Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 04/Sep/2014 às 19:11
74
Comentários

Os eleitores de Marina e o analfabetismo político

No Brasil, os analfabetos políticos não são poucos, se proliferam cada vez mais e estão em todas as categorias profissionais, do mais baixo ao mais alto estágio didático formal

marina silva eleitores 2014
Eleitores de Marina são jovens, desiludidos com a política, com mais renda e mais escolaridade (Imagem: Pragmatismo Político

As mais recentes pesquisas do Datafolha e do Ibope mostram que os eleitores de Marina Silva são, essencialmente, os desiludidos com a política – aqueles que, antes da trágica morte do ex-presidenciável Eduardo Campos, se propunham a votar nulo ou em branco.

São, certamente, em sua maioria jovens e estão colocados como os de maior escolaridade. É aí que entra a questão fundamental: é necessário separar escolaridade de politização.

Ter mais estudo, infelizmente, nem sempre quer dizer ser mais politizado. Tal contradição mostra também que muitos experts em suas áreas profissionais são também analfabetos políticos.

No Brasil, os analfabetos políticos não são poucos, se proliferam cada vez mais e estão em todas as categorias profissionais, do mais baixo ao mais alto estágio didático formal.

Ou seja, um pedreiro ou um encanador podem ser tão analfabetos políticos quanto doutores em engenharia ou medicina.

Isto ocorre porque é quase inviável alguém se aprimorar em mais de uma frente, ou seja, na sua profissão e no vivenciamento da política em toda a extensão que o termo suscita: tanto na convivência normal do dia-a-dia, como na absorção dos entremeios da política partidária.

A compreensão do processo histórico e político está ao alcance de todos, independentemente do nível de qualificação profissional de uma pessoa.

De forma sintética e somente enfocando os pontos essenciais, o aprendizado político deve beneficiar do homem mais simples (intelectual e socialmente) ao mais sofisticado.

Por fim, surge o dilema crucial: qual a medida certa para se determinar onde se situa ou não o analfabetismo político? Para começar a desvendar este mistério tão recorrente, são produtivos os esforços conceituais em torno do que seja esquerda, direita e centro num país como o Brasil.

ALE – Pragmatismo Político

Recomendados para você

Comentários

  1. Hugo Postado em 04/Sep/2014 às 19:28

    Nossa.. para... quer dizer q agora todos que voltam na marina sao analfabetos politicos? os alfabetizados sao aqueles que votam nos mensaleiros... fala sério.

    • Pedro Postado em 04/Sep/2014 às 19:34

      Para identificar um analfbeto politico, basta perguntar o porque do voto dele. O problema é que grande parte do eleitorado do Aécio quanto da Marina vão dizer que votam neles pois não querem a Dilma, e isso não é motivo pra votar em alguem.

      • Ricardo Postado em 05/Sep/2014 às 13:33

        Não ?!?!?!?! Querer que o poder mude, para min, me parece uma atitude democrática... Dilma fez muita coisa sim, mas está ferrando a economia e não dá sinais de que vai mudar...

      • Rafael Postado em 05/Sep/2014 às 17:02

        Eu voto na Marina porque enxergo nela a mudança que o Brasil precisa! Simples!

      • Hell Postado em 06/Sep/2014 às 00:35

        Até hoje me lembro de uma entrevista do JN com o público em 1989 perguntando em quem iam votar (Collor ou Lula). Uma burguesinha respondeu que ia votar no Collor por que ele era 'bonito'. Imagino como ela deve ter ficado quando o papai dela ficou com as contas congeladas por causa dos planos mirabolantes e ficou sem poder ir no shopping com azamiga...

