Redação Pragmatismo
Compartilhar
Direita 07/Jul/2015 às 16:42
19
Comentários

Professor de Stanford comenta agressão sofrida por Dilma Rousseff

Após ofensas a Dilma Rousseff em Stanford (EUA) por um jovem brasileiro fã de Jair Bolsonaro, professor da renomada instituição de ensino escreve carta em que chama a atenção para o ‘fascismo’ nas agressões

Igor Gilly comitiva dilma eua
Igor Gilly, o jovem fanático que invadiu a comitiva de Dilma nos EUA

Revista Fórum

Depois das ofensas que dois brasileiros desferiram à presidenta Dilma Rousseff em visita à Universidade de Stanford [relembre aqui], nos Estados Unidos, um professor brasileiro da instituição, que participou de uma reunião com Dilma, escreveu uma carta enviada ao Painel do Leitor do jornal Folha de S. Paulo, onde narra o que aconteceu e chama a atenção para o caráter fascista deste tipo de manifestação.

De acordo com o professor Paulo Blikstein, que dá aula no centro que estuda a educação brasileira dentro da universidade, a presidenta estava na instituição para uma reunião que contaria com a presença de professores e de nomes como Mark Zuckerberg e o chairman do Google, Eric Schmidt. Pouco antes do encontro, dois jovens brasileiros que moram no país burlaram a segurança da presidência e, quase lado a lado com Dilma, desferiram xingamentos que iam de “comunista” e “vagabunda” a “terrorista”.

“O direito de protestar é um pilar da democracia. Mesmo entre os alunos brasileiros de Stanford, há aqueles que são partidários do governo e os que estão na oposição. Mas o tipo de ataque desses dois jovens (que têm fotos com Jair Bolsonaro no Facebook) lembra a virulência de grupos políticos fascistas que infelizmente proliferam pelo mundo”, afirmou o professor em sua carta.

Confira o texto na íntegra:

Durante a visita de Dilma aos EUA, professores e alunos do Lemann Center, um centro que estuda educação brasileira na Universidade de Stanford, se organizaram para falar com a presidenta. Nossa reunião foi frustrada porque dois jovens brasileiros furaram a segurança de Stanford, entraram no prédio, e dirigiram ofensas lamentáveis à presidenta, no mesmo recinto onde estavam convidados como Mark Zuckerberg e o chairman do Google, Eric Schmidt.

O direito de protestar é um pilar da democracia. Mesmo entre os alunos brasileiros de Stanford, há aqueles que são partidários do governo e os que estão na oposição. Mas o tipo de ataque desses dois jovens, lembra a virulência de grupos políticos fascistas que infelizmente proliferam pelo mundo.

Entre erros e acertos do governo e da oposição, há um erro que ambos devem evitar a todo custo: ignorar o perigo do crescimento desse tipo de ideologia violenta e fascista, normalmente acompanhada de homofobia e racismo.

Há oposição construtiva e inteligente no país, e ela não deve jamais se deixar confundir ou se aliar a esses grupos. O governo, por sua vez, não deve também confundir a oposição responsável com esses grupos que sempre acabam do lado errado da história.

Os recentes acontecimentos em Charleston, nos EUA, mostram o trágico resultado de dar energia e exposição para esse tipo de imbecil.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Lairson Postado em 07/Jul/2015 às 18:16

    O pior não é a oposição (ofensa, seria o correto?) orquestrada por esse canalha. O pior é que o imbecil só está nos EUA por conta de bolsa governamental do "Ciência sem Fronteira". E pra acabar, resta o fato de que a Dilma recebe impropérios e ofensas como se fossem os mais rasgados elogios...

  2. Edinho Postado em 07/Jul/2015 às 18:49

    Queria ver o que aconteceria a um imbecil deste naipe se fizesse o mesmo a um Obama ou Angela Merkel da vida...

    • Eduardo Postado em 07/Jul/2015 às 19:22

      estaria em Guantanamo seguramente... ou seguramente teria que dar explicações muito convicentes.... e com razão, pois respeito cabe em qualquer lugar....

  3. poliana Postado em 07/Jul/2015 às 19:04

    e aí, pereira, será q esse brasileiro, professor de stanford tb n sabe o q é fascismo??? ou o pt tb aparelhou o corpo docente dessa universidade americana???

    • Eduardo Postado em 07/Jul/2015 às 19:23

      pereira é a árvore que dá pera.... o PT é o demônio e os outros são os santos, aqueles que ficam em altares das igrejas evangélicas..... entendeu.

    • Denisbaldo Postado em 07/Jul/2015 às 20:23

      "Um cristão, se não for revolucionário nos tempos atuais, não é cristão" - Papa Francisco. Será que o Pereira concorda???

      • poliana Postado em 07/Jul/2015 às 20:33

        que nada! o pereira vai dizer q o papa é comunista e deveria ser excomungado...

      • Denisbaldo Postado em 08/Jul/2015 às 13:34

        Eu esqueci que o Vaticano sempre foi um famoso antro de petistas! Hahahah!

  4. Deisi Postado em 07/Jul/2015 às 19:48

    O fascista em questão bem definido pelo professor, é um ativista da extrema direita semeador de ódio, beneficiário do " Programa Ciências sem Fronteiras",que posta foto ao lado do Bolsonaro, Sem duvida um fascistinha de merda, queria aparecer, agora vai aparecer perante a justiça.

