Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 21/Oct/2011 às 17:36
0
Comentários

Vídeo flagra agressão violenta de skinhead contra menina e jovem negro

Alcebíades, o covarde , a despeito de flagrado em vídeo, responde o processo em liberdade
A proliferação de grupos neonazis e skinheads no Brasil já deixou de ser novidade. Agressivos, frios e com ideias extremo-direitistas, suas principais vítimas são homossexuais, negros e nordestinos (o parêntese aqui é para o registro da existência de grupos neonazistas também no Nordeste, embora em número bem inferior quando comparados ao sul e sudeste).

O vídeo veiculado abaixo ocorreu em São Paulo e flagra a agressão covarde de um skinhead a um jovem negro e suas duas amigas. O sujeito chama-se Alcebíades Custódio Neto, e, não satisfeito em atacá-los com os punhos, o agressor utiliza uma soqueira para acentuar as lesões. 

Leia mais:
Tais grupos são naturalmente norteados pela intolerância, e se espalham e ganham adeptos no Brasil numa velocidade alarmante. Alcebíades, o covarde , a despeito de flagrado em vídeo, responde o processo em liberdade. De classe média e com um advogado razoável, alguém duvida que ele livre-se impunemente, ou empurre o crime com a barriga até conferirem-lhe uma pena branda? Aquelas, de prestação de serviços…

Cai como uma luva a canção do jovem artista Criolo.
Não existe amor em SP
Um labirinto mistico
Onde os grafites gritam
Não dá pra descrever
Numa linda frase
De um postal tão doce
Cuidado com doce
São Paulo é um buquê
Buquês são flores mortas
Num lindo arranjo
Arranjo lindo feito pra você
Não existe amor em SP
Os bares estão cheios de almas tão vazias
A ganância vibra, a vaidade excita
Devolva minha vida e morra afogada em seu próprio mar de fel
Aqui ninguém vai pro céu
Não precisa morrer pra ver Deus
Não precisa sofrer pra saber o que é melhor pra você
Encontro duas nuvens em cada escombro, em cada esquina

Me dê um gole de vida
Não precisa morrer pra ver Deus

_ 

Pragmatismo Político

Comentários

O e-mail não será publicado.