Redação Pragmatismo
Compartilhar
Protestos 18/Aug/2015 às 12:08
74
Comentários

Os registros de violência nos protestos de domingo

Vídeos e imagens de agressões contra pessoas que se opunham às ideias das manifestações do último domingo ou simplesmente pessoas comuns que utilizavam roupas vermelhas foram registrados em diversos locais do Brasil

protesto dilma impeachment 16 agosto
Um relato conta o caso de uma senhora vestida de vermelho que foi chamada de “putinha do Lula” e “velha doida”. Ela replicou os insultos dizendo “vivi a época da ditadura, vou morrer lutando contra ela”.

Em alguns dos protestos que aconteceram em 149 cidades do país no último domingo (16) e mobilizaram milhares, foram registradas agressões a pessoas que se opunham às ideias dos manifestantes ou simplesmente pessoas que utilizavam roupas vermelhas. Só em São Paulo, segundo o Datafolha, foram 125 mil manifestantes.

No Paraná, dois casos foram filmados. Um deles aconteceu em Curitiba. Diego Davoli, foi agredido por cinco homens por usar uma camisa vermelha estampando o Che Guevara, segundo relato. No tumulto, uma jovem de 14 anos também foi agredida na cabeça ao tentar apartar a briga.

Hoje centenas de milhares de brasileiros se manifestaram contra a ditadura do PT, nessa ditadura não se pode pensar diferente, não se tem liberdade de expressão e você vive com medo de ser contra. Viva a democracia!!! Hoje fui agredido em uma manifestação, meu crime, usar uma camiseta vermelha com uma imagem do Che Guevara, eu estava apenas passando pelo local, queria observar, e em menos de 30 segundos comecei a ser agredido verbalmente e antes que me desse conta já estava cercado por 5 homens me acertando chutes e socos. Ao meu lado uma jovem de 14 anos também foi agredida, o crime dela? Gritar para que eles não me batessem mais (Enquanto eramos agredidos, diversos patriotas riam e batiam palmas nos chamando de burros e celebrando nosso espancamento. Mesmo após sermos atendidos pela polícia os ataques verbais e provocações continuaram). Sai da situação com o nariz bem machucado e alguns arranhões pelo corpo, ela com um corte na altura dos olhos. Acompanhei ela até o hospital onde ela foi suturada e bem cuidada. Hoje mais do que nunca sei que estou do lado certo. GOLPISTAS NÃO PASSARÃO!

Em Londrina, dois estudantes da Universidade Estadual de Londrina (UEL) também foram hostilizados e agredidos. Fernando Andrade Ferreira e Vivian Verdai Pereira, seguravam uma faixa contrária ao impeachment da presidente Dilma Rousseff e usavam vermelho.

Vídeo:

A polícia interveio e impediu que a agressão continuasse. Nenhum manifestante foi preso.

No Rio de Janeiro, no protesto na orla de Copacabana que reuniu milhares de pessoas, um homem que utilizava vermelho teve que ser escoltado por seis policiais até um táxi para evitar que fosse gravemente ferido pelos manifestantes.

O homem disse que é funcionário público e veio do Recife (PE) para morar no Rio de Janeiro. Ele relata ter gritado “viva” e “democracia” antes de ser agredido.

Vídeo:

Em São Paulo, onde ocorreu a maior concentração de manifestantes, outras três pessoas foram hostilizadas e agredidas. O primeiro, um motociclista que tentava transitar na Avenida Paulista e que teve sua moto derrubada pelo grupo que protestava a favor da intervenção militar.

Ele teve o capacete arrancado e foi agredido no rosto, segundo o IG. “Esse pessoal que quer ditadura não tem como conversar. Se precisar, testemunharei contra a agressora para ajudar a puni-la”, disse ele.

O outro caso aconteceu com Paolo, um senhor que caminhava pela Avenida Paulista e tentou argumentar com um grupo que insultava feministas. Segundo o El País, ele rebateu dizendo que a inquisição havia matado muitas mulheres e teve como resposta gritos como “vai pra Cuba” , “viva a direita” e “viva Bolsonaro”.

Um relato do Facebook conta o caso de uma senhora vestida de vermelho que foi chamada de “putinha do Lula” e “velha doida”. Ela replicou os insultos dizendo “vivi a época da ditadura, vou morrer lutando contra ela”.

