Redação Pragmatismo
Compartilhar
Saúde 14/Aug/2013 às 22:34
92
Comentários

Menina de 6 anos tratada com maconha caminha pela 1ª vez

Convulsões frequentes desde os três meses de vida agora são raras na garota. Tratada com maconha, ela fala e caminha pela primeira vez

menina maconha

Charlotte Figi, seis anos, desenvolveu uma rara e grave forma de epilepsia que fazia com que ela sofresse milhares de convulsões por semana. Seus pais resolverem adotar um controverso tratamento que envolve alimentá-la com doses precisas e controladas de maconha medicinal. Desde que começou o procedimento, a garota britânica conseguiu caminhar e falar pela primeira vez. (Foto: Daily Mail)

Uma criança britânica que sofria diversas convulsões toda semana está enfim se recuperando, depois que seus pais iniciaram um controverso tratamento com maconha medicinal. Médicos disseram a Paige e Matt Figi que sua filha, Charlotte, não teria muito tempo de vida depois de ser diagnosticada com uma condição rara de epilepsia. Depois de anos pesquisando uma forma de curar a doença, eles passaram a alimentá-la com doses controladas de cannabis sativa – parte de um procedimento que ainda não conta com ampla aceitação médica. As informações são do Daily Mail.

Os pais relatam que poucos meses depois de dar início ao tratamento, Charlotte começou a caminhar e falar pela primeira vez, e suas convulsões praticamente pararam. “Tentamos todo o possível, e os doutores continuavam nos dizendo que ela iria morrer. Quando Matt me falou sobre o tratamento, fiquei horrorizada, mas estávamos tão desesperados que decidimos tentar”, informou a mãe da menina.

Charlotte, hoje com seis anos, teve as primeiras convulsões aos três meses de idade. Dentro de uma semana, ela começou a ter crises diversas vezes por dia. Ela foi diagnosticada com síndrome de Dravet – ou epilepsia mioclônica severa da infância -, uma forma rara de epilepsia que começa nos primeiros meses de vida. Crianças com essa condição costumam se desenvolver normalmente enquanto bebês, porém seu crescimento começa a estagnar por volta dos dois anos de vida. Pacientes com essa condição registram maior incidência de morte súbita inesperada em epilepsia.

Leia também

Ainda não há cura para essa síndrome, e as opções de tratamento são limitadas, mas envolvem principalmente o uso de antiepilépticos para combater as convulsões. O tratamento com maconha medicinal envolve o aproveitamento do óleo extraído da folha da cannabis, que é então diluído até atingir uma dose precisa. Esse procedimento não é totalmente aprovado, porém recebe apoio de algumas entidades – especialmente das famílias de pacientes com epilepsia, esclerose múltipla e mal de Parkinson.

Terra

Recomendados para você

Comentários

  1. Marcos Postado em 14/Aug/2013 às 22:43

    Menina de 6 anos tratada com maconha caminha pela 1ª vez UHuhauhauhauha Site de esquerda pelo menos é engraçado é tanta bobagem que ta ficando cômico, existe estudos claros que a maconha reduz cerca de 7 pontos de QI a médio prazo de consumo, todos amigos meus maconheiros crônicos são burros, lesados, kkkkkkkk

    • Gabriel Postado em 08/Sep/2013 às 01:38

      Meu deus, quanta borracha em um só comentário.... o QI de pessoas que pensam como você, extremistas assumidos, deve ser bem alto.

    • asdadsasd Postado em 17/Sep/2013 às 15:31

      Seus amigos são burros porque são seus amigos, cara. Lamento informar.

    • Dimitryus Postado em 08/Oct/2013 às 19:04

      Não sei se você sabe colega, mas a cannabis é liberada em diferentes locais do mundo para uso e medicinal e recreativo,esse não é o único caso de resultado positivo de tratamento cannabico

      • Débora Postado em 22/Sep/2014 às 13:43

        Eu queria saber aonde tem esse remedio... Como posso consegui-lo. Vc pode me ajudar? Um amigo meu tem varias convulçoes por dia e acreditamos que o cannabis funcina. Mais nao sabemos em que lugar dos Estados Unidos tem esse remedio. Poderia me dar alguma informaçao?

    • João Postado em 09/Oct/2013 às 09:01

      rrsrsrs é para rir Marcos acho que vc esta bêbado kkkkk

    • Antonio Postado em 10/Oct/2013 às 02:35

      Apresente estes estudos, por favor, suas informações são inconsistentes. Você deve ter tido a felicidade de não ter convivido com parentes com câncer, hiv, parkinson, etc., cujo sofrimento é significativamente reduzido com a administração da cannabis medicinal. A cannabis é usada para fins medicinais há mais de três milênios, pelo menos, e a sua proibição se deve mais a razões políticas e econômicas que por motivos de saúde. Conheço, médicos, advogados, intelectuais e artistas que fazem uso frequente da erva, sem comprometimento do seu trabalho e do seu discernimento, ao contrário, via de regra são pessoas que levam seu trabalho a sério, buscando se atualizar e estar sempre abertos a novas possibilidades. Pra emitir comentários preconceituosos e sem embasamento, é melhor ir pro boteco encher a cara de goró e falar mal da cannabis até perder a consciência. O que não acontece com quem fuma. O post trata de um assunto de saúde, perspectivas e novas possiblidades e vc vem com esse papo coxinha de "site de esquerda". A ignorância e a hipocrisia andam algemadas.