  5. Paulo Rozendo Ferreira Postado em 07/Jul/2015 às 21:03

    A PRESIDENTA TEM QUE SER MAIS ENÉRGICA , COM ESSE TIPO DE AGRESSÃO , E EU NÃO VI AS FORÇAS ARMADAS SE PRONUNCIAR SOBRE O CASO, A CHEFE DE UM ESTADO TEM QUE SER RESPEITADA, PRINCIPALMENTE NO EXTERIOR, ESSE IMUNDO. NÃO DESMORALIZOU A PRESIDENTA , ELE DESMORALIZOU FOI A SOBERANIA DO BRASIL NO EXTERIOR , o povo de fora vai dizer que qualquer um de fora pode avacalhar com o Brasil, Os Estados Unidos deveria prende-lo, porque foi lá que a Presidente foi agredida, se ele está lá a responsabilidade é americana .

  6. Duarte Postado em 07/Jul/2015 às 21:21

    Um covarde incompetente que nao esta nem ai para o seu Pais, Pais nao porque ele deve ter escolhido os EUA como seu Pais, por ter uma foto com o Bolsonaro da para ver como e fraco de cabeca.

  7. Thiago Teixeira Postado em 07/Jul/2015 às 22:20

    "...energia e exposição para esse tipo de imbecil.." é o que a Mídia Golpista faz todos os dias ao vivo e em rede nacional.

  8. B. Ferreira Postado em 08/Jul/2015 às 08:51

    É necessário ser mais enérgico quanto a esse tipo de ofensa, é incabível que a presidente seja insultada e nada com relação a esse moleque direitista seja feito. Só poderia ser da laia de Bolsonaro, né...

  9. Eduardo Ribeiro Postado em 08/Jul/2015 às 10:57

    Bolsonarete. Menino mijado de internet. Fez exatamente o que dele se espera. Bostejou. Que Dilma e o PT parem de ser FROUXOS e dêem um tranco nesse bunda-de-talco. Qualquer pronunciamento ou atitude mais enérgica, que marque território, que demonstre mais força, mais sangue, é desejável e necessária. Esses bandidinhos crescem demais na apatia, mas um grito mais alto já faz eles voltarem ganindo pra casinha. Não somente nesse episódio. Essa FROUXIDÃO e essa presença sem-sangue precisa acabar. Ou se impõem ou vão ser engolidos mesmo.

  10. Miga Tado Postado em 08/Jul/2015 às 18:50

    Agora que o PT está provando do veneno que criou ainda quer se fazer de vitima!!! Lula dissemina ódio para se manter no poder. Criou comportamentos de intolerância entre tipos humanos diferentes (dividir e conquistar) para poder continuar roubando enquanto as pessoas brigam entre si. Mas, como Lula não é muito inteligente, errou na estratégia ao colocar todos os negros num saco só dizendo que são todos uns pobres diabos que nunca conseguirão nada a não ser através do maravilhoso Lula. Só que isso é mentira, tem um monte de negros vencendo sem Lula, sem precisar serem bandidos, sem precisarem se fazer de vitimas. Lula ficou por ai discursando que o povo brasileiro deveria odiar os louros de olhos azuis, que eles são sempre ricos e são os culpados de tudo que deu errado (LULA É O CULPADO). Mas todos sabem que há louros que vivem vidas modestas da agricultura familiar, de pequenos comércios. E a disseminação de ódio através dessas generalizações mentirosas de Lula, felizmente, já não convencem mais tanta gente. Alguns desavidos alienados ainda acreditam que Lula é bom e que a culpa de tudo que deu errado no governo PT é dos louros de olhos azuis. Mas ainda bem que tem gente que pensa no Brasil. É ridículo, Lula sabe que louros de verdade são menos de 1% da população brasileira, que eles tem pouco força de voto, que não podem se defender das agressões que estão acontecendo em resultado deste discursos fascistas que Lula na da espalhando por aí. Para Lula, vale tudo para se manter no poder e roubar todo mundo, até criar ódio! No vídeo dá para ver um destes discursos de Lula jogando a culpa de seus crimes e de sua incompetência em cima de louros de olhos azuis! https://www.youtube.com/watch?v=jdP59zTPYu8

  11. ZENIO SILVA Postado em 09/Jul/2015 às 10:11

    Outro fã do Bolsonaro! Esse cara se fosse bom mesmo teria tido sucesso na profissão que escolheu, seria um general! Mas parece que preferiu a vida mansa de parlamentar do que as agruras da caserna. Um frouxo, isso sim!

  12. Fonseca Postado em 09/Jul/2015 às 20:57

    Queria ver esse bosta de bolsonaro no poder! Queria ver esse verme lacaio dos EUA (basta ver as referencias dele em bajulações aos EUA). Um lixo! Basta ver os seus projetos de lei que nada fala do povo e para o povo. Não fala em sociedade e só reivindica salário de milico. Vocês sabiam que para ser oficial do Exercito(o que bolsonaro é), antes do governo do PT, metade das vagas eram reservadas a alunos de escolas militares(cadê a crítica na época?), sendo a maioria deles filhos de militar? E aí, pq filho de milico tinha cota? É uma cota que esse nojento do bolsonaro inclusive deve ter se beneficiado. Um lunático que vive agredindo as pessoas e fazendo alusão a ditadura. Época que se esse idiota fosse parlamentar sequer poderia falar o que fala. Um cretino que só fala em salário de milico, armas e presídios. Alguém pode me dizer o que esse lixo tem de bom pra sociedade?

  13. Héber Postado em 16/Jul/2015 às 10:10

    Achei bom ter acontecido, pois a caractarística da democracia, como também os EUA são, é liberdade de expressão. Temos que aprender a conviver com gente insana para nos lembrarmos de valorizar cada momento da democracia.

  14. Flávio Santos Postado em 19/Jul/2015 às 04:40

    O interessante é que o Lemann Center, um centro que estuda educação brasileira na Universidade de Stanford, acabou discutindo a falta de educação brasileira.