Redação Pragmatismo
Compartilhar
Educação 05/Jul/2016 às 15:11
41
Comentários

Leandro Karnal desmonta o ‘escola sem partido’ em menos de 2 minutos

O historiador e professor da Unicamp Leandro Karnal precisou de pouco mais de um minuto (assista) para expor a hipocrisia e a incoerência do projeto chamado de 'escola sem partido' que, apesar da nomenclatura, é patrocinado por partidos políticos como o DEM, o PSC e o PSDB

Leandro Karnal escola sem partido
Leandro Karnal, professor da Unicamp

O professor da Unicamp e comentarista da TV Cultura, Leandro Karnal, expressou com todas as letras o significado do projeto chamado de ‘escola sem partido’, mas que é patrocinado por partidos políticos, principalmente pelo DEM, PSC e pelo PSDB, que abraçou o projeto.

Para Karnal, o projeto é a expressão máxima da ignorância humana (vídeo abaixo).

“É uma asneira sem tamanho, uma bobagem conservadora, de gente que não é formada na área e que decide ter uma ideia absurda, que é substituir o que eles imaginam que seja uma ideologia por outra ideologia…É uma crença fantasiosa de uma direita delirante e absurdamente estúpida de que a escola forme a cabeça das pessoas e que esses jovens saem líderes sindicais. Os jovens têm sua própria opinião. Os jovens não são massa de manobra…. Toda a opinião é política, inclusive a ‘escola sem partido’…. A demonização da política é a pior herança da ditadura militar, que além de matar seres humanos, ainda provocou na educação um dano que vai se arrastar por mais algumas décadas”.

Em nível nacional, um dos principais expoentes da ‘escola sem partido’ é o deputado Izalci Lucas (PSDB-DF). Ou seja, a estultice começa com um partido propondo um projeto de uma ‘escola sem partido’.

Outro deputado do PSDB, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN) é autor do PL 1411/2015, que tipifica e estabelece punições para o crime de “assédio ideológico”. O deputado João Campos de Araújo (PSDB-GO) compara a discussão política na escola ao ‘assédio sexual’

VÍDEO:

informações de Carta Campinas e Roda Viva

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Italo Scobar Postado em 05/Jul/2016 às 16:38

    Vídeo indisponível :(

  2. José kleber Postado em 05/Jul/2016 às 17:12

    Felipe tu deves ser mais um desses assíduos telespectador da rede de manipulação Globo, procura estudar para saberes o verdadeiro significado de comunismo, deixa de ser burro de luneta, o atraso do nosso país é a ignorância política, a ignorância educacional, sai da frente da televisão e vai lê, assim tu te informa melhor sobre comunismo

  3. tiago Postado em 05/Jul/2016 às 17:22

    incrível como a direita tem medo de assumir suas crias né? Sempre tentam vir com um movimento ou idéia apartidária, apolítica, etc. O tal movimento Brasil livre, essa falácia do escola sem partido e o golpe de 64. Covardes......

  4. Eduardo Ribeiro Postado em 05/Jul/2016 às 17:35

    O projeto é tão fecal e retrógrado que bastou um - UM - historiador sério, ponderado e instruído abordar o assunto com a criticidade e a dureza necessárias, e fez-se o silêncio dentro do estúdios da TV Cultura, e fez-se a luz dentro do circo trevoso da direita canalha, que anseia por mais uma geração de zumbis energúmenos e analfabetos políticos dóceis, amestrados e facilmente manipuláveis, que saem da escola aptos a "apertar um parafuso no concorrido mundo globalizado" à perfeição, mas não sabem o que é direita e esquerda (alguns dizem até que isso não existe mais...). Karnal LECIONOU, simplesmente DOUTRINOU com irrefreável autoridade intelectual, sem a menor e mais pífia resistência dos presentes. O tonto do apresentador e seus convidados ficaram sem nem ter por onde começar a dar chilique. Karnal obliterou o assunto, simplesmente não há o que discutir mais. Nunca houve, na verdade. Somente gente de curto alcance intelectual, desinformados ou bandidos defendem esse esgoto em forma de projeto.

    • VERA LUCIA MELLO NUNES Postado em 05/Jul/2016 às 23:45

      Se o professor TIVESSE todo esse domínio com os ALUNOS SO TERÍAMOS FERAS NO BRASIL. SERIAM OS MELHORES NAO TERIAMOS ALUNOS REPETINDO , MAIS SIM FERASSSSSS

  5. José Ferreira Postado em 05/Jul/2016 às 17:35

    Quem não deve, não teme. O professor que é digno de sua profissão, que não assedia ideologicamente e separa a sua opinião do conteúdo que deve ser ensinado (independente de ideologia), não terá qualquer problema com essa lei.