    • Aécio Never Postado em 04/Sep/2014 às 19:55

      "Voltam na marina", Isso sim é ser analfa. kkkkkk

    • Mauro Postado em 04/Sep/2014 às 21:08

      Você não entendeu o que o autor quis dizer. Infelizmente a educação não está formando pensadores, mas repetidores de informação. O Augusto Cury fala isso em seu livro "Ansiedade, como enfrentar o mal do século." A Alemanha na década de trinta tinha inúmeros prêmios Nobel .O país tinha a melhor educação clássica, mas isso não foi suficiente para rejeitar Hitler.Com seu marketing de massa (o que acontece hoje com a nossa mídia), seduziu a juventude alemão Eu do povo alemão perdeu autonomia. Em artigo do Viomundo : http://www.viomundo.com.br/politica/jair-de-souza-quando-os-jovens-empurram-movimentos-reacionarios.html Azenha diz: “…todos os projetos de mudança política incentivados por Washington — não afirmo que este seja o caso do Brasil agora — através de sua teia de interesses, do National Endownment for Democracy à Soros Foundation, especialmente nas assim chamadas “revoluções de veludo” do Leste europeu, tiveram como base a mobilização de jovens, a partir da ideia de que em muitas sociedades eles são estatisticamente majoritários na população, idealistas e dispostos a sair às ruas. Se o Chacrinha estivesse vivo, diria: quem não desenvolve uma política de comunicação e não disputa politicamente esta geração, se estrumbica.” É nesse contexto que entra o analfabeto político.Vota, sem nem saber em quem está votando.Muitos iriam votar nulo porque são contra política, são contra "tudo o que está aí", não tem informação, são apenas niilistas que viram na Marina uma oportunidade de mudar aquilo que eles não entendem.Mas não são capazes de dizer quem está no grupo da Marina, e o que eles representam (como o André Lara Resende que foi mentor da Zélia Cardoso de Mello do plano econômico que confiscou a poupança e levou muitos brasileiros ao desespero e ao suicídio).Eles não sabem nem o que significam as medidas que a Marina defende e as consequências para a nação.Por isso são analfabetos políticos. Entendeu?

      • Helena/S.André SP Postado em 04/Sep/2014 às 22:19

        Disse tudo Mauro! Só não entende quem não quer.

      • ANDRE FLN Postado em 05/Sep/2014 às 10:08

        Mauro, é isso aí mo querido! falasse

      • KARINA BB Postado em 05/Sep/2014 às 11:49

        Parabens MAURO vc foi perfeito

      • Ronaldo Postado em 05/Sep/2014 às 13:11

        Prezado Mauro, Respeito sua posição e aceito seus argumentos, mas gostaria de colocar algumas questões para serem discutidas: não vejo, atualmente, no eleitorado do PT, PSDB, DEM... uma consciência política. No meu entendimento, os eleitores de modo geral votam com base no hoje e no máximo no amanhã. Temos que ponderar, num segundo estante, que o próprio governo (PT), se cercou de certos políticos que suscita uma bela reflexão, por exemplo, Renan Calheiros, Família Sarnei, Collor, o famigerado e PMDB. O senário político atual é complexo, não existe uma verticalização das ideologias, é só olhar as coligações estaduais. E tudo que está ruim ainda pode piorar, é só olhar as coligações do segundo turno estaduais, ai o bicho pega. Então, penso que é sempre complicado levantar teorias e tentar explicá-las com base em outras nações, pois cada uma tem suas peculiaridades. Uma última questão interessante, sou engenheiro e trabalho com ciência e tecnologia. Eu posso afirmar que, atualmente, o Brasil, não tem capacidade de criar produtos com elevado valor agregado. A responsabilidade pode não ser apenas deste governo. Mas hoje vivemos as custas do desenvolvimento internacional. Se alguém tiver dúvida da minha afirmação, pare e olhe para sua própria casa e tente encontrar algum eletrodoméstico, computador, smartphone ou automóvel fabricado com tecnologia brasileira. Veja, isso no varejo, quando partimos para a ciência, ai a coisa fica delicadíssima. Procure uma empresa brasileira que desenvolva aço de ultra resistência mecânica, fibra óptica, chips para computador, equipamentos para leituras de deformação, entre outras, é de entristecer!!!!

      • Alba Postado em 05/Sep/2014 às 18:07

        OTIMO!!! TA AI,UMA VISÃO CLARA E REALISTA.O POVO QUER INFRAESTRUTURA MAS NÃO BUSCA ELA NA SUA VISÃO DE MUNDO,NA HISTORIA ,NO CONTEXTO.SÃO Visões de panela de pressão ,intensas mas se evaporam rápido e o que sobra é cozido.

      • Diógenes Moraes Sant´Anna Postado em 09/Sep/2014 às 05:57

        Nosso mal é não procurar a verdade dos fatos desvinculada de paixões políticas....

    • Mauro Postado em 04/Sep/2014 às 21:11

      Analfabetos políticos como os de 2013 nas manifestações de Junho que empunhavam cartazes contra a PEC 37 e não sabiam nem dizer o que isso significava. Esse é o risco para a nação.

      • ANDRE FLN Postado em 05/Sep/2014 às 10:10

        Buumm, que torpedão!! PEC37 foi a 2a maior mentira vendida pela midia em 2013, e realmente, ninguem sabia o que significava, o Zbgniew Brzezinski tampouco..

