Redação Pragmatismo
Compartilhar
Impeachment 19/Apr/2016 às 16:51
1
Comentário

The New York Times diz que impeachment no Brasil é 'referendo sobre o PT'

Editorial do The New York Times questiona impeachment no Brasil e afirma que processo é, na verdade, um “referendo sobre Partido dos Trabalhadores”. Jornal afirma que Dilma Rousseff está sendo responsabilizada por práticas que foram cometidas por outros políticos sem tanto “escrutínio”.

the new york times impeachment dilma

O jornal norte-americano The New York Times afirmou, em editoral nesta segunda-feira (18/04), que o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff é um “referendo sobre Partido dos Trabalhadores”.

Em editorial, a publicação diz que o processo contra Dilma Rousseff envolve mais do investigar supostos crimes que, segundo o jornal, foram cometidos por outros políticos sem tanto “escrutínio”.

Leia:
“Querem derrubar Dilma por 6 decretos suplementares? Alckmin assinou 31”
“Se Dilma for afastada por pedaladas fiscais, tem que cassar todos os deputados”

De acordo com o NYT, o impeachment é um “referendo” da legenda que atualmente ocupa a Presidência da República. “Em essência, é um referendo sobre o Partido dos Trabalhadores, que está no poder desde 2003”.

A publicação diz que Dilma, reeleita em 2014 para um mandato de quatro anos, “está sendo responsabilizada pela crise econômica do país e pelas investigações de corrupção que envolvem muito da classe política brasileira”.

O jornal fez referência à entrevista coletiva à imprensa de Dilma na segunda-feira (18/04), em que a mandatária disse estar sendo vítima de um “golpe”, e afirma que a presidente tem duas principais alternativas: convocar novas eleições ou “lutar contra o impeachment com esperança reconquistar de alguma forma a confiança do público”.

Segundo o NYT, se Dilma Rousseff se mantiver no cargo, terá que apresentar uma visão clara para recuperar a economia brasileira e “erradicar o tipo de corrupção que se tornou negócio em Brasília”.

Opera Mundi

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Line Postado em 20/Apr/2016 às 08:44

    Tanto que queriam barrar as investigações sobre o CUnha agora.