Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 16/Mar/2012 às 19:05
5
Comentários

Senador Demóstenes é dono até de Faculdade; empreendimento milionário tem sócios ocultos

O senador Demóstenes Torres (DEM) é dono de uma faculdade em Contagem, cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte e não revela pra ninguém quem são seus verdadeiros sócios no negócio.

Nova Faculdade Demóstenes Contagem

Festa de inauguração da NOVA Faculdade, do Senador Demóstenes Torres (DEM-GO)

A Nova Faculdade foi instalada oficialmente em dezembro de 2011 em uma suntuosa sede própria de 8.500 metros quadrados, construída em ritmo frenético, com trabalhadores se revezando 24 horas por dia. São cursos de administração, ciências contábeis, direito, farmácia e enfermagem. Conta ainda com cursos de pós-graduação e extensão em saúde.

A participação de Demóstenes na Nova Faculdade consta de sua declaração à Justiça Eleitoral em 2010 como tendo sido integralizadas as 200 quotas em 25 parcelas de R$ 8 mil, o que valeria, segundo informações do senador, R$ 200 mil. O sócio principal do senador no empreendimento é provavelmente o empresário de Anápolis-GO, Marcelo Limirio, ex-dono do Laboratório Neo Química e sogro de Alexandre Baldy, secretário de Indústria e Comércio do governo de Goiás. Demóstenes não revela quem são os verdadeiros sócios, mas as ligações de Baldy e Limírio permitem supor que gente graúda de Anápolis esteja na empreitada. “É possível que tenha participação de Carlinhos Cachoeira nessa faculdade”, comenta um vereador da cidade.

A participação de Demóstenes Torres na faculdade com míseros R$ 200 mil em 25 parcelas é considerada subestimada por especialistas em educação. A estrutura construída é de 81 salas de aula com capacidade para até 50 alunos, sendo que todas elas possuem computador. Metade delas possui também projetores de multimídia e telas de projeção. Conta também com quatro laboratórios de informática com capacidade para até 26 alunos e equipados com computadores novos e modernos, além de projetores de multimídia.

Leia mais

A estrutura tem custo estimado em alguns milhões de reais. Para os cursos da área de saúde há laboratórios caríssimos como química, bioquímica, biofísica, microbiologia, genética, anatomia – com peças alemãs que representam fielmente os modelos anatômicos humanos e um moderno laboratório de microscopia “com equipamentos de excelente qualidade (que) atende a todas as disciplinas de área básica que fazem uso de microscópios e lupas”, como ressalta o site da faculdade. Há também área de lazer, auditório para 200 lugares e um estacionamento para 400 vagas.

Confira abaixo o vídeo-apresentação da Nova Faculdade

O peso do senador Demóstenes Torres foi decisivo também para a autorização de funcionamento pelo Ministério da Educação. Em apenas 14 dias, a Nova Faculdade recebeu a chancela do então ministro Fernando Haddad, em dezembro de 2010.

A diretora da faculdade, Renata Carla de Castro Costa, era assessora do gabinete do senador Demóstenes Torres até 2008. Abaixo, segue o registro da exoneração.

EXONERAÇÃO

ATO DO DIRETOR GERAL Nº 160, de 2008

O DIRETOR-GERAL DO SENADO FEDERAL, no uso da atribuição que lhe foi conferida pelo artigo 10, § 3º, da Resolução do Senado Federal nº 07 de 2002, e tendo em vista o que consta do Processo nº 001451/08-1, RESOLVE exonerar, a pedido, na forma do disposto do artigo 35, inciso II, da Lei nº 8.112, de 1990, RENATA CARLA DE CASTRO COSTA, matricula nº 181861, do cargo, em comissão, de Assessor Técnico, do Gabinete do Senador Demóstenes Torres, a partir de 08/02/2008.

Senado Federal, 13 de fevereiro de 2008.
José Alexandre Lima Gazineo, Diretor-Geral Adjunto.