      • Cláudio RJ Postado em 05/Sep/2014 às 12:09

        Zbgniew Brzezinski, A PEC 37 não afetava só o MPF e sim o Ministério Público com um todo. Nada tem a ver com o mensalão e sim com a questão da separação das funções num procedimento criminal, no qual cabe a polícia investigar, o MP acusar e o juiz julgar, dando ao acusado a possibilidade de ampla defesa e o contraditório, bem com tendo o MP, a possibilidade de avaliar o procedimento policial, podendo até mesmo não apresentar a denúncia do acusado. Esse é o princípio da "paridade de armas" no qual o cidadão tem as mesmas possibilidades em relação ao Estado num procedimento no qual é réu. Não é difícil saber qual vai ser posição do MP a respeito de uma investigação efetuada por ele mesmo (se vai apresentar ou não a denúncia) e também qual o órgão externo que vai fiscalizá-lo uma vez que o CNMP uma vez que a metade dos integrantes do colegiado são oriundos do MPF e dos MPs.

      • Celio Bernstein Postado em 05/Sep/2014 às 15:53

        Zbgniew Brzezinski, aumente um pouco mais a fonte do seu texto. Não consigo enxergar essas letras miúdas...

    • María Postado em 04/Sep/2014 às 22:16

      Pois é, é isso o que o artigo "fala" sem falar. Não se engane, Mauro, está bastante claro. O que você coloca não deixa de ser verdade, mas também não exclui o fato que o artigo tem a seguinte ordem de afirmações. 1) A maioria dos votantes da Marina são jovens escolarizados e com maior renda 2) Podemos ver como o analfabetismo politico pode ser encontrado também nos âmbitos de maior escolaridade de de maior renda.... e a conclusão é o leitor que tem que tirar....

    • Rocken Postado em 05/Sep/2014 às 02:05

      é muita ignorância, você pelo menos já tentou entender os motivos daqueles que discordam de você? você é igual aos meus colegas de engenharia que defendem o candidato da mídia mas não tem nenhum argumento. O foco de qualquer manipulação são os pseudo-intelectuais como você. E crime eleitoral é distribuir revista VEJA pra criança

    • rAFAEL Postado em 05/Sep/2014 às 12:08

      O Pragmatismo agora tá com todas as armas apontadas para a Marina!hahehwaehawhehawehawh! Eita medo lascado! Antes atacavam a tucanada de todas as maneiras, agora que viu que o cenário mudou completamente, ficam buscando maneiras para derrubar a Marininha! hehwahehaheaheha!!! A Marina vai ser a melhor coisa que ja aconteceu neste país! Esperem e aguardem Lulazetz!

    • Wanderley Postado em 05/Sep/2014 às 14:03

      Grande parte dos que votam em Marina Setúbal Django da Silva, não tem a minima ideia de como funciona o nosso sistema politico, ao ponto de acreditar que se governa um país com as características do Brasil, como se estivesse brincado de Chapolin Colorado, dizendo apenas: "siga-me os bons".

    • Eduardo Benatti Postado em 05/Sep/2014 às 16:49

      Alfabetizado é quem vota certo, e no Pragmatismo Político, votar certo significa votar no PT. Assim como digamos, na coluna do Rodrigo Constantino, votar certo é votar no PSDB.

  2. Natália Postado em 04/Sep/2014 às 19:59

    O analfabetismo político tá englobado na maior parte dos eleitores brasileiros.Infelizmente a maioria que vão as urnas não sabe se quer da diferença entre legislativo e executivo...

  3. André Postado em 04/Sep/2014 às 20:10

    O Brasil não é uma democracia??? Cada um tem o direito de votar em quem quiser. O sujeito só é alfabetizado politicamente se for eleitor do pt (minúsculo de propósito)???

    • Mauro Postado em 04/Sep/2014 às 20:59

      Isso foi interpretação sua.Mas muitas pessoas, por serem analfabetos políticos votam contra o próprio interesse.Não foi isso que elegeu o Collor?

    • Vitor Postado em 04/Sep/2014 às 22:34

      O sujeito é alfabetizado político quando sabe o contexto político, econômico, e social em que seu pais se encontra, sabe a campanha dos candidatos e seus programas para cada área, não significa necessariamente votar no PT, e sim saber em quem vota baseado em suas atitudes políticas, não movido pela influência da mídia, da emoção ou pelo que a maioria da população acredita.

  4. Fabio H. Amaral Postado em 04/Sep/2014 às 20:35

    Seriam alfabetizados politicamente caso soubesem quais são e como defender os projetos defendidos por ela, e não esse papo furado de que é preciso mudar, por mudar. O plano dela não se sustenta por 10 minutos de conversa. Outra postura típica de analfabetos políticos é que não faz diferença, se não faz qual a preocupação afinal?

  5. Tchekowski Postado em 04/Sep/2014 às 20:37

    andré (minúsculo de propósito): o texto gira em torno de dizer que você pode ser um doutor, um médico ou engenheiro e entender menos de política do que qualquer pessoa sem estudo. E este é o eleitor da Marina em sua essência. O analfabeto político é aquele robozinho programado para seguir a vontade da oligarquia midiática.

    • luiz mattos Postado em 04/Sep/2014 às 20:51

      Não entendeu nada....minusculo foi muito para o menino.

