Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 26/Aug/2015 às 11:07
26
Comentários

A Igreja de Eduardo Cunha vai devolver os "dízimos" que ele depositou?

O que a igreja de Eduardo Cunha fará com os “dízimos” que ele depositou? De acordo com denúncia oficial da Procuradoria Geral, a Assembleia de Deus intermediou pelo menos 500 mil reais em propina

eduardo cunha igreja assembleia deus
Eduardo Cunha ao lado do pastor Everaldo, um dos líderes da igreja Assembleia de Deus

Kiko Nogueira, DCM

Enfim o o procurador Rodrigo Janot denunciou Eduardo Cunha no STF pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Há um detalhe curioso para um devoto apaixonado do Altíssimo, como Cunha. A Assembleia de Deus teria intermediado o recebimento de pelo menos 500 mil reais em propina em 2012, segundo a PGR (saiba mais aqui).

“Fernando Soares, por orientação do Deputado Federal Eduardo Cunha, indicou a Júlio Camargo que deveria realizar o pagamento desses valores à Igreja Evangélica Assembleia de Deus. Segundo Fernando Soares, pessoas dessa igreja iriam entrar em contato com o declarante”, afirma a denúncia.

A quantia foi repassada a uma filial em Campinas, interior de SP. O chefe, ali, é um pastor chamado Samuel Ferreira, que responde ao irmão, o presidente da Assembleia de Deus Madureira no Rio, Abner Ferreira.

Abner é próximo de Cunha. Foi lá, no bairro carioca, que Cunha comemorou a vitória como deputado, em fevereiro. Em sua campanha, recebeu o apoio maciço das maiores lideranças evangélicas, incluindo o picareta Silas Malafaia, que agora renega EC como Pedro a JC.

“O Satanás teve que recolher cada uma das ferramentas preparadas contra nós. Nosso irmão em Cristo é o terceiro homem mais importante da República”, disse um extático Abner Ferreira na Câmara.

Em maio de 2014, Abner participou de um certo Congresso dos Gideões Missionários da Última Hora (não é nome de uma banda de heavy metal), em Santa Catarina.

Ali, Abner pôs-se a criticar, veja só, os candidatos que, em anos de pleito, tentam comprar líderes religiosos. “Em alguns lugares que nós vamos por ai políticos falam na nossa cara: aquele pastor, daquele lugar lá, eu compro ele no cobre”, disse no púlpito.

“É isso que muitas autoridades precisam entender: a igreja não está à venda. O nosso ministério não está à venda”, discursou. “Aqui não se vende milagre, nem prodígio e nem maravilha. Homem de Deus não aceita dinheiro sujo”.

Continuou sua peroração: “Essa época eleitoral é uma das piores épocas para a igreja. O que tem de gente se prostituindo espiritualmente por aí é uma coisa de louco. É uma vergonha!”

Eduardo Cunha assembleia de deus

Pois é. Como se trata de um servo do Senhor, Abner certamente está, neste momento, refletindo sobre a grana entregue pelo amigo Eduardo Cunha. Jesus o iluminará no sentido de dar, no mínimo, uma explicação. Seu rebanho merece conhecer a verdade. Abner, provavelmente, não sabia de nada.

Não que haja algo necessariamente errado na transação. De jeito nenhum. Sempre se pode contar com a possibilidade de que se tratava apenas do dízimo generoso do querido irmão Eduardo ou da vontade do Espírito Santo.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Rodrigo Postado em 26/Aug/2015 às 11:14

    (Outro Rodrigo) Se contratarem um Advogado tributarista, ele poderia argumentar: "pecunia non olet" - o "dinheiro não tem cheiro", brocardo que remonta à cobrança romana de impostos sobre as latrinas públicas. Algo que, apesar do gracejo, acaba tendo identidade tanto com a suposta origem dos valores, quanto com suposta cobrança de dízimo sobre esses valores.

