Redação Pragmatismo
Compartilhar
Impeachment 11/Apr/2016 às 17:17
18
Comentários

Vaza áudio de Michel Temer antecipando discurso sobre vitória do impeachment

Áudio de Michel Temer falando como se o impeachment tivesse sido aprovado é uma das provas mais contundentes do golpe capitaneado pelo PMDB. Na gravação, o vice-presidente afirma estar fazendo seu "primeiro pronunciamento à nação", e diz que decidiu falar agora, "quando a Câmara autoriza o impedimento de Dilma por votação significativa"

Michel Temer áudio vaza impeachment
O vice-presidente Michel Temer (Imagem: Murillo Constantino)

O vice-presidente Michel Temer afirmou em uma mensagem gravada distribuída para integrantes do PMDB que é preciso “um governo de salvação nacional”. Segundo ele, o momento exige a “pacificação” e a “reunificação” do país.

De acordo com a assessoria de imprensa de Temer, a gravação da mensagem foi uma “preparação” de Temer, que acabou divulgada “sem querer” para um grupo de Whatsapp.

Durante o áudio, divulgado pela Folha (ouça o áudio aqui), Temer afirma que está fazendo “seu primeiro pronunciamento à nação”. O vice-presidente contou ainda que se recolheu há mais de um mês para “não aparentar que estaria cometendo algum ato, praticando algum gesto com vistas a ocupar” o cargo de Dilma. Ele disse que, durante este período, foi “procurado por muitos que estão aflitos com a situação do nosso país”.

Temer destacou que é preciso lembrar que haverá “um longo processo pela frente”, já que o Senado ainda fará uma votação do impeachment. No entanto, o vice-presidente ressalta que confia na decisão dos senadores. “Nós temos que aguardar e respeitar a decisão soberana do Senado”, disse.

O vice-presidente afirma no áudio que, assumindo a Presidência, manterá programas sociais como Bolsa Família, Pronatec e Fies. “Sei que dizem de vez em quando que, se outrem assumir, vamos acabar com Bolsa Família, vamos acabar com Pronatec, vamos acabar com Fies. Isso é falso. É mentiroso e fruto dessa política mais rasteira que tomou conta do País. Portanto, neste particular, quero dizer que nós deveremos manter estes programas e até, se possível, revalorizá-los e ampliá-los”, afirmou.

Tiro no pé

Para o editor da Folha de S.Paulo em Brasília, áudio de Michel Temer foi um verdadeiro tiro no pé.

“O vazamento do pronunciamento [de Temer] é um monumental tiro no pé para a imagem do vice-presidente à espera do impeachment de Dilma Rousseff. Resta saber se o cálculo político do impedimento será afetado, contudo, e para que lado. O áudio de um discurso pronto enumerando pontos para uma transição de governo é mais do que constrangedor do ponto de vista político”, diz Igor Gielow.

“Pregará no peemedebista a pecha de conspirador ou golpista, justamente a narrativa que vinha sendo martelada pelos governistas. Seria fatal em qualquer democracia ocidental civilizada: o vice detalha no áudio todos os pontos para uma calculada transição antes da hora. Há trechos especialmente irônicos na gravação, como a introdução na qual ele se refere a ‘palavras preliminares’ a serem ditas ‘com muita modéstia'”, afirma Gielow.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Jonas Schlesinger Postado em 11/Apr/2016 às 17:32

    Quem é esse? O fantasma que nunca apareceu, mais fraco que caldo de bila quer ser presidente?

  2. Alfredo Duarte Postado em 11/Apr/2016 às 17:35

    ‘palavras preliminares’ a serem ditas ‘com muita modéstia'” ladrão, mentiroso FDP!

  3. poliana Postado em 11/Apr/2016 às 17:47

    PATÉTICO é a palavra!!!!!!!!!!! meu deus!!!!!!!!!!!!!!!!!!! PATÉTICO!!!!!!!!!!!!!!!!!

  4. Alan Kevedo Postado em 11/Apr/2016 às 17:47

    Quanto mais vemos essas coisas, mais ojeriza sentimos de focas amestradas munidas de título eleitoral. Já sabemos que há crianças precoces dizendo que quando crescer querem ser políticos.

