Redação Pragmatismo
Barbárie 17/Mar/2014 às 15:55
47
Comentários

Carro da PM arrasta mulher por 250 metros no Rio de Janeiro

Barbárie. Viatura da PM arrasta mulher pelas ruas do Rio de Janeiro. Testemunhas ficam estarrecidas com o episódio. “Acham que quem mora na comunidade é bandido. Tratam a gente como se fôssemos uma carne descartável. Esses policiais precisam responder pelo que fizeram”

Eram cerca de 9h desse domingo, quando uma viatura do 9º BPM (Rocha Miranda) descia a Estrada Intendente Magalhães, no sentido Marechal Hermes, na Zona Norte do Rio, com o porta-malas aberto. Depois de rolar lá de dentro e ficar pendurado no para-choque do veículo apenas por um pedaço de roupa, o corpo de uma mulher foi arrastado por cerca de 250 metros, batendo contra o asfalto conforme o veículo fazia ultrapassagens (assista ao vídeo no fim desta postagem / imagens fortes).

Apesar de alertados por pedestres e motoristas, os PMs não pararam. Um cinegrafista amador que passava pelo local registrou a cena num vídeo.

A mulher arrastada era Claudia Silva Ferreira, de 38 anos, baleada durante uma troca de tiros entre policiais do 9º BPM e traficantes do Morro da Congonha, em Madureira. Em depoimento à Polícia Civil, os PMs disseram que a mulher foi socorrida por eles ainda com vida, e levada para o Hospital Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas não resistiu. Já a secretaria Estadual de Saúde informou que a paciente já chegou à unidade morta. Ela levou um iro no pescoço e outro nas costas.

– Foi revoltante ver aquele corpo pendurado. Eles iam ultrapassando outros carros, e o corpo ia batendo. As pessoas na rua gritavam, tentando avisar os policiais, mas eles não ouviam. Só pararam por causa do sinal e, aí, conseguiram ouvir o que as pessoas diziam. Dois policiais, então, desceram da viatura e puseram o corpo de volta no carro – disse o cinegrafista.

viatura pm arrasta mulher
Viatura da PM arrastou Cláudia por 250 metros (Reprodução / Vídeo)

Trajeto de 250 metros

A cena começou a ser registrada próximo ao número 796 da Estrada Intendente de Magalhães, na altura da Rua Boiacá, e foi filmada aproximadamente até o 878, onde fica uma agência da Caixa Econômica Federal. A irmã de Claudia, Jussara Silva Ferreira, de 39 anos, ficou chocada quando viu a imagem do corpo da irmã sendo arrastado. Revoltada, ela quer que os policiais sejam punidos:

– Acham que quem mora na comunidade é bandido. Tratam a gente como se fôssemos uma carne descartável. Isso não vai ficar impune. Esses PMs precisam responder pelo que fizeram.

Antes mesmo de saberem o que havia acontecido com Claudia, familiares tinham desconfiado de que algo pudesse ter ocorrido, já que viram o corpo dela em carne viva ao chegarem no hospital.

– Achamos estranho quando vimos o corpo daquele jeito. Desconfiamos de que tinha acontecido no trajeto até o hospital – relatou Diego Gomes, de 30 anos, primo de Claudia.

Thaís Silva, de 18, filha da vítima e a primeira a encontrá-la morta, já tinha reclamado até mesmo da forma com que os policiais do 9º BPM a socorreram:

– Eles arrastaram minha mãe como se fosse um saco e a jogaram para dentro do camburão como um animal – revoltou-se a jovem.

Vítima faria 20 anos de casada

Mãe de quatro filhos, Claudia, conhecida no Morro da Congonha como Cacau, era auxiliar de serviços gerais do Hospital Naval Marcílio Dias, no Lins. Nascida e criada em Madureira, ela ainda cuidava de quatro sobrinhos. A vítima faria 20 anos de casada com o vigia Alexandre Fernandes da Silva, de 41 anos, em setembro deste ano.

