Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 07/Aug/2014 às 13:09
21
Comentários

“Médicos cubanos têm prazo de validade”, diz Aécio Neves

Apesar de serem mundialmente reconhecidos e atualmente elogiados pela população brasileira por sua visão humanitária do atendimento à saúde, médicos cubanos são condenados por Aécio Neves

médicos cubanos aécio neves
Aécio Neves não pretende contar com médicos cubanos caso seja eleito (divulgação)

Durante encontro na Associação Médica de Brasília, Aécio Neves (PSDB-MG) foi contraditório ao criticar o programa Mais Médicos por trazer médicos estrangeiros, e ao mesmo tempo prometeder 500 grandes unidades regionais de saúde. Antes, Aécio disse que manteria o programa. Agora, o candidato tucano à Presidência da República chegou a dizer que o Mais Médicos era uma “violência sem tamanho”.

Mas o que Aécio considera ‘violento’ tem conseguido levar assistência médica às periferias das grandes cidades e municípios do interior do Brasil beneficiando 50 milhões de pessoas e, em fevereiro deste ano, conseguiu atender completamente a demanda das cidades com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) baixo e muito baixo e das regiões mais vulneráveis, como o Semiárido, o Vale do Jequitinhonha/Mucuri, em Minas Gerais, o Médio Alto Uruguai, no Rio Grande do Sul, e o Vale do Ribeira, em São Paulo.

Estrangeiros

O programa contratou 14.462 médicos, a maioria cubanos, que foram deslocados para regiões onde a abertura de vagas não atraiu médicos brasileiros. A presidente Dilma Rousseff em sabatina, no dia 28 de julho, destacou que o programa foi uma solução para levar médicos aonde não havia. Afinal, “quem está doente não pode esperar”.

VEJA TAMBÉM: Globo é obrigada a reconhecer qualidade dos médicos cubanos

Aécio disse que os “médicos cubanos têm prazo de validade”. A pedra no sapato do tucano é o convênio firmado com o governo de Cuba para a vinda de profissionais. O senador tucano não se conforma com o fato de ter que contar com a ajuda e o exemplo cubano para a área da saúde. Em várias entrevistas já deixou claro que a primeira meta será romper o convênio.

Os profissionais cubanos – que são mundialmente reconhecidos e elogiados pela população brasileira por sua visão humanitária do atendimento à saúde – atuam principalmente em áreas de grande vulnerabilidade social que não conseguiam atendimento antes da vinda de médicos estrangeiros, já que os médicos formados no Brasil não chegavam a esses lugares.

A participação de médicos estrangeiros é uma solução emergencial prevista pelo programa. Dentro do planejamento do Mais Médicos, a prioridade é para profissionais formados no Brasil. Nesse sentido, o governo brasileiro abriu 2.338 novas vagas em universidades, em absoluta maioria pública, e até 2017, serão abertas 11.500 novas vagas para graduação na área de saúde e 12.400 para residência médica.

SAIBA MAIS: Casal de cubanos humilhados dá exemplo de solidariedade

Edição, Pragmatismo. Com Agência Brasil e Portal Vermelho

Recomendados para você

Comentários

  1. poliana Postado em 07/Aug/2014 às 13:54

    ok...nem me dei ao trabalho de ler o texto na íntegra!! simplesmente, a cara da direita...viva psdb! viva aécio neves! o brasil pracisa de gente bacana como vc!!!!

    • poliana Postado em 07/Aug/2014 às 13:59

      isso pq há bem pouco tempo ele garantiu q manteria o programa (claro, pq viu q a população atendida por ele, adorou e aprovou a iniciativa), mas disse q sofreria "ajustes"...esse aécio!! danadinho!!!é o cara!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. poliana Postado em 07/Aug/2014 às 14:18

    hahahahahahahahahahahahahaha!!!! morro de rir com vcs coxinhas!!! kkkkkkkkkkkk...os tucanos fizeram tanto pela nossa saúde pública nos 8 anos de sua era!!! nooossaaa!!! impressionante! sempre venero em praças públicas, o busto feito em homenagem ao príncipe por ter feito tanto pela saúde pública no brasil!!!!!

    • poliana Postado em 07/Aug/2014 às 16:42

      pois é...então pq acabar com um programa q está sendo favorável a população carente? ainda q n seja o ideal pra saúde pública, já foi uma medida de urgência adotada e q está dando certo. pq então eliminar o programa e tratar os profisisonais cubanos como se fossem animais!!? vc acha isso certo para com a população carente do país e n q tem acesso à planos de saúde?? só pq foi uma medida implementada por "seu" inimigo político!??!! até qdo teremos essa rixa nojenta entre petistas e tucanos? quer dizer q vc como político, n pode reconhecer o bem de um programa feito por seu opositor e dar continuidade a ele? a população carente tem q pagar o pato por isso? essa é a visão política q temos no país...políticos n se alinham para trabalhar em prol da coletividade, n visam o progresso da nação. são inimigos mortais, q apenas almejam o poder pra benefícios próprios, de seus parentes e amigos. isso dá nojo na política brasileira! q bom q temos planos de saúde n é rodrigo!?