Com informações de Brasil 247

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Intituto de Nova Educacao Postado em 16/Mar/2012 às 19:15

        Nota de Repúdio     O Instituto de Nova Educação, entidade mantenedora da Nova Faculdade, localizada no município de Contagem-MG, vem a público repudiar as mentiras publicadas no dia 15 de março de 2012 pelo site “brasil247.com”, que, de forma caluniosa, irresponsável e de má-fé, tenta ofender a credibilidade de uma instituição de ensino superior regular, legalmente instalada e em pleno funcionamento. O site “brasil247” não teve a decência de, antes de fazer a publicação, ouvir o Instituto de Nova Educação, como fazem os veículos de comunicação sérios, éticos e comprometidos com a boa informação. Sobre as aleivosias publicadas, é necessário esclarecer: I – O Instituto de Nova Educação é uma pessoa jurídica de direito privado, organizado societariamente como uma sociedade por cotas de responsabilidade limitada, sem a possibilidade, portanto, de ter “sócios ocultos”; II – seus três sócios, declarados, nominados e qualificados no Contrato Social devidamente registrado na Junta Comercial do Estado de Minas Gerais, são pessoas idôneas, bastante conhecidas e respeitadas no meio em que atuam, têm conduta ilibada e estão rigorosamente em dia com todas as suas obrigações legais;   ​III – um dos três sócios é o Senador Demóstenes Torres que, por vedação constitucional expressa, não exerce cargo diretivo, gerencial ou de administração na sociedade; IV – as cotas da sociedade pertencentes ao parlamentar constam das suas declarações de bens entregues, por determinação legal, à Justiça Eleitoral, ao Senado Federal, ao Tribunal de Contas da União e à Secretaria da Receita Federal; V – o credenciamento da Instituição foi requerido no Ministério da Educação em 16 de maio de 2009 e deferido pela Portaria Ministerial nº 1.269, de 19 de outubro de 2010, publicada no Diário Oficial da União no dia 21 de outubro de 2010, ou seja, 18 meses ou 521 dias após o requerimento; VI – o imóvel que abriga as instalações onde funciona a Nova Faculdade não é de sua propriedade e sim alugado; VII  - o exame de toda a documentação do Instituto de Nova Educação está, como sempre esteve, à disposição para a análise de qualquer interessado, inclusive do site “brasil247”; VIII – a Diretora-Executiva da Instituição pediu exoneração do cargo de assessora técnica, que ocupava no Senado Federal, em 2008, ainda quando a Nova Faculdade não tinha iniciado suas atividades, fato que demonstra ética e zelo pela coisa pública. Assim, o Instituto de Nova Educação refuta de forma veemente todas as leviandades publicadas e reforça o compromisso com uma NOVA e transparente forma de ensinar e produzir conhecimento com qualidade. As medidas judiciais cabíveis serão ajuizadas no foro e tempo oportunos com vistas a reparar o ilícito.   Contagem-MG, 16 de março de 2012.   Instituto de Nova Educação  

  2. joao gomes Postado em 03/Apr/2012 às 13:44

    mesmo nao sendo dono desta faculdade o que consta nos autos e que goias esta sendo administrado por uma quadrilha de ladroes joao gomes joviania go

  3. Roberval Postado em 04/Apr/2012 às 18:35

    Essa faculdade é muito boa .... só vai formar bandido de primeira linha ... kkkkkkkkk

  4. LUAN Postado em 21/May/2012 às 15:53

    SE O GOVERNADOR DISSE NÃO TER NADA COM CALINHOS CACHOEIRA, ENTÃO PORQUE ELE NÃO SE EXPLICA APESAR QUE NESTE CASO NÃO TEM EXPLICAÇÃO, ESTA CLARO E EVIDENTE O QUE ANDÃO FALANDO, POIS ESTES POLITICOS CORRUPTUS, COLOCOU MEU ESTADO NA LAMA TENHO VERGONHA DE DIZER QUE SOU GOIANO DEPOS DESTA SUJEIRA.