Assista ao vídeo gravado por um cinegrafista amador e reproduzido por jornais do Rio de Janeiro:

Jornal Extra

Posts relacionados

Comentários

  1. BPereira Postado em 17/Mar/2014 às 15:59

    Será que o Constantino vai mandar uma cartinha pra familia da Cláudia tambem.

  2. moreno Postado em 17/Mar/2014 às 16:04

    Hoje, Os carros de policia viraram as SENZALAS modernas, a policia, O CAPITÃO DO MATO..

  3. elliott Postado em 17/Mar/2014 às 16:08

    A cena em si é chocante. Revolta principalmente os familiares, moradores da favela ou qualquer outro brasileiro vítima do descaso do poder público. Todavia, o sensacionalismo promovido parece ter a intenção de tornar os policiais os vilões de tudo. Ninguém reportou a situação em que esses policiais tentaram socorrer a vítima. Isto é, o descuido deles pode ter sido em função da BOA VONTADE dos mesmos de socorrer no menor tempo possível. Não estou livrando os envolvidos do erro, que será sim analisado e não a sociedade que dirá o que deve ser a eles feito. Como qualquer pessoa com o mínimo de sanidade, eles poderão ter ficado chocados com a cena que eles tiveram envolvidos. Não foram eles que assassinaram a mulher!

    • andre Postado em 18/Mar/2014 às 10:07

      Os despreparos, os erros é resultado direto do poder publico, se estamos tendo varios problemas desse tipo é o poder publico quem deveria se responsabilizado.

  4. José Ferreira Postado em 17/Mar/2014 às 16:36

    Ninguém discutiu sobre o que levou a porta do carro a abrir, se a porta estava com defeito, ou no desespero a porta não foi fechada corretamente. Como também não se discute as várias mortes de PM´s nas áreas que possuem UPP´s, visivelmente uma retaliação de criminosos para desestabilizar o programa e vingança relacionada a perda de domínio. Devemos nos perguntar também: Se a polícia esperasse a ambulância, será que daria tempo dela chegar sem que ela morresse?

    • Igor Postado em 17/Mar/2014 às 16:43

      nada justifica... nada!!!!!!!!!!! Vc devia ter vergonha de dizer isso.

      • André Postado em 18/Mar/2014 às 10:03

        Você devia ter vergonha de acusar alguém sem provas. Não estou dizendo que foi certo ou errado, mas daqui só vi esse vídeo, não sei o que aconteceu antes. O comentário do José Ferreira é bem lúcido, esse tipo de questionamento é que falta na maioria das pessoas.

    • Junior Postado em 17/Mar/2014 às 17:03

      José, o procedimento está todo errado. A vitima deveria ser colocada dentro do veículo, no banco de trás. Além disso, como que alguém dirige um carro com uma pessoa ferida não olha pra trás para acompanhar o estado dela? Me parece que eles não estavam se importando muito com ela.

      • José Ferreira Postado em 17/Mar/2014 às 21:41

        Eu não disse que eles estão certos, mas a situação era tensa. Imagine ter alguém baleado, quase a morrer, no seu carro e você ter que correr atrás do hospital mais próximo. Para agravar, você esta em um grupo desacreditado pela população e pela mídia e tem o peso de ter a culpa antecipada pelo que ocorreu, mesmo que a pessoa não tivesse caído do carro...

      • John Bonham Postado em 18/Mar/2014 às 00:09

        Sim, foram. Ainda que culposo, é homicídio. E homicídio é crime.

      • andré Postado em 18/Mar/2014 às 10:04

        É de se pensar mesmo, por que não na frente ?

    • Eli Melo Postado em 17/Mar/2014 às 17:05

      dignidA questão caro José ferreira, é que se a PM foi fazer o socorro que o fizesse de maneira correta! A maneira correta de socorrer uma PESSOA é no banco traseiro do carro, e com outra PESSOA acompanhando no trajeto. Mas acho que pelo tratamento dado, os policiais não consideraram a tal senhora como uma pessoa, e por isso com direitos. Um ato como este não possui justificativa ou qualquer outro atenuante, qualquer tentativa de defesa da conduta dos policiais é um insulto à dignidade humana, que foi totalmente ausente no decorrer deste episódio! Crueldade, falta de humanidade é o que define este episódio!