    • Vera Lucia mello Nunes Postado em 05/Jul/2016 às 23:37

      A direitos TEM medo daqueles que pensam!

  6. Alan Kevedo Postado em 05/Jul/2016 às 17:36

    PSC ? É PÚBLICO E NOTÓRIO QUE TODO PARTIDO QUE CARREGUE EM SUA SIGLA O NOME "CRISTÃO " ESTÁ -SE REFERINDO AO JESUS DAS RELIGIÕES OCIDENTAIS, LOIRÃO E COM CARA DE BRAD PITT, FUNDADOR DE IGREJA E QUE RECUSAMOS PEREMPTORIAMENTE. PRECISA DIZER MAIS ?

  7. Tariel Postado em 05/Jul/2016 às 18:04

    Sem comentar as opiniões desta pessoa, acho estúpido criticar o fato de um projeto que envolve toda a sociedade através da questão fundamental da educação porque foi proposto por um partido político. Vai ser proposto por quêm? O colega do happy hour? Seria inacreditável os partidos políticos se ausentarem do assunto. Aparentemente é mais uma manifestação de mediocridade partesã. Isto sem nenhum julgamento sobre as opiniões expressas na entrevista.

  8. Marcelo Postado em 05/Jul/2016 às 18:18

    Eis a direita raivosa e estúpida... O discurso, pra variar, não varia. Vira o disco.

  9. Carlos Costa Postado em 05/Jul/2016 às 18:42

    Como professor, concordo plenamente com Leandro Karnal. Triste é ver gente que nunca entrou na sala de aula, se dispor a falar sobre o que não entende. Por isso o Alexandre Frota se tornou acessor do ministério da educação

    • Josivan Simplicio Postado em 05/Jul/2016 às 19:52

      Com todo respeito: 'assessor' (última linha).

  10. Edevando Postado em 05/Jul/2016 às 18:45

    /\ Ele é centro liberal. Aliais, isso de "Comunista" é o bicho papão ou o velho do saco pra adultos. O EUA já manda no mundo, a guerra fria já acabou. Não há mais motivos pra ficar carregando esse nome como um imbecil manobrado

  11. Edevando Postado em 05/Jul/2016 às 18:47

    "Não caiam no papo desse charlatão comunista" da mesma forma que caíste no papo dos charlatões manobrando os burros pra poder roubar? Sem questionamento não tem como criar um individuo que saiba votar. No máximo vem pessoas como você, as mesmas que re-elegem os criminosos de sempre.

  12. Josivan Simplicio Postado em 05/Jul/2016 às 19:49

    Mostra para os bolsonaros, caiados e felicianos para ver se ao menos eles conseguem compreender o raciocínio.

  13. Daniel Augusto Postado em 05/Jul/2016 às 19:51

    Quando alguém me chama de comunista eu já visualizo o grau mental débil e doente do cidadão.

  14. pedro Postado em 05/Jul/2016 às 20:15

    Eduardo Ribeiro,voce sabe muito, voce escreve muito,disse tudo oque eu queria escrever, com respeito aos outros comentaristas, mas sou seu fã, mas vou dizer um simples desejo meu. Gostaria que o Karnal, " encarnasse" nessas cabecinhas cheia de fezes que tem neste País, esses babacas são " analfabetos politicos"

  15. Flor Postado em 05/Jul/2016 às 21:54

    "defina comunista sem olhar no google"...amei...faz tempo que tinha vontade de fazer a mesma provocação....

  16. Breno Postado em 05/Jul/2016 às 22:36

    Cara, uma dica para a vida: concordando ou não, o Karnal mostrou argumentos fortes, você mesmo o chamou de inteligente na sua crítica. Se você quer contra-argumentar, tente usar algum embasamento sólido. A única coisa que você fez foi usar um discurso raivoso tentando atacar a pessoa do Karnal sem nem saber quais são as inclinações políticas dele. Aliás, chamar todo mundo com uma opinião diferente de comunista já está chato e é coisa da década de 60. Suas cinco linhas podem até ter agradado a quem JÁ CONCORDA com você mas provavelmente causaram uma grande aversão a quem não tem uma opinião definida. Se o seu objetivo foi convencer alguém, tem que aprender a argumentar melhor. Se foi somente disseminar ódio, parabéns, você está no caminho correto.