    • Onda Vermelha Postado em 26/Aug/2015 às 13:32

      Rodrigo, me desculpe, mas humildemente discordo de seu "parecer" em defesa dessa suposta gatunagem com o dinheiro público. Como você bem apresentou a expressão "pecunia non olet" - o "dinheiro não tem cheiro", se refere a um brocardo que remonta à cobrança romana de impostos sobre as latrinas públicas. O imperador romano Vespasiano instituiu esse tributo a ser cobrado pelo uso de mictórios públicos (latrinas), que MAIS se assemelha a uma taxa, não a um imposto. De qualquer forma, seu filho Tito não concordou com o tributo tão "malcheiroso". Ao tomar conhecimento das alegações do filho, Vespasiano segurou uma moeda de ouro e lhe perguntou : Olet? (cheira? ). Tito, tomado de surpresa, respondeu: Non olet (Não cheira). Ou seja, apesar de sua origem o tributo arrecadado não mantinha o seu cheiro original. Muito provavelmente, um Advogado Tributarista nos diria haver fortes indícios de sonegação fiscal nessa operação já que templos pelo pouco que sei são isentos de tributação. Um penalista diria, talvez, haver indícios também de lavagem de dinheiro. Eu como cidadão desejo o esclarecimento desse caso e, sinceramente, não vejo identidade que justifique uma coisa ou outra. E acho que nem mesmo diante da fé cristã para aqueles que nela acreditam. Não é mesmo? PS: Não sou Advogado Tributarista. Ok? Portanto, me permito o direito da imprecisão em alguma informação prestada acima. #CunhaNaCadeia

      • Rodrigo Postado em 26/Aug/2015 às 15:29

        (Outro Rodrigo) Prezado(a) Onda, solicito gentilmente reler com especial atenção ao caráter totalmente irônico de meu comentário, especialmente denotado pelo trecho em que digo "apesar do gracejo" - ou seja, fiz direta menção ao caráter irônico e sarcástico. E, em seguimento, torno a traçar um paralelo irônico e sarcástico, ao falar da cobrança de tributos sobre local em que havia cheiro fétido face à alegada cobrança de dízimo de valor supostamente oriundo de propina/corrupção. E, ao fim, não mais tratando de dízimo, mas de tributos, quanto ao valor em questão, mesmo se demonstrado que o mesmo é oriundo de propina/corrupção, não estará a salvo da cobrança de tributos, a exemplo do ocorrido com o traficante Abadia. Reiterando, pois, fiz um comentário carregado de ironia e sarcasmo, sem nenhuma intenção de defender corrupção de quem quer que seja, eu não sendo ainda fã de Cunha (nem de nenhum político outro, vez que são agentes políticos a serviço do povo, mas não o povo estando a serviço de qualquer deles).

      • Onda Vermelha Postado em 26/Aug/2015 às 17:04

        Ok. Esclarecido então.

    • sidney Postado em 26/Aug/2015 às 22:33

      Quero lembrar um texto de Jesus: "Ajuntai tesouro na terra onde a traça come, o ferruge corroi e o ladrão rouba ou é ajuntai tesouros nos céus onda a traça NÃO come, o ferrugem NÃO corroi e o ladrão NÃO rouba?" Olha as caras dos caras diante da FACE de Deus? Tão lascadinhos da silva, com Deus não se brinca. Como diz a BIBLIA: Ai do mundo por causa dos escandalos , mas ai daqueles por onde vem os escandalos... O INFERNO é pouco e pequeno pra esses sujeitos do mal. Nem o diabo deseja eles lá...

      • Celeste Postado em 27/Aug/2015 às 08:09

        Essas pessoas Sidney não acreditam em Deus, se cressem no q pregassem aos seus fieis suas atitudes comprovariam.

      • Rodrigo Postado em 27/Aug/2015 às 10:10

        (Outro Rodrigo) A própria foto, em si, é irônica, pois mostra o nome de Jesus acima dessas figuras todas - a foto aqui está cortada, mas na internet há a foto inteira.

  2. Luciana Dangelo Postado em 26/Aug/2015 às 11:23

    Gostei da matéria, mas não gostei do tom sarcástico ao falar de coisas que para os fiéis honestos dessa igreja, são sagrados. Respeito cabe até mesmo quado falamos de calhordas desonestos como ele. Os demais membros da mesma igreja, são pessoas honradas e devem dar um duro danado para cumprir com a lei do dízimo. Por favor, não desdenhe da religião alheia! Antes dos ataques, eu não sou da Assembléia de Deus, sou Cristã, mas da igreja Mórmon. Minha esperança é que, os líderes da igreja Assembléia de Deus devolva cada centavo desse dinheiro sujo! Abraço fraternal!

    • sidney Postado em 26/Aug/2015 às 22:26

      Mormonismo nunva foi considerado cristianismo nem aqui nem em seu lugar de origem... NÂO DEFENDA O ERRADO pela mor de Deus.

  3. wladimir teixeira Postado em 26/Aug/2015 às 11:39

    Depois disso a igreja vai se denominar Assembléia do Dólar .

