Redação Pragmatismo
Compartilhar
Política 29/Mar/2016 às 16:00
5
Comentários

Aos gritos de "Brasil para frente, Temer presidente", PMDB sai do governo

Em reunião que durou menos de cinco minutos, PMDB oficializa saída do governo Dilma Rousseff e deve apoiar impeachment. Moção foi aprovada por aclamação aos gritos de "Brasil para frente, Temer presidente" e "Fora PT"

PMDB reunião governo dilma impeachment
PMDB oficializa saída do governo em breve reunião

Em menos de cinco minutos, o PMDB aprovou há pouco, por aclamação, a moção que ratifica o rompimento do partido com o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), com a recomendação de entrega imediata dos cargos no governo federal.

No encontro, na Câmara dos Deputados, estavam presentes vários caciques do partido, incluindo o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que acatou o pedido de impeachment contra Dilma, avaliado por uma comissão de parlamentares.

No entanto, o vice-presidente Michel Temer (PMDB) e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), não participaram da reunião.

Logo após abrir os trabalhos, o primeiro vice-presidente do PMDB, senador Romero Jucá (RR), leu a moção do peemedebista baiano Geddel Vieira Lima, ex-ministro da Integração Nacional, e informou que havia um entendimento que ela fosse aprovada por aclamação e simbólica, o que ocorreu em seguida.

Após a comemoração dos presentes, um grupo gritou, em coro, “Brasil, pra frente, Temer presidente” e Jucá emendou. “A partir de hoje, nessa reunião histórica, o PMDB se retira da base e ninguém no País está autorizado a exercer qualquer cargo federal em nome do PMDB”.

Juca encerrou o encontro com um “Viva o Brasil” e membros do partido ainda tiveram tempo para entoar um “Fora PT”.

Apresentada pelo diretório estadual da Bahia, a moção que aprovou o desembarque do PMDB do governo pede a “imediata saída do partido da base de sustentação do governo Dilma Rousseff”, com “imediata entrega de todos os cargos”, mas não estabelece prazo para entrega desses postos.

Na moção, aprovada por aclamação em uma reunião que durou menos de cinco minutos, o partido defende o desembarque do governo Dilma Rousseff, elencando uma série de problemas. Entre eles, as crises “econômica, moral e política” que, na avaliação do diretório estadual baiano, o Brasil vive e as “escolhas erradas nas ações do governo federal”.

A legenda também considera que, embora Michel Temer seja vice-presidente da República, o partido “nunca foi chamado para discutir soluções econômicas ou políticas para o País”. No documento, a legenda cita ainda “escândalos de corrupção” que tiveram participação de integrantes do governo, sem especificar que escândalos são esses.

“Solicitamos a imediata saída do PMDB da base de sustentação do governo federal com a entrega de todos os cargos em todas as esferas da administração pública federal”, conclui o texto da moção aprovada.

VEJA TAMBÉM: PMDB: de onde vens, para onde vais?

Vídeo:

PMDB fora do governoURGENTE URGENTE URGENTE URGENTEPMDB SAI DO GOVERNO E ENTREGA TODOS OS CARGOSAos gritos de “Fora PT” e “Temer Presidente”, PMDB deixa governo em reunião de três minutos.Agora, só falta Temer renunciar.#RenunciaTemerQuer desafiar? Não tô entendendo, mexeu com a Democracia você vai sair perdendo!Por Jornalistas Livres

Publicado por Jornalistas Livres em Terça, 29 de março de 2016


Agência Estado

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 29/Mar/2016 às 18:02

    Bem feito para a porcaria do governo bunda mole que temos. A 10 anos venho exaustivamente dizendo para tirarem essa bosta de PMDB do governo que nunca prestou pra nada. Agora o impeachment é questão de dias, não há votos suficientes nem na câmara e nem no senado, nunca teve, seria mais digno perder o mandato com um governo 100% esquerda, sem puxar o saco dos coronéis peemedebistas. Ou o governo reage, coloca sei lá, o STÉDILE, Pochman, Ciro Gomes, Rui Costa Pimenta nos ministérios, ou ... dane-se.

    • Jonas Schlesinger Postado em 30/Mar/2016 às 00:36

      Acredito que a Dilma é a culpada disso tudo. Não quero entrar no mérito de dizer que eu sou a favor do impeachment ou não, mas parece que agora vai. Se ela for inteligente, peça a cassação da chapa toda e convoca novas eleições. Novas eleições seria a "melhor solução". Agora o Temer presidente, mais 1 presidente não eleito é um tapa na cara da democracia. Por isso Thiago que eu sou monarquista, porque a república do brasil nasceu de um golpe da direita militar e oligárquica dos cafeicultores que derrubou Dom Pedro II (que começava a engatinhar a ideia de progressista) e até hoje a ultra-direita tenta derrubar as democracias mesmo fracas da republiqueta. A gente deveria seguir o modelo da Grã-Bretanha e botar um moderador como 4º poder. Eu era meio pé atrás com essa ideia da volta da monarquia, mas se continuar com essa de toda vida o vice ser presidente, prefiro acabar logo com a república e pronto. Eleger um 1º ministro garante muito mais democracia do que eleger 1 presidente.

    • Antonio Palhares Postado em 30/Mar/2016 às 09:10

      Ser derrubado por bandidos que deveriam estar nas cadeias e' o que de pior que existe. Eu sempre achei que o Lula deveria ter acabado com o psdb e a globo. Agora Inês e' morta. Mais uma vez o povo perdeu.

  2. João Paulo Postado em 29/Mar/2016 às 18:13

    Mas o nosso "Underwood de merda" não vai renunciar, vai? Uma bomba neste encontro resolveria boa parte da criminalidade do país.

  3. Sérgio Postado em 29/Mar/2016 às 20:27

    31/03 é o dia do povo Brasileiro BRAVA GENTE BRASILEIRA LONGE VÁ TEMOR SERVIL https://www.youtube.com/watch?v=eG3fvVrMXwk&list=RDeG3fvVrMXwk#t=231 Já podeis da Pátria filhos Ver contente a Mãe gentil; Já raiou a Liberdade No Horizonte do Brasil Já raiou a Liberdade Já raiou a Liberdade No Horizonte do Brasil Brava Gente Brasileira Longe vá temor servil; Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Os grilhões que nos forjava Da perfídia astuto ardil, Houve Mão mais poderosa, Zombou deles o Brasil. Houve Mão mais poderosa Houve Mão mais poderosa Zombou deles o Brasil. Brava Gente Brasileira Longe vá temor servil; Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Não temais ímpias falanges, Que apresentam face hostil: Vossos peitos, vossos braços São muralhas do Brasil. Vossos peitos, vossos braços Vossos peitos, vossos braços São muralhas do Brasil. Brava Gente Brasileira Longe vá temor servil; Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Parabéns oh Brasileiros, Já com garbo juvenil Do Universo entre as Nações Resplandece a do Brasil. Do Universo entre as Nações Do Universo entre as Nações Resplandece a do Brasil. Brava Gente Brasileira Longe vá temor servil; Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil. Ou ficar a Pátria livre, Ou morrer pelo Brasil.