Luis Soares
Colunista
Corrupção 19/Apr/2012 às 01:51
6
Comentários

Envolvimento da Veja com Carlinhos Cachoeira ganha destaque mundial nas redes sociais

Relação do bicheiro Carlos Cachoeira com a publicação da abril, de Roberto Cívita, faz a hashtag #VejaBandida figurar entre os assuntos mais comentados no twitter mundial

roberto civita cachoeira abril veja

Roberto Civita, dono da Veja, não terá mais motivos para sorrir com a instalação da CPI do Cachoeira

As revelações da Polícia Federal de que o redator chefe da Veja, Policarpo Júnior, mantinha relação próxima com o contraventor Carlos Cachoeira, preso na operação Monte Carlo, revoltaram os internautas. Eles organizaram um movimento virtual para que a hashtag #Vejabandida ficasse listada em meio aos assuntos mais comentados na rede social. Antes mesmo do horário combinado, às 20h desta quarta-feira, o termo já estava em quinto lugar nos Trending Topics. Pouco depois das 20h30, chegou ao primeiro lugar na lista nacional e foi parar nos TT´s mundiais.

“#Vejabandida desmascarada pelas águas do Cachoeira. Perdeu sua fonte e terá q explicar sua ligação com o crime”, escreveu a usuária DeniseCaputoBastos ‏ (@DeniseCaputo). O tuiteiro Emerson Luis (@emerluis) publicou: “Jornalista da #VejaBandida mandava matéria pro Cachoeira revisar. É o panfleto do crime”. Até mesmo o ator da Globo e assíduo da rede social José de Abreu (@Jose_De_Abreu) publicou uma série de tuítes para contribuir com o movimento: “#VejaBandida a serviço do crime organizado #CPIdoCachoeira” e “200 ligações para bandido, nao é fonte, é sócio. #vejabandida” foram alguns deles.

Leia mais

Na última revelação sobre a estreita relação da revista com o bicheiro, em reportagem da Folha de S.Paulo desta quarta-feira 18, a construtora Delta tenta plantar denúncias contra o Dnit – órgão do Ministério dos Transportes responsável por obras viárias – na publicação da Abril por não estar sendo atendida pelo órgão. “Em conversas no primeiro semestre de 2011, Cachoeira disse a Claudio Abreu, diretor da Delta no Centro-Oeste, que estava fornecendo informações sobre irregularidades no Dnit para a revista Veja durante a apuração de uma reportagem”, aponta trecho de um relatório da PF, publicado pela Folha.

Até agora, a Veja não se explicou sobre as cerca de 200 ligações, conforme revelou a PF, entre Policarpo Júnior e Cachoeira. A proximidade dos dois era tanta que o redator tinha até apelido – era chamado de “caneta” pelo bicheiro. Pela estranha parceria com o contraventor e por publicar uma série de matérias investigativas plantadas por uma equipe de arapongas ligada a Cachoeira, usadas para defender interesses políticos e econômicos do bicheiro, o magnata brasileiro deve ser convocado pela CPI, que tem previsão de ser instalada nesta quinta-feira no Congresso Nacional.

Brasil 247

Posts relacionados

Comentários

  1. SÉRGIO Postado em 25/Apr/2012 às 06:25

    ...até quando vamos aguentar essas consequências da petralhada no poder...

  2. mauro vieira Postado em 03/May/2012 às 07:56

    ainda se endeusa a taõ falada liberdade de expressaõ,uma midia comprada como temos no brasil é um deserviço a todos

  3. Aldrovani Carvalho Postado em 05/May/2012 às 11:41

    Mas, porque apenas esse meia dúzia de gatos pingados foi presa até agora? Há provas contundentes contra dezenas de gatunos em todos os setores. Existem mais do que provas contra esse Civita, mandante da Veja, agindo a serviço do crime e ele continua solto. Cadeia nessa gatunagem.

  4. Osmar T POA Postado em 08/May/2012 às 13:44

    Só ingênuos creem em Liberdade de Imprensa; existe é Liberdade de Empresas, da grande mídia enrolando, adulterando e mentindo descaradamente quando ve seus interesses reduzidos. Ainda bem que vieram os governos do PT, embora sem uma contundência forte contra a grande midia!

  5. Ayrton Postado em 30/May/2012 às 21:34

    Ué? ter informantes agora é crime? Que ue saiba a Cosntituição Federal de 1988 assegura o sigilo de fonte, mesmo sendo criminosos.. Além do mais, o tal Policarpo nem é mais sequer incomodado pela PF, que, ao contrário dos adesistas e pró-mensaleiros, tem mais o que fazer.

  6. Ayrton Postado em 30/May/2012 às 21:36

    Aliás, o que vocês, que são espertos, acharam daquele torpedo do Varezza para o Cabral? "Agente somos inútel e somos teu"

O e-mail não será publicado.