Redação Pragmatismo
Compartilhar
Homofobia 03/Dec/2013 às 15:37
146
Comentários

Alemanha explica a homossexualidade para crianças

O jeito que os alemães encontraram para explicar a homossexualidade para crianças

O debate sobre a homossexualidade e a luta pelo asseguramento dos direitos dos homossexuais têm progredido, mesmo que com certa resistência, no Brasil e no mundo. O casamento gay já é uma realidade em diversos países da Europa e em vários estados norte-americanos.

Leia também

No Brasil, o Conselho Nacional de Justiça autorizou, ainda este ano, a realização de casamentos homoafetivos em todo o território nacional. Os reconhecidos avanços no âmbito da legalidade jurídica, porém, não foram suficientemente convincentes para naturalizar as questões que envolvem sexualidade no cotidiano da sociedade brasileira.

Medidas tomadas com o intuito de reduzir a homofobia sempre esbarram no retrocesso fundamentalista de representantes religiosos que gozam de influência popular e política. Um dos exemplos mais emblemáticos foi a tentativa do Ministério da Educação de instituir a cartilha contra a homofobia. O material, que seria objeto de debates coordenados por professores em sala de aula com os alunos, ganhou o apelido de ‘kit gay’ e enfrentou forte campanha contrária dos grandes veículos de imprensa, o que contribuiu para sua consequente rejeição popular.

Dito isto, não surpreende que o pastor Marco Feliciano, por exemplo, tenha sido presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal e que a bancada evangélica seja uma das composições políticas mais poderosas do Congresso Nacional.

Na Alemanha, uma revista criou histórias em quadrinhos para tratar da homossexualidade nas escolas de maneira clara e objetiva. O tema é abordado didaticamente e outros países já importaram as cartilhas. Confira abaixo alguns trechos do material:

cartilha2

.

cartilha3

.

cartilha4

.

cartilha5

.

cartilha1

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Daniel Terense Postado em 03/Dec/2013 às 16:17

    Será que ninguém percebe o perigo que é trabalhar um material como esse ou a cartilha do MEC contra a homofobia nas escolas, com as crianças? A gente corre o sério risco de criar toda uma geraçao de pessoas tolerantes e que respeitem as diferenças. (ironia on)

    • Marco Postado em 03/Dec/2013 às 17:04

      Tirando o estereótipo de botar um personagem igual ao Freddie Mercury como o parceiro do pai dele, achei o material muito bom.

      • Wagner Menke Postado em 04/Dec/2013 às 12:56

        Heheheheh, realmente. Agora a cartilha merece uma correção: provavelmente o pai do menino não é homossexual, é bi, já que ele teve um filho com uma mulher!

      • Lais Postado em 04/Dec/2013 às 13:10

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, Freddie Mercury foi foda.

      • Laís Postado em 04/Dec/2013 às 15:01

        hahahahahahaha genial Daniel!

      • Nathan Postado em 04/Dec/2013 às 23:49

        Não necessariamente é bi... só se aceitou mais tarde!

      • Fabi Postado em 10/Dec/2013 às 19:42

        Wagner, ou ele sempre foi gay e casou-se com uma mulher porque não aceitava ainda sua opção sexual.

      • Silvan Postado em 10/Dec/2013 às 21:52

        Wagner, eu acho que pode ser bi como homossexual, pode ter tido uma experiencia com mulher e ter resultado em um filho e consequentemente um casamento, e depois ele saiu do armário, muitas coisas podem ter acontecido... Às vezes acreditamos nas coisas que queremos... E há inúmeros tons de cinza entre o preto e o branco...

      • Jorge Postado em 02/Dec/2014 às 13:15

        Hahahahaha me desculpa rir, mas o Freddie Mercury foi o melhor!

      • Maria de Lourdes Cardoso Postado em 02/Dec/2014 às 20:30

        Será que o nosso kit do Ministério da Educação aparece a Daniela Mercure ou vão criar outro com o Freddie Mercury? (ironia on).

    • Rodolfo Postado em 03/Dec/2013 às 17:22

      Daniel, tu foi genial, meu camarada! rs

    • alcione Postado em 03/Dec/2013 às 18:56

      legal!

    • Bàrbara Postado em 03/Dec/2013 às 22:05

      hahaha boa merece um post

    • Diniz Postado em 04/Dec/2013 às 13:25

      Gostei do aviso "ironia on", vou adotá-lo. De fato, tem que se ter muito cuidado ao se usar de ironias nas redes sociais.

      • claudio Postado em 02/Dec/2014 às 12:29

        Saudade da época q n precisava "ironia on" ou "Sqn". Realmente esta muito preguiçoso!!!

    • Igor Postado em 04/Dec/2013 às 16:26

      Não precisa explicar que é ironia. Quem não entende ironia não vai ter uma opinião relevante, e vai ser muito mais engraçado explicar depois que a pessoa entendeu, limitadamente, tudo errado.

      • Uillan Eduardo Postado em 05/Dec/2013 às 00:39

        Boa...

    • obom Postado em 04/Dec/2013 às 17:58

      Vai criar uma porção de gays isso sim

      • Alice Postado em 11/Dec/2013 às 10:33

        Sai de retro, Feliciano.

      • simone Postado em 07/Jul/2014 às 08:06

        Eles querem saber o que é gay. Se eu simplesmente disser que é um homem que namora outro homem, ou uma mulher que namora outra mulher, com toda essa naturalidade, ele pode chegar na escola dizendo que o melhor amigo é seu namorado, e ela dizendo que a melhor amiga é sua namorada. Daí a serem humilhados pelos amiguinhos é um pulo, e isso pode inclusive lhes causar um trauma e até gerar problemas na sexualidade de ambos. por isso recorri à internet... queria saber como as outras mães lidam com isso.

    • Vânia Postado em 05/Dec/2013 às 15:15

      Ótima resposta, Daniel!

    • Jonas Lucas Postado em 06/Dec/2013 às 01:20

      kkkkkkkkkkk, quando comecei a ler pensei que era mais um daqueles fanáticos homofóbicos. Vamos torcer para que isso ocorra mesmo

    • Ale Camargo Postado em 06/Dec/2013 às 10:14

      é, os nossos governantes brasileiros, muito inteligentes e perspicazes, notaram esse perigo, e salvaram nossas crianças de se tornarem pessoas que respeitam as pessoas como elas são. (ironia modo "que nojo dessa gente homofóbica").

    • Amanda Postado em 07/Dec/2013 às 15:51

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • soares Postado em 29/Aug/2014 às 14:48

      Essa responsabilidade é dos pais e não da escola, senão daqui a pouco a escola estará ensinando tudo menos a educação básica.

    • Henrique Postado em 02/Dec/2014 às 11:58

      Ainda bem que colocou o "ironia on" no final. Se não, ia ser apedrejado aqui, já que quase ninguém se dá o trabalho de pensar.