“Putinha do Lula, putinha do Lula”. Mais respeito, minha filha, mais respeito. “Vagabunda, vagabunda!!!” Não, minha…

Posted by Luciano Marra on Domingo, 16 de agosto de 2015


Informações de Agência Estado e Brasil Post

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. felipe Postado em 18/Aug/2015 às 12:16

    Tem gente que gosta de arrumar confusão mesmo, faz pra provocar e depois reclama... mesma coisa se fosse uma manifestação do PT e fosse um idiota lá falar mau isso ja aconteceu e o mesmo foi agredido tb.

    • Renato Z Postado em 18/Aug/2015 às 13:25

      Falou por si mesmo as manifestações dos professores no Paraná que tiveram o escárnio de provocar a polícia militar e o governador, ou as manifestações de 2013 tiveram uma reação bem razoável a provocação. Oras o fato de provocar não justifica ou ameniza a atitude de tais manifestantes, quando a cor de uma roupa é o suficiente para reações tão enérgicas. Estas do dia 16 teve o pior índice de intolerância e ódio ao pondo de um gari ter que se escoltado pela PM para não ser agredido por uma massa cheirosa que não o queria ali (em uma manifestação burguesa), onde novamente e com mais ênfase houve pedidos de intervenção militar (cumprimento do art. 142 da Constituição) óbvio que não leram o artigo, onde apareceu até quem diria pedidos pela monarquia e a volta de um Brasil imperial.

      • Pedro Postado em 18/Aug/2015 às 13:48

        Desde quando os professores no Paraná provocaram o Beto Richa? Ele fez por merecer seus atos. Ninguém provocou. Até hoje, o dito desgovernador é hostilizado graças aos professores, que bom. Aprende a governar direito.

      • felipe Postado em 18/Aug/2015 às 14:51

        Vc esquece das outras manifestações onde professores apanharam tb, alias, olha que o cara da CUT disse, e tem gente que defende achando que faz um serviço a sociedade e pela justiça de apoiar asneiras como as ditas por ele, muitos, muitos que estavam ali e pode ter certeza, não pediam intervenção militar nem impeachment.

      • Renato Z Postado em 18/Aug/2015 às 19:26

        Aos que não entenderam a ironia releiam. felipe - tudo que é voltado ao extremo não é bom para ninguém. Nas palavras de Bakunin "Se você pegar o mais ardente revolucionário, e investi-lo de poder absoluto, dentro de um ano ele seria pior que o próprio Kzar." ele estava certo a prova fora Stalling. Não há como apoiar e defender o presidente da CUT (apesar de particularmente achar que não foi o que lhe rotularam) como não dá para apoiar e defender o Olavo de Carvalho, a sociedade consegue superar isso e em ambos os casos as aberrações são gritantes. Mas nessa fora pior.

    • juliano Postado em 18/Aug/2015 às 14:50

      se fosse uma manifestação do pt o cara provocaria como? usando uma camiseta da CBF? ah, acorda rapaz... vestir vermelho não é motivo pra agredir ninguém em lugar nenhum. a raiva e a boca espumando dos verdinhos e amarelinhos só evidencia a irracionalidade e falta de capacidade de conviver com uma ideia diferente da deles.

      • Trajano Postado em 18/Aug/2015 às 14:56

        se fosse uma manifestação do pt o cara provocaria como? usando uma camiseta da CBF? ah, acorda rapaz... vestir vermelho não é motivo pra agredir ninguém em lugar nenhum. a raiva e a boca espumando dos verdinhos e amarelinhos só evidencia a irracionalidade e falta de capacidade de conviver com uma ideia diferente da deles.. Juliano, seu comentário é excelente. Quando alguém refutá-lo com honestidade intelectual, me avisa. Acredito que será muito difícil alguém conseguir fazer uma manobra para defender o indefensável.

      • felipe Postado em 18/Aug/2015 às 15:30

        ok ok ok o cara vai de vermelho ANTI PT e acha que não provocação e eu não disse que é motivo mas sim que é uma provocação e como tenho ditos em vários comentários existem pessoas boas e ruins dos dois lados, existem pessoas idiotas dos dois lados e o extremismo pregado por estas pessoas (digo dos dois lados) gera essa violência que sim, acontece dos dois lados, vi uma matéria aqui no PP sobre isso de um cara que foi agredido e agrediu em evento do PT e tinha gente aplaudimento dizendo que o cara não tinha nada o que fazer ali.

    • Trajano Postado em 18/Aug/2015 às 15:18

      Então, Gilberto, dê graças a Deus que você mora no Brasil que é um país cujo governo não somente permite que essas manifestações vexatórias e raivosas aconteçam, como é um país que preza pela democracia apesar de uma cambada de lunáticos desejarem que tudo se exploda desde que a explosão não os afetem.

