Redação Pragmatismo
Compartilhar
Rede Globo 06/May/2014 às 14:57
18
Comentários

Globo dá tiro no pé com GER4CAO BR4SIL

A ideia de associar o número do PSDB à nova novela não representará nenhum reforço substancial à candidatura tucana. Mas será mais um argumento fortíssimo em favor dos que entendem a mídia como um partido político

geração brasil novela globo

Luis Nassif

Tenho escrito sobre essa mistura de dramaturgia, marketing e jornalismo que caracteriza os grupos de mídia. Utilizam-se recursos da propaganda, da dramaturgia e do jornalismo para uma geleia geral que compromete todas as pontas.

Quando a Globo lançou a novela sobre tráfico de crianças, o jornalismo foi acionado para uma série de matérias sensacionalistas sobre adoção.

Quando as eleições entram em jogo, o grupo age sincronizando todas as pontas, criando vilões que lembram os adversários, mocinhos que emulam os aliados.

À medida em que as informações e as discussões sobre mídia avançam pelas redes sociais, e que o conceito e o papel dos grupos de mídia viram foco de discussão, o uso reiterado dessas jogadas apenas ajuda a reforçar os argumentos dos críticos da mídia.

É como se houvesse um laboratório online, no qual práticas seculares anacrônicas pudessem ser dissecadas ao vivo e em cores.

Em tempos de concentração maior de mídia, falava-se muito na propaganda subliminar, os
merchandisings, utilizados para jogadas comerciais.

Quando entra-se no campo eleitoral, o jogo é dúbio.

Tome-se essa besteira da Globo, de associar o nome da novela ao número 45 do PSDB

O custo é alto. Uma emissora aberta, com o alcance da Globo, não pode se colocar contra mais da metade do eleitorado brasileiro, ainda mais em um momento em que ocorre uma implosão geral da audiência, fruto do avanço das tvs fechadas e da Internet. É um risco de imagem que gerações anteriores, mais sábias, não ousaram correr, mesmo quando a força do grupo era proporcionalmente muito maior.

Quando o espírito das diretas tomou conta do Brasil, a maior preocupação de Evandro Carlos de Andrade e Roberto Marinho era tirar o estigma da emissora, de ser contra a democratização

Depois que o estilo Murdock surgiu, deixou-se de lado toda a prudência e decidiu-se tomar partido de uma forma escancarada.

A ideia de associar o número de PSDB – 45 – à nova novela não representará nenhum reforço substancial à candidatura tucana. Mas, sem dúvida, será mais um argumento fortíssimo em favor dos que entendem a mídia como um partido político.

Recomendados para você

Comentários

  1. Peterson Silva Postado em 06/May/2014 às 15:11

    Nem que eu odeio a Globo sou tão conspiracionista assim. Sério, gente? Se ninguém me apontasse pra esse negócio eu NUNCA ia perceber um "45" ali. E mesmo que haja o número ali quem vai fazer essa associação mirabolante? O medo é que a "imagem subliminar" vá influenciar o pessoal a virar zumbis votantes no PSDB? Fala sério.

    • José Ferreira Postado em 06/May/2014 às 15:52

      O povo está a exagerar um pouco.

    • Alexandre Lopes Postado em 06/May/2014 às 16:08

      hahahaha... Acho que o pragmatismo viajou na hellmann's . Pode detonar a GLOBO à vontade . Eu , à semelhança do Peterson, também detesto essa merda . Agora, nesse caso, acho que rolou um baita exagero .

    • Francisco Postado em 15/May/2014 às 13:23

      He he, o cidadão viajou geral. Como o "degrassado" viu um 45 alí? Nem com reza braba mo quirido. Para de usar essas coisas prá cabeça, dá nóia, rs rs. Ora, ora!

  2. David Postado em 06/May/2014 às 15:37

    Porra, galera. Agora tão dando de pagar de disseminadores de teorias da conspiração também? Isto é ridículo. Dá para ver que o autor desse artigo não sabe bulhufas sobre tipografia. Nessa lógica sem lógica de vocês, então a Intel estaria fazendo propaganda a nível global para o PT com os processadores I3, já que é uma clara tentativa de fazer os eleitores votarem no 13. Será que estão faltando pautas para o Pragmatismo Político?

  3. Rafael Leal Postado em 06/May/2014 às 16:44

    Também odeio a Globo, mas só fui perceber a associação ao ler o final da matéria rs. Mas enfim, vai saber se foi realmente essa a intenção.

  4. Walter Postado em 06/May/2014 às 16:55

    Para os mais jovens a saber que em 1989 a GLOBO vez campanha para o COLLOR via Novela das 19:00 QUE REI SOU EU , lembro até hoje do então falecido ator que não me recordo o nome assim falou tem bode lá fora e um mocinho aqui dentro ( castelo )

  5. Mark Postado em 06/May/2014 às 17:10

    As pessoas tem que parar de usar DROG45

  6. Eduardo Benatti Postado em 06/May/2014 às 17:16

    Matéria digna desse blog "imparcial". Meus parabéns, e continuem mantendo esse ótimo nível.

  7. Matheus B. Postado em 06/May/2014 às 18:25

    Hahaha! Na verdade, se deslocarmos a seleção um caractere à direita, veremos o número 51, num evidente incentivo da Globo ao consumo de canha.

    • Eduardo Benatti Postado em 06/May/2014 às 23:20

      Ou incentivo a votar no Lula...

  8. leandro Postado em 07/May/2014 às 00:41

    bom pessoal... eu não sou de esquerda, pelo menos não sou esquerdista, muito menos de direita. mas enfim, acho que a matéria tem sentido sim, o subliminar é algo que funciona e é amplamente suado no marketing. Não duvidem da globo...

  9. Rodrigo Postado em 07/May/2014 às 08:18

    Haha só digo uma coisa, Nassif é um perfeito imbecil, só é quem não tem nada para fazer além de babar o ovo do PT para escrever isso.

  10. Alek Postado em 07/May/2014 às 09:49

    se rodar a vinheta da novela ao contrário dá pra ouvir "Vote Aécio, Lula mente" huhahuahuahua

  11. Daniel Postado em 07/May/2014 às 12:07

    Putz Direção do Pragmatismo, deêm uma repaginada nessa equipe ai! O nível das matérias está decaindo dia após dia...uma pena.

  12. Natalia Postado em 07/May/2014 às 12:23

    À medida em que não existe, o certo é: á medida que ou na medida em que, nesse caso o certo é à medida que, por se tratar de proporcionalidade....

  13. tiago Postado em 07/May/2014 às 14:22

    viajou bonito

  14. Pedro Postado em 16/Sep/2014 às 19:13

    Que bobagem! A professora Santaella dizendo que as ciclovias vermelhas são propaganda do PT é delírio conspiracionista, mas um '45' no nome da novela não é?!