    • Adrielle Lopes Postado em 17/Apr/2015 às 17:23

      Te aplaudi de pé ;)

  2. Paulo Könn Postado em 03/Dec/2013 às 16:36

    Nossa, que terrível! Onde ficam a moral e os bons costumes? E o que a sociedade dirá? Meu Deus, é o fim. Não foram respeitados sequer os princípios religiosos. Como pode um homem viver com o outro sob a desculpa de estarem felizes? Nem preocuparam-se com os modelos sociais vigentes por séculos. É uma pouca vergonha tudo isso. Onde já se viu homem amar homem, mulher amar mulher! Até o pobre menino consegue viver feliz. Como ele pode ser feliz em um modelo tão diferente de família? Como? Como? (ironia nível estratosférico, para quem não entendeu)

    • Fernando Saito Postado em 03/Dec/2013 às 17:00

      Quase respondi besteiras para você, Paulo... Não havia terminado de ler a última linha... Como realmente é ridículo o discurso de reacionários...Não compreendem que o direito à felicidade constitui um direito previsto pela própria condição humana e, principante, individual! Ora, a construção de um país revela-se um trabalho coletivo e todos devem ingressar nele, todavia somente há espaço para pessoas competentes. O único critério que a sociedade pode usar para julgar um indivíduo é a competência, e heterossexualidade não constitui condição necessária para um indivíduo mostrar-se apto a ser cidadão... Pronto, sem mais... Nesse sentido, não há motivos para dar atenção à ingerência de instituições reacionárias como a Igreja.

      • Fred Durst Postado em 04/Dec/2013 às 00:44

        nossaa cara... vc realmente achou que o cara ali em cima tava falando sério?

      • Silvio Fuzaro Postado em 04/Dec/2013 às 09:47

        eu também Fernando Saito ..... cara, já tava ficando empapuçado com esse cara ... hehehehehe

      • dinah caixeta Postado em 02/Dec/2014 às 15:29

        Penso que homossexuais querem ser feliz,como qualquer outro cidadao,hetero,bi,trans,travesti,tds querem a felicidade e a dignidade de poder amar e ser amado,fui casada e depois me descobri lesbica isso nao me tornou nen melhor ,nen pior apenas diferente ,embora mais forte e convicta de quem sou ,e exijo respeito e pronto!

    • Rodolfo Postado em 03/Dec/2013 às 17:23

      É muita promiscuidade, não !? rs

      • Jaciara Postado em 04/Dec/2013 às 14:01

        Não! É muita imbeciliade, SUA!

      • Gabrielle Postado em 04/Dec/2013 às 23:15

        Por que promiscuidade? Homossexuais não fazem nada além do que casais héteros fazem, se amam ;D

      • paulo américo Postado em 11/Dec/2013 às 19:44

        Promiscuidade é a mistura indiscriminada de parceiros, uma situação em que se põe em perigo a saúde de todo mundo. Não vi nenhum terceiro na história... Acho que o relacionamento deles é fechado! E portanto sadio.

    • ivan fausto Postado em 03/Dec/2013 às 18:39

      Pensei que vivêssemos em um país laico, desculpa minha ignorância, vc tem toda razão. Eles vão queimar no mármore do inferno, não, peraí, religião errada.

      • Daniele Postado em 04/Dec/2013 às 14:40

        Amei!

    • Ivan Fausto Postado em 03/Dec/2013 às 18:42

      Desculpa o comentário, não era para o seu mas pra outro.

    • Jhone Postado em 03/Dec/2013 às 20:47

      Me desculpe mas você deve ser religioso, certo? Bom se for deve lembrar que toda a hierarquia que as pessoas se submetem devem ser respeitadas.Alguns escolhem modelos religiosos seculares para seguirem como conduta de vida, pois depositam naquela religião todo o seu sentimento de conexão com o divino, entretanto vivemos em um pais que se julga democrático de direitos políticos Laico, pois já tivemos em nosso passado monárquico uma grande influência Católica que custou a vida de muitos judeus, protestantes, africanos e indígenas, todos esses considerados hereges por uma instituição religiosa , que desde aquela época se autodenomina o único caminho para a salvação, mas as designações tão plurais do protestantismo ou luteranismo mostraram que a verdade não era aquela imposta pela Santa Igreja. Distante disto podemos refletir de como a humanidade já cometeu erros contra si e que está em crescente aprimoramento, achar que maneiras de se viver "diferentes" ,é normal, haja vista a dinâmica das relações sociais.Contudo a maneira mais inteligente de ver as pessoas é sob a ótica de Jesus Cristo, " Amai-vos uns aos outros como eu vos amei", pois Cristo não via pecado, não via "falsos bons costumes", como os de Herodes pagão ou de Judas traidor, ele amou e nos ensina diariamente a compreensão e o amor indiscriminadamente, conviver com pessoas que sempre desejam amar e ser amados é um lugar de coração puro sem fealdades que tantos sacerdotes promíscuos tentam empurrar á goela de seus seguidores morais que não cumprem.

      • gideon Postado em 04/Dec/2013 às 02:23

        Nenhum problema com seu discurso, o único problema é que vc olha a história do ponto de vista humano apenas, tem um Deus acima de tudo e que no tempo certo ele diz: basta! Para os desinforados, os protestantes foram os que criaram a lei da laicidade, o Brasil é um país laico para que uma religiãonão monopolize o poder e haja injustiça contra os outros como ainda vemos. Mas não deixamos de ser um país cristão. isso não é religião é cultura e cultura é uma marca nos traços de uma nação, não se pode exterminar o cristianismo de nossa cultura, logo ela deve ser preservada pelo governo. Isso aponta que Deus criou homem e mulher, e a lógica diz que 2 homens não procriam, um homossexual é hibrido. Então fica mantida a lógica de Deus. Tudo que Deus fez é perfeito e tem um propósito! Então não é o "amor" homossexual algo com um proposito para Deus e sim para o diabo. um homem subjugado por outro homem personifica o diabo desonrando a coroa da criação o homem! Filhos do Deus criador! Isso é abominação aso olhos de Deus.

    • Carol Postado em 03/Dec/2013 às 20:48

      Pouca vergonha é a sua homofobia e falsa moral cristã........uma cirnaça educada para respeitar as diferenças será muito mais HUMANA do que uma criança criada para não aceitar,tolerar,respeitar sobre a desculpa da falsa moral cristã......uma falsa moral criada por homens,lideres religiosos...e não por Deus.....e vc é um dos que tem internalizado isso dentro de vc.....triste....uma pena.....

      • Lorrainissima Postado em 04/Dec/2013 às 02:09

        Gente que nem termina de ler a piada e comenta tosquices. Risos.

      • gideon Postado em 04/Dec/2013 às 02:31

        Uma criança criada para respeitar as diferenças, um dia vai querer ser pai e vai entender que outro homem não pode procriar, isso vai gerar uma confusão na criança!. A filha de um gay que a criou com todo amor, deixou o depoimento dela na internet que nonguém deveria deixar que homosexuais adtem filhos e contou todo o drama psicologico que viveu apesar de ser amada e respeitada por seus "pais" homosexuais. Aceitar e tolerar e respeitar não quer dizer ser omissos a verdade. estamos criando uma terra do nunca e uma ilha da fantasia. Tudo é perfeito e tudo é lindo, os homens se amam, a criança vai crescer achando que os humanso se amam e vai encontrar 2 barbudos atracados. imagine que confisão. fantasia isso que é, Nesse mundo homosexual, vcs se odeiam e ao mesmo tempo querem alguém que vc culpem pelo mundo miserável que vcs vivem!

      • Antônio Emídio Postado em 04/Dec/2013 às 11:09

        Leia a última frase da postagem do Paulo.