    • Rafael de Souza Postado em 22/Oct/2013 às 22:00

      Raul Seixas. Bob Marley,... vai olhando quem você chama de burro!... ushausha

    • Maria Joana Postado em 03/Nov/2013 às 23:29

      Vc que é um idiota e deveria se curar com qa maconha, urgente

    • Gabriel Postado em 24/Nov/2013 às 10:08

      HAHAH. Diminui 7 pontos de QI. Do mesmo jeito que, palavras-cruzadas aumentam em 3.

    • Sarah Postado em 12/Dec/2013 às 11:15

      cara, vc é simplesmente ridículo, se informe antes de falar asneira!

    • carlos Postado em 22/Dec/2013 às 10:37

      Cara o que posso falar pra vc , é que vc é burro mesmo, ignorante! Seus amigos é que são inteligentes!!!

    • will Postado em 25/Feb/2014 às 06:09

      e vc que nao usa tem -7 pontos de QI do que os q usam maconha. santa ignorância, citar diminuição de QI contra um tratamento de uma doença severa, foi bem sua pastora que lhe disse isso né?

    • renato Postado em 25/Feb/2014 às 22:39

      Mas conseguem ir até a boca de fumo andando. Então tá provado.... Tá provado que quando não é uso medicinal, e vai na boca de fumo e não tem grana, volta de quatro..

    • vera Postado em 11/Mar/2014 às 16:01

      seu burro se tivesse um filho com essa doenca vc iria ver seu filho se acabando de toma remedio e nada resolver q se for por bem do nossos filhos ja ficamos esperancas pq ve uma crianca pequena tomando um monte de remedio targa preta doi o nosso coracao

    • José cannabis Postado em 28/May/2014 às 17:45

      Pois é,todos são mais e a cannabis desses burros que podem te salvar um dia ..vc inteligente...kkkk pq agente que usa..so vamos ficar burro mesmo..mais pelo menos saudável..kkkklixo...

    • Clara Postado em 30/May/2014 às 18:45

      Nos Estados Unidos, 20 estados e a capital Washington têm legislação que autoriza o uso da maconha para fins medicinais. Pacientes utilizam o canabidiol para alívio de crises epilépticas, esclerose múltipla, câncer e dores neuropáticas (associadas a doenças que afetam o Sistema Nervoso Central). A área técnica da Anvisa recomendou que o canabidiol deixe de ser proibido para ser controlado, pois não viu estudos que mostrem a substância como causadora de dependência e identificou pesquisas em fase avançada que indicam sua eficácia como medicamento para diversas doenças.

      • Débora Postado em 22/Sep/2014 às 14:11

        Clara quais sao essas 20capitais que eh liberado o uso do Cannabis??? Me ajuda, por favor!!! Meu filho tem 9 anos e precisa tomar esse remedio. Ele tem varias convulçoes por dia, nao sei mais o q eu faço. Fico desesperada! Aqui onde moro no Brasil é ilegal. Mais eu posso levar ele para os Estados Unidos para ele tomar. Me ajudar, por favor, quais sao essas capitais q tem???.

    • EVANGER Postado em 19/Aug/2014 às 11:07

      SE USA COMO CONTROLE EPILÉTICO, NAO É PRA AUMENTAR O QI NÃO BURRO., LER CANABIDIOL E PROCURA SE INTEIRAR SOBRE MEDICINA. BURRO., VAMOS NOS ENCONTRAR E MEDIR NOSSO QI, JA FUMEI MACONHA.

    • Amanda Postado em 01/Sep/2014 às 15:45

      Fumo maconha desde os 14. Passei em medicina na UFRJ com 17, e há um bom tempo fumo todo santo dia, inclusive antes de estudar. Vou me formar esse ano, com 24 anos. Meu irmão fuma há um bom tempo também e é Geofísico. Burro é você, seu babaca!

  2. Johnny Postado em 14/Aug/2013 às 22:49

    marcos,posta sua fonte ai. vc eh tao burro q nem deveria estar em um site como esse.. apesar que a intençao eh justamente informar ignorantes como vc.. enfim,va estudar um pouco,...

    • sami Postado em 29/Sep/2013 às 10:48

      johnny . o marcos é burro porque nunca fumou maconha lolo

    • Antonio Palhares Postado em 24/Feb/2014 às 10:10

      Johny. Segundo pesquisadores sérios da USP. O THC, tetra hidro canabinol, principio ativo da maconha faz mal sim senhor. Da mesma forma que bebidas alcóolicas e cigarros também fazem. Condenar o uso de um não significa aprovar outros. Agora este negocio de rotular quem não é viciado, também é no mínimo ignorância.

    • Antonio Palhares Postado em 24/Feb/2014 às 10:16

      Para os adeptos da maconha , desculpem a ignorância do macaco. A menina fumou maconha para ser curada? Ou o mordido de cobra bebe veneno de cobra para ser curado? Não, ele toma soro feito com substancias de veneno de cobra . Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.

  3. Igor Postado em 14/Aug/2013 às 22:51

    Nossa Marcos não viaja, usaram um oleo extraido em quantidade certa da canabis, nao deram pra ela fumar como seus amigos....

  4. Giselle Postado em 14/Aug/2013 às 22:53

    Marcos, pessoas que só creditam estudos que condizem com o que preferem tbm são cômicas. Fique feliz!

  5. João Guilherme Gonzales Postado em 14/Aug/2013 às 22:54

    Marcos, por favor, pesquise um pouco mais antes de vomitar essas coisas aqui.

