Redação Pragmatismo
Compartilhar
Curiosidades 26/Aug/2015 às 18:55
2
Comentários

Homem de 26 anos com aparência de 10 intriga a Ciência

Sul-coreano de 26 anos (sua aparência é de um pré-adolescente de 10) que 'não envelhece' intriga a ciência. Hyomyung conta que percebeu que havia parado de envelhecer somente aos 18 anos

Hyomyung Shin sul coreano envelhece
Imagens de Hyomyung Shin, o sul-coreano de 26 anos que não envelhece

Shin Hyomyung vem sendo considerado o Peter Pan Da Coreia do Sul. Aos 26 anos, ele tem de andar com um documento que comprova que nasceu em 1989, já que aparenta não ter mais que 10 anos.

A aparência de Shin indica que ele ainda não atingiu a puberdade – as bochechas rosadas e a voz fina são os principais indícios. Um programa de TV coreano seguiu os passos de Shin em uma balada e mostrou que o rapaz tem de mostrar o documento a todo momento.

Shin sofre de uma condição rara que faz com que ele se desenvolva muito lentamente. Fotos da infância mostram que o coreano se desenvolveu normalmente até chegar à puberdade, quando seu crescimento praticamente parou.

Em recente entrevista à BBC, Hyomyung conta que percebeu que havia parado de envelhecer somente aos 18 anos.
“Uma vez fui a um reencontro de colegas da escola e todos meus amigos já estavam crescidos. Eu era a exceção”.

Saudável

Os médicos que cuidam do coreano garantem que ele é saudável. Com 1,63 m e jeito de quem não passou pela puberdade, Hyomyung diz levar uma vida normal, inclusive no trabalho, em um escritório de consultoria técnica – onde diz nunca ter tido problemas para ser respeitado. Ele também é DJ nos fins de semana.

Apesar das brincadeiras dos amigos, o jovem conta que gosta de sua aparência. “Uma vantagem de ter cara de menino é que quando vou para o interior e entro nas lojas ou restaurantes os mais idosos ficam me chamando de fofo, me dão desconto e, às vezes, até consigo coisas de graça.”

Hyomyung diz também ter medo de envelhecer de repente. “Eu ficaria com medo se começassem a aparecer rugas”.

“Vivo com esse rosto jovem há sete anos. Se envelhecesse de repente, acho que perderia um pouco da diversão da vida.”

Segundo Hyomyung, o caso dele não é único na família. “A minha irmã mais velha também parece bem mais nova do que sua idade real. Ela tem 31 anos e aparenta ser uma estudante do Ensino Médio, eu diria.”

Caso sem precedentes

A mídia coreana divulgou erroneamente que Hyomyung era portador de uma síndrome rara, chamada Highlander, informação que foi replicada pelos jornais do mundo todo.

Mas o professor Moisés E. Bauer, coordenador do Instituto de Pesquisas Biomédicas da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), atenta para o fato de não haver precedentes como o do coreano na bibliografia médica.

“Devemos evitar a divulgação de ‘possíveis achados que poderiam ser chaves para encontrar a cura para parar o envelhecimento’. O envelhecimento não é uma doença, todas as espécies envelhecem, embora em taxas diferentes, e precisamos disso para o correto desenvolvimento”, explicou.

Outras referências

A ciência, na verdade, está ainda longe de descobrir uma cura para o avanço da idade, mas uma pesquisa conduzida pelo médico e cientista norte-americano Richard Walker pode desvendar a chave para conter o envelhecimento do corpo.

O pesquisador diz que a resposta está em uma doença rara que nem sequer tem um nome real, “Síndrome X”. Ele identificou quatro meninas com essa condição, marcadas por aquilo que parece ser um estado permanente de infância, uma parada dramática no desenvolvimento.

Ele suspeita que a doença é causada por uma falha em algum lugar no DNA das meninas. Não é o caso do coreano Hyomyung Shin.

A história mais famosa é a da garota Gabby Williams, de 10 anos, que pesa apenas 5 quilos e tem aparência de um bebê. Há ainda o caso do australiano Nicky Freeman, de 44 anos, que aparenta ter 10 anos.

informações de veículos da Coreia do Sul e BBC Brasil

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Pedro Accioli Postado em 27/Aug/2015 às 10:08

    Coisa bizarra esta doença de retardar o envelhecimento na infância, se bem que hoje em dia com os avanços da ciência e mudança de hábitos (não fumar, ou beber e usar drogas em excesso), as pessoas em geral estão envelhecendo cada vez mais tarde!

  2. Amanda Postado em 28/Aug/2015 às 09:15

    Eu tenho uma amiga com esse problema.