Redação Pragmatismo
Compartilhar
Impeachment 18/Apr/2016 às 16:54
10
Comentários

Como votaram no impeachment os 20 deputados investigados pela Lava Jato

20 deputados investigados pela Lava Jato votaram neste domingo (17) na sessão do impeachment. Em suas justificativas, a maioria falou em ‘ética’ e citou que votava pela abertura do processo contra Dilma Rousseff porque deseja que a corrupção seja extinta no Brasil

impeachment dilma câmara dos deputados lava jato
(Imagem do momento da aprovação do impeachment na Câmara dos Deputados/Reuters)

Dos 22 deputados investigados pela Operação Lava Jato, 20 votaram na sessão do processo de impeachment contra Dilma Rousseff realizada na Câmara dos Deputados neste domingo (17).

Desses, 16 votaram a favor do impedimento da presidente, que agora segue ao Senado.

Entre eles, está o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Em suas justificativas, a maioria citou que votava pela abertura do processo porque deseja que a corrupção seja combatida e extinta no Brasil.

VEJA TAMBÉM: Os discursos mais corajosos na votação do impeachment

Apenas quatro votaram contra o processo de impeachment de Dilma.

Veja abaixo o voto dos investigados na Operação Lava Jato:

Afonso Hamm (PP-RS) Impeachment – sim
Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) Impeachment – sim
Arthur Lira (PP-AL) Impeachment – sim
Dilson Sperafico (PP-PR) Impeachment – sim
Eduardo da Fonte (PP-PE) Impeachment – sim
Eduardo Cunha (PMDB-RJ) Impeachment – sim
Jerônimo Goergen (PP-RS) Impeachment – sim
José Mentor (PT-SP) Impeachment – não
José Otávio Germano (PP-RS) Impeachment – sim
Lázaro Botelho (PP-TO) Impeachment – sim
Luiz Carlos Heinze (PP-RS) Impeachment – sim
Luiz Fernando Faria (PP-MG) Impeachment – sim
Missionário José Olimpio (DEM-SP) Impeachment – sim
Nelson Meurer (PP-PR) Impeachment – sim
Renato Molling (PP-RS) Impeachment – sim
Roberto Balestra (PP-GO) Impeachment – sim
Roberto Britto (PP-BA) Impeachment – não
Simão Sessim (PP-RJ) Impeachment – sim
Vander Loubet (PT-MS) Impeachment – não
Waldir Maranhão (PP-MA) Impeachment – não

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Jonas Schlesinger Postado em 18/Apr/2016 às 18:42

    É por isso que sou convicto no meu ideal monarquista parlamentarista. No parlamentarismo monárquico, o chefe de estado seria suprapartidário, o presidente seria o primeiro-ministro e o parlamento não teria tantos urubus políticos.

    • João Paulo Ferreira de As Postado em 18/Apr/2016 às 19:50

      Sr. Jonas. No Plebiscito de 1993 eu também votei na monarquia e no parlamentarismo. Hoje não o faria, pois Sua Alteza Imperial e Real é de extrema direita. E na época ele teve um acesso de sinceridade que o fez perder muitos votos: declarou-se virgem e casto, num país extremamente machista. Suas razões, porém, estão certas.

      • Deisi Postado em 19/Apr/2016 às 09:04

        Os traidores conspiradores, confiscaram 54 milhões de votos, inclusive o meu, sob o comando de um.presidente corrupto, com contas na Suica, sosobrevive de manobras, falcatruas e ameaças. Com apoio das elites, da mídia golpista, de uma oposição macabra e oportunista, de uma justiça que demonstra sem nenhum.constrangimento partidária. Infelizmente, Temer e Cunha, com a "ponte para o futuro", eles vão deixar o povo sem ponte e sem chão. Os coxinhas de memória fraca, vão sentir o que é um governo de direita. Principalmente pelas perlas de direitos trabalhistas, esse povo tem mais.que si ferrar, inclusive pobre que é beneficiário de programas sociais.

    • Denisbaldo Postado em 19/Apr/2016 às 10:38

      Parlamentarismo aqui perpetuaria a direita no poder. Fora de questão.

      • Deisi Postado em 19/Apr/2016 às 13:04

        Com certeza Denisbaldo, quem não tem voto, quer o parlamentarismo, ou se jutam para o golpe.

  2. Universitária Postado em 18/Apr/2016 às 19:46

    Prefiro a Democracia.

    • Jonas Schlesinger Postado em 18/Apr/2016 às 23:53

      Democracia existe tanto na república ou semi-república quanto na monarquia. Vide a Noruega. Um abraço.

  3. Mônica Costa Postado em 18/Apr/2016 às 20:35

    E o rei seria você? Tá bom... Senta lá.

    • Jonas Schlesinger Postado em 18/Apr/2016 às 23:52

      Quanta ignorância. Acho eu que se referiu a mim quando bostejou esse comentário. As maiores democracias do planeta 7 são monarquias e o presidencialismo foi um golpe de estado perpetrado pelo amigo de Dom Pedro II. Mas como sou realista, afinal 127 anos de república não é pouca coisa, opto por novas eleições gerais.

  4. Sérgio Postado em 19/Apr/2016 às 02:24

    Jabor: ¨Ô Cunha, assim você atrapalha o GOLPE.¨: https://www.youtube.com/watch?v=t5nILejvpbo