Redação Pragmatismo
Compartilhar
Direita 05/May/2016 às 14:40
6
Comentários

A mulher que interrompeu uma marcha neonazista na Suécia

"Talvez o que fiz se torne um símbolo. Espero que saia algo positivo dessa foto; se uma pessoa pode, qualquer uma é capaz", diz mulher que interrompeu marcha neonazista na Suécia

neonazista Suécia mulher marcha
Ativista do grupo Afrophobia Focus, Tess Asplund protestou contra manifestação neonazista no domingo (01/05) e foto viralizou

Em entrevista ao jornal inglês The Guardian publicada nesta quarta-feira (04/05), a ativista sueca Tess Asplund disse que espera que seu ato de protesto contra uma manifestação neonazista em seu país possa “ser um símbolo de que podemos fazer alguma coisa”. Uma foto de Asplund com um braço erguido em frente a líderes do SMR (Movimento de Resistência Sueca, na sigla em sueco) no último domingo (01/05) viralizou na internet.

“Espero que saia algo positivo dessa foto. Talvez o que eu fiz possa ser um símbolo de que nós podemos fazer alguma coisa — se uma pessoa pode, qualquer uma é capaz”, disse Asplund. O protesto, que contou com cerca de 300 neonazistas, ocorreu na cidade de Borlänge, a noroeste da capital Estocolmo.

“Sinto vergonha que nós tenhamos esse problema [na Suécia]. A polícia afirma que é um país democrático, que eles podem se manifestar, mas eles são nazistas! É horrível”, disse ela. “O racismo foi normalizado na Suécia. Eu pensava que em 2016 a Suécia fosse ter uma mente mais aberta, mas algo aconteceu”.

Asplund se identifica como afro-sueca é ativista do grupo Afrophobia Focus, de combate ao racismo no país. No ano passado, um relatório da ONU indicou que o racismo é “um extenso problema social” na Suécia, um dos países europeus em que movimentos de extrema-direita têm ganhado força e popularidade nos últimos anos.

“Eu tenho amigos que já foram atacados por eles [membros do SMR] e que tiveram que mudar de endereço. Recebi ligações feitas de madrugada por números privados em que gritaram comigo. É difícil falar sobre o ódio”, disse Asplund. “Os nazistas estão muito bravos, então estou um pouco ‘droga, talvez eu não devesse ter feito aquilo, eu quero paz’. Eles são fortes e loucos. É um sentimento confuso, mas estou tentando me manter calma”.

Sobre o momento em que interrompeu o protesto, Asplund disse que foi “um impulso”. “Eu estava tão irritada, eu apenas fui até a rua. Eu pensei ‘não, eles não podem marchar aqui, nenhum nazista vai marchar aqui’”, afirmou.

Opera Mundi

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. João Paulo Postado em 06/May/2016 às 04:34

    Segundo Papai Lula, essa é "grelo duro"!

  2. Eduardo Ribeiro Postado em 06/May/2016 às 08:41

    Suécia tem uma noção estranha de democracia. "nazistas tem direito a se manifestar num país democrático". Tem nada.

  3. Rodrigo Postado em 06/May/2016 às 10:46

    (Outro Rodrigo) Essa deu uma lição de dignidade e ensinou o que é protesto a muitos. Parabéns à Sra. Tess.

  4. Flávio Postado em 09/May/2016 às 15:40

    Essa praga, esse ranço de extrema-direita está em toda a parte. Um horror.

    • eu daqui Postado em 10/May/2016 às 13:24

      E o ranço de extrema esquerda dando pretexto.........Um dando corda ao outro....

  5. enganado Postado em 09/May/2016 às 19:07

    Nazismo: Três Patetas do BálticUS, sUSécia, FrançUS, UScrânia, U$$$raHell, ... ., Pois é Nazismo deixou de ser pensamento político e se traduziu em atos de selvageria contra os mais fracos e/ou contra desafetos. O Bigode mandou assassinar todos os contrario ao seu mando, no momento a coisa continua do mesmo modo. Os EUA assassinaram: Kadafi, Saddam, Bin Laden, ... , fora os governos em que a CIA/NSA/MOSSAD intervieram por debaixo dos panos, ex. bem atual, GOLPE-2016 no BRASIL. Na A. Latina fizeram com o Chávez, Evo Morales, Raphael, Lugo, e agora nas eleições do Peru, igual na Argentina. Isto é o que? Nazismo! Então essas historinhas de nazismo só passam na rede gRoubo qdo alguma grana-$$$$$ da Direita está em jogo. Veja se passam a passeata nazista na Letônia? Não e não, porque são as buchas de canhões do Báltico, então pode! Essa historinha de nazista é porque TODOS os NAZISTAS são contra a RÚSSIA. Ah, ah, ah, ah, .... . ____ """ braZil. Pátria do ÓDIO e RETROCESSO """ ____. ___“” braZil, Pátria de INJUSTIÇAS, Viciados em COCAÍNA e LADRÕES ”” ___“” Golpe é na gRoubo ””__ .