    • Gabriel Postado em 07/Aug/2014 às 16:57

      Simples Poliana, porque ele é um coxinha reaça!

  3. Leici Postado em 07/Aug/2014 às 15:07

    O que ele pensa sobre o programa é irrelevante, porque ele não vai se eleger...

    • Paula Soares Postado em 19/Oct/2014 às 16:19

      Não vai mesmo!! O brasileiro é grato e sábio!!

  4. J.C Souza Schlesinger Postado em 07/Aug/2014 às 15:20

    Se o governo cubano tivesse a mesma competência que a sua medicina as coisas por lá seriam boas. Agora eu reconheço que eles são bons, mas o Brasil precisa avançar com os próprios pés na área de saúde pública. Senão continuará sendo um descaso nos hospitais públicos e o abuso dos particulares.

    • Paula Soares Postado em 19/Oct/2014 às 16:21

      Calce as sapatilhas da humildade e reconheça: O problema de Cuba não é Cuba... é a maldade norteamericana imperando...

  5. Thiago Teixeira Postado em 07/Aug/2014 às 15:21

    Extrema deselegância ...

  6. Salomon Postado em 07/Aug/2014 às 15:53

    Ora, a razão de existirem médicos cubanos no Brasil é a falta de vontade de médicos brasileiros ocuparem as vagas no interior do Brasil. Não há plano de carreira que baste. Nem se pagarem o salário de R$ 50.000,00 por mês os doutores fernandinhos e as doutoras patricinhas irão para os rincões mais pobres desses país. Formam-se em universidades públicas e querem ficar na capital.

    • Paula Soares Postado em 19/Oct/2014 às 16:22

      Vc falou tudo!! Mercenários mesmo!! Com exceções honrosas, dado o contexto!!

  7. Murilo Postado em 07/Aug/2014 às 16:11

    Tucanos tiveram chances para melhorar o Brasil quando tinham a presidência, não preciso falar o que fizeram, e ainda com mídia ao seu lado. E os governos Estaduais por onde existe a presença do PSDB, possuem um relevante IDH.? Tucanos! Parasitismo Estatal e neoliberalismo econômico, Tudo a favor da Elite... E a escravização da base da sociedade. Viva ao sistema mercantilista totalitário!!

  8. Robson Lopes Postado em 07/Aug/2014 às 17:16

    Leu o último parágrafo, quantas vagas já foram criadas no curso de medicina já foram criadas e qual é a meta? Quantas vagas de residências serão criadas? E, já ouviu falar que o governo pretende incentivar residência no SUS? Pois é, o que o Aécio "propõe" já está sendo feito, mas o que ELE mesmo propõe? O programa mais médicos, sempre foi um programa emergencial, ou seja, para atender a uma situação calamitosa porque os médicos brasileiros se recusavam e se recusam a ir trabalhar em prefeituras distantes, mesmo com salário de 10 mil reais, muitas vezes o dobro ou o triplo disso, mas com os valores pagos na grande cidade, quem se disponibiliza? Não conseguiu perceber que o protesto da grande maioria dos médicos se deu, não apenas por preconceito, mas por reserva de mercado, corporativismo que mantém a saúde cara como é hoje? Ah, e a saúde mudou muito de 1994 para cá, basta conhecer um pouco o sistema que você perceberá a diferença.

    • Marlene Postado em 07/Aug/2014 às 18:26

      Realmente, ignorância é uma dádiva

    • wagner Postado em 12/Oct/2014 às 16:15

      Realmente não mudou nada Rodrigo os velhinhos que rezavam para chegar nos 60 anos agora passa dos 100 anos

    • Paula Soares Postado em 19/Oct/2014 às 16:18

      Falou tudo Robson Lopes!! Os médicos brasileiros ainda vivem no século 19, achando que são a créme de lé creme!! Altamente elitistas e preconceituosos... Com exceções honrosas... mas a verdade é essa mesma!! Que vengam los cubanos humanos e amorosos...

  9. eu daqui Postado em 08/Aug/2014 às 14:24

    Com prazo de validade vencido há muito está o típico profissional da saúde brasileiro.

  10. MARIA Postado em 10/Sep/2014 às 09:15

    CONCORDO PLENAMENTE, NÓS SOMOS BRASILEIROS E TEMOS MÉDICOS DESEMPREGADOS, É JUSTO QUALQUER PROFISSÃO ESTEJA DENTRO DO PRÓPRIO PAIZ, A CUBA QUE LEVE DILMA PRA LÁ.

    • Paula Soares Postado em 19/Oct/2014 às 16:30

      Me fala de um médico desempregado sequer... se vc me apontar, eu te prometo, arrumo emprego pra ele na hora!!

  11. Ramón milanes Postado em 11/Oct/2014 às 20:12

    Maria Tua mai se está viva devería de Ficar doente,pra que preste atendimento um medico brasileiro desempregado.