  17. dejaime Postado em 05/Jul/2016 às 23:14

    "ESCOLA SEM PARTIDO" (refere-se a "partido político"). O papel da escola e ensinar, e até mesmo a criticar e debater, mas duvido o "convidado" acredita mesmo que o jovem (e a criança) não possa ser "doutrinado" por professores (cabos eleitorais) de qualquer partido. Crianças de cinco anos cantando a "Internacional" e falando em "mais-valia" não é, com certeza, papel da escola.

  18. Antonio Postado em 05/Jul/2016 às 23:15

    A direita sabe que p manipular essa massa atrasada não precisa de muito!

  19. Mateus Fernandes Postado em 05/Jul/2016 às 23:41

    É claro que os jovens foram durante toda a história, e até hoje são massa de manobra. Me decepcionou essa declaração do Karnal. Não defendo o projeto de lei, mas também não concordo com toda inclinação política sugerida no ensino superior. O problema é que cada um defende o seu peixe, um professor esquerdista nunca falará coisas boas a respeito do livre comércio. Do mesmo modo um professor que simpatize com o livre comércio não falará coisas boas sobre governos de esquerda. Seria ótimo se todos os estudantes tivessem a capacidade de filtrar o que cada coisa tem de razoável.

  20. Cebola Postado em 06/Jul/2016 às 11:01

    Naro, a marca reconhecida da juventude é a rebeldia, é um trabalho por demais ingrato tentar condicionar jovens...

  21. Cebola Postado em 06/Jul/2016 às 11:03

    Naro, a marca reconhecida da juventude é a rebeldia, a irresponsabilidade, seria uma tarefa por demais ingrata tentar condicioná-los...

  22. sergio ribeiro Postado em 12/Jul/2016 às 16:53

    Ensinar Marx e Engels em sala de aula é doutrinação ideológica; ensinar Adam Smith e Mises não é. Tá serto.

  23. Eduardo Ribeiro Postado em 05/Jul/2016 às 17:46

    Bobo da Corte finalmente aprendeu a escrever?

  24. Adriano Postado em 05/Jul/2016 às 18:06

    Como você é ridículo!!!

  25. Leandro Postado em 05/Jul/2016 às 18:26

    Você deveria assistir ao documentário: o dia que durou 21 anos. Antes de falar tanta asneira, Felipe! Pra vcs quem não compartilha das ideias direitistas, automaticamente, são comunistas. Larga de ser imbecil

  26. Carlos Costa Postado em 05/Jul/2016 às 18:42

    Defina comunismo sem consultar o google por favor.

  27. Joca Postado em 05/Jul/2016 às 18:52

    Debilidade detectada. Nos dois comentários acima a prova de que são duas pessoas que não sabem debater. O Felipe francamente, vamos problematizar nossa sociedade, estudar a respeito da construção política de nosso país.

  28. João das Neves Postado em 05/Jul/2016 às 19:08

    Charlatão Comunista? UAU! MDS, o cara é um dos maiores historiadores do Brasil velho. Quem é você? Um típico conservador safado e dissimulado?

  29. Ana Melo Postado em 05/Jul/2016 às 19:21

    Por um discurso assim, espero que você seja melhor do que ele intelectualmente falando. Não deve nem saber o que é comunismo e se ele for? Qual o problema? Ainda acredita que comunistas comem criancinhas?

  30. Lais Postado em 05/Jul/2016 às 19:52

    O problema é dele se ele é comunista. O que tu tem a ver com isso?? E tu é direitista, cada um com sua ideologia. Mas que ele é mais inteligente que tu isso tá na cara.

  31. marcos Postado em 05/Jul/2016 às 20:06

    quem construiu um Brasil de ordem e progresso? onde? quando? pra quem? alias em que escola tu estudou?

  32. Roberto Postado em 05/Jul/2016 às 20:48

    Vivemos tempos tão insanos que "comunista" virou ofensa e assassinos salvadores da Pátria...

  33. jô Batista Postado em 05/Jul/2016 às 23:13

    Vai estudar coxinha golpista! Sabe de nada,inocente!!!!!

  34. Judson Postado em 05/Jul/2016 às 23:28

    E se você estiver fazendo isso agora, nesse seu "lindo texto"?

  35. Alex Postado em 06/Jul/2016 às 09:47

    Que comentário mais esdrúxulo.

  36. Adriano Postado em 05/Jul/2016 às 18:05

    Como você é ridículo!!!

  37. Luana Mineiro Postado em 05/Jul/2016 às 23:37

    Esse comentário serve pros 2 lados!!!

  38. Eduardo Ribeiro Postado em 06/Jul/2016 às 11:00

    Não, cara...fala sério...escrever 5 linhas que fazem sentido é demais pra você. Copiou de onde essas 5 linhas?