      • enganado Postado em 19/Aug/2015 às 15:25

        Caro Trajano, pergunte a esses vagabundos da Direita, se sabem que se fizerem esta balbúrdia nos EUA, vão pra cadeia! E olha que lá é o espelho da DEMOCRADURA que estes babacas mal pagos daqui, querem para o BRASIL. Falta de cultura é mesmo com a Direita, ou seja, não porra nenhuma de lugar nenhum. "São Frouxos"!

    • Outro Felipe Postado em 18/Aug/2015 às 15:26

      a culpa é do espancamento é de quem usa vermelho a culpa é do estupro quem usa blusa decotada a culpa é do assalto é de quem aparenta ter dinheiro a culpa da corrupção é de quem votou no candidato A culpa deste comentário é de quem escreveu a matéria

    • Cris Postado em 18/Aug/2015 às 16:06

      Nao aguento ouvir isso, provocar?????isso mostra a irracionalidade desse pessoal, vc deve ser daquele q acha q mulher foi estuprada porque provocou ne?

    • Fabio Postado em 18/Aug/2015 às 17:49

      Ué, a manifestação não é pacífica? Essa senhora foi lá pra agredir alguém? Eu também não posso me manifestar se eu quiser? E fácil bater e ofender quando se está em bando. Queria ver em um confronto de manifestações, com o mesmo numero de pessoas, quem levava a melhor. Isso não vai tardar a acontecer.

    • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 20:04

      Claro! Desde que o agressor seja elite ou classe média a culpa é da vítima mesmo. Da mesma forma que a mulher que sofre estupro a culpa é dela porque ela provocou . *Outro Vinicius

      • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 20:07

        O comentário acima é uma Ironia! *Outro Vinicius

  2. Leonardo Postado em 18/Aug/2015 às 12:19

    Com certeza, no meio dessas manifestações tem muita gente agindo de boa fé, motivada, com certeza, pela desinformação. Mas, também com certeza, essas manifestações abrigam o que há de pior da raça humana.

    • Carlos Postado em 18/Aug/2015 às 13:15

      O que há de pior da raça humana seria algo como a ameaça que o presidente da CUT fez, em pleno Palácio do Planalto, se pegar em armas e fazer trincheiras nas ruas para enfrentar os mais de 90% que reprovam o governo Dilma e os quase 70% que querem seu impeachment?

      • Gabriela Postado em 18/Aug/2015 às 14:14

        Matemática bem louca essa hein...

      • Tiago Postado em 18/Aug/2015 às 14:28

        Conluio contra a Democracia é crime filho... e se atentaremm contra a democracia, quem tem o mínimo de decencia tem que ir pra luta mesmo. Golpista é criminoso e tem que ser tratado como... a Dilma foi eleita e esse percentual que expos é fruto de 24 hs, 7 dias por semana, 30 dias por mes de difamação midiatica também criminosa...

      • Ricardo Postado em 18/Aug/2015 às 19:13

        Olha, John Locke já legitimava a luta armada contra os tiranos. Se houvesse golpe (não haverá), a resistência seria legítima, inclusive armada. Quem toma pela força não pode reclamar da força. Não haverá golpe porque a economia mundial não vai admitir molecagem em um país do tamanho e da importância do Brasil.

    • Renato Z Postado em 18/Aug/2015 às 13:29

      Concordo plenamente, não é todos que estavam na manifestação pelo impítima(sic) que são fascistas, homofóbicos, racistas e preconceituosos, mas devemos ser sincero em aceitar que fascistas, homofóbicos, racistas e preconceituosos estavam na manifestação pelo impítima(sic).

      • felipe Postado em 18/Aug/2015 às 14:31

        Claro que estavam, assim como muitos estão em favor do atual governo e são também fascistas, racistas, homofóbicos e preconceituosos gente boa e gente ruim existem dos dois lados.

    • Doug Postado em 18/Aug/2015 às 14:13

      Muito bom Carlos, Parabéns ! As vezes nos esquecemos de olhar para o próprios erros antes de apontar o erro dos outros, o fato é que as pessoas estão cada dia mais irritadas e consequentemente intolerantes, não só a politica mas a tudo.

  3. Andre gyn Postado em 18/Aug/2015 às 12:30

    Felipe, isso não dá o direito a ninguém de insultar, agredir física e verbalmente a quem quer que seja. O no me disso não é liberdade de expressão. Pode ser chamado de revanchismo e vandalismo. Essas pessoas que vão as ruas protestar, estão indo porque veem na TV que devem ir. Não por que entendem que devem haver mudanças para que o país saia dessa crise e cresça. Isso tudo é culpa de quem quer um terceiro turno. O psdb partido entreguista e ladrão do mesmo jeito que todos os que ai estão sendo acusados e inclusive sendo presos. Uma pena que o pais não vá ser passado a limpo pois querem somente o poder.

