Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2016 29/Sep/2016 às 14:29
5
Comentários

“João Doria é mais falso que nota de R$ 30,00”, revela ex-assessor do candidato

"Doria é tão verdadeiro quanto nota de R$ 30,00, ou como o tingimento de seus cabelos ou o botox que andou aplicando. Vomito quando o vejo falando de Mário Covas, que não o digeria [...]". Depoimento de ex-assessor de João Doria repercute na imprensa. Confira a íntegra

João Doria candidato PSDB mario covas
João Doria diz que se inspira no ‘amigo Mario Covas’, mas falecido político tucano não o suportava, revela ex-assessor em depoimento. (Foto: Renato Mendes/SIGMAPRESS/Estadão)

por Luiz Carlos Franco, via Facebook

Meus amigos sabem que não costumo falar de política no Face, mas a bem da verdade — e aqui quem quiser usar com fins eleitoreiros, que use — preciso entrar na disputa aos 45 do segundo tempo.

É na condição de ex-assessor de João Doria na extinta Paulistur, hoje SP Turis, nos idos de 1985, única vez em que deixei a iniciativa privada, que resolvi falar.

João Doria é tão verdadeiro quanto nota de R$ 30,00, ou como o tingimento de seus cabelos ou o botox que andou aplicando.

Cruzamos caminhos algumas vezes, e após eu ter investido dois anos de minha vida profissional para torná-lo presidente da Embratur, foi capaz de oferecer seus serviços de agência à TAM — Linhas Aéreas, onde eu trabalhava, o que implicaria — se o comandante Rolim aceitasse – na minha demissão.

Também pediu minha cabeça ao sr. Frias, dono da Folha, por discordar de artigos que publiquei. Tive certeza da sua fidelidade ao ser informado pelo comandante Rolim sobre sua proposta; e pelo jornalista Adilson Laranjeira, meu chefe à época na Folha da Tarde, que ele havia pedido minha cabeça.

Não bastasse, ao levar um cliente em seu programa, na TV Band, aproveitou a oportunidade para fazê-lo de escada e mostrar o quanto era íntimo da empresa do fundador da companhia. Para azar de Dória, a mãe do entrevistado em questão era outra, e o filho, um bem-sucedido empresário nascido fora do casamento.

Sei que por estar à frente nas pesquisas vão se opor ao que estou falando, mas a verdade dos fatos fala mais alto.

Vomito quando vejo Dória falando de Mário Covas, que não o digeria. Mário entrava na sala de João, no Anhembi, batendo cinzas de cigarro no chão, por não aturar o executivo imposto pelo grande governador Franco Montoro. Covas não o suportava, e ele vem dizer que era amigo e que muito aprendeu com Covas.

E depois vem dizer que não é político, mente tanto quanto a classe que representa.

Observação: tenho muitas outras histórias para contar, não me provoquem!

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Enio Postado em 29/Sep/2016 às 15:16

    Dória, um político lobista http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-melhor-descricao-de-joao-doria-como-fraude-vem-de-seu-colega-de-psdb-alberto-goldman-por-kiko-nogueira/

  2. José Ferreira Postado em 29/Sep/2016 às 17:12

    Com o Dória em primeiro lugar nas pesquisas, eu vejo os petistas se cagand% de medo.

  3. Thiago Teixeira Postado em 29/Sep/2016 às 18:07

    Isso não vem ao caso para os coxinhas. Vai vencer a eleições e fazer dobradinha tucana com Alkmin além do capacho Temer.

  4. Sérgio Postado em 30/Sep/2016 às 09:01

    Como essas pessoas votam no PSDB de Alkimiim cujo o secretario de Sá segurança de SP atual ministro da justiça ,era advogado de uma empresa de transporte vc ligado ao PCC

  5. JOHN J. Postado em 30/Sep/2016 às 11:29

    VOCÊ JÁ ANALISOU O PERFIL REAL DE SEU CANDIDATO? Qual candidato se parece com a descrição abaixo? COMO AGE O ESTELIONATÁRIO? Ele é um ator, sempre bem vestido, muito falante, tem boa lábia e é muito persuasivo, estabelece relação sentimental, elogia e até se põe ‘no lugar’ do outro para praticar golpes com requintes. Muito Cuidado! Eles são falsários, pilantras, bandidos, criminosos como os demais ao pé da lei, mas a diferença é que praticam a fraude com requinte e sentimentalismo, e, para tanto, se valem de uma lábia vigarista que impressiona, por vezes, os mais criativos roteiristas de cinema. Ele é um ator espetacular e só consegue sucesso por estabelecer uma relação com a vítima. . Assim, o “bom de lábia”, age quase sempre em duas frentes: ou é o que atua com sentimento de piedade, ou pela ganância. Curioso é que a vida política está cheia de candidatos e eleitos com as características e perfil de estelionatários, são homens do bem, são trabalhadores, e ficaram ricos com muito esforço, não prometeram nada, o pior é que eles estão a caça de seu voto, do voto dos “otários” tome cuidado. Não se deixe enganar, pois na politica, quem já tem muito dinheiro, só está interessado em ter mais PODER, e para isso ele não se importa em quem ou em quantos ele vai pisar. https://www.google.com.br/webhp?sourceid=chrome-instant&ion=1&espv=2&ie=UTF-8#q=o+que+%C3%A9+um+estelionat%C3%A1rio