    • Rocken Postado em 05/Sep/2014 às 02:13

      seus argumentos são tao falaciosos quanto o do seu candidato. te desafio a apresentar um argumento da direita que não seja extremamente conveniente para aqueles que os inventaram

  6. Mauro Postado em 04/Sep/2014 às 20:58

    Ser politizado não quer dizer votar certo, porque envolve interesses de classe.O que falta é informação e visão crítica.

  7. Laudyson Postado em 04/Sep/2014 às 21:27

    Os alfabetizados políticos vão ter que aprender a perder novamente numa eleição. Quem sabe possam compreender que a democracia gira em torno dos eleitores e não simplesmente numa mídia que eles teimam em dizer que escraviza e faz as vezes do ritmo eleitoral.

  8. Luiza Postado em 04/Sep/2014 às 22:38

    O Brasil tá cheio de analfabeto político! Além de escolher a Marina como presidente ( que vai lascar com todos nós, pois seu foco é apenas provar que é capaz de ser tornar detentora do maior cargo político do país a todo custo) por comoção ou falta de politização, muitos votam para os cargos municipais e estaduais sem saber nem ao certo a tamanha responsabilidade que eles têm. Esbravejam aos 4 cantos que a Dilma e o PT são os culpados por tudo que acontece, mas votam no candidato do vizinho que deu 100 reais para 'plotar' a cara cínica do político de carreira que não faz nada na vida a não ser enriquecer com o dinheiro do contribuinte. Ou então votam naquele que prometeu um cargo comissionado, sem necessidade de presença física ou até mesmo espiritual! Absurdo! Votam nesses cargos de qualquer jeito, ou em qualquer um...é triste a situação!

    • Mauro Postado em 04/Sep/2014 às 22:59

      Isso mesmo, sem falar naqueles que reclamam de tudo, não se informam , às vezes até votam certo para presidente, mas anulam ou votam em qualquer um para o Congresso Nacional.Não sabem que o presidente não tem plenos poderes, e precisa do CN , como tem minoria, precisa fazer aliança para governar, aí tem que fazer concessão. São esses analfabetos políticos que atrasam o país.

  9. Thiago Postado em 04/Sep/2014 às 23:21

    Kkkkkk risos eternos. Acho que eu vou ter que voltar pra minha disciplina de ciência política pra aprender a votar certo (votar certo pro pragmatismo = votar no PT). Esses veículos petistas tão se superando.

    • Rocken Postado em 05/Sep/2014 às 02:25

      me explica então pq em menos de 4 dias apos a tragedia do Campos uma mulher cheio de ideias no minimo alternativas, impraticáveis e divergentes das anteriores já apareceu com 60% dos votos validos no segundo turno????? eu até acreditava nela no começo mas jamais mudaria meu voto antes de a conhecer melhor, e no meu ponto de vista surgiram coisas absurdas

      • KARINA BB Postado em 05/Sep/2014 às 09:39

        Rocken,eu t explico,desses 60% das intencoes d voto em marina,a maioria desses votos é de pessoas que nao querem escolher um presidente,eles so querem tirar o PT do governo e votam em marina pq aecio realmente nunca teve chances d tirar o PT,eles votariam ate no mendigo da esquina se esse tivesse chance d tirar o pt do poder

      • Matheus B. Postado em 05/Sep/2014 às 10:06

        Opa, Karina, pela primeira vez concordo contigo, no momento o principal é tirar o PT do poder, para dar um fôlego enquanto ainda existe democracia no país, possibilitando que surja uma oposição de verdade ao PT, e não esses adversários amestrados que existem hoje.

      • Dirceu Postado em 05/Sep/2014 às 10:20

        Karina e Maheus. É exatamente esse pensamento que caracteriza o analfabeto político. Essa ânsia de tirar o PT do governo sem saber O QUE vai colocar no lugar. O que mais se ouve é isso: "voto em qualquer um que tiver chance de tirar o PT". Isso é ser político? Votar em "qualquer um"? Quer dizer que votaria num Collor, no Sarney, no Lucano Huck, na Adriane Galisteu, na Suzane Richtoffen, no Edir Macedo, o Roberto Irineu Marinho, porque assume que, por não serem do PT, são honestos e entendem de política e economia e ainda vão ter o apoio e coragem necessários para melhorar o país?

      • Matheus B. Postado em 05/Sep/2014 às 11:21

        Dirceu, a Karina apenas diagnosticou a situação, quem vota em qualquer um para tirar o PT sou eu, portanto, segundo os teus critérios, apenas eu sou o analfabeto político. O motivo dessa posição eu já disse: é preciso ganhar tempo para que surja uma oposição verdadeira, para que a eleição não seja apenas uma disputa de cargos entre correntes da esquerda.