      • Debby Postado em 04/Dec/2013 às 13:32

        Eita povo q não termina de ler...

      • Júlia H Postado em 02/Dec/2014 às 12:13

        "um homem subjugado por outro homem".........já "uma mulher subjugada a um homem (marido), é u curso natural??? que triste e sinistro, quando as relações afetivas são vistas, praticadas e perpetuadas como relações de submissão.

    • gideon Postado em 04/Dec/2013 às 02:11

      tidando sua linha entre parêntesis, vc está cetissimo Paulo! Vc não entende que tudo o que Deus fez Ele viu que era bom. Deus criou o Homem e a mulher e iu que era MUITO bom, Existe uma razão para tudo o que Deus fez. Se o ser humano soubesse o que é bom por si mesmo, ele seria mais que Deus! porque sabe algo que Deus não sabe. Logo o homossexualismo é rebeldia contra Deus! Eu da minha parte não quero briga, cada um faz o que quer, agora precisa saber se 20, 30, 60, 80 anos na terra desfrutando do seu "prazer" compensa a eternidade sem Deus! façam suas apostas!!!

      • Daniel Terense Postado em 04/Dec/2013 às 19:30

        Vc praticamente nao tem argumento sobre o pq vc é contra os homossexuais, o seu argumento é "Deus é contra entao quem sou eu pra ser a favor". Ridiculo, argumento digno da Idade Media. So pq vc tem uma crença religiosa isso nao significa q as outras pessoas tem que compartilha-la. Assim como os catolicos e os evangelicos, os espiritas, os budistas, o pessoal das religioes africanas, os judeus, etc (todas as outras religioes), e mais os ateus sao tao cidadaos quanto vc, pagam os mesmos impostos e deveriam ter os mesmos direitos q vc. Fora o seu argumento sem sentido de que os gays nao se reproduzem. Meu, desde quando as pessoas fazem sexo so pra se reproduzirem. A maior parte das vezes que as pessoas fazem sexo elas nao tem a intenção de ter filho. Essa é somente uma das finalidades do sexo. Sinceramente, eu to cansado de tanta ignorancia. Em pleno seculo XIX vem gente com esses discursos medievais.

      • Adriano Postado em 04/Dec/2013 às 19:31

        Deus não faz acepção de pessoas, não condena homossexuais e abençoa pessoas que se amam e respeitam. As igrejas tem se aberto para a teologia inclusiva, e revisto seus conceitos. Já há varias igrejas evangélicas inclusivas em todo o mundo, muitas no Brasil, a própria igreja Anglicana ja´permite ordenação de bispos homoafetivos, e semana passada começou a estudar a realizaçao de casamentos gays por lá tb. Alguns líderes de igrejas tradicionais já se posicionaram a favor dos homossexuais, o novo papa dá indícios de que a igreja católica terá mais abertura, aqui em Brasília já tem igreja tradicional participando de mesa apologética de igrejas inclusivas.Em pouco tempo,15 ou 20 anos, comentários desse tipo serão meras lembranças de um passado vergonhoso de ignorância teológica.

      • Isabelli Rodrigues Postado em 05/Dec/2013 às 00:54

        Gideon, você que não entende o quanto você é ignorante, fanático e prepotente em dizer com tanta certeza o que esse seu deus é contra ou a favor. O que é amor para ele ou não. Se esse deus realmente existe, acha mesmo que é você com toda essa arrogância e presunção que vai desfrutar de algo bom nessa eternidade da qual você crer? Você tem grandes falhas de caráter que nem consegue enxergar com o fanatismo em uma religião cheia de noções surreais sobre o mundo. Assim como outros fiéis dessa sua igreja, você se arroga de estar com a razão, com a verdade. Tudo o que você diz aqui não sai de outro lugar se não do seu livro que foi escrito por outros homens ignorantes, fanáticos, machistas, homofóbicos e presunçosos como você. Resumindo: homens medíocres, que são a maioria. A massa, sabe? A mesma que fez coisas como o nazismo acontecerem, pois de nada seria um Hitler se não fosse gentinha pra seguir ideias tão deturpadas! Acorda pra vida e encare o mundo como ele realmente é e como ele sempre foi e será. A vida vai muito além do seu livrinho. Sua religião, assim como a maioria das religiões apenas geram ódio e discussões inúteis. Amor é amor e pronto. Contra o amor nada você pode fazer. O amor, o verdadeiro amor, está além da sua capacidade de compreensão!

      • Alberto Alves Postado em 05/Dec/2013 às 01:44

        Gideon deus não existe, é uma fábula fantástica que contam a muito tempo e é no mínimo patético que gente adulta continue tendo medo do escuro. Você já parou para refletir que as pessoas não podem ser culpadas por sua condição sexual? Ou você acha que elas escolheriam ir para o inferno simplesmente p/ ser do contra? Cara melhora aí nos argumentos. Mas faça assim peça a seu deus mágico q permita q as pessoas manifestem o comportamento adequado p/ que assim elas tenha direito ao céu ok? Fala sério ¬¬ Santa ignorância.

      • Claudia Postado em 06/Dec/2013 às 00:33

        Como pessoas como VOCÊ ainda existem?

      • riva Postado em 06/Dec/2013 às 22:43

        Tenho certeza que todos agradecem sua preocupação. Agora vá cuidar de sua eternidade e deixe os outros cuidarem de seus 20, 30, 60, 80 anos.

      • Frann Postado em 10/Dec/2013 às 15:54

        Opa, temos um representante da mera massa de ovelhas que precisa de um pastor pra poder pensar! Gideon, lamentável! Espero que o nosso futuro não se volte a era medieval, tenho receio da repressão, dessa onda de ignorância que se instaura gradativamente no poder..

      • mirkos Postado em 02/Dec/2014 às 12:32

        Treva detectada!!!!!!!!

      • mozart Postado em 02/Dec/2014 às 12:43

        Mas como assim? O seu deus não era onisciente? Então como pode deus não saber de algo, se ele sabe de tudo? Os piores inimigos dos cristãos hipócritas (digo os hipócritas) são sua própria argumentação, ou seja, eles mesmos. Sugiro que vc reorganize seu texto e adicione um pouco de coerência a ele antes de participar de discussões sérias como estas. Para fechar te faço um questionamento: será que compensa abrir mão do desfrute da vida esperando uma vida eterna totalmente fantasiosa? Enfim, se vc tem essas coisas como verdade absoluto é uma coisa sua, mas não venha querer impor isso as outras pessoas.

      • Hawk Postado em 02/Dec/2014 às 12:58

        Se Deus fez tudo que existe. Tudo é perfeito aos olhos Dele. Até mesmo aquilo que os homens julgam serem imperfeitos. Tudo existe para ter uma função no universo. E se Deus criou tudo, criou tb indivíduos que pudessem se amar sem procriar(por vias tradicionais). Quem sabe se Deus fez isso pensando em um meio natural para conter crescimento populacional(sem ser por meios dolorosos como são as doenças e mortes). Quem somos nós para julgar o que Deus criou!?Reflita melhor seus conceitos, irmão.

    • RAFAEL Postado em 04/Dec/2013 às 18:57

      MORRE QUE PASSA!

    • Cecil Postado em 10/Apr/2014 às 00:45

      Fim do mundo é a sua ignorância! Pouca vergonha é você! Seu enrustido!!!!!!