    • Rivaldo Postado em 17/Mar/2014 às 17:08

      Andar 250 metros com a porta malas e não perceber? Em zigue-zague daquele jeito? conta outra...

      • José Ferreira Postado em 17/Mar/2014 às 21:45

        O zigue-zague era para desviar dos outros veículos. E os policiais podem não ter ouvido, afinal tem o barulho do motor e da sirene. Isso deveria ser investigado pela corregedoria, com uma análise cirúrgica, sem clima de "Fla-Flu" entre população civil e a polícia, que também faz parte da população.

    • Thiago Teixeira Postado em 17/Mar/2014 às 18:43

      Quem se importa com a morte de policiais e a vida desgraçada que seus familiares levam? Policial bom para os coxinhas é policial morto.

      • Roger Postado em 17/Mar/2014 às 19:36

        Tá vendo Zé? Quando a revolta é tamanha...

      • Alexandre Postado em 18/Mar/2014 às 14:47

        Responde uma atrociodade com outra.... seu comentário não é nada melhor do que os policiais fizeram....

    • Vicente Postado em 17/Mar/2014 às 20:30

      Também sou pai de filho policial e nada justifica nada, nem o ódio do povo por essa Instituição séria e em defesa dos cidadão de bem, independentes se pobres, ricos, pretos, brancos índios, etc... Devemos sim entender que eles agiram erroneamente e instaurar inquérito, ouvi-los e buscar a forma correta de punição se for o caso. E, aproveito o espaço para dizer em forma reflexiva: qual categoria não tem mal profissional?...

      • Rodrigo Postado em 20/Mar/2014 às 16:08

        Instituição séria e em defesa dos cidadãos de bem independentes se pobres, ricos? Pq eu posso andas as 3 da manhã em Ipanema e Leblon tranquilamente e não posso em Acari e na Vila Kennedy? A policia protege os ricos dos pobres, essa é a dura realidade.

    • Maria Luiza Postado em 17/Mar/2014 às 20:37

      o fofo se tem problema de cabeça.Vai se tratar,tenha santa paciencia.

    • Patricia Postado em 18/Mar/2014 às 07:06

      E porque não foi colocada no banco de trás que é o que qualquer ser humano normal faria até com um cachorro, ???

    • Rodrigo Matos Postado em 18/Mar/2014 às 10:52

      Meu caro... "... Imagine ter alguém baleado, quase a morrer, no seu carro e você ter que correr atrás do hospital mais próximo..". Para voce isso parece tenso, mas para eles isso é corriqueiro. São treinados para isso. Cometeram erros graves para quem é pago e treinado para realizar esse tipo de trabalho. que convenhamos, seria o SAMU o correto para realiza-lo.

    • Camila Postado em 18/Mar/2014 às 14:02

      Eles alegaram que a tranca estava com defeito. Mas segundo a perícia isso é mentira pois a tranca estava normal. A questão é que jogaram a mulher de qualquer jeito dentro do camburão e se não tivesse filmado eles dariam sumiço no corpo, igual fizeram com o Amarildo.

    • Camila Postado em 18/Mar/2014 às 14:05

      E aindaq insistem em defender esses PMs, é incrível! Se fosse com um parente eu duvido que não geraria revolta. Se queriam socorrer (depois de eles mesmos terem atirado nela), que fizessem direito! Deveriam retirar as armas do banco traseiro e colocar a mulher lá. É revoltante saber que não se pode confiar em PM (bandido)

    • Elcio Lima Postado em 19/Mar/2014 às 08:21

      Se pra socorrer alguem vc o coloca no porta mala então estamos muito mal mesmo. esses policiais tem que ser responsabilizados. chega desse comportamento, chega de negligencia, chega de desprezo para a vida humana, chega

    • CLAUDIA SAN TOS Postado em 19/Mar/2014 às 19:40

      NAO ENTERESSA SE ELA CHEGARIA COM VIDA OU NAO A MANEIRA COMO FIZERAM UM ABSURDO

    • rubens antelmo Postado em 20/Mar/2014 às 17:55

      conversa mole...quem se habilita a socorrer alguem tem que ter no minimo um prepraro e sendo eles policias deveriam eestar melhor preparados,,,,bando de safados

    • rubens antelmo Postado em 20/Mar/2014 às 18:00

      cansei de ver policiais fazendo ronda e dando umas olhadas para mulheres gostosas pra isso eles tem olhos....