  10. Thiago Teixeira Postado em 05/Sep/2014 às 07:53

    O que mais me impressiona, é que teremos um voto oba oba de protesto instigados pelo "achismo" de que tudo está ruim. Basta ver os horários políticos, ontem vi apenas o horário do PT mostrando planos, metas e o que já foi feito, o resto ... nada, um apagão de ideias, chavões "O governo Dilma fracassou", "Estamos em recessão", "A inflação blá blá blá" e nada mais. E pior, sem ao menos entender o que a candidata "amiga da ricona" propõe.

    • KARINA BEBEZINHA Postado em 05/Sep/2014 às 10:52

      Matheus B, vc é um ingenuo se acredita q a marina vai conseguir governar ignorando os partidos,e governar somente com a bancada evangelica,vc diz que o PT nao tem oposicao no planalto e que todos la dizem amem pra tudo que o PT faz hushushusass vc ta loko,achando que marina nao precisa dos parlamentares pra nada kkkkkkkkkkkk essa doida nao termina o mandato,se nao fizer beija mao ao PMDB e ao PT ela entra numa crise d governabilidade,

    • KARINA BEBEZINHA Postado em 05/Sep/2014 às 10:57

      Vc deve ser dos que acham que ela vai conseguir governar com "as ruas" !!!!!!!!!!amigo vc nao tem ideia do que os politicos insatisfeitos se unidos,podem fazer com marina,ahh e so pra vc saber ela vai ter q aguentar 4 anos de oposicao do PT,e acho q eles devem saber fazer isso muito bem,pelo que sei kkkkkk a Marina e a banqueirada mais a crentaiada que vao vir na aba vao se ferrar,AGUARDANDO......................

      • Matheus B. Postado em 05/Sep/2014 às 11:28

        Eu não disse que não há oposição, mas sim que há adversários amestrados, ou seja, que cumprem exatamente o papel que o PT espera, principalmente o PSDB. Quanto ao resto, tu está refutando o que eu disse me atribuindo coisas que eu não disse.

  11. Thiago Teixeira Postado em 05/Sep/2014 às 07:55

    Aposto que se o voto fosse optativo, teríamos um segundo turno entre PT, PSTU, PCO ou PSOL.

  12. Otávio Filho Postado em 05/Sep/2014 às 09:27

    Pragmatismo Político agora, além de tentar desqualificar Marina, vai tentar desqualificar quem pretende votar nela? Tia Dilma curtiu! O pragmatismo de vocês está dando nojo.

  13. Lucas Postado em 05/Sep/2014 às 09:27

    Pragmatismo Político não passa da VEJA do PT!

  14. Ingrid Postado em 05/Sep/2014 às 09:37

    O Brasil está cheio de pessoas que não entendem de politica, a maior prova disso é ter esse ano tanta gente que ainda vota no PT. Gosto de entrar nesse site, pelo mesmo motivo que entro no da Globo, para ver o que as midias sem credibilidade estão dizendo.

    • raphael_subversivo Postado em 08/Sep/2014 às 09:44

      Ponto de vista interessante, qual seu posicionamento politico Ingrid?

  15. Maurício da Rocha Postado em 05/Sep/2014 às 09:38

    Alguém poderia me explicar o que significa as linhas amarela, azul e vermelha no gráfico? O redator esqueceu de colocar legendas.

  16. Rodrigo Postado em 05/Sep/2014 às 10:07

    (Outro Rodrigo) Aí o Pragmatismo diz que, quem vota em Marina, é analfabeto político. O Implicante dirá que, quem vota em Dilma ou Marina, é analfabeto político. Quando se parte, pois, para a ofensa, para a agressão, o "argumento" é livre a todos, posto que vazio e destinado apenas a desconstruir o outro, mas não a apresentar verdadeiros argumentos.

    • KARINA BB Postado em 05/Sep/2014 às 11:06

      Vou deixar aqui uma opiniao d uma pessoa que nao tem muita experiencia d vida ,mas tem um cerebro otimo q funciona perfeitamente ENQUANTO A MIDIA E OS ANALFABETOS POLITICOS ESTAO PREOCUPADOS APENAS COM O MENSALAO DO PT ,O MENSALAO DO PSDB+ O TRENSALAO DO PSDB+A PRIVATARIA TUCANA COM SERRA,FHC,E ALCKIMIM+OS AEROPORTOS D AECIO E SEUS PROCESSOS POR IMPROBIDADE+A ROUBALHEIRA MONSTRO Q A VINTE ANOS O PSDB FAZ EM SP ,MAS OS DEMONSTENES TORRES DA VIDA,+A SECA EM SP +OS PANETONES DE ARRUDA+A FAMILIA RORIZ ETCETC,ESTAO POR AÍ ACONTECENDO TRANQUILAMENTE SABE PORQUE???? PORQUE SO O PT ROUBA VIROU UM MANTRA A SER REPETIDO PELOS ANALFAVETOS POLITICOS ABRAÇOA A TDS

