Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 23/Mar/2016 às 19:44
23
Comentários

Sergio Moro coloca listão da Odebrecht sob sigilo

Listão da Odebrecht com pagamentos a cerca de 200 políticos vazou para a imprensa nesta quarta-feira (23) e conta com nomes de peso como Aécio Neves e Eduardo Cunha. Após a repercussão da lista, Sergio Moro resolveu colocar o documento sob segredo de Justiça

Sergio Moro Odebrecht Aécio Cunha
Eduardo Cunha e Aécio Neves estão em listão da Odrebrecht

O juiz federal Sérgio Moro decidiu nesta quarta-feira (23) colocar em segredo de Justiça uma lista de pagamentos a cerca de 200 políticos, apreendida em uma busca da Polícia Federal na casa de um dos executivos da Odebrecht.

A medida foi tomada pelo juiz após a relação ter sido anexada no processo sobre as investigações da 23ª fase da Operação Lava Jato, conhecida como Acarajé, e divulgada pela imprensa.

A lista cita políticos da oposição e do governo que receberam repasses da empreiteira. Nos documentos, não há juízo sobre a legalidade dos pagamentos. A construtora é uma das maiores doadoras a políticos.

Estão presentes, por exemplo, os nomes do senador Aécio Neves (PSDB-MG), do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do deputado Paulinho da Força (SD), do também deputado Celso Russomano (PRB), dos senadores José Sarney (PMDB-AP), Romero Jucá (PMDB-RR) e Humberto Costa (PT-PE),

Conforme afirma o jornalista Fernando Rodrigues, que divulgou a lista, trata-se do mais completo acervo do que pode ser a contabilidade paralela da empresa descoberta e revelada ontem na investigação. Segundo a PF, o executivo Marcelo Odebrecht também estava envolvido no pagamento de propinas.

Recomendados para você

Comentários

  1. Asdrubal Mascaranha Postado em 23/Mar/2016 às 20:35

    O Fernandinho tem as lista do HSBC também. Porque não divulga também.

  2. Peterson Postado em 23/Mar/2016 às 21:35

    Ok, tem uma coisa que nenhum site explica quando diz isso - qual é o efeito prático do sigilo? Nenhum, né, já que agora o negócio já caiu na boca do povo e tá aí na internet pra quem quiser olhar. É mais ou menos como querer recolher fofoca. Uma vez que espalhou, já era...

  3. Deisi Postado em 23/Mar/2016 às 22:05

    Esse moro é um picareta, depois de ter vazado, vem com papinho de sigilo. Mais de 200 nomes, não constam nem Lula, nem Dilma, com certeza grande frustração pro juizinho de primeira instância.

  4. Luiz Abujamra Postado em 23/Mar/2016 às 22:22

    Vocês supostamente comemoram isso, correto ? Uma pena que 90% dos nomes da lista, são do PT que vocês defendem com unhas e dentes. Da hora a vira.

    • Rosali de Rosa Cantlin Postado em 24/Mar/2016 às 03:22

      Você viu a lista? Se viu, ou é um mentiroso cara-depau, ou é muito burro. Eu até acredito que seja as duas coisas;

      • Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 12:02

        Simplesmente ele não conhece matemática.

    • Otavio Postado em 24/Mar/2016 às 08:10

      Deixe de ser imbecil!

  5. Irion Postado em 23/Mar/2016 às 23:13

    É que neste listão só estão os "parceiros" do golpe! Esconde!!!

  6. Roger Postado em 24/Mar/2016 às 00:33

    Você tem certeza de ter lido toda a lista para fazer a afirmação de que 90% é do PT?

  7. Pedro Postado em 24/Mar/2016 às 09:07

    Pô! Manda pra rede Globo. Quero ver o Bonner lendo a lista nome por nome, e a galera do verde-amarelo com cachorro e empregada sair pra reclamar deles também. Se choveu nas crianças, tem que secar todas, não apenas algumas.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 24/Mar/2016 às 10:32

      Não assistiu o JN ontem? Fiz questão de assistir para ter noção em tempo real de até onde chega a CARA DE PAU desses calhordas. Bonner mandou aquela voz impostada e disse que """""como a lista é muito extensa, não daria pra ler inteira, e nem faria sentido ler esse ou aquele nome""""". Tem Aécio, Alckmin, Serra, galera do PSDB e do PMDB....mas o jornalismo da Globo é incapaz de selecionar 10/12 nomes de extrema relevância e falar. Mas....se tem Dilma e Lula na lista, imagina se ele não ia falar com um megafone, canhões de luz e jatos de fumaça e papel brilhante picado....mas não tem. NÃO TEM. O cinismo do "jornalismo" da Globo é sem limites.

  8. felipe Postado em 24/Mar/2016 às 09:13

    Não sei qual o motivo da comemoração, Lula e Dilma não estão mas a base todinha do governo esta, nossa que banaca.... olha o Aécio e o Cunha esta, assim como o prefeito de SP Fernando Haddad e o Alckmin, o PT tem pelo menos o dobro de citados dos outros partidos, com exceção do PMDB (PT 75 e PMDB 45) óbvio que o PT não tem 90% mas tem sim a grande maioria, o que mais é absurdo nessa história são as pessoas falarem de Lula e Dilma e não questionarem os 75 que estão alí.