    • felipe Postado em 18/Aug/2015 às 17:20

      Concordo com vc, e eu disse q não concordo com nenhuma forma de violencia, nem mesmo de falta de respeito, acontece q como eu disse, pessoas idiotas que pensam o contrario existem em todos os lugares e no protesto sendo a favor ou contra governo não é exceção, agora o PT tb é ladrão, vendeu cargos ao PMDB e muitos outros partidos, usou a petrobras como forma de barganhar dinheiro para campanha com as empreiteiras mas não vejo nenhum petista se manifestar contra isso, ao mesmo tempo não vejo quem votou no psdb fazer críticas a corrupção no metro, a gestao da agua etc.... acho uma tremenda falta de vergonha as pessoas não protestarem contra os partidos que votaram, o orgulho fala mais alto, a hipocrisia tb... uma pena né.

  4. Juniperos Postado em 18/Aug/2015 às 12:31

    extravasar a vontade de agredir. Boa parte quer um oponente no qual se possa bater. A sede da sensação de poder, de subjugar alguém de se auto eleger um herói, põe todas as verdadeiras premissas politicas como um fundo ralo e nebuloso para o espetáculo televisivo do caos, e combustível marrom para a máquina da imprensa funcionar a todo vapor e fazer seu produto disparar em vendas. Se dermos mais um passo em direção ao imperialismo, poderíamos literalmente chamar a família real de volta e re instaurar a monarquia... já somos imperialistas mesmo... duvido que piore...

    • Carlos Postado em 18/Aug/2015 às 13:16

      O presidente da CUT concorda plenamente com vc.

      • Paulo Figueira Postado em 18/Aug/2015 às 14:15

        O que o Presidente da CUT falou é o óbvio. A ordem democrática deve ser defendida por todos os cidadãos. Todos os povos tem direito a legítima defesa quando sob ameaça de um regime autoritário, conforme desejado pela manifestação fascista.

      • Ricardo Postado em 18/Aug/2015 às 19:16

        E Locke também.

    • Renato Z Postado em 18/Aug/2015 às 13:31

      "Boa parte quer um oponente no qual se possa bater." Mas essa mesma boa parte não quer um oponente que reaja.

    • Renato Z Postado em 18/Aug/2015 às 13:31

      "Boa parte quer um oponente no qual se possa bater." Mas essa mesma boa parte não quer um oponente que reaja.

  5. Raquel Postado em 18/Aug/2015 às 12:58

    Ô Felipe, mas essas manifestações não são em favor da democracia, da liberdade de expressão e contra a ditadura do petê? Não entendi seu comentário..

  6. Jonas Schlesinger Postado em 18/Aug/2015 às 13:19

    hehehe... é sério isso? Essa senhora e outras pessoas vão de vermelho-comunistas para uma manifestação coxinha-capitalista? Otários que pagam um mico. É como jogar um gato num canil onde só há cães. A reciprocidade é a mesma quando acontecer a manifestação do sangue no dia 20. E outra coisa, os manifestantes da esquerda detestam trabalhar porque só se manifestam no meio da semana. Aprendam pelo menos 1 coisa dos coxinhas: manifestem-se no final da semana onde quase ninguém trabalha. Vadios.

    • Ecthor Postado em 18/Aug/2015 às 13:46

      disse tudo Jonas Schlesinger !!! se aproveitam dos idiotas uteis para defender os cabeças kkkkk

    • Trajano Postado em 18/Aug/2015 às 14:28

      hehehe... é sério isso?. Claro que é sério. Não tá vendo? Não vire a cara para o que aconteceu. Todos falando do alto de sua vaidade: "aqui é diferente, blábláblá, uma manifestação pacífica". Pacífica uma ova! Não passam de um bando de analfabetos políticos raivosos que não podem ver vermelho, tal como os touros, para demonstrarem todo o seu senso de democracia!! Manifestação pacífica... conta outra! Realmente pagaram um mico muito grande ao acreditarem que se tratava de evento democrático. PALHAÇADA, ARROGÂNCIA E TRUCULÊNCIA definem a manifestação de 16/08/2015, que entrará para a história de forma vergonhosa. Só estão plantando ódio, não estão solucionando coisa alguma e neste domingo mostraram que a democracia é um interesse secundário.