  5. Alessandra Postado em 17/Mar/2014 às 17:08

    queria ver se fosse tua mae sr. jose ferreira

    • adriana Postado em 18/Mar/2014 às 01:16

      Verdade Alessandra!

  6. Luiz Postado em 17/Mar/2014 às 18:04

    Indignação! A violência se acentua cada vez mais. Não defendo bandos, pois em cada um deles a violência se expressa, seja no bandido que as vezes rouba pra comer, ou no policial que atira em alguém para "proteger" a sociedade. O transfundo disso é uma grande hipocresia, que reina em uma sociedade doente. Os imbecis se matam, se aniquilam, para proteger patrimônios, para afirmar posicionamentos, ou por achar que não tem alternativas frente a opressão do sistema. Enquanto não aprendermos a nos relacionar humanamente, nada vai progredir. É preciso tratar de exterminar a violência, intrínseca nas relações humanas; é preciso acabar com a tirania do dinheiro e evidenciar a humanidade de cada um. E isso vai se dar a partir do momento que as pessoas começarem a se tratar melhor e ir derrotando o individualismo que deixa as pessoas feito animais.

  7. Thiago Teixeira Postado em 17/Mar/2014 às 18:42

    O procedimento extra oficial da polícia é essa. Qualquer baleado que tenha sido atingido por projéteis vindo da patrulha que atende a ocorrência, rapidamente eles removem o corpo para quebrar a perícia. Levam até o hospital mais próximo. Provavelmente, deduziram que a moça já estaria morta e numa tentativa desastrada de sumir rapidamente com o corpo, a jogaram no porta mala de qualquer jeito. Mais desastrado ainda foi quando perceberam que a moça foi arrastada devido falha no fechamento do porta mala. Mais desastre, detectaram que a moça estava viva e pessoas filmaram. Complicou. Solução, mete duas bala, e faça com que a moça chegue morta no Hospital. Podem ter certeza, o capitão vai esculachar esses patetas por terem jogado a reputação do batalhão deles na lama. Serão exonerados e presos. Ao contrário dos outros bandidos, não sairão da cadeia, pois a lei é implacável com os militares mediante a rivalidade que o judiciário tem com a classe.

    • José Ferreira Postado em 18/Mar/2014 às 08:09

      Eu não sei se ela realmente levou outro tiro, além do que já havia levado, para safar os policiais. Entretanto, o judiciário e boa parte da população olham a polícia com menosprezo, como se nunca precisassem dela.

      • Marinês Postado em 18/Mar/2014 às 10:41

        além de terem colocado a pessoa ferida no porta-malas o que qualquer um sabe que ´´e errado, os policiais ao verem que a moça foi arrastada, não a socorreram, não chamaram uma ambulância... jogaram novamente o corpo dela no porta-malas, como se fosse um saco... Realmente não dá para entender, nem para minimizar. ainda bem que foram filmados, do contrário iriam desmentir quem contasse que viu isso pelas ruas. queria uma explicação para tanto desprezo por uma pessoa.

    • Elias Postado em 18/Mar/2014 às 13:19

      Exatamente hoje ser policial no Brasil é burrice, a justiça que deveria ser a favor da polícia ou pelo menos entender a guerra civil que os policiais vivem, praticamente agem contra ela com muito mais rigor. O Brasil é o país mais burro em todos os sentidos imagináveis possíveis, a única instituição que faz alguma coisa que presta pela sociedade no Brasil é a polícia e justamente ela é a mais atacada e abandonada, brasileiro tem tudo o que merece. Os bandidos que trocaram tiros com policiais foram presos dezenas de vezes mas a justiça brasileira e a legislação é um lixo, nada pode ser feito.

