!

O e-mail não será publicado.