      • Ecthor Postado em 18/Aug/2015 às 15:00

        aqui de boa esperando pragmatismo politico se manifestar sobre os comentários do líder da CUT ao incita a luta armada

    • felipe Postado em 18/Aug/2015 às 14:32

      Perfeito Jonas!!!

    • Eduardo Ribeiro Postado em 18/Aug/2015 às 16:58

      """""" Aprendam pelo menos 1 coisa dos coxinhas: manifestem-se no final da semana onde quase ninguém trabalha. Vadios. """"""""""". É burro demais, meu irmão. Aprenda você, menino reaça: o POVO se manifesta quando quer, aonde quer, a hora que quiser. A essa altura, todos os canais e sites da imprensa golpista já estão com o texto pronto pra ecoar e amplificar o pensamento boçal do "ainnnn estão se manifestando durante a semana....atrapalhando o direito de ir e vir, travando as avenidas....ninguem trabalha??", pra alimentar exatamente essa sanha ati-democrática reacionária que até hoje lida mal com o POVO protestando na rua. Vocês sabem porra nenhuma de manifestação. São meninos de prédio, bundas de talco que nunca participaram de um PROTESTO, uma MARCHA de verdade. Participam de micareta. Moral zero pra pautar e dizer dia e hora que se deve fazer manifestação.

      • Ricardo Postado em 18/Aug/2015 às 19:18

        Isso aí! E são criados a leite com pêra! :P

      • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 19:40

        Concordo.É visível que muitos estão lá por lazer, por modismo e porque é chique.Afinal, está na moda falar de impeachment , bater panela, tirar selfie com policial, pedir intervenção militar, usar camisa da CBF.Nunca vão saber o que é protesto de verdade. Na cabeça da maior parte da classe média com essas atitudes eles se tornarão elite também. A ilusão e a ingenuidade é tanta que nem percebem que estão trabalhando contra si mesmos apoiando os interesses das elites. *Outro Vinicius

      • Eduardo Ribeiro Postado em 18/Aug/2015 às 19:46

        Narinho, guri-coxinha....tu andas decepcionante demais...a "trocação" contigo já foi mais divertida...andas quase monossilábico...

      • Deisi Postado em 19/Aug/2015 às 08:19

        Perfeito Eduardo, coxinhas jovens coxinhas velhos, não sabem nada sobre democracia, nada sobre ditadura, não sabe nada sobre marcha de verdade. Só marcham, porque perderam mais uma eleição e não conseguem se conformarem. Se realmente fossem contra corrupção, não deixariam o Cunha de fora, nem o Aécio discursava em Minas.

    • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 17:00

      Ta com raivinha que perdeu o 5 º turno é? kkk Vai bater panelinha que passa! *Outro Vinícius

    • Ricardo Postado em 18/Aug/2015 às 19:17

      Ninguém é obrigado a trabalhar. Esse é o medo de muita gente: que as pessoas se deem conta disso.

  7. Felipe Postado em 18/Aug/2015 às 13:48

    E o camrada da CUT com sua incitação à violência? Nem vestígios né? É o famoso dois pesos, duas medidas. Vlw, flw.

    • Ecthor Postado em 18/Aug/2015 às 14:02

      tava esperando o que Felipe ?? a qui é um blog democrático só criticamos aqueles que são contrários a nossa ideologia Marxista

  8. Marcos de Jesus Postado em 18/Aug/2015 às 13:53

    "O que eles não aceitam e que hoje os pobres do passado frequentam e compram em shoppings onde somente eles o faziam, tem carros que só os filhos deles tinham, vão a faculdades onde só eles tinham acesso, e etcccc....E tal, queremos condenação sim aos ladrões, mas não um país de escravidão social. Fora aos riquinhos coxinhas.Fica Dilma.

