Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Truculência PM SP 14/Jun/2013 às 15:43
8
Comentários

O depoimento de Giuliana Vallone, jornalista atingida no olho pela PM

“Acho que o que aconteceu comigo, outros jornalistas e manifestantes, mostra que existem, sim, um lado certo e um errado nessa história. De que lado você samba?”

Por Giuliana Vallone, no Facebook

reporter-Giuliana-Vallone

Jornalista Giuliana Vallone, mais uma vítima do excesso da PM Paulista (Foto: Arquivo Pessoal)

Queridos,

Em primeiro lugar, gostaria de agradecer a todas as manifestações de carinho e preocupação recebidas dos amigos e também de pessoas que não tive a oportunidade de conhecer. Vocês são incríveis.

Agora, o boletim médico: passei a noite no hospital em observação. A tomografia mostrou que não há fraturas nem danos neurológicos. A maior preocupação era o comprometimento do meu olho, que sofreu uma hemorragia por causa da pancada.

Felizmente, meu globo ocular não aparenta nenhum dano. E agora, ao acordar, percebi a coisa mais incrível: já consigo enxergar com o olho afetado, o que não acontecia quando cheguei aqui. Fora isso, estou muito inchada e tomei alguns pontos na pálpebra.

Sobre o aconteceu: já tinha saído da zona de conflito principal –na Consolação, em que já havia sido ameaçada por um policial por estar filmando a violência– quando fui atingida. Estava na Augusta com pouquíssimos manifestantes na rua. Tentei ajudar uma mulher perdida no meio do caos e coloquei ela dentro de um estacionamento. O Choque havia voltado ao caminhão que os transportava.

Leia também

Fui checar se tinham ido embora quando eles desceram de novo. Não vi nenhuma manifestação violenta ao meu redor, não me manifestei de nenhuma forma contra os policiais, estava usando a identificação da Folha e nem sequer estava gravando a cena. Vi o policial mirar em mim e no querido colega Leandro Machado e atirar. Tomei um tiro na cara. O médico disse que os meus óculos possivelmente salvaram meu olho.

Cobri os dois protestos nesta semana. Não me arrependo nem um pouco de participar desta cobertura (embora minha família vá pirar com essa afirmação). Acho que o que aconteceu comigo, outros jornalistas e manifestantes, mostra que existem, sim, um lado certo e um errado nessa história. De que lado você samba?

Em tempo: obrigada Giba Bergamim Junior e Leandro Machado pelos primeiros socorros!

Recomendados para você

Comentários

  1. Ione Postado em 14/Jun/2013 às 20:55

    Isso tudo não foi por causa de 10, 20 centavos. Tem muita coisa por trás disso tudo. Espero que sua recuperação seja total e breve. Os jornalistas carregavam uma "arma letal"...uma filmadora...Eita Brasil...

  2. Evandro Postado em 14/Jun/2013 às 23:08

    Voce, assim como o policial que atirou, sao vitimas dessa demagogia criada pelos poderosos, o policial tinha a liberdade de escolher em atirar ou não, ma nem de perto quero jistificar essa atrocidade, apenas me pergunto; que tipo de preparo, remuneracao, acompanhamento psicologico tem esses profissionais da seguranca puboca? A corrupcao do govErno, da propria policia e a impunidade no Brasil, não desestrutura esses policiaiS, onde os bandidos tem mais liberdade de acao e espaco na midia? Fica o questionamento. Enquanto o governo arca com obras superfaturAdas nestes estadios da copa, bem que podia dar os tais 0,20 de desconto,não concordam?

  3. cesar rosa Postado em 15/Jun/2013 às 11:15

    Aonde esta nossa liberdade que dizem que existe, tudo mentira não passa de uma fraude ,somos enganados pela nossa propria policia que hoje com todos os recursos de imagens prova que estão tentando esconder a verdade da população.

  4. caio Postado em 16/Jun/2013 às 22:34

    Pessoas que ainda acham que todo esse todo esse barulho foi por causa de 0,20 centavos estão em outra realidade, o aumento na tarifa fez o copo transbordar mas são as falhas no sistema que alimenta a furia dos manifestantes.

  5. Eduardo Postado em 17/Jun/2013 às 13:39

    ...existe treinamento para controle de distúrbio nas forças armadas e nos batalhões de choque, visto que a ordem pública tem que ser mantida a qualquer custo. E, Caio, fúria de manifestante por sua vez alimenta a fúria de quem é treinado para debelar os enfurecidos... UMA VEZ UM TENENTE ME FALOU NUMA DESTAS INSTRUÇÕES... "SE NUM TUMULTO, VOCÊS ESTIVEM DE BAIONETA CALADA, EM MARCHA... NÃO PARE, MESMO QUE SUA MÃE ESTEJA NA SUA FRENTE, A ORDEM TEM QUE SER MANTIDA", e fúria não leva a lugar nenhum, ou melhor leva ao que aconteceu nos anos nada felizes de 64 a 88... O jornalista é um guerreiro nato e por opção de vida, e é através do trabalho deles é que podemos mensurar o que tem acontecido, seja na paz seja na guerra. Giulliana que Deus te proteja e que Santa Luzia a ajude para que seu olho seja recuperado sem problemas.

  6. Rick Postado em 31/Aug/2013 às 00:46

    -Isso tem alguma coisa em comum com os DVD's da série '' OS LUMINATES ''