Redação Pragmatismo
Compartilhar
EUA 17/Sep/2015 às 10:33
2
Comentários

Ben Carson, o pré-candidato republicano que ameaça Donald Trump

Novato no cenário político, Ben Carson, único pré-candidato republicano negro já assume o segundo lugar nas pesquisas e ameaça o favoritismo de Donald Trump. Carson é considerado um dos neurocirurgiões mais renomados do mundo e sua história já foi contada no filme Gifted Hands: The Ben Carson Story, estrelado por Cuba Gooding Jr.

Ben Carson Donald Trump
Contido e discreto, Ben Carson é o oposto de Donald Trump na disputa pela candidatura republicana à Presidência dos EUA

Correndo por fora do circo midiático gerado pelo bilionário Donald Trump, um neurocirurgião aposentado sem experiência na política encostou na liderança da disputa republicana à Casa Branca.

Ben Carson, 63, parece ser o único a ameaçar a supremacia do histriônico Trump.

A ascensão de Carson na preferência dos eleitores republicanos impressiona. Segundo pesquisa da rede de TV CBS e do “The New York Times”, o médico saltou de 6% antes do primeiro debate, em agosto, para 24% agora.

Trump, que tem dominado o noticiário com seu estilo bombástico e provocativo, segue no topo, mas teve alta modesta, de 24% para 27%.

Em comum entre os dois pré-candidatos há o fato de não serem políticos profissionais e por isso atraírem eleitores fartos da política tradicional. Fora isso, são personalidades inteiramente diferentes: Trump é bilionário, branco e exibicionista.

Ele ficou famoso pela fortuna ganha no setor imobiliário e por apresentar o reality show “O Aprendiz” -após comentários xenófobos, Trump será substituído no programa por Arnold Schwarzenegger.

Carson, único negro na disputa, superou a infância pobre para se tornar neurocirurgião. Tem a fala pausada e prefere fugir de polêmicas.

Debate entre republicanos da CNN

No debate realizado pela CNN nesta quarta-feira (16), Donald Trump voltou a prometer a construção de um muro na fronteira com o México.

“Antes de mais nada, quero construir um muro, um muro que funcione. Há muita gente ruim no país que vem de fora”, afirmou o pré-candidato.

“Se for eleito, no primeiro dia essa gente [11 milhões de pessoas] vai partir daqui. Os Estados Unidos são um país baseado em leis e vou garantir que sejam respeitadas. Esses são imigrantes ilegais”, disse.

O segundo colocado nas pesquisas entre os republicanos, o cirurgião afro-americano Ben Carson, concordou que a fronteira entre Estados Unidos e México está desprotegida. No entanto, comentou que é inviável deportar 11 milhões de imigrantes ilegais.

Para Carson, a expulsão deles — a maioria latinos — seria uma tarefa gigantesca.

“Estou disposto a escutar como alguém faria isso a um custo razoável, posso discutir isso”, ponderou o neurocirurgião.

Carson vs. Trump

O debate da quarta-feira criou expectativa sobre o desempenho de Carson, um novato no cenário político e que assumiu o segundo lugar nas pesquisas, em algumas delas muito próximo de Trump. Interpretado por Cuba Gooding Jr. no filme Gifted Hands: The Ben Carson Story, ele iniciou uma disputa particular com Trump depois de questionar as convicções religiosas do empresário.

Em meio à disputa, Trump avalia que Carson é apenas um médico regular, quando na verdade o pré-candidato é um dos neurocirurgiões mais renomados do mundo, principalmente em razão de suas operações de separação de siameses.

informações de Folhapress e AFP

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. sergio ribeiro Postado em 17/Sep/2015 às 16:29

    Seria uma disputa interessante uma mulher contra um negro. Os supremacistas pirariam.

  2. Dedé Postado em 21/Sep/2015 às 18:20

    Ben Carson seria o candidato ideal do Partido Republicano. 1° pelas idéias, 2° por ser negro e afastar de vez do partido a pecha de racista que o partido carrega por não ser de esquerda.