  9. Juniperos Postado em 18/Aug/2015 às 14:09

    Sem duvida não é nada conveniente desenhar um alvo na barriga quando se passa por um lugar onde se deflagram projeteis... mas minha intenção mesmo era mais relembrar aquela época em que houve um peblicito ( que alguns chegam a julgar cômico, diga-se)O idealizador da emenda, o ex-deputado federal de São Antônio Henrique Bitencourt Cunha Bueno (PP), diz o que plebiscito era uma dívida histórica do estado brasileiro. O progressista, que teve sete mandatos consecutivos na Câmara Federal, relembra o Golpe da República em 15 de novembro de 1889. “O então presidente Deodoro da Fonseca prometeu que haveria uma consulta popular para saber se a população aprovava a mudança de regime. Até aquele momento, não foi realizada qualquer consulta sobre este tema”, conta. No início, a eleição estava marcada para o dia 7 de setembro de 1993, uma data simpática aos monarquistas, até porque era celebrada a independência do país e haveria uma suposta associação ao primeiro imperador d. Pedro I. Os parlamentares republicanos da Câmara Federal aprovaram, então, uma emenda no dia 25 de agosto de 1992 e mudaram a data para 21 de abril ano seguinte, data da morte de Tiradentes, ícone da Inconfidência Mineira, que lutava pela república em Minas Gerais em 1789. “Durante o plebiscito, tivemos muitos desafios. Havia muita falta de informação e a população não participou ativamente do debate. No mesmo ano, uma emissora de televisão reprisou uma telenovela que retratava a escravidão. O ator Milton Gonçalves era o personagem principal e apresentava o programa da república”, disse o ex-parlamentar, que na época lutou pela restauração da monarquia. Saiba mais... Monarquistas deixam a política e investem no debate cultural Além da falta de informação e do debate apenas entre os meios mais intelectualizados, o plebiscito teve outro problema organizacional. As cédulas eram confusas. O eleitor tinha duas opções. Na primeira, deveria escolher entre monarquia e república e, na segunda, entre presidencialismo e parlamentarismo. Como explicar, por exemplo, um voto numa monarquia presidencialista? “O tempo foi curto, a propaganda distorcida e os preconceitos e mentiras tomaram o lugar do esclarecimento da opinião pública. Ficou parecendo que parlamentarismo era golpe e o presidencialismo, a democracia. Essa campanha foi um desserviço prestado à causa do aperfeiçoamento institucional da democracia brasileira”, criticou o professor do curso de ciência política da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Michel Zaidan, que na época militou pelo parlamentarismo. Segundo ele, na época do plebiscito de 1993, associava-se o parlamentarismo a curta experiência ao modelo adotado pelo governo do presidente João Goulart entre os anos de 1961 a 1963. Na época, as Forças Armadas já ensaiavam interferir na política brasileira – o que foi consolidado no Golpe de 1964. “Aquilo não foi parlamentarismo. Fizeram aquela manobra para tirar o poder do presidente da República. O parlamentarismo traz estabilidade e é adotado em nações desenvolvidas do mundo inteiro”, completou o professor. Números do plebiscito Segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de um universo de 90.256.461 eleitores na época, 73,36% compareceram às urnas (66.209.385 eleitores), sendo que 551.043 votaram em trânsito na ocasião. A república foi escolhida por 43.881.747 (66,28%) eleitores e a monarquia recebeu 6.790.751 (10,26%) votos. Votaram em branco neste item 6.813.179 (10,29%) eleitores e 8.741.289 (13,20%) anularam o voto. Optaram pelo sistema presidencialista de governo 36.685.630 (55,41%) eleitores. O sistema parlamentarista foi escolhido por 16.415.585 (24,79%) votantes. Este item obteve 3.193.763 votos em branco (4,82% dos eleitores) e 9.712.913 votos nulos (14,67% dos eleitores). Em Pernambuco, o índice foi similar ao restante do país: monarquia conquistou 169 mil votos (8,11%), república saiu com 1,3 milhões (62,29%), o parlamentarismo com 397 mil (19,3%) e presidencialismo com 1,1 milhão (56,1%)........................................... quem lembra? Se houvesse novo peblicito em que votaria??

    • Trajano Postado em 18/Aug/2015 às 15:07

      Juniperos, é uma boa questão. É muito curioso pensar sobre qual seria o resultado do plebiscito hoje diante de um número massivo de pessoas que não sabem se democracia é de comer ou se é pra passar no cabelo. Temo que o resultado seria o mesmo: o que for mais conveniente para o Mercado será o escolhido após amplas investidas publicitárias através de diferentes mídias que até hoje mostram-se poderosas em influenciar as nossas opiniões.

  10. Eduardo Ribeiro Postado em 18/Aug/2015 às 14:13

    É ódio demais. É só o que eles conhecem. E este será o legado deles. Puro ódio.

  11. Trajano Postado em 18/Aug/2015 às 14:17

    Protesto pacífico, é? Se fosse civilizado já seria um ganho. Foi, sim, uma grande PALHAÇADA!

    • Thiago Teixeira Postado em 19/Aug/2015 às 00:11

      Pacífico para os telespectadores da Globo e Bandeirantes.

      • deisi Postado em 19/Aug/2015 às 08:22

        Thiago, também ouvintes, da jovem pan, cbn, radio globo!