  6. BRIGITE Postado em 14/Aug/2013 às 22:57

    BOM, SEUS AMIGOS DEVEM FUMAR A CANNABIS...COMO QUALQUER REMÉDIO, O USO INDEVIDO OU ABUSIVO FAZ MAL A SAÚDE.

  7. Paula Postado em 14/Aug/2013 às 22:58

    Hahaha, Marcos tentando falar dos amigos mas falando de si mesmo... Coxinha é foda mesmo.. Hahaha, tem que rir...

  8. caio Postado em 14/Aug/2013 às 23:07

    Ignorancia deste marcos. A maconha tem uma subistancia, poderia ser provavel ela ser util no tratamento de uma doença, simplesmente por existir várias outras, extraídas das diversas maneiras e diversas plantas que servem como tratamento de outras doenças.

  9. Tatiana Postado em 14/Aug/2013 às 23:08

    Lesado é você com seu pré-conceito e ignorância...

  10. Nazaré Postado em 14/Aug/2013 às 23:09

    Engraçado você mencionar seus parcos conhecimentos com tamanha desenvoltura. De onde tirou essa brilhante conclusão? Ah... é, vc mencionou, dos seus amigos, o que permite inferir que sua amostra é muito limitada, afinal se são amigos seus... fica fácil concluir que devem ter um mesmo padrão de inteligencia e conhecimento. Se for buscar num universo mais amplo - o que contribuiria pra você e seus amigos burros, deixarem de permanecer nessa condição - descobrirá um espectro gigantesco de grandes aristas, psicólogos, médicos, cientistas brilhantes e usuários da maconha.Isso não quer dizer exatamente que a maconha lhes deu a inteligência, mas com certeza demonstra que ela não lhes rouba inteligencia. Quanto ao seu potencial medicinal, é óbvio que tem - ou ela não seria utilizada como droga no mercado... o mané!

  11. Eduardo Postado em 14/Aug/2013 às 23:14

    Marcos, pelo visto você se acha o dono da verdade. Mas para o seu desgosto, a fonte da noticia não é um "site de esquerda" como você diz, de forma bastante pejorativa por sinal, e sim um dos maiores portais de noticias do Brasil, o Terra.com.br. Procure se informar antes de vomitar esse monte de besteiras preconceituosas que você postou ai.

  12. Rafael Postado em 14/Aug/2013 às 23:20

    Nazaré disse tudo, e um pouco mais. :) Aposto que estes "estudos claros" são então de uma fonte de direita, né ?

  13. JS Postado em 14/Aug/2013 às 23:30

    Fonte de direita, fonte de esquerda. Ambas igualmente manipuladas.

  14. Bira Fehera Postado em 14/Aug/2013 às 23:36

    Parabéns por mostrar a realidade sobre esta planta. Se me é permitido publicar aqui, deixo um link para um arquivo .iso com o bom material em vídeo coletado da internet sobre política de drogas: https://drive.google.com/uc?id=0B0Y9_ReRqI7KWmc2NzNzX1lma28&export=download

  15. L.R. Postado em 14/Aug/2013 às 23:51

    Marcos, olha pelo lado bom: pelo menos você se encaixa perfeitamente na turminha dos "burros lesados".

  16. Eduardo Postado em 15/Aug/2013 às 00:06

    http://patients4medicalmarijuana.wordpress.com/medical-use-of-cannabis-video/the-government-holds-a-patent-for-medical-marijuana/

  17. anonymous Postado em 15/Aug/2013 às 00:10

    pessoas q usam testes de qi como argumento, vcs realmente acham q qm criou o teste de qi foi a globo ou deus?

  18. Paulo Ferraz Postado em 15/Aug/2013 às 00:17

    A matéria é do Daily Mail, seu mané! E burro é só quem não consegue perceber que todo tipo de erva é benigna, se usada corretamente. Você, Marcos, já que se diz o inteligente, e direitista, precisa saber que um dos maiores pensadores da nossa atualidade, Fernando Henrique Cardoso, também é "maconheiro"! Vai estudar, Zé Ruela!

  19. Vitor Postado em 15/Aug/2013 às 00:31

    procurem pela historia de rick simpsom no youtube, e veja um documentario que mostra que maconha cura cancer, arttrite, diabetes, aids, qualquer doença infecciosa e tras balanço para o organismo em todos os sistemas segundo um professor de colorado california e o proprio rick simpsom. alem de susbstituir quase todos os remedios para essas doenças, bem como analgesicos e anestesicos. sem nescessáriamente deixar a pessoa doida... através do seu óleo concentrado procurem também por um artigo de 1975 chamado "Antineoplastic activity of cannabinoids" A.E. Munson, L.S. Harris, M.A. Friedman, W.L. Dewey, and R.A. Carchman. que mostra que o governo dos eua e todas as agencias de controle anti drogas já sabem de tudo isso, porem proibiram pois as grandes empresas farmaceuticas perderiam muito dinheiro com isso sendo que poderia ser fabricado artesanalmente sem patente por qualquer um... vejam que a maconha vem sendo utilizada como remédio para diversas doenças desde pelo menos 1800 e provavelmente antes interesses politicos e economicos escusos impedem a liberação

  20. John Postado em 15/Aug/2013 às 00:34

    Bom, o tal Marcos sequer sabe escrever corretamente... Cometendo tantos erros de concordância num texto tão curto e apresentando um dado solto, que eu duvido que tenha vindo de uma pesquisa séria, mostrou bem que é o lesado da história. Quanto ao uso da cannabis medicinalmente, fico feliz que tenha ajudado a menina e espero que histórias como essa impulsionem estudos na área. Quem trabalha com pesquisa sabe que a ciência pode até ser neutra neutra, mas há muito preconceito entre cientistas e agências de fomento, de forma que é muito difícil que certos estudos sejam conduzidos.