    • Henrique Postado em 24/Mar/2016 às 11:01

      pois é, a coisa ta tão feia que até nisto tão se grudando. Primeiro, é uma lista com nomes, apenas isto. O que a lava-jato quer saber é se o dinheiro que irrigava campanhas de mais de 200 políticos vinha de descvios ou se com isso o político fazia algum lobby para a empresa. O sigilo se dá pq, no momento que abrirem investigação iria para o STF, onde ocorreria de maneira mais lenta. Outra, é sabido que todos os partidos possuem corruptos, e muitos financiados pelas mesmas empresas punidas na lava-jato, porém há MUITOS do PT. Aqui do Rio grande do sul tem 47 políticos, pelo menos metade é do PT e da base governista, então qual a comemoração? Aliás, é algo a se comemorar, "ele tem mais denunciados que eu", "ó, ele começou". Parece coisa de criança mimada

      • Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 12:10

        A "comemoração" talvez seja para demonstrar que corrupção não tem nada a ver com partido, essa é a reclamação que vejo de meus amigos de esquerda. Porque, quando o Maluf foi condenado na França, ninguém disse que o PP inteiro é corrupto (ao contrário, frisam que o PT é corrupto por ter se aliado a ele!). Ninguém saiu por aí criminalizando o PMDB e a direita inteira por causa do Eduardo Cunha, e está correto. Ninguém saiu por aí pregando que o PSDB inteiro é corrupto por causa do "trensalão", por causa do "merendão", e está correto. Quando é de uma vertente política, a corrupção é do indivíduo; quando é de outra, é do partido inteiro. Esse é o problema, e a reclamação procede. É cometer o erro de tomar o todo pela parte. O que se verifica é a tentativa de criminalizar o PT, as esquerdas e, pior ainda, qualquer segmento progressista.

      • felipe Postado em 24/Mar/2016 às 14:30

        Ricardo, tanto esquerda quanto direita faz a mesma coisa, ta aí a matéria para não mentir, quando convém a esquerda pega casos da direita e diz que toda direita o faz, e o mesmo faz a direita, digo esquerda e direita mas na vdd na minha opinião temos partidos de centro esquerda e centro direita, praticamente toda a base política do país ta nessa planilha, quando começou a se falar dos "acarajés" tiraram um sarro da PF e do Moro, agora estão vendo o resultado da investigação, podem falar o que quiser do Moro, mas graças a ele e a PF muita coisa esta sendo descoberta.

    • Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 12:03

      A base vc diz PMDB?! Tão bom.

  9. Eduardo Ribeiro Postado em 24/Mar/2016 às 10:24

    Ué....agora é sigiloso, heróizão? Eu me pergunto: onde está afinal, cade a tal da - como é que vossa sapiência se referiu mesmo? - "preponderância do interesse público" citada pelo """herói moralizador pai do Brasil""" até dias atrás nos casos dos grampos ilegais? Vamos botar as cartas na mesa, pai? Agora é sigiloso porque apareceu nome muito muito muito PESADO que não devia ter aparecido em hipótese alguma - em especial caciques tucanos - e NÃO APARECEU LULA E DILMA nessa merda. Tô certo, heróizão? Tô aqui imaginando sua cara na hora que você abriu a planilha, mandou um ctrl-f Lula e ctrl-f Dilma, e não apareceu o nome dos dois...tem que meter sigilo mesmo....valeu, heróizão moralizador...tamo junto. Vai ser dificil manter a imagem de "imparcial" que tanto se fala, mas tamo junto...

    • Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 12:12

      Só por isso ele já se mostra arbitrário e indigno de continuar com a toga.

  10. gustavo0 Postado em 24/Mar/2016 às 11:09

    Quando um caso de corrupção emerge, e o mesmo é motivo de excitação e alegria por parte das pessoas, é um sinal de que a política realmente não vai bem das pernas. No mais, é cada vez mais flagrante a degenerada relação entre o estado e as oligarquias.

  11. Rodrigo Postado em 24/Mar/2016 às 11:56

    (Outro Rodrigo) Quero ver a crítica continuar inflamada ao serem lidos todos os nomes da lista. Desde já, seguem alguns que não estão nessa lista específica: Jean Wyllys, Bolsonaro, Jandira, Magno Malta, Collor, Dilma, Pauderney Avelino, Alvaro Dias, Erika Kokay, Romário, Maluf e Tiririca. Tem uma boa parte da base aliada, outra boa parte da comissão de impeachment. Tem nomes até impensáveis (pra quem idolatra "ídolos")... E aí, já está encaminhado o "acordão"?

  12. enganado Postado em 25/Mar/2016 às 09:46

    naroX, Vc continua sem-vergonha e recebendo grana da gRoubo/embaixada de USraHell/ ... etc. Cara vou te dar um conselho não procure acabar com a Lava-Jato porque aí a mesada acaba / o çERRON já combinou com o bandido do Temer tão logo assumiria o DESGOVERNO, acabaria com a Lava-Jato. Presta atenção que se Vc ainda NÃO CHEIRA/ NÃO FUMA / NÃO BEBE, não entra no governo do AÓPIO. Presta atenção na tua balada, porque o "O IMUNDO/ORDINÁRIO/VENAL " , Moro, não divulga a tal lista porque com certeza o nome dele deve estar na LISTA e/ou quem o paga. Vc se lembra qdo o O IMUNDO descobriu a ligação da Mansão dos Marinho´s com o tal sítio do LULA e o Triplex, mandou soltar todo mundo, ou seja, tem cú tem medo e VC sabe que o MOSSAD/CIA não mandam matar, eles mesmos MATAM. Tá explicado!

  13. Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 12:11

    Claro, tem políticos de todos os partidos, mas a solução para a corrupção é acabar com a esquerda.

  14. Ricardo Postado em 24/Mar/2016 às 17:12

    Taí um cara que não entendeu o que escrevi - por conveniência ou por ignorância. A propósito: é possível defender a esquerda sem defender os corruptos... Ah, claro, se vc entendeu o que aconteceu na Alemanha pós-Weimar, mas talvez não seja interessante...

O e-mail não será publicado.