  12. darwin Postado em 18/Aug/2015 às 15:11

    um monte de babaca nessa manifestação. Se não é facista, é no mínimo babaca pra levar até cachorro como se fosse um simples passeio, o cachorro nao tá nem aí pra isso. E pior é levar crianças sabendo que vão ouvir vários xingamentos nas ruas e os pais ainda vão explicar que isso está correto, aí a criança cresce toda errada... louca e agitada

  13. Rodrigo Postado em 18/Aug/2015 às 15:19

    (Outro Rodrigo) Eu não entendi... Alguém, julgando que em determinado local havia ódio, extremismo e violência, protestou com uma camisa de Che Guevara? Eu hein... Não seria mais lógico usar a camisa com a imagem de algum pacifista, alguém que não tenha vilipendiado o direito de negros e gays, que tenha respeitado o devido processo legal, em vez de fuzilar livremente, enquanto achasse necessário? É extremismo seguido de extremismo e cada extremista achando-se democrata.

    • Cris Postado em 18/Aug/2015 às 16:09

      Se ele quiser usar a camisa do demonio é dele e ninguem tem nada a ver c isso

      • Jonas Schlesinger Postado em 18/Aug/2015 às 17:50

        Já pensou ele aparecendo com esse troço no culto do Silas? pqp kkk

    • Cris Postado em 18/Aug/2015 às 16:10

      Aprendeu bem c a VEJA, só esqueceu de perguntar p o povo cubano q conviveu c ele e o trata como heroi...

    • Rodrigo Postado em 18/Aug/2015 às 17:26

      (Outro Rodrigo) Cris, pode ficar com a Veja. Não gosto da mesma. Até Fidel já reconheceu o que sua ditadura fez com Gays e você aí, iludida... Pesquise sobre o pedido de desculpas exigido pelo grupo gay da Bahia e você ficará melhor informada, ok? Ah, vídeos do seu herói na Assembleia da ONU, declamando seu poema letal (busque-o também): “Fusilamientos, si. Hemos fusilado. Fusilamos y seguiremos fusilando mientras sea necesario. Nuestra lucha es uma lucha a muerte”. Ah, Hitler também era tratado como um herói, assim como Mao, Pol Pot e tantos outros.

  14. Rosendo Postado em 18/Aug/2015 às 15:42

    Uma lástima ver as pessoas sendo manipuladas,bando de ignorantes,se o problema do Brasil se resumisse a PT,estava fácil de se resolver.Mas não,ainda temos vários outros partidos,temos a mídia,temos o grande capital(esse que na minha opinião não pode ser vencido,pois é quem manda de verdade no mundo todo),enfim o PT,Lula e Dilma são apenas a bola da vez nessa partida combinada.

    • Rodrigo Postado em 18/Aug/2015 às 16:12

      (Outro Rodrigo) Concordo, Rosendo. Recebi o vídeo de um petista, o qual falava que Dilma não foi eleita sozinha, na mesma eleição tendo sido escolhidos também deputados, senadores e governadores. Isso acaba sendo sintomático da forma como vemos a política, algo análogo à forma apaixonada mediante a qual nos ligamos ao futebol: votamos em "time de fulano ou beltrano"; se o "time" não joga bem, apenas o técnico deve ser demitido; e, do pescoço pra baixo, é canela (a livre agressividade mútua). Se comprovadas as acusações (TCU e TSE) eu serei a favor do impeachment, mas apenas em decorrência de uma posição legalista, mas não em função de ter a ilusão de que, a "técnica" saindo, o time passará a dar espetáculo e ganhará de "goleada".

  15. Jonas Schlesinger Postado em 18/Aug/2015 às 17:46

    Devemos ter o bom senso. Se eu sou fã do Che, por que vou com a camiseta para um local em que 99% das pessoas que estão ali odeiam ele e o comunismo? É como duas torcidas organizadas. Aqui em Fortaleza, se vc for com a camisa do Ceará para um bando de torcedores do Fortaleza, vai sair ileso? Vc é de esquerda-comunista-vermelho-cubista vai para uma manifestação da direita-capitalista-coxinha -elitista, vai sair ileso? Não que a violência seja justificável nesses casos, mas o ser humano já chutou a diplomacia para escanteio mesmo.

    • Rodrigo Postado em 18/Aug/2015 às 18:06

      (Outro Rodrigo) Lembro de um jogo do Corinthians x Botafogo de Ribeirão Preto em que, inadvertidamente, um corintiano estava com uma camiseta verde... Foi cercado, tomada a camiseta, rasgada e queimada. Eu concordo com a liberdade de querer usar o que quiser, aonde quiser, sendo ainda contra a agressão física ou verbal a quem quer que seja, mas, até por uma questão de autopreservação, é bom lembrar da "diplomacia", como você mesmo disse. Se no trânsito somos ensinados a ter direção defensiva, por que não termos uma conduta defensiva, previdente, nos demais momentos?

    • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 19:58

      Não sei quem é a senhora de vermelho no caso de São Paulo, mas ela ganhou meu respeito eterno. Uma senhora corajosa, que deve ter lutado contra a ditadura e hoje enfrenta "robôs " que se limitam a discursos como "fora Dilma", " impeachment" e "intervenção militar", acredito que agressões verbais de ensino fundamental não abalaram ela. *Outro Vinicius

      • Deisi Postado em 19/Aug/2015 às 08:31

        Vinicius, não abala mesmo, quem viu e passou por ditadura, isso é fichinha!

  16. Paulo Figueira Postado em 18/Aug/2015 às 19:24

    Observem que vários dos manifestantes ao serem questionados do porquê de estarem ali, respondem que querem o seu Brasil de volta. Os manifestantes em esmagadora maioria são de classe média e classe média alta e para eles o Brasil os pertence, naturalmente odeiam um governo e um partido que tentou timidamente colocar em prática o slogan "Brasil um País de todos". Eles não aceitam cotas nas universidades, não aceitam o programa mais médicos, não aceitam o Bolsa Família e não aceitam pobres em seu convívio social, a questão da corrupção é só um biombo atrás do qual escondem seu autoritarismo, egoísmo e mentalidade fascista. É muito revelador um dos cartazes exibido por um manifestante que diz que País sem corrupção é governado pelos ricos, pois eles não precisam roubar, eles querem o País deles de volta, mas cabe a nós exigirmos que o Brasil seja um País de todos.

  17. Salomon Postado em 18/Aug/2015 às 19:26

    Fascistas.

  18. Luís Guilherme Postado em 18/Aug/2015 às 19:56

    Pelo jeito, um post de facebook acusando outros de praticarem um crime é verdade incontestável agora kkkkk. Se isso é fonte confiável, quer dizer que todas aqueles posts dizendo que o filho do Lula é dono da Friboi são verdadeiros também né? Lembro do caso em que um cara foi agredido em uma manifestação do PT em situação muito parecida ( uma pessoa vai a um protesto de que discorda só para arrumar confusão ) e todos os esquerdistas do Pragmatismo, sem exceção, disseram que o culpado pela confusão foi o "penetra" que foi a uma reunião com o objetivo de "causar" , brigar e discutir.

    • Vinicius Postado em 18/Aug/2015 às 20:12

      "VIDEOS e IMAGENS de agressões contra pessoas que se opunham às ideias das manifestações do último domingo ou simplesmente pessoas comuns que utilizavam roupas vermelhas foram registrados em diversos locais do Brasil" *Outro Vinicius

  19. Rafael Postado em 19/Aug/2015 às 08:26

    Ao sair de casa (Com minha camiseta Vermelha estampada a FOICE E O MARTELO), percebo olhares de desprezo e negação... Mas quando olho dentro dos olhos do Fascista (Cachorro Blonde) ele trata logo de abaixar a cabeça e seguir seu caminho pavimentado de boas intenções. Ai me pergunto, essa escória só encontra forças quando estão em grupos? por que não me atacam?. Os Fascista merecem e devem comer grama pela raiz. Adendo: Violência se combate com violência SIM!!!

    • Eduardo Ribeiro Postado em 19/Aug/2015 às 11:32

      São uns FROUXOS.

    • enganado Postado em 19/Aug/2015 às 15:21

      NaroX. __A Direita está saindo do ARMÁRIO, ou quer melhor esclarecimentos?

  20. Márcio Ramos Postado em 19/Aug/2015 às 10:48

    "A classe média é uma abominação política, porque é fascista, é uma abominação ética porque é violenta, e é uma abominação cognitiva porque é ignorante. Fim". (Marilena Chauí)

    • Rodrigo Postado em 19/Aug/2015 às 15:17

      (Outro Rodrigo)Então, após, ela reconhece que sua opinião é decorrente de ódio e, prosseguindo na verborragia, brada: "EEEEEEEUUUUUU ODEEEEEIIIIOOOO A CLASSE MÉÉÉÉÉDIA"... Nesse momento, não vi ninguém apontar o ódio, nem mesmo dizer que o ódio seria sintomático, por ela ser de classe mais elevada e não suportar quem julgue inferior... Ah, o utilitarismo e a contradição reinantes...