  21. Vinícius Postado em 15/Aug/2013 às 01:12

    Existem diversos exemplos na literatura medicinal e farmacêutica, em que substâncias puras são totalmente tóxicas, mas quando extraídas e consumidas da forma certa geram exatamente o oposto: a cura. Um exemplo simples: utilizar veneno de cobras para gerar antídotos. Fora que vários remédios que hoje consumimos tem pequenas quantidades de drogas tóxicas em sua fórmula... Afinal de contas onde a gente compra remédio? Na drogaria né... Realmente tem que ser muito retarda pra ter um raciocínio como desse garoto aí em cima. Ainda há poucos estudos sobre os efeitos medicinais da maconha e infelizmente não existe uma política de drogas que propicie isso.

  22. Jesus Agramont Alcazar Postado em 15/Aug/2013 às 01:47

    Marcos eh militante de partido conservador que tem bons costumes da ignorância passadas!!!

  23. Marcos Postado em 15/Aug/2013 às 02:33

    A verdade é uma só, todos que defendem maconha são usuários, o mundo não precisa de mais drogas, as que existem já matam o suficiente, não sou contra o total controle do estado em todas as fases de produção a distribuição da maconha na America Latina, porem glorificar uma droga beira o ridículo, maconha cura câncer, maconha fez menina andar, maconha refez meu braço perdido, maconha criou um olho novo, maconha ressuscitou 5 pessoas mortas, sinceramente isso demonstra apenas o tamanho do vicio de uma substancia que possui diversas desvantagens e que estranhamente isso não é postado. Outra coisa que não entendo desde quando a esquerda se tornou completamente dopada.

  24. Marcos Postado em 15/Aug/2013 às 05:02

    Eu fico impressionado com a sociedade, a constituição é clara, segurança publica é responsabilidade de todos, a juventude brasileira faliu moralmente, hoje em dia grande parte da juventude principalmente da periferia é viciada em maconha e até mesmo drogas mais pesadas, os grandes traficantes não usam drogas geralmente apenas os pequenos mais burros, depois culpam a polícia que é obrigada a seguir a lei em um país de drogados e maconheiros, sinceramente a violência é culpa da sociedade que não respeita absolutamente nada e não o contrario uma sociedade dessas esta fadada a violência sem fim, a "solução" é o estado controlar as drogas, ora sim, o correto seria as pessoas se importarem com a sociedade em geral porem ninguém faz isso, o Brasil de hoje é culpa do povo, legalizem, regulamentem as drogas, irão aparecer outras e o povo vai jogar os deveres no lixo porem os direitos "humanos" depois todos irão exigir, uma sociedade sem deveres não tem o direito de viver em paz, com saúde, educação e segurança de qualidade seria algo completamente injusto, o Brasil de hoje é bom demais para principalmente a juventude em geral melhor que isso seria um absurdo.

  25. Anon Postado em 15/Aug/2013 às 05:24

    Marcos, se você critica esse site por ser de esquerda (uau que problemão hein!) então está fazendo o que aqui? Tu só pode ser um otário pra ficar lendo e comentando em notícias que não te interessam. O mais engraçado é que o único a perder tempo aqui você, já que ninguém vai se dar ao trabalho de ficar lendo merda. Volte para o G1, Veja etc, lá você poderá discutir com seus amiguinhos alienados e sentir-se em casa.

  26. marcia Postado em 15/Aug/2013 às 05:29

    Defendo a liberação da maconha e não sou usuária.Generalizações sempre caem na falácia. Liberação já! Uso recreativo e uso medicinal. Cada um com seu pezinho na varanda

    • Antonio Palhares Postado em 24/Feb/2014 às 10:26

      Marcia. Eu só tenho receio que liberando, aumente o contingente de NÓIAS e sobrecarregue a sociedade os custos do tratamento. Nosso sistema de saúde não tem condições de tratar nem as pessoas normais que contribuem com o SUS. Se não fosse dar despesa para a sociedade eu pouco me lixaria. Cada faz o que quer desde que não prejudique ninguém .

  27. Lázaro Carvalho Postado em 15/Aug/2013 às 06:31

    Marcos, ignorância tem limites. Você tem ciência de que todo remédio é uma droga? Que só depende da dosagem para se considerar remédio ou droga? Pois bem, meu caro, é disso que o texto trata, do uso MEDICINAL da maconha. Quer que desenhe?

  28. Marcos Pai Postado em 15/Aug/2013 às 07:57

    Marcos me mostre quantas mortes relacionadas a maconha existem na história da humanidade, depois que fizer isso, você volta aqui e pede desculpa pela sua ignorância que infelizmente diminui o nível dessa conversa.

  29. Mario Postado em 15/Aug/2013 às 09:04

    Marcos, o problema não está na pilha está no radio! Seus amigos são burros justamente pq convivemos melhor com pessoas do mesmo nível nosso e seus comentários demonstram muito bem qual é o seu nível ;)

  30. Hsien Postado em 15/Aug/2013 às 09:09

    Equivoco e falta de pesquisa. O que causa a queima dos neurônios é a combustão. A Cannabis em si, não tem nenhuma propriedade nociva, apenas medicinal. Na combustão, ocorre a liberação do piche, o alcatrão, que é cancerígeno. No caso de uso da cannabis vaporizada ou em forma de alimento, a combustão não existe e não há nenhuma perda neuronal. Os pré-conceituosos devem se armar de melhores argumentos, devem estudar e pesquisar com mais afinco, se querem realmente destilar seu pré-conceito em pleno século XXI. Que cada um possa usar o que bem entender, desde que não cause danos ao próximo. Problema de cada um o que cada um consome. A isso chamamos de civilização. Não é da conta de ninguém as substâncias que eu uso, se por razões recreativas, medicinais, ou não. Cada um cuidando de sua vida e não prejudicando ninguém. É o futuro. Excelsior!