    • joelma Postado em 03/Sep/2014 às 15:01

      Muito me admira, o tamanho de tanta ignorância no mundo. Achei super criativo, e não descrimino ninguém.as pessoas que criticam, são as que mais comete erros, e as vezes bem piores do que o simples fato de homossexualidade. Muitos homens criticam, mais adoram pegar um "gay" pra fazer sexo. Odeio preconceitos. E quem disse que Deus não ama os seus filhos? Tanta ignorância na mente de um ser, da muita vergonha.

  3. Deise Postado em 03/Dec/2013 às 16:38

    Quando comecei a ler o comentário de Daniel, fiquei preocupada. Mas Daniel, tens razão , o que será do mundo onde as diferenças sejam respeitadas?( ironia)

  4. Emerson Postado em 03/Dec/2013 às 16:49

    Se o Feliciano ver isso ira infartar, kkkkkkkkkk

    • Silvio Fuzaro Postado em 04/Dec/2013 às 09:49

      é vdd Emerson, mas gostaria de deixar para o "PASTOR FELICIANO" a seguinte mensagem de final de ano: " .... DEUS é tão bom, tão generoso que sua salvação não depende da minha, com isso, por favor Pastor cuida da sua salvação que da minha cuido eu .... "

  5. Lucas G Postado em 03/Dec/2013 às 17:01

    O mais engraçado é que a rede record, que prega palavras contra os gays os chamando de safados e que tudo é putaria, rouba suas ovelhas cegas pra pagar atores e atrizes para mostrarem sem vergonhice na sua emissora. E os evangélicos adoram. Depois nos que somos cegos.

    • Silvio Fuzaro Postado em 04/Dec/2013 às 09:54

      Caro Lucas G .... cegos são todos aqueles, ditos "evangélicos" que frequentam a Igreja Universal do Reino de Deus, que todos os meses deixam de pagar suas contas, comprarem seus alimentos para a mesa, só para fazer a oferta do dizimo ..... que coisa absurda isso, são cegos por vários motivos, pois não são capazes de enxergarem que estão sendo ludibriados pela corja de camalhas da tal igreja, e não enxergam ao ponto de lerem na bíblica onde fala sobre o dizimo .... será que DEUS se alegra com isso ???? Mas .... como diz o velho ditado: ... cada um faz da sua vida o que quer ....

  6. Luiz Postado em 03/Dec/2013 às 17:03

    Que absurdo! Imagina se o Brasil resolve copiar isso e divulgar pela rádio, tv, internet.... Aonde iremos parar? (Ironia light mode on)

  7. Rocco Postado em 03/Dec/2013 às 17:15

    é o primeiro passo para o tão sonhado "Cada um cuida da sua vida."

  8. Guilherme Postado em 03/Dec/2013 às 17:19

    que coisa absurda! imagine quantos homossexuais futuros não iriam sofrer com violência,rejeição e preconceito com esse modele didático? (ironia on)

  9. Irlan Rodriguez Postado em 03/Dec/2013 às 17:24

    O que me tira o sono é como algumas pessoas não conseguem ver as coisas de uma forma tão clara assim?? é tão simples....que chego a ter dó dos "bolsonaros da vida".

  10. Plínio Postado em 03/Dec/2013 às 17:38

    Primeira coisa, não se trata de uma cartilha puramente, mas de um livro infantil chamado “Daddy´s Roomate” de Michael Willhoite. Livro que li e achei um porre, não por seu conteúdo, mas pela pobreza do texto e das ilustrações. É verdade que a obra teve importância no debate sobre homossexualidade, embora ruim, podemos considerar uma obra “pioneira” na literatura infantil. Sim, o livro nem é novidade (notícia), a primeira edição é de 1991. Segundo, a manchete “O Jeito alemão de falar sobre homossexuais para crianças” sugere que não há obras semelhantes escritas por autores brasileiros. Sugiro à galera do Pragmatismo Político fazer uma pesquisa sobre o livro “O Namorado do Papai Ronca” de Plínio Camilo, esse sim um belo texto infanto-juvenil. Mas principalmente, sugiro que não publiquem nada como se fosse novidade sem o ser, com informações imprecisas que leve conclusões equivocadas. No caso quem leu a matéria poderá chegar à conclusão de que a "cartilha" foi escrita por iniciativa do próprio governo alemão, o que não é bem a verdade. Deixemos esse tipo de recurso para a Veja. Muito feio isso...

    • Cintia Postado em 04/Dec/2013 às 18:40

      Gostei muito do seu comentário. Desconheço este livro e vou procurá-lo. :)

    • watashi Postado em 27/Jul/2014 às 15:35

      Plinio brocou agora!

  11. Eduardo HCB Postado em 03/Dec/2013 às 17:40

    Ainda bem que pra essas questões de evolução social já temos nossos doutrinadores, Paulo, por exemplo: “Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos, renovando vossa maneira de pensar e julgar, para que possais distinguir o que é da vontade de Deus, a saber, o que é bom, O QUE LHE AGRADA, o que é perfeito.” (Romanos 12,2)

    • Valdez Araripe Postado em 04/Dec/2013 às 14:03

      Não é que a bíblia esteja errada ou esteja certa, tanto faz. A questão é que ela nunca deve servir como argumento.

  12. Laudyson Postado em 03/Dec/2013 às 17:41

    Cada um deve trilhar suas escolhas... e a família é o ponto de partida para auxiliar não somente nessa (da sexualidade) como também nas demais.

  13. Well Santos Postado em 03/Dec/2013 às 17:56

    Igualzinho o modelo que tentaram nos enfiar goela abaixo aqui...!!!

  14. renato Postado em 03/Dec/2013 às 17:57

    Ser um bolsonaro é ser uma especie de pessoa, ou não?É uma diferença? Não deveria amar os Bolsonaros.( ironia) Os nazi, são pessoas diferentes ou, não? Deveria eu respeitar e amar os Nazi? Os pedofilos não são um tipo de pessoa? Logo são diferentes, Deveria amar os ( ironia) Pedofilos. Agora a grande ironia, Os gays amam todos os gays? Os gays amam as mulheres( ironia). Os travestis ( ironia) são um tipo diferente de homem ou de mulher? Os Lesbicas, são homens ou mulheres que transvestem-se de homens. Quando a gente quer ficar sabendo muito disto(ironia), a gente tem tendencia( ironia)...

    • Rafael Postado em 03/Dec/2013 às 18:57

      Remédio tarja preta sem receita é complicado mesmo...

      • renato Postado em 03/Dec/2013 às 22:34

        Leu a bula. Inteirinha...eh eh.

    • Luiz Postado em 03/Dec/2013 às 20:14

      "Os lésbicas, são homens ou mulheres que transvestem-se de homem" Hein? Essa afirmação não é irônica, só ridícula.

    • Tony Lima Postado em 03/Dec/2013 às 20:41

      A diferença é que os nazistas, os Bolsonaros, e todos os outros exemplos que não fazem o menor sentido que você deu, são pessoas que acham que tem o direito de se intrometer na vida das outras pessoas. Ninguém ta pedindo pra você amar os homossexuais e sim RESPEITAR Como é difícil pra sociedade RESPEITAR o próximo, não ensinam isso na igreja? Ou ensinam só ensinam a intolerância? E o pior é saber que o seu voto tem o mesmo peso que o meu (alguém que pensa).