  5. Jorge Luiz Postado em 11/Apr/2016 às 17:49

    Oque esses caras estão querendo fazer com meu voto? Eu não votei no Cunha nem nos mais de 300 deputados investigados ou réus na Lava Jato. Assim, prefiro que Dilma feche o congresso e fique só com o Senado; componha então a Câmara somente com os que não se negam a trabalhar. Golpe por golpe, que seja um golpe democrata e não um golpe de idiotas! Tirem também os maçons de todos os cargos públicos para começar a melhorar. Com eles em cargos públicos há duas justiças e isso não pode perdurar numa democracia; além de que eles não tem ética pública, somente privada e entre eles. Por que então querem ocupar cargos públicos se passaram a vida inteira só defendendo interesses privados? Oque eles entendem do que é público? Isso deveria ser vedado constitucionalmente. Eles dão suporte ao golpe nas cidades e são as principais fontes de financiamento; isso porque estão aos baldes nas listas de sonegadores do mundo inteiro. Infelizmente hoje a maçonaria é uma praga para o progresso no Brasil e no mundo.

    • José de Pindorama Postado em 11/Apr/2016 às 21:26

      Caro Jorge Luiz, louve-se seu comentário. Apenas complementando, hoje há um arco de alianças que, na minha humilde opinião, se fundamenta em setores empresariais, parcela do Judiciário, parcela do aparato Policial, fração das Forças Armadas, a grande mídia, um percentual da população cega pela grande mídia, e a parte podre da Classe Política. O 'adesivo' que conecta todas essas parcelas, são as chamadas 'associações, irmandades e confrarias secretas' -- que tem um código de conduta acima de quaisquer Constituições; isso à nível mundial. Desejam um mundo unilateral. É esse o arco que apoia o Golpe. Essa ação é pura Geopolítica, ninguém deseja um 'Player' mundial da estatura do Brasil, que se bem administrado, em pouco tempo, será uma potência como poucas. Evidente, que em citando as entidades que compõe esse arco, existem pessoas ilibadas, probas, com retidão de caráter, e honestas; mas para nossa infelicidade não estão no comando. Sem falar em serviços secretos internacionais articulando deitando e rolando no Brasil sem serem incomodados pela nossa Inteligência Nativa.

    • Leonardo Postado em 11/Apr/2016 às 22:30

      """""" golpe democrático """"""

  6. David Postado em 11/Apr/2016 às 18:16

    Mais falso que uma nota de 30 reais.

  7. Thiago Teixeira Postado em 11/Apr/2016 às 18:24

    Tiro no pé??? Quem se importa com isso? Será ovacionado no JN dessa noite, e divulgarão com dramaturgia a mensagem dele a nação.

  8. Onda Vermelha Postado em 11/Apr/2016 às 18:34

    TemerTraíra: Uma trapalhada atrás da outra! #VazaTemer Que figura desprezível!

    • mary simonette Postado em 12/Apr/2016 às 13:12

      #TemerGolpistaTrapalhao

  9. Cristovão Moura Postado em 11/Apr/2016 às 20:10

    Não houve vazamento nenhum, tudo foi feito com a mais nefasta intenção de influenciar na votação do GOLPE. Sem nenhum aparelho especial de audição, dar para ouvir ao fundo da fala do anti Cristo, o som de folhas de papel grandes paginando como se alguém estivesse segurando-as e passando para o desgraçado ler. Por volta mais ou menos dos 12 minutos e 10 segundos da fala fica bem evidente o que estou falando aqui. Segue parte da carta de renúncia de Jango. "Desejei um Brasil para os brasileiros, afrontando, nesse sonho, a corrupção, a mentira e a covardia que subordinam os interesses gerais aos apetites e às ambições de grupos ou de indivíduos, inclusive do exterior. Sinto-me, porém, esmagado. Forças terríveis levantam-se contra mim e me intrigam ou infamam, até com a desculpa de colaboração." (Jânio Quadros - Brasília, 25 de Agosto de 1961).

  10. Rita Postado em 11/Apr/2016 às 20:48

    Urubu FDP

  11. Luiz Postado em 11/Apr/2016 às 21:15

    Esse nao tem a mínima condiçoes.é traira e armou toda essa trapalhada.

  12. Maria Cristina Postado em 11/Apr/2016 às 21:30

    Isso prova qual a veedadeira intensão desse cidadão! -Vamos travar o país com uma crise política, juntamente com Eduardo Cunha, depois apareceremos como salvadores da Pátria dando continuidade a um governo cujo a própria presidente Dilma queria dar!

  13. Daniel Leal da Costa Postado em 11/Apr/2016 às 21:42

    O abajur saiu da sala!!! Que apoio de todos os partidos...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  14. Lopes Postado em 12/Apr/2016 às 07:33

    Brasil pra frente, Temer Presidente!

  15. Antonio Palhares Postado em 12/Apr/2016 às 09:18

    Este era o professor da matéria traição na universidade que Judas Iscariotes se formou. Também foi professor de Joaquim Silverio dos Reis.