  31. phael Postado em 15/Aug/2013 às 09:15

    legalize já!!!

  32. Daniel T. Postado em 15/Aug/2013 às 09:17

    Nao, Anon, G1 e veja é muito de esquerda pra ele. Ele tem que ir no site da TFP.

  33. Marina Postado em 15/Aug/2013 às 09:30

    Mas ainda essa de QI, cara isso não é medida geral de inteligencia. Mede apenas um tipo dela. E existem vários grupos de diferentes inteligências que nós possuimos mais ou menos desenvolvidas e que nao são medidos em testes de Qi. Deixa a veja pra lá =) Só pra começar. Outra. A questão do tratamento não está envolvendo o uso recreativo da droga (na maioria dos casos). São feitos remédios a partir da planta assim como a maioria dos outros remédios são feitos. Informação não é essencialmente questão de posicionamento político.

  34. Danillo Postado em 15/Aug/2013 às 09:38

    Conclusão, Marcos é um recalcado, ignorante, tão burro que conseguiu inserir-se em um grupo social de burros maconheiros.

  35. renato Postado em 15/Aug/2013 às 09:55

    Marcos se teus amigos fumam maconha, e espero se seja só isto, você tambem. Ora, estou fazendo uns calculos e usando apenas 1 dos meus 169 pontos, e deduzo que você tambem é lesado. e possivelmente esta usando os neuronios stand by, aquele que ajuda você a respirar. Isto acontece, para quem tem propenção ao envelhecimento prematuro dos neuro transmissores. A maconha age como seletivo, retirando aqueles que podem prejudicar a respiração e a ansiedade de ser um mala. Por favor não vai cheirar Cocaina. é fatal...transforma pessoas heteras em homo.

  36. Nestor Postado em 15/Aug/2013 às 10:08

    O que vai lhe trazer benefícios, ou malefícios, depende de como você lida com situações adversas. A sociedade atual, respaldada com conceitos retrógrados, ainda vive nessa ilusão que é muito melhor proibir, do que educar, com a maconha não é diferente, se ensinarmos nossos filhos o uso consciente de substâncias em geral, o respeito a elas e as pessoas, acabamos com esses jogos de sarcasmos, ironias, falta de informação e demasiados egos, que facilmente encontramos em textos cheios de intelectualismo inútil. A liberdade é algo tão maravilhoso, que queremos nos meter na dos outros!!!

  37. Bira Fehera Postado em 15/Aug/2013 às 10:30

    Vinícius, fala de quais substâncias tóxicas presente na flor de cannabis? Usada com a garota foi ensinada a usar, é irrisoriamente ou de nula toxidade (pois oxigênio também é tóxico, né). Comparou com os venenos de cobra, mas é um equívoco, pois como os endocanabinóides, os canabinóides nunca matariam ou deixariam uma lesão permanente. Sim, precisamos rever nossas leis de drogas com muita discussão. Ao Marcus com leite e pêra, o Renato esta aqui e já o respondeu, todo o mais é "au au" e a caravana passa. Parabéns aos pesquisadores que proporcionáram vida a esta garotinha de 6 anos. Não conheço a prevalência da síndrome de Dravet no Brasil. Gostaria de saber!

  38. Artur Mac Postado em 15/Aug/2013 às 11:13

    " Se Deus quer, sem problemas... VERMES e LEÕES no mesmo Eco sistema"

  39. Manu Postado em 15/Aug/2013 às 11:58

    O marcos seria mais feliz se postasse "Mãe to no print".

  40. lico Postado em 15/Aug/2013 às 12:24

    Esse Marcos distorcendo o debate , diz que páginas de esquerda são engraçadas e condena a reportagem sem dó nem piedade,, mas não reparou que seu lado neoliberal é defendido por FHC que é um ferrenho defensor da Marijuana, deve ser por isso que é lesado, como os amigos dele...

  41. Leandro Postado em 15/Aug/2013 às 13:04

    Será que ninguém se ligou que a maior crítica foi ao título da matéria? Se for utilizado um argumento raso para defender o uso da maconha, tenho certeza de que poucos irão relatar como foi utilizada. O problema não está na aplicação medicinal ou em alguns possíveis benefícios, mas o problema é generalizar e "endeusar" a maconha na sua forma simples e rotineira de utilização, que me desculpem os que me chamarem de preconceituosos, mas que muita gente abusa e se anula totalmente. O preconceito que existe é, em geral, decorrente de uns indivíduos ou outros que passam o dia rodeados em uma nuvem de fumaça. Creio que todo mundo já conheceu alguém assim, o que convenhamos, não é um padrão de cidadão exemplar e a ser seguido, não é? Mas depois de um título apelativo desses, quem sabe não vire...

  42. luciano Postado em 15/Aug/2013 às 13:09

    SABER USAR A PLANTA A SEU FAVOR ESSA É A CHAVE, NO BRAZIL É TUDO VISTO COM DROGA, NAO HA INTERESSE POLÍTICO EM MELHORAR UM MÍNIMO ESSA ASSUNTO, É CADEIA. LIBERA BRASIL!