  15. Carlos Postado em 03/Dec/2013 às 18:52

    Interessante ninguém ter comentado a falta de respeito com que o pai di menino feliz tratou a mãe, que certamente teve motivos pra acreditar que estava se casando com um hétero. Ou será que o papai "optou" por ser gay só depois que se encheu da mamãe e por isso decidiu partir em busca de novas experiências? Ainda bem que a historinha se passa na Alemanha, país que historicamente sempre respeitou as diferenças.

    • Bete Balanço Postado em 04/Dec/2013 às 01:51

      Sério? Sério mesmo? Sugiro que você reveja seu conceito sobre o que é "falta de respeito". Você já ouviu falar que, por razões como pressão social e/ou familiar ou até mesmo aceitação pessoal, uma pessoa pode negar a sua condição como homossexual?

    • Guilherme CMT Postado em 04/Dec/2013 às 13:39

      ninguém opta em ser ou n gay. vc pode nascer heterossexual,homossexual ou bissexual. muitos bissexuais se descobrem muito depois, daí o termo sair do armário. conheço muitos bissexuais que sempre se relacionavam com mulheres e depois descobriram que também gostavam de homens.. O desejo desabrocha em algumas pessoas, pois isso nasce com vc. É nisso que eu acredito e é oque os geneticistas, neurologistas modernos afirmam. me julguem.

    • Marcello Postado em 04/Dec/2013 às 13:50

      A sexualidade é algo muito mais complexo[...].Tomando como base a historia alemã, é louvável atitudes como essa, uma vez que estão tentando minimizar a repulsa ao diferente. Vale salientar que todo país tem uma historia e com ela vem soluções e mudanças, ela serve como parâmetro do que fazer ou não, perceber isso se chama desenvolvimento, maturidade, humanização, senso critico[...]

      • ana campos Postado em 05/Dec/2013 às 13:43

        o mais centrado comentário que li,até agora!!

    • Diandra Postado em 04/Dec/2013 às 14:30

      Carlos, a questão é que muitos homossexuais se envolvem em relacionamentos heterossexuais em função da pressão da sociedade, chegando muitas vezes a se casar e ter filhos, e só depois percebem o quanto é ridículo fingir ser o que não é. Digo por experiencia própria, já tive um namoro de fachada para agradar meus pais, e só me assumi após os 18.

  16. Leonardo Postado em 03/Dec/2013 às 19:09

    Isso sim é uma cartilha que mostra e ensina o que é homossexualidade, não aquela ´porcaria que o deputado Jean Willis fez.

  17. Patrick San Postado em 03/Dec/2013 às 19:27

    Vejo pessoas falando sobre os costumes religiosos, na minha opinião são hipócritas, pois não obedecem todos os dogmas da igreja, duvido que a maioria guarde sua virtude para a pessoa amada depois do casamento.

  18. Bruna Postado em 03/Dec/2013 às 20:03

    Isso só mostra como o BRASIL é um país PRECONCEITUOSO ! Uma palavra : RESPEITO !

  19. Thiago Teixeira Postado em 03/Dec/2013 às 20:42

    O que os reacionários de plantão não entendem é que o objetivo das políticas educacionais (pelo menos em países civilizados) é a conscientização do respeito e convivência com as diferenças. Não há apologias em nenhuma das cartinhas na prática do homossexualismo, tanto nessa alemã como a brasileira.

    • Daniel Terense Postado em 03/Dec/2013 às 21:01

      Mesmo pq nao existe apologia ao "homossexualismo" (homossexalidade), do msm modo q é impossivel fazer apologia de ser negro a um branco, e ele virar negro, ou fazer apologia de gato a um cachorro e ele virar gato. A orientação sexual é algo inerente a pessoa, tanto quanto a cor da pele, tipo de cabelo, altura, etc. Nao algo q se possa mudar.

  20. john Postado em 03/Dec/2013 às 22:01

    q porcariada...jamais deixarei meus filhos verem estes tipos de publicações....jamais...isto jamais será exemplo de felicidade...

    • thern Postado em 04/Dec/2013 às 12:43

      agree

    • leandro Postado em 05/Dec/2013 às 02:29

      você não está sozinho. o homosexualismo é uma aberração.

    • Juliana Postado em 14/Sep/2014 às 11:13

      E por acaso o seu modelo defelicidade seria o mulher e homem casando e sendo felizes? Na maioria dos casamentos eles nao ficam felizes por mais de um ano, depois disso um dos dois sofrem, brigam, comecam a se xingar...isso pra mim nao é felicidade... Eu tbm estou procurando uma pessoa que saiba viver do jeio do amor verdadeiro (onde nao há ciumes, brigas, etc) pq eu ponho isso em pratica. Mas parece que isso saiu fora de moda, pq nao encontro por ai um casamento que dure, e os que duram sao por status e aparencia. Os casais gays podem vir a serem felizes sim, e ja temos vindo dos EUA um par de senhoras que estao juntas a de nao me engano 50 anos sei la, mas estao juntas mesmo depoisda velhice e só estao se casa do agora, recentemente... Elas sao felizes e estao juntas ate hoje, mas injusto só terem se casado agora nao? Mas oky... Nao estou falando que esse é o modelo da felicidade, mas se pararem pra pensar, quem dita a felicidade é o proprio casal, e esse casal se nao tiver quimica do amor real, nao vao dar certo em nenhum modelo, deja ele homossexual ou heterossexual ... :/

  21. Eduardo Postado em 03/Dec/2013 às 22:16

    Um avanço anti-homofobia por um lado, mas o mesmo atraso especista de outro. Vide capturas de insetos e zooológicos. "A libertação animal é também uma libertação humana".

  22. Eziquiel Martins Postado em 03/Dec/2013 às 22:19

    Bem diferente das cartilhas brasileiras, e eu não estou sendo irônico.

  23. Vanessa Postado em 03/Dec/2013 às 23:36

    Não achei legal o material. O mundo não é cor-de-rosa. Se meu pai deixasse meu lar com minha mãe, eu não acharia isso lindo, nÃO. Inclusive, aconteceu isso de verdade na minha vida, só que meu pai não era gay e foi morar com uma outra mulher... Eu tinha cinco anos e não recebi a notícia, nem mt menos achava aquilo uma maravilha! A fragmentação de uma família não é maravilhosa! NINGUÉM GOSTA!

    • Bete Balanço Postado em 04/Dec/2013 às 01:52

      Confissões de uma adolescente em crise.

    • MARTHA SANCHES. Postado em 04/Dec/2013 às 16:52

      RESPEITO. ESSA É A PALAVRA Q FAZ A DIFERENÇA NÃO EXISTIR. É IMPRESCINDÍVEL O RESPEITO. SEM ELE NADA FUNCIONA OU ANDA. NADA EVOLUI.

    • Seu Nomee Postado em 04/Dec/2013 às 18:34

      Erros aconteçem Vanessa... Ainda mais quando se trata de Amor. Até parece que voce vai conseguir viver sua vida sem errar.