    • KARINA BB Postado em 05/Sep/2014 às 11:16

      Se o PT perder essas eleiçoes quem sabe os analfabetos politicos ,passem a enxergar nao so a roubalheira do PT mas as do PSDB, DEM e TANTOS OUTROS LADROES,esses holofotes so em cima do PT deve ta agradando muito aos outros ladroes da patria neh!!!! Assim eles podem roubar a vontade,detalhe nao tenho partido so nao gosto de manipulacao,e se é pra falar a verdade vamos la ,segundo o ranking do TRE O PARTIDO MAIS CORRUPTO DO BRASIL É O PSDB SEGUIDO DE PMDB DEM e O PT OCUPA O OITAVO LUGAR NESSE RANKING,GOSTARIA D VER OS PIDRES DO PT ESTAMPADO NAS PUBLICACOES JORNALISTICAS ,MAS GOSTARIA TAMBEM DE VER A ROUBALHEIRA MONSTRUOSA DO PSDB ,DEM ,ENYRE OUTROS,MAS ISSO NAO ACONTECE NEH,isso sim permitiria a diminuicao dos analf politicos ,pois as pessoas teriam as informacoes completas pra tirarem suas conclusoes

      • Rodrigo Postado em 05/Sep/2014 às 12:23

        (Outro Rodrigo) Karina, não vi em qual momento disse que apenas os petistas cometeriam erros. Li e reli, mas, realmente, não encontrei. É um equívoco muito comum e atualmente bastante fomentado, dizer: "se critica o PT, é porque acoberta tudo que o PSDB e DEM fazem" ou "se critica PSBD e DEM é porque acoberta e aplaude tudo o que o PT faz". Abandone esse maniqueísmo (creio que não seja intencional), pois a rotulagem é uma técnica argumentativa que busca desconstruir não o argumento, mas a pessoa que fala - é eficiente para o incauto (não estou dizendo diretamente a você, mas genericamente, a esquerdistas e diretistas, que pensam resumir em si a política), mas, ao final, para quem não é "analfabeto político", revela mera falta de argumentos. Assim, pois, reitero: a mera ofensa, alcunhar de analfabeto quem pensa diferente, é algo que convence a muitos, tem efeito contagiante, sendo passível de uso pelos candidatos atualmente da direita e esquerda, mas não convence a quem enxerga as falhas, de programa ou de atuação, de uns e de outros. P.S.: não falo em acabar com a política e que nenhum candidato preste, mas sim que devemos ser atentos, respeitar o direito de escolha do outro e, principalmente, cobrar a todos os eleitos, ainda que neles não tenhamos votado.

  17. KARINA BB Postado em 05/Sep/2014 às 10:46

    PRO SR DIRCEU ACIMA,EU SO TAVA EXPLICANDO AO ROCKEM o por que d a marina rapidamente alcançar60% d votos no seg turno,mas eu nao concordo,nao sou das que vao votar apenas pra tirar o PT,na verdade discordo completamente d quem vai fazer isso,gostaria que as pessoas votassem por convicçao,pois esse voto do odio pode ser perigoso ,e vou repetir NAO VOTO EM EVANGELICOS FUNDAMENTALISTAS DE JEITO NENHUM NUNCAAAA NEVERRRRRRRRR

  18. Roberto Postado em 05/Sep/2014 às 11:25

    Caramba, tá difícil de acompanhar o Pragmatismo Político ultimamente. Virou jornal do PT agora??? Só dá notícia contra a Marina! Perderam totalmente a imparcialidade, até a Veja tá menos viciada em um ponto só...

    • Silva Postado em 05/Sep/2014 às 11:38

      È só migrar pro UOL e IG, lá são a sua cara.

      • Rodrigo Postado em 05/Sep/2014 às 12:24

        (Outro Rodrigo) "Ame-o ou deixe-o"?

      • Roberto Postado em 05/Sep/2014 às 12:32

        Eu acompanho notícias do UOL, G1 e BBC também, não fico preso em um meio só pois todos tem algum viés. O que acho engraçado é ver tantas reportagens do Pragmatismo Político criticando esses grandes meios por não serem imparciais e no entanto estão agindo da mesma forma, e na verdade com um viés mais acentuado do que qualquer outro.

      • raphael_subversivo Postado em 08/Sep/2014 às 12:11

        Os meios de comunicação alternativos não criticam a imparcialidade, criticam a DESONESTIDADE dos grandes meios de não assumirem sua posição e se fazerem de imparciais. Imparcialidade é um mito, todo mundo tem um lado, a questão é ter a coragem e honestidade de defende-lo, ou usar de uma suposta neutralidade para manipulação.