  43. Mana Postado em 15/Aug/2013 às 13:09

    Marcos, precisa se informar melhor. Só que fica meio difícil, já que tu não suporta sites de esquerda. né? Então fica lá mesmo, preso na ignorância do sistema que te alimenta todos os dias. Mas se vc quiser se informar um pouco mais sobre o assunto, sugiro que vc assista um filme que tem no youtube, chamado "Cortina de Fumaça". Nesse filme você vai ver vários médicos discorrendo sobre drogas e principalmente sobre a maconha. E vai ver que o problema não é substância em sim, mas a industrialização desta. Vc sabia q o nosso cérebro produz a substância denominada de "canabinóide" que tem na maconha? Sabia que na história de todos os povos e até de alguns animais, existe a ocorrência de uso de substâncias psicoativas? Então, meu caro, o uso de drogas não é algo novo, da juventude das periferias, como vc fala! Então uma sugestão: se informe ou fique lá no seu mundinho confortável!

  44. Davy Marin Postado em 15/Aug/2013 às 14:02

    Um brinde a ignorância...

  45. clovis Postado em 15/Aug/2013 às 14:37

    tenho certeza que não foi fumando que ela foi curada.

  46. Paulo moura Postado em 15/Aug/2013 às 14:49

    Eu só queria que a sociedade me deixa-se relaxado pra poder plantar em casa o meu baseado...eu axo erado ter que pagar por grama se poderia está crescendo no meu quintal...xD

  47. THIAGO Postado em 15/Aug/2013 às 14:52

    libera é o cacete, maconheiro! que u droga na maneira ilícita e fica aproveitando qualquer coisa pra pregar a regulamentação da fonte de renda dos traficantes no Brasil! "LIBERA SEU ATESTADO DE ÓBITO!" DESGRAÇADO! FUI NA FONTE CITADA NA MATÉRIA E NÃO TEM NADA RELACIONADO! INDEPENDENTE DO QUE VCS DEFENDAM OS BRASILEIROS TEM QUE APRENDER A LER NOTÍCIAS E FILTRAR OQ É CERTO! A PRIMEIRA COISA A SE FAZER É VERIFICAR A FONTE, NEGO ABRAÇA A CAUSA ANTES DE TUDO! outro dia tavam passando notícias falsa sobre "GRAVIOLA E A SUA CURA DO CÂNCER", e todo mundo compartilhou a falsa notícia! MANEIRO! LAMENTÁVEL!

    • Antonio Palhares Postado em 25/Feb/2014 às 13:15

      De acordo Thiago. Plenamente de acordo.

  48. Victor Postado em 15/Aug/2013 às 16:18

    Gostaria de compartilhar esse artigo sobre a maconha. Marcos, leia! http://ulbra-to.br/encena/2012/12/22/Sobre-gordura-maconha-e-cenouras

  49. Marcos M. Postado em 15/Aug/2013 às 16:33

    Responde ai marcos?kkkkkkkkkkkkk fico sem argumento né?kkkkkotario sai fora daqui,aqui não é o seu lugar.

  50. Marcos Postado em 15/Aug/2013 às 19:16

    "A highly-publicized study finding that marijuana use is linked to a severe drop in IQ has been successfully defended by the scientific community overseas and in the United States, including the National Institute on Drug Abuse Director Dr. Nora Volkow. The original study, published last August in the Proceedings of the National Academy of Sciences by Dr. Madeline Meier of Duke University, and colleagues, was the strongest evidence yet that teen use of cannabis could cause a drop in IQ. Opponents of the study claimed that socio-economic factors are to blame. Around 1000 people all born in the same year in the New Zealand city of Dunedin were interviewed at ages 18, 21, 26, 32 and 38 about their marijuana use. The participants were also tested for their cognitive abilities at age 13 before starting to use cannabis, and at age 38. The study found persistent cannabis use during teenage years was associated with a drop in IQ of seven or eight points by the age of 38. "

  51. Marcos Postado em 15/Aug/2013 às 19:19

    Sinceramente, compara maconha com outras drogas até mesmo com água, isso demonstra claramente que estou falando com usuários, eu ainda tenho fé na humanidade acredito que a maioria dela não deseja uma sociedade completamente dopada, as drogas legalizadas já matam milhões, mas é tudo questão de escolhas, o Brasil de hoje é a escolha do povo.

  52. Rogério Postado em 15/Aug/2013 às 20:13

    Sóóóóóóóóó...

  53. Marcos Monteiro Postado em 15/Aug/2013 às 23:46

    O cara citou um estudo do NIDA, uma instituição cujo único propósito é justificar a (lucrativa) guerra as drogas dos EUA? É isso mesmo, produção?

  54. Ricardo Rangel Postado em 17/Aug/2013 às 06:54

    E a campanha pró maconha continua... Toda droga serve como remédio, alias drogaria vende drogas, o problema é a quantidade e a finalidade, todas, digo, todas provocam dependência, ou física ou psicológica, então vamos parar com essas bobagens de tentar ludibriar a opinião pública. DROGA é uma DROGA!