    • Caroline Souza Postado em 05/Dec/2013 às 06:28

      Ninguém disse o contrário, Vanessa, mas o tópico da história não é pais separado, e sim, homossexualidade. Em nenhum momento na história diz que o garoto está feliz com a separação dos pais e que a vida é cor de rosa por causa disso, só mostra como o garoto conseguiu conviver com a sexualidade do pai. Além do mais, não vejo o que traria de positivo um material educativo falando para crianças como é horrível ter pais separados, a criança sabe disso, está vivendo. Esse tipo de material serve justamente para as pessoas entenderem melhor e superarem esse tipo de situação.

  24. Paulo Postado em 03/Dec/2013 às 23:57

    ah Vanessa, cresce e vai viver a sua vidinha perfeita, sem contradições; um dia, quem sabe, você vai descobrir o que é amar e o que é perdoar (inclusive quando nosso amor por alguém deixa de existir, por vários fatores alheios ao nosso querer...) - cresce, vai permitir aos outros o direito de serem eles mesmos, com suas dúvidas e sofrimentos, amores e sentimentos. cresce, e vai sentir na pele o que é viver a sua vida (mesmo que ela, a sua vida, acabe por não ser perfeita - ao menos esse conceito mesquinho e imbecil de perfeição...)

    • Vanessa Postado em 07/Dec/2013 às 23:39

      Eu apenas falei sobre minha experiência! Eu realmente ACREDITO que a separação dos pais é TRAUMÁTICA SIM, não tem como negarmos isso. Por saber que a vida não é cor-de-rosa que não gostei do material, o qual mostra a separação de uma família como se fosse linda. Lembre-se que o material é para crianças e não para adultos que pensam que sabem tudo sobre a vida como você parece que acha que sabe. Tente não parecer tão sábio da próxima vez, senhor conhecedor da vida!

  25. Guilherme Postado em 04/Dec/2013 às 00:39

    Assunto difícil mas como li até aqui... acho que o Brasil está a anos luz de atraso quanto a educação sexual nas escolas. Acredito que toda escola deveria ensinar psicologia desde o primário, às crianças e famílias deveriam ter acompanhamento psicológico. Mas no Brasil isso é quase uma utopia. Quanto à homossexualidade respeito muito a opção de cada um.(ironia off)

    • Joelson Norel Postado em 04/Dec/2013 às 02:17

      Concordo, só uma coisa: se a ironia tava em off acho que o termo 'opção' também poderia ter ficado de fora. Não costumo encher o saco com termos (não me incomoda o "-ismo x -idade" por exemplo) e não chegaria a me incomodar o uso de "opção" se as pessoas também vissem a heterossexualidade como uma opção (ou seja, uma escolha), o que obviamente não acontece - ninguém fala na "opção de ser hétero" mas falam na opção de ser gay, com esse sentido de "optar por seguir um caminho 'diferente', uma 'outra' estrada que não a 'principal'". Não dou tanta bola pra "homossexualISMO" porque percebo que muitos dizem isso sem malícia (ou seja, sem a intenção de associar com uma doença), porém "opção", ao menos nos meus ouvidos, pesa um pouco mais.

      • Guilherme Postado em 04/Dec/2013 às 12:09

        ok, retifico...

  26. Cibely Postado em 04/Dec/2013 às 00:45

    Sabe ironia mesmo é esse mundo colorido, que a cartilha mostra.Desde quando os seus pais se separam e você acha isso a coisa mais maravilhosa do mundo? E por que ele se separou da mulher? Por que não vivem sua homosexualidade logo? Por que casou com o sexo oposto? Familia perfeita não existe! A familia hetero não é sinônimo de uma boa familia, nem a homo, pois isso vai depender das "pessoas" envolvidas, seu carater , suas dedicação! Então isso é ironia querer mostrar que a familia homo é quase perfeita, e outra quem disse que todo homo ou hetero que constituir familia? Sabe o que eu vejo, vejo que as vezes alguns "grupos" por terem passado tanto tempo em uma relação de poder, na qual foram subjugados, querem inverter a situação, não deveria quer a igualdade? Isso seria mais digno e não ironico!

  27. Paulo A. Barros Postado em 04/Dec/2013 às 10:56

    Aprovar casamento gay e consequente adoção por parte dos mesmo, é ir contra contra todos os principios morais e comportamentais historicamente enrazaidos na nossa cultura, é impor o modo de vida homossexual a toda a nossa sociedade. Eu não critico quem quer ser gay, mas sou contra a todo essa explanação homossexual. Temos que ter visão de futuro, nao queremos os nossos filhos com cartlha gay na mão na escola, sendo educados a serem ''Gays''. Por fim, casamento gay não existe, casamento é homem e mulher, o resto é invenção.

    • Sano Senna Postado em 13/Dec/2013 às 12:25

      Todos os casais da natureza são macho e femea, eu respeito os gays e sou contra a homofobia mas não acho uma boa incentivar crianças como nessas ilustrações,se ela tiver tendencia vai saber naturalmente.

    • Gabrieli Postado em 18/Dec/2013 às 09:14

      Claro. Deixemos os gays trancafiados dentro de casa, mas lembrando que eu "nao critico" quem quer ser. Pq os nossos filhos devem ser "doutrinados" a ser hetero? Deveriam ser doutrinados a algo ou apenas descobrir o que os fazem felizes?

  28. Marcelo Vasconcelos Postado em 04/Dec/2013 às 12:22

    Prefiro um país que permita o amor entre iguais ao ódio entre iguais e desiguais. Amor sempre é coisa a ser incentivado e admirado. Não vejo nada de errado onde exista o amor.

  29. Ari evilo Postado em 04/Dec/2013 às 13:00

    Eu acho que existe uma pequena diferença entre defender os direitos de escolha dos cidadãos e fazer uma campanha a favor da conversão de indivíduos, ainda mais quando se trata converte-las em opção sexual, e ainda mais quando se trata de influenciar crianças que estão caminhando para formar a propria opinião. Intolerancia com a opção sexual e burrice seja com a hetero ou seja com a homo, e fazer campanhas de divulgação de homossexualismo em escolas, para crianças é o sonho homo, de uma sociedade homo, converncer as crianças de que dá o #%&% é melhor que pegar uma mulher. Quem não gostar desculpe, é minha humilde opinião. Antes que inventem história, não sou reacionário, sou socialista!

    • Ana Cordeiro Postado em 10/Apr/2014 às 14:10

      Não é uma questão de campanha para a conversão "em" homossexuais. É importante se fazer campanha pela aceitação da escolha das outras pessoas que é a base do combate à violência contra tantos homossexuais que são espancados e mortos e tantos outros que sofrem a violência psicológica e a exclusão.

  30. Starfire Postado em 04/Dec/2013 às 13:11

    O mais triste é que o argumento dos conservadores é que eles querem ''proteger a família'', como se gays não fizessem parte da família, como se não fossem pais, mães, irmãos, tios, sobrinhos. E quanto a famílias como a mostrada nos quadrinhos? Então porque eles não se encaixam no modelo de ''família tradicional'' (que aliás hoje em dia é quebrado até mesmo por heterossexuais) eles simplesmente não merecem ser protegidos pelo Estado, não merecem ter direitos? Não é muito diferente de como as pessoas pensavam no passado em relação aos negros. Apoiavam a desigualdade racial usando a desculpa de que era em nome ''da moral e dos bons costumes'', em nome da ''família''. O discurso continua o mesmo, só muda o alvo. Mas fico feliz que países desenvolvidos já estão conseguindo quebrar esse tipo de barreira. É uma questão de anos, mas a tendência é só melhorar.