      • rubens antelmo Postado em 20/Mar/2014 às 18:08

        elias burro é....quem xinga os outros de burro e não enxerga a verdade...policiais alimentam o trafico em nome de politicos corruptos e pessoas de muita grana máfiosos....na favela só tem laranja achando que é bandido e alguns policiais são vitimas tambem mas manter essa bagunça e as pessoas desinformadas que é o seu caso é o grande lance dos mafiosos...

  8. Beira-Mar Postado em 17/Mar/2014 às 23:26

    essa mulher morreu no morro, policia vem com papo furado que tento socorrer, que nada.Isso é de praxe aqui no RJ, eles levam a vitima já morta para o hospital afim de dizer que a vitima morreu lá. Estão mas preocupados com números do que seres humanos.

  9. João Filho Postado em 18/Mar/2014 às 01:37

    Engraçado, todo mundo aqui só sabe abrir a boca para reclamar!!! Se os policiais deixassem ela na favela baleada esperando socorro (SAMU), iriam abri a boca para falar que foi negligencia... Os Policiais entram no morro sem sabe se irão voltar, mas creio que para a burguesia é normal ver Policial Morto. Não vou dizer o que está certo ou errado, mas analisando a imagem vejo uma mulher presa na pela calça ao carro, o que deduzo que infelizmente a mala abriu e o corpo rolo para fora do carro. Infelizmente aconteceu e no calor do momento duvido que alguém aqui iria perceber que a mesma abriu. Agora pergunto o que ocorreu? A mala estava com defeito? Será que saíram da favela abaixo de bala e na correria ela não fechou? Pois é... fica complicado. Poxa... ninguém sabe em quer essa mulher estava envolvida para levar esse tiro, garanto que se ela colocasse um 38 na cara de vocês, seria diferente. A Policia tem muito o que melhorar, mas creio que o povo só sabe abri a boca para reclamar e falar mal. Seria bom uma greve geral e deixar esse povinho bom que anda armado pelos morros irem fazer uma visita a cada um de vocês.

    • schw Postado em 19/Mar/2014 às 00:41

      João, não quero botar lenha na fogueira, mas a preicia já determinou que não havia problema com a trava do porta malas. Se eles estivessem sob fogo, haveria marcas de balas, se não na viatura, ao menos nas paredes, não acha? Sobre a vitima, se sabe que não estava envolvida com nenhum negocio ilícito. Nossa policia atira primeiro e pergunta depois - por vários motivos (falta de treinamento, falta de informação confiável sobre a população, falta de equipamento adequado...). No entanto, a policia deveria proteger a população, e não arrastar uma pessoa ferida pela rua...

  10. Maycon Postado em 18/Mar/2014 às 09:51

    Tudo resultado de anos de governo relaxado que fez vista grossa ao crescimento da bandidagem. Agora não conseguem retomar o controle, o mal está tão enraizado e agencias do governo despreparadas que só sai tragédia das incursões

    • schw Postado em 19/Mar/2014 às 00:42

      Já ouviu falar de Lucio Flavio e de Mariel Mariscot?

  11. Mauricio Postado em 18/Mar/2014 às 13:32

    Cada povo tem o governo que merece, a polícia enfrenta uma guerra sozinha, nunca pararam para pensar que trocas de tiros de fuzil ou seja guerra nos USA é permitida no máximo 3 anos, um marine no Afeganistão fica no máximo 1 ano para não adquirir problemas psicológicos no Brasil policiais são submetidos a essa realidade 30 anos, conversei com um PM que entrou no exercito dos EUA e batalhava no oriente médio o mesmo disse que além de compensar muito mais se sentia muito mais seguro no meio da guerra do que viver no Brasil parece piada mas não é, cada povo tem o governo e a polícia que merece essa é a verdade. Quem critica a PM do Rio trabalharia no Rio de Janeiro como PM? Se a resposta for sim talvez tenha moral para criticar a situação de qualquer policial nesse lixo de país.

