Redação Pragmatismo
Compartilhar
Racismo não 29/Aug/2014 às 14:40
12
Comentários

Torcedora do Grêmio é afastada do trabalho após ato de racismo

Torcedora racista do Grêmio, Patrícia Moreira, é afastada do emprego após ser flagrada chamando o goleiro do Santos de 'macaco'

torcedora racista grêmio santos
Patrícia Moreira, a torcedora racista do Grêmio (captura de tela)

Flagrada chamando o goleiro Aranha de macaco durante a partida entre Grêmio e Santos na Arena, a auxiliar de saúde bucal Patrícia Moreira foi afastada de suas atividades no Centro Médico Odontológico da Brigada Militar.

A decisão foi tomada ainda na quinta-feira, após a partida disputada pela Copa do Brasil. Patrícia era funcionária de uma cooperativa que presta serviços à Brigada.

VEJA TAMBÉM: As últimas frases de homens negros assassinados por policiais

Segundo o major Régis Reche, chefe do Centro Médico Odontológico ,foram realizadas tentativas de contato com Patrícia, sem sucesso. Nesta sexta-feira, a auxiliar de saúde bucal foi substituída por outro funcionário da cooperativa.

Punição

O episódio pode agora resultar em punição para o Grêmio, uma vez que o árbitro da partida, Wilton Pereira, incluiu nesta sexta-feira os atos de racismo na súmula do jogo, que será atualizada no site da CBF. Na primeira versão, o fato não foi relatado. De acordo com o procurador do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Paulo Schmitt, “o clube poderá responder por infração ao inciso do artigo 243-G do CBJD”.

Caso a procuradoria do STJD denuncie o clube, ele seria enquadrado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): “praticar ato discriminatório, desdenhoso ou ultrajante, relacionado a preconceito em razão de origem étnica, raça, sexo, cor, idade, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência”. A punição pode envolver perdas de mandos de jogo ou mesmo a exclusão da Copa do Brasil.

Vídeo:

com agências

Recomendados para você

Comentários

  1. Jônathas Arruda Postado em 29/Aug/2014 às 15:53

    Ela chamou o jogador de macaco. Nas redes sociais, foi xingada de vadia, puta, arrombada, e teve os seus dados pessoais expostos. Combater o racismo com misoginia, machismo e quebra de dados pessoais? Ela estava erradíssima, mas a moça é apenas a ponta de algo muito mair e que está impregnado na sociedade brasileira. Enquanto, em nosso país, o negro for a maior vítima da coerção policial, da pobreza, da desigualdade social, da péssima qualidade de serviços públicos, a democracia racial, no Brasil, não passará de um mito. Que receba as devidas punições. Mas crucificá-la, não! Opinião de um homem negro!

    • J Wilson Postado em 29/Aug/2014 às 15:58

      “Luta, teu dever é lutar pelo Direito, mas se um dia encontrares o Direito em conflito com a Justiça, luta pela Justiça”

    • poliana Postado em 29/Aug/2014 às 18:15

      essas reações no facebook foram apenas as consequências dos atos dessa moça em decorrência do calor desse episódio...na minimize ou relativize os atos dela pq vc sabe muito bem q foi algo absurdo e merece sim uma punição severa! ser afastada do emprego é pouco! ela tinha q ser presa e o grêmio deveria ser excluído desse campeonato!

  2. Eduardo Benatti Postado em 29/Aug/2014 às 16:10

    -mimimi Geração hipócrita, 2014

  3. poliana Postado em 29/Aug/2014 às 17:55

    tinha q ser presa isso sim! logo mais qdo a mídia parar de acompanhar o caso, ela será readmitida no emprego. ridículo! combate ao racismo se faz com o desemprego do racista não é?

  4. poliana Postado em 29/Aug/2014 às 20:41

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!! jura q vc tá sendo irônico né carlos?! kkkkkkk

  5. Jonas Schlesinger Postado em 29/Aug/2014 às 20:51

    Só podia ser coisa do grêmio. Time assim devia ir à zona de rebaixamento. É colorado!

  6. João Postado em 30/Aug/2014 às 01:10

    Carlos, o apelido "macaco" foi adotado justamente pelas ofensas racistas feitas pelos gremistas. O Inter sempre foi o time mais relacionado às massas e a população pobre; e também passou a aceitar jogadores negros antes do rival.

  7. leonardo Postado em 31/Aug/2014 às 20:34

    Um grupo de " tolerantes" apedrejou a casa desta torcedora. Sera que a esquerda vai apoiar essa justiça com as próprias mãos?

  8. Felipe Peters Berchielli Postado em 01/Sep/2014 às 09:40

    Engraçado,tem gente que relativiza tudo porque é insano mandar quem comete crimes leves para a cadeia,e estão certos,encarcerar por qualquer crime é uma estupidez,e no caso da moça essas mesmas pessoas pegam uma foice,uma tocha e vão fazer o linchamento virtual pedindo a prisão da moça por esse ato imbécil. Sim ela deve ser punida,mas não presa,ha coisa muito mais util a ser fazer do que prende-la,medidas socio-educativas por exemplo, espero que ela seja punida de acordo sim,mas não sei porque o linchamento virtual,nem o próprio Aranha deseja isso.

    • Thiago Teixeira Postado em 01/Sep/2014 às 20:09

      Você está certo, cadeia é para preto pobre da periferia. Imagina, colocar essa florzinha atrás das grades com aquelas negras desdentadas que foram pegas com as drogas do parceiro, não é mesmo?

    • Felipe Peters Berchielli Postado em 02/Sep/2014 às 14:15

      Eu me considero um cara alinhado a esquerda e por vezes esquerdistas enchem o saco mesmo,aonda está escrito que o preto e pobre tem que ser enjaulado? Que conversa de doente mental rapaz,larga a cartilha oficial da esquerda de lado e pense,o que eu disse é que o linchamento virtual é lamentável,tanto quanto o racismo e que a esquerda antes de tudo devia saber que cadeia por cadeia não resolve nada.