    • Ingrid Postado em 05/Sep/2014 às 13:12

      Concordo, também passeio por vários portais e meios e comunicação, gosto de ler as noticias por mais de um angulo e de tirar minhas conclusões, porém esse site ultimamente parece mais uma revista de fofoca politica, cheio de matérias infundadas e o pior é ver nos comentários, que muitos levam isso como lei.

  19. Gustavo Postado em 05/Sep/2014 às 11:31

    Todos que votam na Marina ou Aécio são analfabetos políticos...que matéria fraca!

    • Silva Postado em 05/Sep/2014 às 11:41

      Não é o fato de votar na crente ou no Aécio e sim o motivo, tu é burro mesmo.

  20. Fernando Postado em 05/Sep/2014 às 11:45

    A questão não de um analfabetismo político , como se fosse uma característica isolada. A questão é a de uma educação deficitária total, na sua estrutura, desde a base, desde a alfabetização. Isto gera analfabetos funcionais EM TODOS OS SENTIDOS, com a diferença que estes, considerados alunos da elite, são diplomados e tem em seu histórico escolar passagem por escolas particulares que, teoricamente, são melhores do que as do ensino público. Preocupamo-nos demais, hoje em dia, com a incorporação de tecnologias e em tornar a escola atraente para os jovens mas nos esquecemos de um item essencial: a escola, principalmente a fundamental, deve ter como meta primordial estabelecer o contato do estudante com o conhecimento de base - linguagem, ciências, artes, esporte e capacidade de raciocínio lógico-matemático - que servirão de pilares para o desenvolvimento de todo um cabedal de conhecimentos mais específicos e direcionados os quais acabarão por desempenhar papel decisivo na escolha de uma futura carreira por parte do aluno. Não é isto que se vê. Há décadas, desde o desmonte da educação baseada nos padrões acadêmicos franceses pelos militares e as malfadadas tentativas de implantação do modelo norte-americano culminando com o caos total que ora presenciamos, não há, simplesmente, uma meta clara de política educacional para o país pois o que vemos são inúmeras tentativas de tapar buracos no sistema que vão aparecendo conforme as demandas aparecem e, conseqüentemente, suas deficiências. Quando se abandona o estudo de matérias da área das Humanidades o resultado é este: analfabetismo político, analfabetismo estético, analfabetismo psico-social, analfabetismo puro e simples. Hoje confia-se demais no poder e na legitimidade de um diploma universitário como forma de ratificação de conhecimento. É um erro. Isto aó atesta que o portador do diploma cursou e terminou uma determinada escola cumprindo com os objetivos mínimos por ela propostos mas não não é sinônimo de conhecimento muito menos de AUTONOMIA DE PENSAMENTO E DE CRITÉRIOS DE ESCOLHA E AÇÃO, que seriam, em última análise, a meta principal a ser alcançada por quem cursa uma universidade. Aí estão as levas de profissionais recém formados, com especializações até, que não conseguem emprego porque não passam nos testes das empresas contatantes ou nos exames de proficiência da entidade que regulamenta e autoriza o exercício da profissão. Aí estão as centenas, talvez milhares de estudantes que escrevem seus trabalhos de pós graduação que não fazem sentido algum porque nem mesmo eles sabem o que estão dizendo ou sobre o que estão discorrendo. Aí estão as leva de novos professores premidos por toda sorte de exigências em nível pedagógico mas que não possuem qualquer bagagem de conhecimento que possa ser útil em sala de aula para repasse aos alunos. Este quadro é desanimador mas reversível. Basta que alguém, com conhecimento de causa e sem rabo preso com os empresários da educação, estabeleça um novo programa de ensino para o país reformando o atual sistema de cima a baixo, sem medo. E precisamos de congressistas, no mínimo alfabetizados e sem o rabo preso com os lobbies da indústria da educação, para votarem a reforma. Daí, quem sabe, poderemos sonhar com mudanças.

  21. Thiago Teixeira Postado em 05/Sep/2014 às 11:56

    Pronto, o PP está dominado pelos coxinhas e reacionários de plantão. Acabou o espaço de pragmatismo, as notícias tem que estarem iguais as do Bom dia Brasil e Jornal da Noite, caso contrário, somos todos petralhas. A moda é falar mau do PT e que o Brasil está em crise.

  22. Jonas Schlesinger Postado em 05/Sep/2014 às 12:00

    Quem vota na Marina é menos cidadão dos que quem vota na Dilma. Quem vota na maldita crente são o câncer da sociedade e os 35% dos que votam na Dilma são os que merecem viver no Brasil....... Foi assim que entendi esse artigo e os latidos de quem confirma essa tese.

