Redação Pragmatismo
Compartilhar
São Paulo 06/Oct/2016 às 13:17
2
Comentários

Ciclistas realizam ato na frente da casa de João Doria Jr.

Ciclistas fazem manifestação em frente a casa de João Doria. Ativistas pedem que futuro prefeito se comprometa com a manutenção dos atuais 400 quilômetros da malha cicloviária da cidade

ciclista casa joão doria são paulo ciclovia manifestação

Dezenas de ciclistas fizeram na noite de ontem (5) uma manifestação em frente à do prefeito eleito de São Paulo, João Doria Jr.. Os ciclistas partiram por volta das 19h30 da Avenida Paulista e foram até o Jardim Europa, área nobre da capital paulista. Lá entregaram uma carta a um dos seguranças da casa, em que reivindicaram a continuidade do programa de expansão de ciclovias na cidade e pedem que o futuro prefeito se comprometa com a manutenção dos atuais 400 quilômetros da malha cicloviária da cidade.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, publicada nesta quarta-feira, João Doria disse não vai ampliar a rede cicloviária, a não ser em “real necessidade”, e que manterá apenas as ciclovias que têm movimento de ciclistas e que não foram construídas sobre calçadas. Segundo ele, serão feitos estudos para avaliar quais ciclovias serão eliminadas.

Firmando esse compromisso, o futuro prefeito conseguirá diminuir a quantidade de mortes junto aos ciclistas no trânsito“, diz o texto da carta. “Caso ainda não tenha sido convencido, e insista que ciclovias sem ciclistas devem ser removidas, considere que uma calçada vazia, sem pedestres constantes, também deverá ser retirada“.

Em frente a casa de Doria, os ciclistas deitaram no chão simbolizando os usuários de bicicletas mortos no trânsito da capital paulista e gritaram palavras de ordem como “Fica, ciclovia”, “nenhum metro a menos”, e “poderia ser seu filho”. Os manifestantes gritaram ainda “Desacelera, Doria”, em referência ao tema da campanha eleitoral do candidato eleito, “acelera, São Paulo”.

Os ciclistas pediram a continuidade do Plano de Mobilidade Urbana, publicado pela Secretaria de Municipal de Transportes em abril de 2015 e que previa o planejamento de construção de uma malha cicloviária de 1,5 mil quilômetros na capital até o ano de 2030.

tLeia também:
Extremistas celebram vitória de Doria agredindo ciclista na Av. Paulista
Simulador revela como reduzir a velocidade ajuda a diminuir o trânsito
Como a Alemanha mudou sua visão sobre as ciclovias
WSJ: Haddad seria considerado visionário se fosse prefeito de Berlim
Prefeita de Paris diz que “votaria em Haddad” durante debate na Sciences Po

De acordo com os seguranças da casa de João Doria, o candidato eleito não estava na residência. A reportagem não conseguiu localizá-lo.

Bruno Bocchini, Agência Brasil

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. enganado Postado em 06/Oct/2016 às 15:17

    Os ciclistas escaparam de serem fuzilados pela PM-SP, PF_DB(SP), exercitUS, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal_DB, guarda particular pessoal do João Dólar_ia Junior. ((só para esclacer: Se a palavra JUNIOR fosse traduzida para TUPINIQUIM seria ""Filho"" , mas como o ""Dolária"" é nascido aqui na Espelunca da DIREITA=Pocilga da DIREITA=braziUS=ESSA PORRA, lógico que usará a palavra JUNIOR, acho até que para os Patrões=USraHell=AIPAC=i$$$raHell faz grande diferença)). Das próximas vezes pelo menos fazem seus protestos a luz do dia, porque nos casos de PORRADAS / CEGUEIRAS / DESTRUIÇÃO DAS BICICLETAS / QUEBRA DE OSSOS / .... etc, possam aparecer as caras dos meganhas para serem condecorados pelos já citados acima+MORO+FHC+ALCKMIN+RATAZANA+ALEXANDRE de MORAES+ALOYSIO 300 MIL NUNES+ALEXANDRE "FODA"+ . . . e tantos outros que militam nesta balada DEMOCRÁTICA para o engrandecimento do amado pelos USraHell, ___"""braziUS"""___. Encaixou bem o esclarecimento, não acham?????

  2. Thiago Teixeira Postado em 07/Oct/2016 às 12:13

    Não vai resolver nada, votaram tudo 45, tem mais é que lascarem mesmo e aumentar a audiência do Datena.