  31. Betina Postado em 04/Dec/2013 às 13:48

    Aos que reclamam do divórcio: foi a maneira mais fácil de inserir uma criança nesse conceito. Esse menino da cartilha pode ser qualquer garoto, já que esse tipo de coisa realmente acontece. Em nenhum momento a mãe aparece sendo desrespeitada. Mesmo assim, concordo que a ideia do divórcio não foi das melhores.

  32. Thiago Postado em 04/Dec/2013 às 13:55

    Tava aqui imaginando uma cartilha da Turma da Mônica abordando o assunto. Acredito que o Maurício toparia na hora.

    • Diego Postado em 04/Dec/2013 às 16:10

      Na verdade não, ele até tentou insinuou que um personagem da turma da tina era gay, mas na primeira reclamação ele voltou atrás nessa idéia.

      • Marcelo Ramos Postado em 04/Dec/2013 às 20:06

        Verdade, uma pena pq ia ser interessante a abordagem em cima do personagem :D

    • Thiago Teixeira Postado em 05/Dec/2013 às 13:56

      Maurício de Souza antou muito tempo em convivência com os babacas da Editora Abril, sei não se toparia.

  33. Jaqueline Postado em 04/Dec/2013 às 15:38

    A D O R E I!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Amanda Postado em 07/Dec/2013 às 15:54

      Muito bom!!

  34. Vera Postado em 05/Dec/2013 às 10:08

    Sou Cristã. Nao costumo entrar nestas polêmicas. E respeito realmente a decisão de vida e crença de cada um. Mas cada vez mais sinto que o meu direito de ser cristã, de crer verdadeiramente na biblia, esta sendo DESRESPEITADO. Eu se tiver vizinhos homossexuais, jamais iria dizer isso ou aquilo para eles. É a vida deles e cada um cuida da sua, e todos daremos contas a Deus. Quem acha que Ele nao existe, então ok, viva sem esta premissa. Mas ao distribuir esta cartilha nas escolas, o estado está ferindo o o conceito de "estado laico". O estado laico não irá distribuir biblias, nem histórias em quadrinhos com valores cristãos. Da mesma maneira, ele nao pode distribuir cartilhas com valores de determinados grupos. O respeito Á TODAS AS PESSOAS, DE TODOS OS CREDOS E INDEPENDENTEMENTE DE ESCOLHAS, eu mesma ensino em casa para meus filhos. E também ensino respeitar às leis do nosso pais, que garantem libertade de expressão, etc. A escola deve-se ater a ensinar matematica, português, ciências, etc. Os valores, cada família ensina em casa. Chega de intolerância. DE AMBOS OS LADOS!!!

  35. Janete Postado em 05/Dec/2013 às 11:44

    Na verdade só respeito pessoas que atrás de ser ou não ser sejam pessoas com carater, responsável, dono de sí mesmo e que respeite tambem a condição de outrem. Parem de fazer chacrinha das escolhas de quem quer que seja.Sou hétero e daí mas respeito voce que é homo, bi, etc... o certo é que tenhamos paz.

  36. Fábio Postado em 05/Dec/2013 às 20:46

    Isso, façam piada! Procurem graça na homoafetividade. Um dia, alguém (ou alguéns) irá rir de você também, por algo que faça parte do seu ser que outros "não aprovem". Escrotos. Crianças velhas. É disso que esse país miserável tá cheio e é por isso que ele continuará miserável por muitos anos, porque olhar pra grama do vizinho e colocar defeito onde não tem é mais interessante que olhar pra própria bundinha. Pra quem citou que homoafetivos são aberrações, saibam que as aberrações são vocês! Vocês e sua laia. Laia de inúteis vagabundos. Tem que ter a vida muito desgraçada mesmo pra ficar enchendo o saco de quem quer viver livre. Vocês são um bando de escravos sociais. Impregnados pelo machismo e preconceito que o moralismo ensina. Renunciem suas presenças no século XXI! Os cidadãos livres e felizes agradecem! Beijos :)

  37. Jussara Postado em 09/Dec/2013 às 09:53

    Estou estarrecida com a grande maioria dos comentários. Em que mundo vocês vivem? As conquistas a nível mundial da comunidade LGBT estão caminhando a passos largos e vocês ALIENADOS E IGNORANTES não acompanham. Cresçam. Leiam mais. Se informem para postar algo mais plausível por favor. O Brasil por exemplo é um pais laico, o qual a religião não interfere nos direitos legais das pessoas. Apesar da Bancada Evangélica com a ajuda de algumas mídias travarem boa parte dos projetos como as cartilhas contra a homofobia, os gays ainda assim estão conquistando o seu merecido espaço, afinal em nada diferem de outra pessoa qualquer apenas sua opção sexual pode ser diferente das de quem postou esses comentários acima por exemplo ou não hein? Quando se vê tamanha aversão da a entender que são frustrados ou enrustidos. As crianças precisam sim aprender a conviver com essa nova realidade, é lei. E podem ter certeza elas vão aprender a respeitar muito mais do que vocês.

  38. carlos Postado em 09/Dec/2013 às 12:58

    Deus não existe e mesmo se ele existisse não daria a minima se vc transa com homem ou mulher..afinal ele teria coisas mais importantes para se preocupar como o fato desses "crentes" estarem distorcendo a "palavra"dele..

  39. Malah Maurício Postado em 09/Dec/2013 às 15:55

    Concordo com tudo. Todos estão certos! Sou contra um mundo só de homossexuais, pois não haveria reprodução, também sou contra um mundo só com heterossexuais, já pensou todo mundo procriando? Que confusão? kkkkkkkkkkkk

  40. ricardo Postado em 10/Dec/2013 às 01:35

    Em relação ao desenho a cima tenho uma crítica. No quadro que está escrito: “E o amor é a única maneira de ser feliz”. A imagem ficou bem ambígua, o filho ta dando beijo na boca do pai??? "então a única maneira de ser feliz é beijando outro homem? subliminarmente transpareceu isso! Porque que o filho não beijou a mãe em nenhum momento? O desenhista foi infeliz também em ter feito o filho muito semelhante ao pai. Sem ler a legenda é possível confundir-se. Poderia ter ficado mais claro quem é pai e quem é filho, basta mudar a cor dos cabelos. Bem parcial!

  41. Antonia Postado em 10/Dec/2013 às 09:20

    Tenho filho em idade escolar, educo meu filho para que respeite a todos obviamente, porém , me preocupa o modismo e a promiscuidade que já vi muito ocorrer em jovens que tem toda a liberdade e se perdem nos valores.... até que ponto podemos considerar tudo normal? Algum de vocês tem filhos?Na verdade quero saber opiniões de outros pais porque educar é uma árdua missão e nosso mundo não ajuda em nada, só dificulta...

    • Tiago Fonseca Postado em 05/Dec/2014 às 08:27

      Mas não está nada preocupada com a promiscuidade do carnaval, das novelas, do conteúdo que seu filho pode acessar na internet. Não, está preocupada com um casal apenas por ele ser do mesmo sexo. Tá certa (y)

  42. Thiago Postado em 11/Dec/2013 às 00:42

    Sou gay. Nasci assim. Ninguém me ensinou, ninguém me deu exemplos, como quase todos os gays, nasci de dois heteros. Cresci no meio hetero! Sabia que tinha algo de diferente desde a minha mais remota lembrança de infância, mas só fui saber o que era um homossexual quase na adolescencia. Me expliquem como uma cartilha pode influenciar alguém a "virar" gay? Vivem recitando versos da bíblia... recitem também o verso que fala que a mulher adultera deve ser apedrejada até a morte! Ou que o homem que faz a barba é um pecador! Só enxergam o que lhes convém, neh!? Podem gritar a vontade, mas graças a Deus (o meu Deus, que não sei se é o mesmo de vocês) o mundo tá mudando e evoluindo. Amém!

  43. maryjane Postado em 11/Dec/2013 às 14:22

    A felicidade justifica tudo e é a finalidade da vida, mas o q é a felicidade? é estar de bem consigo mesmo. Quem será capaz de estar bem consigo mesmo sempre? Pois mesmo quando todos respeitam as diferenças é impossível negar q elas existem caso contrário não teria q haver respeito a elas ...

  44. Maria PIssinatti Postado em 18/Dec/2013 às 07:21

    Quanto absurdo! Gente, não se "criam" gays, assim como não tem como obrigar um hetero a ser gay, tbm não há como obrigar um gay a ser hetero. Eu prefiro ser mãe de um gay que se sinta bem com ele mesmo do que um falso hetero, frustrado, mal amado e infeliz, Não me importo com quem minha filha ou filho irá para a cama, desde que ele ou ela, acorde de bem com a vida e vá cuidar do seu futuro. Sabe, deviríamos estar mais preocupados com o fato que "criamos" bandidos, por que toda criança quando nasce é um bebê, a sociedade o "cria" homem ou o "cria" bandido depois.

    • dinah caixeta Postado em 02/Dec/2014 às 15:48

      Enquanto os pais se escondem atras da religiao seus filhos fazem td o que os outros fazem so que escondido,minha amiga casou virgem por causa da igreja ,teve uma menina ,e quando foi ter o seg filho o cara a deixou no hospital e foi embora com outro homem ,simplesmente nao deu a minima pra ela,ele era da mesma igreja que ela..Isso acontece om muito mais frequencia do que se imagina.E quantos homens casados saem com homosexuais?

  45. Leonardo Postado em 20/Dec/2013 às 01:58

    Ah vai entender, "ai de quem escandalizar essas crianças melhor que fosse amarrado uma nó de atafona e lançado ao mar" tudo bem foi um charlatão que dizia fazer milagres e tinha feito um pacto com o Diabo no deserto, claro depois Jesus e Judas ganham uma certa proximidade, claro né o abuso virou diversão para os anti-cristos, já que Deus de Jesus perdoa tudo, mas daí Paulo de Tarso desmente os milagres ao levantar o homem caído e mostra uma natureza diabólica do que veio dos tempos de Jesus quando um homem caí morto no chão do coração ao ser acusado de "mentir para Deus" nos Atos, vamos trabalhar com margem de realidade, o fato é que sabemos que homossexuais são hedonistas e materialistas além de frescos portantos bem menos aptos ao desenvolvimento espiritual, nenhuma mãe quase quer ter, agora quando é filho dos outros aí as famílias apoiam hipocritamente a causa, mas a postura é de distância, que as crianças vejam que não vão ganhar nada virando gays muito pelo contrário, o presente mais provável é a aids.

    • Gustavo Postado em 02/Jul/2014 às 19:21

      AIDS atinge qualquer um, seja -jovem, adulto, idoso, homem, mulher, hétero ou homossexual. Cuidado quando se usa o termo hedonista, jovem, já que vejo que o usa de maneira pejorativa, aconselho a buscar a etiologia da palavra antes de usá-la. Em nenhum momento a proposta do homossexualismo nos campos da justiça atuais promove uma discussão relacionada à moralidade religiosa e sim à moralidade jurídica, já que de acordo com a constituição eles possuem o direito de usufruir de todos os privilégios que esta oferece aos cidadãos. Da mesma forma, torna ilegal qualquer mecanismo que vise ferir os conceitos obtidos e derivados dos conquistados durante a revolução francesa: Igualdade, liberdade e fraternidade.

  46. Andreza Postado em 24/Dec/2013 às 01:12

    Acho engraçado o fato das pessoas hoje em dia acharem tudo homofobia. Pra mim isso é uma grande idiotice, não é porque eu não concordo com o homossexualismo que eu não vou respeitar e educar meus filhos a respeitarem todas as formas de amor. De fato sou cristã, e não concordo com o homossexualismo, mas nunca discriminei ninguém, desrespeitei alguém por isso.. inclusive tenho muitos amigos que são homossexuais, e amo todos e respeito igualmente como qualquer amigo meu ou pessoa que eu goste. Agora as pessoas fazem disso um circo, tudo é motivo pra ser homofobia ou discriminação, não é negando o fato de que isso realmente exige e tem que ser combatido, mas as pessoas tem plenos direitos de discordarem ou não com isso sem ser atacados por ambas as partes. A pessoas precisam hoje em dia se respeitarem mais, independente de opção sexual, cor, classe social, ou maneiras opostas de pensamentos.

  47. Luciano Batista Postado em 13/Jul/2014 às 14:13

    A sexualidade deve ser tratada após os dezoito anos, antes disso as crianças e adolescentes devem se preocupar com uma profissão a ser seguida. A sexualidade também deve ser tratada no sei familiar exclusivamente e não deve ser função da escola.

    • dinah caixeta Postado em 02/Dec/2014 às 15:41

      Entao e por isso que as meninas no meu predio aparecem gravidas om 13,14,15,16,e por ai vai...Gente que mundo que nos estamos onde alguem vai esperar fazer 18 anos pra ter educacao sexual?Ate la muitas ja estarao na 3 gravidez,conforme estudos meninas que engravidam cedo antes dos 18 anos ja estao na 3 gravidez.Hoje com informacao ou sem informacao elas ja fazem sexo quer os pais queiram ou nao.!Educacao sim.!Inclusive ja existe a vacina contra HPV a partir de 11 anos.! Nao adianta querer tapar o sol com a peneira,e a realidade.!

  48. Rafaela Postado em 11/Oct/2014 às 17:01

    Eu acho muito difícil uma pessoa ser feliz de uma forma que ela não foi feita para ser...Para quem acredita em Deus e principios bíblicos, Deus criou o homem e a mulher para viverem e multiplicarem. Hoje essa forma de viver juntos pode ser normal mas não o natural. Homem e mulher. Respeito a escolha de cada um ,mas não acho que tem que ser colocado guela a baixo de quem não concorda...

  49. Ricardo Postado em 02/Dec/2014 às 12:27

    ...já pensaram uma coisa???....e se Jesus fosse homossexual???....como seria???...

  50. germano Postado em 02/Dec/2014 às 13:13

    Legislar sobre qualquer tipo de preconceito, é para mim, um grande equivoco.

  51. Patrick Postado em 03/Dec/2014 às 00:40

    Pais homossexuais! http://hypescience.com/5-razoes-cientificas-que-mostram-porque-pais-homossexuais-sao-excelentes/