Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 27/Mar/2012 às 17:11
4
Comentários

Demóstenes Torres chamou Thomaz Bastos de 'defensor de bandidos'. E agora?

Em 2003, o senador Demóstenes Torres (DEM) afirmou em entrevista que o viés de Márcio Thomaz Bastos é defender bandidos. Será que a opinião continua valendo agora que o criminalista também defende seu amigo, sócio e "professor" Carlinhos Cachoeira?

márcio thomaz bastos cachoeira demóstenes

Márcio Thomaz Bastos, ex-ministro da Justiça e advogado de Carlinhos Cachoeira

Quem diria. Marcio Thomaz Bastos, ex-ministro da Justiça e atual advogado de defesa do empresário de jogos Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, já foi chamado de “defensor de bandidos” por um dos parlamentares mais ligados ao contraventor, o senador Demóstenes Torres (DEM-GO). Segundo investigações da Polícia Federal e do Ministério Público, Torres tinha um rádio exclusivo para conversar com o bicheiro, a quem chamava de “professor” e chegou a ganhar uma cozinha inteira de presente de casamento de Cachoeira.

Demóstenes Torres não parece, no entanto, ter apreço pelo advogado do bicheiro. Em uma entrevista concedida em agosto 2003 ao veículo de Goiânia Tribuna do Planalto, Demóstenes afirmou que a vida toda, Thomaz Bastos foi defensor de bandidos: “Precisamos acabar com essa prática de advogado ser ministro da Justiça. Advogado é defensor de bandido. A vida toda ele [Thomaz Bastos] foi defensor de bandido e continua sendo. É o viés dele. Não por desonestidade. A cabeça dele funciona assim, como a cabeça do promotor que só pensa em acusar e punir bandidos”.

Leia mais

Hoje, a situação é outra e o criminalista defende um amigo – como já definiu o próprio senador sobre sua relação com Cachoeira. O bicheiro está na prisão – detido pela operação Monte Carlo, da Polícia Federal – e para sair de lá, precisa de uma defesa de peso. A verba cobrada para os serviços do ex-ministro é tanta que o contraventor chegou a tentar contratá-lo antes, mas achou os honorários muito salgados, segundo a coluna Painel da Folha de S.Paulo desta terça-feira. Viu depois, porém, que seria a melhor decisão, no lugar do advogado Ricardo Sayeg. Nesta segunda-feira, o Tribunal Regional Federal decidiu negar o pedido de habeas corpus apresentado pelo criminalista e manter Cachoeira na prisão.

A dúvida que fica é: será que agora Demóstenes Torres mudou de ideia ou continua pensando o mesmo a respeito de Thomaz Bastos, agora que está nas mãos dele o futuro do bicheiro e amigo? Seria Carlinhos Cachoeira um “bandido” para o senador?

Brasil 247

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Carlos Postado em 27/Mar/2012 às 17:41

    Não é que o Marcio Tomas Bastos seja um advogado melhor que os demais. É que ele tem vários contatos e livre trânsito nas esferas do poder. Coisa que outros advogados, até melhores, não têm.

  2. Eduardo de Paula Barreto Postado em 27/Mar/2012 às 17:55

    MAUS-CARACTERES Os maus-caracteres são Pessoas que não Ficam inertes com facilidade Eles são peritos em galgar Sempre um mais alto lugar Na escada da mediocridade. Os medíocres são Pessoas sem noção Do que tem valor de verdade São hábeis em se alimentar De sal que não pode salgar E de inúmeras futilidades. Os fúteis são Pessoas que dão Mergulhos na superfície Assim não conseguem vislumbrar As belezas do fundo do mar E se contentam com tolices. Os tolos são Aqueles cidadãos Cujas mentes são cárceres E tais pessoas indefesas São as prediletas presas Para os maus-caracteres. Eduardo de Paula Barreto - SP.

  3. Thiago Postado em 29/Mar/2012 às 21:46

    Márcio Tomaz Bastos recebeu milhões pra "defender" Luiz Affonso Seffer. http://novoblogdobarata.blogspot.com.br/2011/11/sefer-o-suposto-preco-da-absolvicao.html O resto está virando história...

  4. Eron Ramos Postado em 22/May/2012 às 12:30

    Infelizmente,em nosso país um ex-ministro da justiça Márcio Tomaz Bastos não se sente constrangido em defender um contraventor como Cacheira!Isso prova que na excencia o Ex-ministro também come do farelo dos porcos! Que vergonha DR!!!! É tudo farrinha do mesmo saco!!