Redação Pragmatismo
Compartilhar
Geral 04/Jul/2016 às 18:06
4
Comentários

Jorge Kajuru reaparece após ameaças de morte e revela por que sumiu

Muito se especulou sobre o desaparecimento de Jorge Kajuru na última semana e houve até boato de que seu corpo tinha sido encontrado. Ameaçado de morte após denúncias contra o governador Marconi Perillo (PSDB-GO) e Carlinhos Cachoeira, o jornalista reapareceu e explicou por que sumiu

Jorge Kajuru jornalista desapareceu
(Imagem: O jornalista Jorge Kajuru)

O jornalista e apresentador Jorge Kajuru afirmou que decidiu “passar um tempo fora” após ameaças recebidas em razão das denúncias feitas contra o governador de Goiás Marconi Perillo (PSDB-GO) e o bicheiro Carlinhos Cachoeira.

No sábado (2), seu produtor fez um anúncio nas redes sociais dizendo que ele havia sumido. Na madrugada desta segunda-feira (4), Kajuru disse em suas redes sociais que prestará esclarecimentos à Justiça.

“Em 2002, fui tirado de Goiânia num sábado às 11 da manhã num avião para São Paulo, porque algumas pessoas próximas alegavam que eu estava correndo risco. Essas mesmas pessoas me aconselharam a tirar uns 15, 20 dias e ir para um lugar seguro, o momento não estava bom para mim. Um jornalista foi assassinado com sete tiros no centro da cidade. Semana passada, quase mataram outro jornalista, quebraram a costela dele. Fiz minha mala, chamei dois seguranças, que são ex-policiais e falei: ‘Não temos prazo para voltar'”, afirma ele, que viajou na terça-feira.

No sábado, em Ribeirão Preto, foi avisado de que seu paradeiro era conhecido. “Eu estava descasando, ia sair à noite, queria encontrar o filho do Sócrates, o Júnior. Minha ideia era ficar lá até quarta-feira. Falei: ‘Vamos cair fora’. Mas ontem à noite disse ‘Chega’. Não sou fugitivo, não matei ninguém, apenas denunciei. Estou exercendo minha profissão de jornalista”, disse.

O apresentador afirma que procurou o Ministério Público para tomar providências. “Quanto à família, não tenho preocupação, sou filho único, meus pais já morreram, não tenho nem um primo. Minha mulher mora no Rio de Janeiro. Agora eu tenho uma decisão a tomar. Se essa insegurança continuar, vou decidir se vou cair fora de Goiânia. Amo a cidade, fiquei 15 anos lá, me candidatei a deputado federal por lá. A maior parte do povo gosta de mim. É um povo sofrido, a imprensa não denuncia nada”, diz ele, que promete não parar com as denúncias.

“Para denunciar as coisas em Goiás eu não preciso morar lá. No programa ‘Tele Kajuru Denúncia’ recebo em média 350 denúncias por dia, a maioria com documento. Tenho 200 horas de gravações do Marconi e do Cachoeira. Coloquei as principais, as mais estarrecedoras. Não tem uma terceira pessoa sobre a qual eu faça uma denúncia tão grande”, afirma.

“Vou desaparecer toda vez que eu sentir o risco real. Grato a imprensa nacional. Vocês fazem coronéis ter medo de matar um defunto nacional”, escreveu.

“Em Goiás se matou jornalista no centro com 7 tiros. Queriam que eu ficasse cara a cara com jagunços de bicheiro e políticos frios. Escondi mesmo”, finalizou.

informações de Folhapress e AE

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. João Paulo Postado em 05/Jul/2016 às 01:34

    E é para TEMER mesmo ...

  2. Doido Postado em 05/Jul/2016 às 02:24

    Rapaz, lá o coronelismo é bravo mesmo. Grande trabalho, se cuida Kajuru e continue denunciando com astúcia.

  3. Marcio Ramos Postado em 05/Jul/2016 às 08:04

    Marconi é gangster. Mafioso perigoso. Mata mesmo e todos em Goias sabem disso. Força na luta Kajuru e sai dai que o teu ta na reta.

    • Alde Moraes Postado em 04/Aug/2016 às 21:39

      É uma pena que Jorge Kajuru, não faça por onde merecer crédito total no que diz. Eu ouvi ele dizer que tinha informação de "fonte insuspeita" - se é que isso existe - de que Dilma havia comprado a copa do mundo, portanto, era certo que o Brasil levaria a taça. Disse também que se isso não ocorresse, ele deixaria de ser comentarista esportivo. Nenhuma das duas coisas aconteceram. Como acreditar numa pessoa dessa? Se passa uma vida inteira para construir uma reputação ilibada e, uma mídia ou mesmo um jornalista irresponsável, tem poder para feri-la irremediável e mortalmente com uma única capa de revista e, Kajuru sabe disso. Mesmo assim, ele mesmo se encarrega de sujar sua própria reputação e, fazer com que sua palavra perca o valor que um dia já teve.