  4. Juniperos Postado em 26/Aug/2015 às 12:30

    O quanto será que fará falta a Deus, esse 1/10? Baixaria envolvendo crenças são as piores... espero que isso ajude as pessoas a abrirem os olhos...

  5. Dirceu Postado em 26/Aug/2015 às 12:32

    Quer local melhor para se lavar dinheiro que uma casa religiosa no Brasil, eles conseguiram o direito de não serem nem taxados pela receita federal

  6. Walter Postado em 26/Aug/2015 às 12:40

    O fundamentalista Cunha Malafaia e outros seguidores acabaram com o Brasil.

    • Pereira Postado em 26/Aug/2015 às 15:14

      Quem acabou com o Brasil foi a esquerda.

  7. Guilhermo Postado em 26/Aug/2015 às 15:08

    Esse meme diz tudo! hahaha...http://i1.kym-cdn.com/photos/images/original/000/222/958/lib.jpg

    • Rodrigo Postado em 26/Aug/2015 às 15:29

      (Outro Rodrigo) Bem por aí.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 26/Aug/2015 às 15:38

      poxa vida...realmente...é a perigosissima "cristofobia"...junto com a "brancofobia" e a "heterofobia" formam o trinômio de ódio mais profundo, intolerante e venenoso da sociedade atual....e devem ser combatidos ferozmente...tá sertinhu..

  8. Rodrigo Postado em 26/Aug/2015 às 15:32

    (Outro Rodrigo) O que é curioso, Naro, é que muitos criticam os evangélicos por, alegadamente, parte deles se declararam insistentemente como pessoas de bem, acima do bem e do mal, puras e intangíveis, detentoras da salvação e de salvo-conduto indiscriminado. Qualquer semelhança com determinados fãs de determinados políticos seria mera coincidência... Talvez, pois, a resistência seja em função de os semelhantes se repelirem...

    • felipe Postado em 26/Aug/2015 às 16:25

      Vdd Rodrigo e Naro, puro preconceito ja disse varias vezes aqui.

  9. Ricardo Morales Postado em 26/Aug/2015 às 16:09

    Pereira pelo que recordo aqui em São Paulo quem começou a derrubar o Brasil foi a direita-elitista , quando apregoavam nas campanhas do candidato Maluf o slogan ROUBA ,MAS FAZ . e agora ,quem deixou a corrupção se estabelecer ? esquerda ou direita ?

    • Pereira Postado em 27/Aug/2015 às 11:41

      Ta bom...conta a da ajuda americana do "golpe" de 64 a do português corno e a do papagaio desbocado. Tá valendo !

  10. sidney Postado em 27/Aug/2015 às 13:44

    Luciana, quem está na igreja não é inocente coisa nenhuma, são cegos guiados por cegos, ambos cairão no abismo... Quem disse isso foi o próprio Jesus. E o dízimo não é isso que vc disse mesmo - "lei do dízimo? " Santa ignorância e deturpação da Bíblia...

  11. Flavio Postado em 28/Aug/2015 às 02:18

    Em atos 5:1-11 temos o exemplo de Ananias e Safira que mentiram sobre a doação da venda de uma casa, dizendo que dariam o total do valor levantado na venda. Mas mentiram, e só deram uma parte, e como diz a palavra caíram mortos diante de toda igreja. O problema não foi o dinheiro, mas a mentira e o engano e posteriormente, as consequências que a atitude deles traria sobre a comunidade Deus vê que em algumas é necessário cortar o mal pela raiz. Um dia dia Deus terá que trazer juízo sobre todos que pecaram contra Ele....... Deus é amor, mas existe um limite além do qual Ele não pode tolerar a maldade. Precisamos ser cuidadosos para não ultrapassar a medida da misericórdia de Deus. Por isso esses falsos cristãos pagarão um alto preço por trazerem vergonha para a igreja cristã e com isso muitas ovelhas poderão se perder do seu rebanho.

  12. Eduardo Postado em 18/Sep/2015 às 19:36

    tipo botar o ovo de novo na cloaca da galinha.... não dá né....

  13. Marco Sousa Postado em 08/May/2016 às 14:35

    Duvido!. "Eles" (NÃO DIFERENCIAM) dinheiro lícito de ilícito..., aliás, em termos de (moralidade) os "homens da bíblica" só enxergam à que for (favorável a eles)!.

  14. SIDNEI RODRIGUES Postado em 21/May/2016 às 20:56

    É por isso que tenho arrepio quando vejo cidadão que tem o microfone como ferramenta de trabalho. É radialista, pastor, deputado, senador. A comunicação se confunde com enganação.