Redação Pragmatismo
Compartilhar
Impeachment 15/Apr/2016 às 15:49
5
Comentários

Boatos se intensificam em meio a discussão do impeachment

Na boca do impeachment, boatos se espalham e prejudicam o debate político. Do submundo para uma multidão: estupro coletivo realizado por petistas, confisco de poupança e uma foto falsa da presidente Dilma criança com Hitler que foi compartilhada mais de 35 mil pessoas

impeachment boato dilma hitler
Na boca do impeachment, boatos se espalham e prejudicam o debate político (EBC)

Mais de 35 mil pessoas compartilharam uma foto falsa de Dilma Rousseff quando criança com Adolf Hitler como se ela fosse real. Acontece que Hitler morreu dois anos antes de a presidenta nascer. Isso sem o whatsapp, que não pode ser mensurado.

Na boca da votação do impeachment, o jogo baixo nas redes está se intensificando. Um dos casos mais recentes foi divulgada amplamente na terça-feira (12): “Lula deixa Brasília às pressas ao saber de nova fase da Lava-Jato. Seria um mandado de prisão?”. Notícia falsa, difundida por sites como Diário do Brasil e O Antagonista.

O blog de Reinaldo Azevedo, hospedado no site da revista Veja, também fez um falso alerta: “Acreditem! Planalto discute hipótese de decretar estado de defesa! (…) Há celerados querendo criar agitação até nos quartéis”. Embora o texto insista que este não é um boato, trata-se de uma notícia sem qualquer fundamento. A presidenta Dilma Rousseff e a base aliada defendem a democracia e condenam qualquer medida típica de Estado de Exceção.

Alguns casos são ainda mais escandalosos do que outros, como a suposta foto da presidenta Dilma Rousseff ao lado do ditador Adolf Hitler, espalhada nos primeiros dias de abril. Um retrato impossível de ser feito, já que Hitler morreu em 1945, enquanto Dilma nasceu em 1947. A foto falsa gerou até um Tumblr com brincadeiras, o Dilmomentos, que apresenta, em forma de ironia, imagens como Dilma com Stálin e Lênin, em 1917, em 1949, com Mao Tse-Tung, e até no naufrágio do barco Titanic, em 1912.

Outro grave boato – hoax, como também são chamados – recentemente divulgado é de um estupro coletivo praticado por 54 militantes petistas. O crime teria acontecido em 10 de abril, em Belo Horizonte. “A jovem Bianca Buzatto Cesarini, 26 anos, foi barbaramente violentada após se indispor com um grupo de manifestantes pró-Dilma na Vila Cemig”, informa a notícia, publicada no site Folha Brasil, assinada por Josias Oliveira, que se apresenta como jornalista da Universidade de São Paulo e teatrólogo.

Além de terem espancado e violentado a mulher, os militantes são acusados de escrever no chão com o sangue da vítima: não vai ter golpe. Para completar, a mentira é acompanhada de uma foto mostrando homens com camisas vermelhas batendo em uma pessoa na rua.

O fato não aparece em nenhum jornal de grande circulação ou na televisão. E um crime brutal como este seria amplamente noticiado. Uma pesquisa também pelo nome “Bianca Buzatto Cesarini” mostra referências, apenas, nos próprios sites em que foi divulgado o boato.

Ainda na categoria absurdos, foi divulgado um boato sobre um suposto confisco das poupanças antes do Impeachment. Esta é uma mentira frequente, que circula pela Internet há mais de um ano, pelo menos. Uma das versões mais recentes da mentira surgiu como áudio de WhatsApp:

“Rose, uma pessoa dos Estados Unidos me avisou (…) que é pra tirar todo o dinheiro do banco! Quem tem poupança, é pra tirar, porque dia 18 vai ter o saqueamento dos bancos (…) Dilma vai saquear todos os bancos, até salário! (…) é a chefe do Banco do Brasil dos Estados Unidos que avisou pra ela, pra ela avisar pro povo brasileiro (…) pra abastecer bastante a casa com comida e com petróleo porque eles vão trancar tudo!”.

O ‘alerta’ se espalhou por todas as redes sociais a partir de uma falsa captura de tela de aviso da Caixa Econômica Federal.

RBA

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Galvão Postado em 15/Apr/2016 às 21:55

    Ainda bem que eu aprendi a ler e escrever, tenho discernimento, não sou um cavalo com cabresto (com todo o respeito as cavalos). Só imbecil para acreditar em tanta idiotice. Achar que informação real vem de redes sociais e mídia golpistas e dominadoras de opinião (Globo. Record, Band, Veja, Folha de São Paulo, O Globo, Época, Isto é, Estadão, e tantas outras fontes de informações (manipulação de opiniões) regionais. Quem quiser ser burro e manipulado é só se informar por estas fontes.

  2. Pedro Postado em 16/Apr/2016 às 03:50

    A midia faz isso "profissionalmente" ha um século. Deixa a galera se divertir.

    • Rita Candeu Postado em 16/Apr/2016 às 10:50

      vc. chama a isso de diversão? jura?

  3. Roberto Postado em 16/Apr/2016 às 04:35

    Essa de "abastecer bastante a casa com comida e com PETRÓLEO" parece ter sido (mal) traduzida do inglês para o português. Quem, aqui no Brasil, chama combustível de "petróleo"?

    • Rita Candeu Postado em 16/Apr/2016 às 10:50

      pre vc. ver o "nivel" das pessoas que acreditam e espalham essas mentiras