  55. Sil Postado em 20/Aug/2013 às 01:42

    Quem aqui já foi na cracolândia e perguntou para aquelas pessoas como iniciaram com as drogas...eu já fui e pesquisei...quem aqui já teve familiares usuários de maconha que batiam em filhos e esposa...eu conheço várias...quem aqui sofreu acidente de moto por causa da maconha e nunca mais conseguiu andar...eu conheço...quem aqui viu nas cracolândias várias crianças de 5 anos fumando maconha e roubando, eu conheço...quem aqui acreddita que a legalização da maconha trará um comércio desenfreado a favor do lucro e por consequência seu consumo desenfreado...eu acredito

    • Francisco Postado em 04/Aug/2014 às 09:17

      Eu já! Algumas iniciaram falando besteira na Web seu ou sua ignorante !!! Tenho familiares e amigos usuários que nunca levantaram as mãos para bater em seus filhos ou esposas, tenho amigos motoqueiros que nunca caíram por terem fumado um cigarro de maconha. Mas sei de muitos que batem em suas esposas e em seus filhos, sofreram acidentes de moto e automóvel por terem bebido umas cervejinhas, nada de mais...

  56. Bernardo Postado em 27/Aug/2013 às 13:15

    aiai tem que ri! eu devo ser muuuuuito inteligente entao, pois fumo maconha a 8 anos e atualmente faço duas faculdades... as drogas sempre estiveram presentes na historia humana nao importa o que digam! esse discurso que separa drogas licitas de ilicitas é uma tremenda idiotice! e as orverdoses de cafeina e aspirina que matam alguns milhares todos os anos????? a melhor forma de controlar as drogas e legaliza-las e nao proibir, isso nao adianta nada, quem quer consumir usa independente da proibiçao!! Marcos, tenho certeza absoluta que se te apresentassem 10 substancias controladas com todos seus pros e contras ( comprovados) e uma delas fosse maconha e te pedissem para escolher qual a menos danosa, com certeza escolheria a maconha! proibicao da maconha e por motivos economicos e politicos, ou vai me dizer que o estado realmente esta preocupado com a saude da populacao ao permitir bebidas alcolicas e cigarro, uma vez que os dois juntos ja mataram mais que as duas guerras mundias ?( faça as contas: cerca de 5 milhoes de mortes por ano atribuidas ao cigarro + 1,8 milhoes de mortes atribuidas ao alcool por ano)

  57. Patricia Postado em 28/Aug/2013 às 14:27

    Tá, tratamento médico é uma coisa, consumo como psicotrópico é outra... É incrível que defensores da descriminalização usem esse tipo de coisa como argumento em causa própria. O que se quer descriminalizar é o baseadinho vosso de cada dia... O que não tem ABSOLUTAMENTE nada a ver com os usos clínicos que se estudam da mesma planta... Maconheiros usando desinformação e se alegando bem informados e superiores... Ah vá. ¬¬" @Marcos: se o estudo em que se baseia sua argumentação foi AMPLAMENTE divulgado como o trecho que vc colou em inglês afirma, é necessário no mínimo suspeitar que possa ser um estudo forjado (e encomendado) pelo governo para gerar apoio científico perante a opinião pública para uma política de repressão. Se sua única fonte e essa, lamento dizer, mas ela é fraca.

  58. João Postado em 29/Aug/2013 às 13:34

    É impressionante como ainda causa espanto e o quanto ainda não se leva a sério o potencial medicinal da maconha, por parte de alguns indivíduos (menos esclarecidos, claro). Marcos demonstra claramente ser outro alienado ingenuo, e/ou hipócrita. E pra galera que tá criticando quem usa de forma recreativa, devo supor que vocês são a favor da proibição e criminalização do alcool e cigarro, certo? Ou são alienados ingenuos hipocritas também? Outra pergunta: vocês realmente acreditam que essa política criminalizadora e repressora vai vingar um dia? Vocês sabem o quanto é gasto anualmente de verba pública com essa política falida, ineficiente? Galera, acordem. O Estado não tem o direito de legislar sobre a vida individual de ninguém, muito menos a polícia. O que um individuo come, usa, bebe, faz, é problema e responsabilidade dele. O Estado (e a polícia) só tem direito de intervir se esse individuo começar a gerar transtorno, tumulto, desordem, etc para a coletividade, o que pode acontecer sob efeito de uma substancia psicoativa ou não. É proibido comer hamburguer? Beber coca-cola? Fumar cigarro, beber cerveja? Isso faz (ou pode fazer) um mal absurdo ao nosso organismo. E quem é que decide o quanto vai "usar" (comer, beber) hamburguer ou coca cola, cigarro ou cerveja? O próprio indivíduo, não o Estado. Eu já fumei maconha, e fumo esporadicamente, assim como bebo regularmente. Nunca causei transtorno nenhum a sociedade. Aos que dirão "causou sim" porque eu movimento/financio o tráfico, é justamente isso que está em discussão: a descriminalização-legalização da PLANTA (é, caso vocês não lembrem é uma planta, uma erva) para estudo e uso medicinal e para que os usuários em geral possam cultivar e colher em casa. Os problemas de saúde que por ventura surjam advindos de seu uso devem ser tratados, assim como são os problema decorrentes de cigarro, alcool, alimentação, enfim, todo problema de saúde. Ficou claro ou eu preciso desenhar?

  59. Guilherme Postado em 29/Aug/2013 às 15:52

    O uso da maconha seja ele recreativo, cultural, religioso, ou qualquer outro deve sim ser liberado. O q deve ser regulamentado são os produtos q fazem com ela. A maconha em si, ñ passa d uma planta tal qual é a erva doce, cidreira, dentre tantas outras mas se em qualquer lugar fabricasse remédios ou comidas dela, aí sim seria um problema sanitário, ñ jurídico. O q devemos nos ater é no preconceito gerado em torno do uso dela. Nas limitações q querem impor aqueles q de livre pensar resolveu ingerir a substância (THC). Ñ existe um consenso na comunidade científica d q essa planta cause dependência, o q existe sim, são pessoas q pensam d maneira conservadora e reacionária e querem impor seu modo d pensar à todos, como se fosse o único modo d ver as coisas. temos q saber respeitar as decisões das pessoas, o q temos q fazer é educar sem pudores, para q as cabeças se abram para o novo e destruir morais obsoletas q só atrasam o nosso livre pensar e agir. (AH!!!isso vale pra outras plantas/drogas tbm, como a coca e seus derivados)

  60. Anônimo Postado em 30/Aug/2013 às 13:41

    Sir Marcos, fumo maconha e sou concursado. Não use QI como prova de qualquer coisa, sem ter, pelo menos, um mínimo conhecimento sobre o que é Quoeficiente Intelectual e Quoeficiente Emocional, sério, aos olhos de quem sabe o que são e como funcionam esses testes, você não passa de uma piada =)

  61. Rich Postado em 18/Sep/2013 às 17:52

    -Pela primeira vez fico sabendo que "maconha" cura! -Quanto apelo ao uso da mesma!!!

  62. Marcela Andrade Postado em 18/Nov/2013 às 17:32

    Eu tenho epilepsia há 10 anos e não tinha muita perspectiva de cura ,mas depois que li e pesquisei sobre o assunto tenho um pouco mais de esperança e desejo que as pesquisas avancem cada dia mais .Os medicamentos que uso para controle da patologia são ao mesmo tempo terapêuticos e tóxicos me fazem muito mal não aguento mais. Há muito preconceito contra a maconha se investigarmos na história a mesma foi usada como erva medicinal por muito tempo e ainda é em vários países a maconha é comprovadamente menos tóxica do que o cigarro . Eu aprova a liberação da maconha assim como de outras drogas cada um tem o livre arbítrio para usar o que quiser e é responsável por suas escolhas,isso reduziria drasticamente a máfia do trafico e a violência.

  63. leni Postado em 30/Nov/2013 às 11:34

    Marcos eu tive cancer de mama e a maconha me ajudou muito e ainda ajuda .fumo todos os dias e estou bem Graça a Deus

  64. Elisa Sawyer Postado em 27/Jan/2014 às 10:07

    Eu sou tão grata por Eric Oliver para fornecer-me com Cannabis óleo aqui em Portugal. Eu estava diagnosticar com câncer de mama de 2 anos atrás, e desde então eu fiz um monte de quimio e radioterapia que não me ajudar, mas só danificou meu sistema imunológico e torná-lo fraco e indefeso. Me deparei com as lágrimas Phoenix e eu li sobre o óleo de cannabis muito e vi que eu poderia me fornecer Hemp Oil aqui é o Estado, eu em contato com ele em: [email protected] para a aquisição deste medicamento, para minha surpreender o medicamento foi adquirido e entregue dentro de 48 horas e eu estive em tratamento durante os últimos 3 meses. Agora estou aqui para testemunhar que não sou mais um paciente com câncer, eu tenho a experiência de uma transformação total no meu setor de saúde com serviço de óleo Rick Simpson Hemp. para todos os pacientes com câncer que vivem na região do America.Portugal e outro país, obter o seu óleo de cânhamo de [email protected] Elisa Sawyer

  65. AMANDA Postado em 28/Mar/2014 às 13:23

    NAO SEI E VERDADE OU MENTIRA,SO SEI Q TENHO UM FILHO Q DESDE Q NASCEU DA CRISE CONVULSIVA E NAO E UMA NEM DUAS SAO VARIAS JA CHEGOU A DAR 80 EM UM DIA,POR ISSO SEI O SOFRIMENTO DE VIVER COM ESSA DOENÇA E FAZER TD Q POSSO E NAO VER MELHORA,ENTAO ACREDITAREI SOMENTE SE PUDER VER RESULTADOS .PORQUE SE FOR VERDADE FICAREI ETERNAMENTE GRATA .MEU SONHO E VER MEU FILHO SEM CRISES.

  66. Karla Elaine Silva Postado em 01/Aug/2014 às 13:38

    Eu tenho um filho que tem eplepsia e mesmo com os remédios ele tem muitas convulsões e achei super interessante, só uma pessoa que não passa por isso para não entender a gravidade de uma convulsão. Concordaria em realizar testes em meu filho na boa, para poder sair com ele sem ter medo de ele ter uma convulsaõ na rua fazeria de tudo

  67. Rosane Barcelos Postado em 15/Aug/2014 às 14:13

    Tenho 57 anos. Fumo desde os 16. Em 2013 descobrí ser portadora de Hepatite C. O tratamento é difícil, debilitante, cheio de efeitos colaterais que muitos não suportam. Felizmente, pesquisando sobre o assunto, vi que maconha ajuda a diminuir o sofrimento, proporcionando melhor qualidade de vida. Então aqui estou para dar o meu testemunho: A maconha me ajudou a suportar os efeitos do Interferon, me aliviou as dores e febres, me mantém o apetite e o sono (importante para quem está nesta condição). Náuseas e vômitos? Não tive. Estou terminando o tratamento e já NEGATIVADA. Conseguí viver normal os 6 meses, trabalhando inclusive. Não tenho condições econômicas para comprar o CBD. O jeito foi fumar mesmo. E deu certo! Revejam seus conceitos os que acham que maconha fumada não é medicinal.