  23. Walter Postado em 05/Sep/2014 às 12:25

    No Paraná Marina esta com 35% dos votos somos o quinto PIB do Brasil temos a primeira UNIVERSIDADE UFPR 1912 somos Industrializado e nossa Agricultura é de primeiro mundo nem por isso somos analfabetos.

  24. André Luiz Bezerra Postado em 05/Sep/2014 às 12:35

    Isto da-se pelo fato de não levar a sério a política, pois não estão ensinando nas escolas e nem nos cursinhos que ao meu ver deveriam sim ter esses ensinamentos, pois antigamente tinha-se este ensino pois foi retirado do país por assim acharem que tinha forte influência do regime militar no país, mas a bem da verdade é que sim tinha um certo controle mas era muito necessário se ter esses ensinamentos pois é o que realmente vemos na sociedade brasileira, pois a matéria que me refiro chamava-se OSPB organização social e política brasileira. Pois tivemos uma grande contribuição de frei Bento na elaboração desta matéria, pois embora muitos achavam esta matérias chatas, elas ainda falavam a respeito da Pátria, sobre civilidade e valorizavam o respeito ao país.

  25. favio Postado em 05/Sep/2014 às 12:42

    Entre tantas demonstrações de analfabetismo político, uma das mais gritantes é falar se em impunidade e citar o caso do mensalão referindo se aos petistas, justamente os únicos que foram punidos por corrupção em toda a história do país. Nem se referem aos mensaleiros tucanos, impunes, Banestado, imopunes, Trensalão, impunes, Rodoanel, impunes, Daniel Dantas, impune...e por aí vai. São analfabetos incorrigíveis!

  26. Cristiane Carvalho Postado em 05/Sep/2014 às 12:43

    Faculdade só ensina uma profissão.

  27. Robson Lopes Postado em 05/Sep/2014 às 12:44

    A política que enxergo Sempre fui um apaixonado por política, aos 17 anos nem sabia o que era ideologia política, votava no candidato que eu gostava, aprendi a ler muito sobre o assunto, a discutir sobre política, a defender interesses, e com isso a ter uma ideologia, e disso, me orgulho muito, uma vez que na vida sempre tive um lado, nunca fiquei em cima do muro, e desde cedo identifiquei-me com o pensamento de esquerda. O momento que vivemos ganha quem é mais atrevido, mais mal educado, quem tem coragem de xingar de corrupto ou até coisa pior, num país que ainda tem tantos analfabetos, é lamentável que os analfabetos políticos não sejam exatamente esses. A discussão política está difícil nos dias atuais, na verdade, quase perigosa. Não há a tolerância de se ouvir, um sempre tem de estar errado. Os candidatos estão divididos entre os corruptos ou não corruptos, pior, os políticos são apontados todos ou sua grande maioria como corruptos, mas sinceramente, serão mesmo? Discutir política não é xingar, não é falar mais alto para espantar alguém que pense diametralmente oposto a você, não é tentar convencer, discutir política é argumentar o porquê do voto, o porquê acredita naquele programa de governo, o porquê você segue aquela linha de pensamento. Votar em um candidato não significa necessariamente concordar com todas as suas decisões, mas sim acreditar que ele representa a melhor opção política àquele momento do país, da nação, e isso pode estar muito vinculado as suas origens, o meu caso, ou, a sua experiência de vida. Ter uma visão progressista de esquerda hoje, é quase um crime entre a elite econômica, o pensamento de grupo não permite que você exponha suas ideias, sob o risco de ser taxado de ignorante, analfabeto político, ou até mesmo, corrupto como “eles”. É, assim não dá para conversar! Então a política, que é algo social, que deveria ser discutido entre todos, não importando a vertente do pensamento, vai ficando cada vez mais restrita aos iguais, a ideia do pensamento único cresce e vai em direção a perfeita eugenia. Isso não formará cidadãos melhores, politicamente falando, mas um bando de idiotas políticos, que apenas procuram os seus semelhantes para poderem se auto-afirmar como seres politicamente pensantes. Como é gostoso e saudável discutir diferenças de forma harmoniosa, ao fim, todos saem ganhando e sabendo um pouco mais sobre o outro.

  28. aquino Postado em 05/Sep/2014 às 13:21

    VCS Vão pesquisar os governos antes do PT e tiem suas conclusões, ao invés de ficarem um batendo no outro.

  29. marcelo_X Postado em 08/Sep/2014 às 15:30

    Li e reli este texto. Tenho doutorado. Realmente sou "analfabeto" pois não consegui entender o texto. Achei confuso, sem conclusões claras, sem exemplos caros e muita divagação. Aconteceu isso com mais alguem?

  30. luis Postado em 09/Sep/2014 às 15:23

    E daí? Analfabeto não pode votar agora?