  12. moreno Postado em 18/Mar/2014 às 14:20

    "a única instituição que faz alguma coisa que presta pela sociedade no Brasil é a polícia" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkk kk

    • Jamille Moreira Postado em 18/Mar/2014 às 14:41

      É muita "coxinhagem", é muito comentário COXINHA! Fico ao ler coisas parecidas. Quase fui dar colo para os policiais, porque, né! Coitadinhos! Quando a vítima é negra, marginal (que se encontra a margem de uma sociedade que por si só, é excludente), e quando essa tal vítima, foi "alvo de policiais", sempre aparecem os coxinhas para defender. O fato é que, a realidade é essa, não vale, obviamente, generalizar, mas todos sabem dos atos corruptos dos policiais, e não digo que somente eles são corruptos, mal-preparados, com baixa remuneração para uma profissão de risco. Agora, criminalizar a pobreza não é a solução não, caríssimos!

    • Elias Postado em 18/Mar/2014 às 22:40

      Pode parecer bobagem mas se toda polícia brasileira entrar em greve junto o que era um sonho meu mas já me mudei dessa merda de país praticamente o Brasil desaparece, os policiais eram negros o fato que a realidade de um PM na cidade maravilhosa é sobre humana, e cada povo tem o governo e a polícia que merece.

  13. fERNANDA CORREA Postado em 18/Mar/2014 às 19:02

    É UMA VERGONHA VER COMO UM SER HUMANO É TRATADO!É UMA FALTA DE RESPEITO,DE AMOR AO PRÓXIMO,UMA CENA CHOCANTE. CADEIAAA PARA ESSES POLICIAS QUE AO INVÉS DE AJUDAR ESTÃO TIRANDO VIDAS.NINGUÉM MERECE PASSAR POR ISSO.QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA,E QUE OS CULPADOS PAGUEM POR ISSO!!É FACIL CHEGAR ATIRANDO EM TUDO SEM DAR SEGURANÇA AOS MORADORES.NÃO É PORQUE É UMA FAVELA QUE MORA SÓ TRAFICANTES,BANDIDOS,HÃ PESSOAS HONESTAS,QUE DÃO O MELHOR DE SI PRA POR O ALIMENTO EM CASA PARA SUA FAMILIA.NÃO SÃO TODOS QUE TEM OPORTUNIDADE DE MORAR AONDE QUEREM,MORAM AONDE TEM CONDIÇOES!!!!

  14. ANTICORRUPÇÃO Postado em 18/Mar/2014 às 20:39

    VERGONHOSO..É UMA SERIE DE ERROS FICA DIFICIL APONTAR UM EXCLUSIVAMENTE..OBVIAMENTE EXISTE BONS E MAUS PROFISSIONAIS EM QUALQUER PROFISSÃO O QUE EU NÃO CONSIGO ENTENDER É O PORQUE DE ATIRAREM EM UMA PESSOA QUE NÃO OFERECIA RISCO A INTEGRIDADE DE NENHUM DOS POLICIAIS ENVOLVIDOS E O PORQUE DE CONDUZIR UMA VITIMA BALEADA NO PORTA MALAS. A QUESTAO E ..A POLICIA MILITAR BRASILEIRA NÃO TEM PREPARO..AS LEIS SAO ULTRAPASSADAS O PODER PUBLICO SO FAVORECE AOS MAUS POLICIAIS ASSIM COMO A BRECHA NAS LEIS SOMADO A INERCIA DO POVO BRASILEIRO FORTALECE AOS BANDIDOS..QUANDO DIGO BANDIDOS ME REFIRO AOS POLITICOS,POLICIAIS ,PCC ETC..TUDO FARINHADO MESMO SACO..O QUE MUDA SAO APENAS SEUS INTERESSES.O BRASIL PRECISA DE UMA REFORMULAÇÃO POLITICA URGENTE OU AGENTE VAI CANSAR DE VER CENAS COMO ESSA.

O e-mail não será publicado.