Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mídia desonesta 14/Apr/2016 às 12:53
0
Comentários

Jornal britânico critica manipulação da mídia brasileira na cobertura da crise

Mídia brasileira é 'parcial', diz jornal britânico. Segundo The Independent, "manipulação da imprensa" reforça opiniões contrárias à presidente Dilma: “A mídia tem usado o poder das imagens e das palavras para construir uma narrativa desenhada para influenciar a opinião pública”

jornal britânico critica imprensa brasil globo manipulação

A “manipulação da mídia” na cobertura da crise política no Brasil tem reforçado opiniões contrárias à presidente do país, Dilma Rousseff, diz uma matéria publicada no jornal britânico The Independent no domingo (10/04).

Segundo o jornal, a cobertura feita pelos meios de comunicação brasileiros vem causando preocupação entre jornalistas, que afirmam que o processo democrático está sob ameaça por causa de uma imprensa “parcial“.

A mídia tem usado o poder das imagens e das palavras para construir uma narrativa desenhada para influenciar a opinião pública”, disse ao The Independent a jornalista e coordenadora do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação de Brasília, Bia Barbosa.

Veja:
Mídia brasileira ameaça a democracia à ‘queima roupa’
Jornal Nacional: a desintegração da produção de sentido
Dilma divulga nota de repúdio contra texto da Istoé: “covarde, escandaloso e sexista”

Para Boaventura de Sousa Santos, professor de Sociologia da Universidade de Coimbra, também ouvido pelo jornal, os setores de direita vêm usando a operação com fins políticos. “A direita brasileira sequestrou a investigação [Lava Jato] e junto com seus cúmplices na mídia, transformou uma investigação judicial em uma tentativa de golpe constitucional”.

O jornal diz também que os meios de comunicação no Brasil estão concentrados em “alguns conglomerados” e que pertencem a uma elite historicamente ligada à direita. “Os mesmos partidos políticos falharam em derrotar Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores, nas urnas”, diz o texto.

Segundo a matéria, embora as denúncias de propina, corrupção e lavagem de dinheiro trazidas com a Operação Lava Jato impliquem representantes de todos os partidos, “o foco é predominantemente nos membros do Partido dos Trabalhadores, assim como no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.”

Leia também:
Jornalista da Globo apaga post vergonhoso sobre impeachment após críticas
Mídia dá impeachment como certo, mas a realidade é bem diferente

Opera Mundi

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários