Redação Pragmatismo
Compartilhar
Homofobia 05/May/2015 às 18:25
70
Comentários

Qual é o problema de Ziraldo com os homossexuais?

Ataque de Ziraldo aos homossexuais provocou decepção em antigos fãs do cartunista. Declaração dada pelo escritor não causaria espanto se fosse dita por figuras como Jair Bolsonaro ou Silas Malafaia

ziraldo homossexuais gays homofobia
Ziraldo e o menino maluquinho, um dos seus personagens mais famosos

O escritor Ziraldo, 82, famoso por seus livros infantis, surpreendeu ao comentar a abordagem da homossexualidade na televisão brasileira – mais especificamente nas novelas. De acordo com o cartunista, “o problema da homossexualidade é que ela está hiperdimensionada”.

Ziraldo criticou a postura da TV Globo em entrevista ao periódico mineiro Hoje Em Dia e sobrou até para a atriz Fernanda Montenegro. “A TV Globo acha que está fazendo um grande serviço ao ‘modus vivendi’, ao dar chance aos homossexuais de assumirem a sexualidade deles. A Fernanda Montenegro não tem direito de fazer apologia do afeto homossexual. Grandes fãs dela estão estarrecidos com isso. E mesmo que ela estivesse pensando em ajudar as mães dos homossexuais… Mas qual é a porcentagem de mães de homossexuais?”, disparou o escritor.

Críticas

O jornalista Ricardo Lima, editor do blog Nada Errado, sugere que Ziraldo precisa revisitar a sua própria obra para refletir sobre o preconceito.

“Em 1969, Ziraldo escreveu seu primeiro livro infantil. ‘Flicts’ conta a história de uma cor que é “diferente”. Não consegue se encaixar no arco-íris, se acha feia, esquisita. Não tem lugar na sociedade das cores, pois não se encaixa nos padrões estabelecidos. No decorrer da história, Flicts vai entendendo que não tem nada errado consigo, e que existe, sim, um lugar para ele no mundo – independentemente do que os outros pensem. A mensagem de ‘Flicts’ é, ao final do livro, que todos merecem respeito, espaço, direito à opinião e representatividade. Infelizmente, quem precisa mesmo ler ‘Flicts’, hoje, é o próprio criador”, enfatizou.

Leonardo Mendes, jornalista que escreve para o blog Van Filosofia, se disse surpreso com as declarações do escritor. “É o tipo de declaração que nos acostumamos a escutar de figuras como Bolsonaros ou de nossos tios-avós mais antigos, mas raramente de artistas como Ziraldo. Um clássico caso do homem que morde o cachorro e por isso é notícia”, escreveu.

“A história parece ainda mais curiosa quando sabemos que Ziraldo é autor do desenho do sol sorridente no logo do PSOL, sob os dizeres ‘Socialismo’ e “Liberdade'”, concluiu Mendes

Repercussão

Nas redes sociais, o posicionamento de Ziraldo foi considerado arcaico e o escritor foi confrontado por internautas.

“Ziraldo fala umas besteiras e um pouco de mim fã do pasquim sempre morre”, escreveu uma internautas decepcionada. “Novo personagem de Ziraldo: o menino homofobiquinho”, ironizou outro, em alusão ao ‘Menino Maluquinho’, personagem mais famoso do escritor.

Mensagens que compararam Ziraldo e Fernanda Montenegro também foram publicadas. “Ambos na faixa dos 80, mas lucidez de Fernanda Montenegro contrasta com senilidade de Ziraldo”.

Ziraldo é criador da “Turma do Pererê” e de outros personagens emblemáticos para a literatura infantil brasileira.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Sandra Regina Tissot do H Postado em 05/May/2015 às 19:08

    Menos. Agora todo o Brasil precisa pensar igual a Fernanda Montenegro. A homossexualidade está superdimensionada sim. Não vê quem não quer. Tudo em exagero cansa.

    • Juliana Bueno Postado em 05/May/2015 às 19:47

      O que raios é estar hiperdimensionada? Quantos casais gays há na novela? Quantos casais héteros? É historicamente proporcional? Quantos assassinatos há na novela? Quantas traições? Quantas cenas de agressão? Um casal gay protagonizando uma novela onde quinhentos outros casais traidores, sentimentaloides, bobocas, heteronormativos, ou simplesmente felizes também passam em cena não é algo hiperdimensionado.

      • Gidele Postado em 05/May/2015 às 21:59

        Vc tem filhos Juliana? Vc sabe o que significa a palavra promiscuidade?

      • poliana Postado em 06/May/2015 às 09:30

        cala boca gidele!! estrume evangélico!!!!!!!

      • lucas Postado em 06/May/2015 às 11:45

        proporcionalidade na novela? na sociedade é proporcional????

      • paulo Postado em 06/May/2015 às 18:17

        Ótimo comentário Juliana. Melhor que isso é ver o povo destruindo a Gidele com argumentos. E eu tenho mais um para você Gidele... você já ouviu falar em classificação indicativa? Essas novelas, dependendo da idade de sua filha, não são para ela. Caso ela não tenha maturidade para entender e dimensionar a postura e orientação, natural ou não, sexual dos seres humanos, ela também não tem maturidade para ver cenas de tapas na cara, violência contra a mulher, preconceito... Pense nisso. EEEE haaa.. gays também têm filhos.

      • Marcos Postado em 09/May/2015 às 11:13

        PQP, que homossexualidade tem haver com promiscuidade? Sai toca filha, olha quantas casas de swings tem espalhadas por ai, olha quantos casais héteros casados fazem orgias e surubas... Cuida da sua vida, quem é você pra ficar apontando promiscuidade de fulano ou sicrano, cada um faz o que bem entender da sua vida sexual desde que não prejudique ninguém!

    • antonia Postado em 05/May/2015 às 20:26

      Histórias de amores impossíveis também já cansou. Até porque hoje em dia ninguém é obrigado a casar sem gostar, mas as pessoas ficam babando quando assistem estes casos idiotas nas novelas. Nunca vi ninguém criticar as imbecilidade desses amores impossíveis e casos de adultérios serem hiperdimensionadas nas novelas.

      • Luciano Postado em 05/May/2015 às 23:43

        Eu já vi. Várias vezes...

    • Eduardo Ribeiro Postado em 05/May/2015 às 20:50

      Defina "superdimensionada" e explique porque a homossexualidade está tão superdimensionada assim. Tem que ter menos, é isso? E por outro lado, a heterossexualidade, estaria superdimensionada, subdimensionada, normal-dimensionada...como estaria? Fiquei curioso com a dimensão do espectro sexual.

      • Gidele Postado em 05/May/2015 às 22:02

        Está superdimensionada sim ! O normal é homem , mulher e filhos, casal homo vive uma mentira!

      • Eduardo Ribeiro Postado em 05/May/2015 às 22:05

        "NORMAL"....tá sertinha, viu? Continue assim.

    • Alessandra Postado em 05/May/2015 às 21:25

      Concordo contigo, Sandra. No texto o jornalista Ricardo Lima diz, se referindo ao livro ‘Flicts’, que todos merecem respeito, espaço, direito à opinião e representatividade e eu incluiria que todos que possuem o direito de opinião inclui o próprio Ziraldo. Ele, assim como qualquer outra pessoa tem o direito de emitir sua opinião, se de aprovação ou de reprovação, acerca de uma circunstância, uma atitude, uma decisão ou de qualquer outra coisa. Ninguém é obrigado a concordar com tudo, ou já estamos vivendo uma ditadura de pensamento?

      • Luciano Postado em 05/May/2015 às 23:47

        Concordo. Posso não gostar ou não concordar com o que ele diz, mas daí a chamar de homofóbico, é um pouco demais.

      • Fred Delgado Postado em 06/May/2015 às 08:17

        Eu nunca entendo a galera que diz viver numa ditadura de pensamento e de expressão. Tinha alguém ao lado dizendo que Ziraldo não poderia ter dito aquilo? Alguém o proibiu de dizer o que pensa? Não, né? Então não há ditadura. Assim como teve o direito, e tem mesmo, de falar merda, outras pessoas tem o direito de se expressar contra. Você tem o direito de falar merda porém ninguém tem a obrigação de concordar com ela. E caso a besteira fira alguém, esse alguém pode processar se quiser. E mesmo assim nenhuma ditadura terá sido posta caso a pessoa perca ou ganhe o processo. Nem é tão complicado entender o conceito.

      • João Postado em 06/May/2015 às 13:25

        Procurem a respeito da história uma entrevista do deputado Jean Wyllis falando sobre outro caso envolvendo o Ziraldo em que ele se negou a participar de uma mesa de debate envolvendo outros debatedores,inclusive o Jean e o Ziraldo se negou a participar. O deputado disse que depois ficou sabendo que ele se negou por causa da orientação sexual do deputado. Isso não é ser homofóbico? Por favor...

    • gidele Postado em 05/May/2015 às 21:58

      Certíssima todo gay é santo! Se ele não gostou tem que falar mesmo! Cadê a democracia? também achei um escândalo e filho meu não assiste novela e muito menos essa!

      • mary Postado em 05/May/2015 às 23:50

        Então eles não vão as ruas TB ? Nas ruas, shooping, praças e outros lugares canso de ver casais gays se beijando, e não me sinto afrontada mas sim qdo vejo brigas Covardias com animais, homem surfando mulher, assaltos, etc.

      • João Postado em 05/May/2015 às 23:59

        mary concordo com você, mas o que é "homem surfando mulher" ? Nunca ouvi esta expressão. Abraço.

      • Junior Postado em 06/May/2015 às 10:53

        Caraca, essa Gidele parece que é paga pra ficar falando azneiras aqui! Pra quê tando ódio e repúdio no seu coração? Se você é uma mulher temente a Deus e a Jesus, então mais do que ninguém você saberá que devemos amar uns aos outros sem discriminação! Sinto lhe informar querida, mas o mundo em que vivemos hoje é este de liberdade, não foi isso que Deus nosso criador nos deu, o livre arbítrio. Só acho que você deva se informar um poco mais sobre o mundo qual você vive, acho que você esta desatualizada, bota a cara no sol mana e veja que a diversidade não vai mudar em nada sua vida, um dia pode até lhe estender a mão quando você precisar!

      • João Postado em 06/May/2015 às 13:33

        Se vc não consegue entender que também há amor na relação dos gays pelo menos não classifique a relação homoafetiva de mentira, também há amor, companheirismo, cumplicidade, amizade e respeito da mesma forma que há na relação hétero. Só que ficar falando que eles vivem uma mentira é fácil e também ficar atribuindo-lhes a alcunha de serem promíscuos. Não há promiscuidade entre os héteros? Em que planeta você vive?? Os héteros então são todos devotos da monogamia? Ignorância e burrice tem limites. Quando eu não compreendo algo eu me abstenho de dar minha opinião para não transmitir algo baseado em senso comum, para não fazer um discurso limitado e unilateral. Mas as pessoas preconceituosas não pensam assim, mesmo não compreendendo o outro, sempre procuram fazer com que sua visão de mundo prevaleça através de um discurso autoritário e que deslegitime socialmente o outro. Lamentável. Pessoas assim me enojam profundamente. E por fim, democracia não é poder falar o que se quer e muito menos achar que a democracia seja apenas a democracia da maioria. Quando se fala de democracia e direitos é para todos.

    • Romulo Postado em 05/May/2015 às 22:57

      Verdade! Porque nao,utiliza atores gays em seus papéis reais, ficaria mais autêntico e sem essa necessidade de superdimensionar um padrão de vida. Já que somos "evoluídos" acredito que seria mais natural e sem alardes. Não é normal a terceira via sexual? Então não precisa de heteros representando homossexuais.

    • Guilherme Postado em 06/May/2015 às 06:41

      Agora todo mundo que tem alguma opinião que diverge com os movimentos glbt, devera ser taxado de senil?Expressar opinião é senilidade? Por mim era o contrário, quem tem opinião é pq esta lúcido ao ponto de formar seu conceito. Não falo nem que ele ta certo ou errado, a única coisa que eu vejo é um motivimento modista que quer exigir respeito empurando suas opiniões guela abaixo, sem respeitar a opinião alheia. Isto sim é senilidade.

    • volff Postado em 06/May/2015 às 10:44

      Verdade Sandra.

  2. Sérgio Seixas Postado em 05/May/2015 às 19:09

    Acredito que Ziraldo exagerou em suas observações, mas não se deve apedreja-lo por isso. O problema não é ele achar que há certa apologia ao comportamento em questão porque, convenhamos, há. Mas daí à esse tipo de moralismo que beira (disse, beira) a homofobia, há uma grande diferença. Acredito que, no fundo, o Ziraldo não é homofóbico. P.S. sem intenção de trocadilho infame com o "no fundo" rss

    • Luciano Postado em 05/May/2015 às 23:48

      Perfeito!

    • Sabrina Postado em 07/May/2015 às 11:07

      Quando se fala em apologia, devemos considerar que ela é sempre feita no sentido de influenciar alguém a um determinado comportamento. No entanto, homoafetividade não é escolha, é orientação. Não existe apologia nenhuma

  3. Hugo Diniz Postado em 05/May/2015 às 19:33

    Qual o problema dos homossexuais com o Ziraldo e com os outros que não comungam com seus conceitos.

    • Juliana Bueno Postado em 05/May/2015 às 19:55

      Até agora, não me parece haver nenhum problema que não vá ser criado a partir dessa declaração infeliz do autor. Nunca ouvi nenhum gay falar nada sobre o Ziraldo, ou sobre suas práticas sexuais. Ziraldo é que foi infeliz.

    • Paulo Abreu Postado em 05/May/2015 às 23:58

      até hetero apanha na rua quando acham que são homossexuais, e vc vem perguntar "qual o problema" com quem não comunga com esses "conceitos"? conceito de quê? de viver em paz e sem medo de agressão, por exemplo?

  4. Renato Postado em 05/May/2015 às 19:35

    Minha admiração pelo Ziraldo me faz "quase acreditar" que ele não disse uma bobagem dessa.Se ele realmente disse eu estou agora com cara de idiota , pois é assim que ele me faz sentir. Como disse Einstein "É mais fácil desintegrar um átomo, do que o preconceito"

  5. Pedro Postado em 05/May/2015 às 19:36

    Não falou nada diferente do que pensa a maioria da população mas que, ultimamente, tem medo/vergonha de dizer. Sou contrário ao extremismo de Bolsonaro, mas que vivemos sob a égide de uma Ditadura Gay, vivemos.

    • Juliana Bueno Postado em 05/May/2015 às 19:52

      Ditadura gay, meu amigo? Quantos casais gays há na novela? Quantos casais héteros? Realmente essa palavra, ditadura perdeu todo o significado com a história se apagando. Alguém te obriga a ser homosexual? Em algum lugar você já foi impedido de circular por não ser homossexual? Alguma instituição religiosa de negou o direito à fé pois você não se declarou homossexual? Você já foi impedido de exercer cargo público por ser heterossexual? Então, meu amigo, pense um pouco, não, NÃO, não há nada que beire DITADURA homossexual.

    • João Postado em 06/May/2015 às 13:42

      Outro que se contradiz ao usar uma conjunção adversativa e fala como um papagaio de expressões criadas pelos conservadores para deslegitimar o movimento social LGBT. Da mesma forma falar em dia do Orgulho Hétero, Dia da Consciência Branca, uma lei tipo Maria da Penha para homens, Lei contra heterofobia....Discursos para escamotear o preconceito nosso de cada dia.

  6. poliana Postado em 05/May/2015 às 19:45

    “Novo personagem de Ziraldo: o menino homofobiquinho”, ...kkkkkkkkkkkkkkkkk....desculpa, gente..mas n me contive! a galera n perdoa mesmo! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  7. Rodolfo Postado em 05/May/2015 às 19:47

    Onde esta o direito de expressão que tantos defendem, respeitar e conviver é uma coisa concordar é outra, vamos lá minha gente ele só colocou sua opinião da mesma forma que todos colocam a favor, vamos parar com esse radicalismo.

    • João Postado em 06/May/2015 às 00:05

      O direito de um acaba quando começa o direito do outro. As pessoas confundem direito com o "posso tudo, foda-se o outro".

  8. Walquíria Postado em 05/May/2015 às 20:42

    Agora vão apedrejar o Ziraldo por falar o que ele pensa, atualmente o mundo se tornou um reduto de pessoas politicamente corretas que repetem o que os outros querem ouvir. Se a pessoa tem direito de assumir sua opção sexual, qual é o problema das outras pessoas expressarem sua opinião?

  9. Renato Postado em 05/May/2015 às 20:56

    Acho que viadagem também tem limite. E no Brasil já passou da hora.

    • B. Ferreira Postado em 06/May/2015 às 11:30

      kkkkkkkkkkk

  10. sergio Postado em 05/May/2015 às 20:58

    Ziraldo que vá se fuder!

  11. Eduardo Ribeiro Postado em 05/May/2015 às 21:07

    Ao contrário de quem se sente traido, decepcionado com alguém outrora supostamente admirável, eu não me surpreendo EM NADA - pelo contrário - por ter lido essa declaração, que além de homofóbica é altamente inapropriada, sem sentido. É em última análise BURRA mesmo. Afinal, o que é "homossexualidade hiperdimensionada"?????? Se o mesmo termo não se aplica ao oposto (afinal, ninguém reclama de "heterossexualidade hiperdimensionada"), então o termo torna-se sem sentido. É tipo dizer que a homossexualidade anda redonda demais, ou vermelha demais, ou quente demais. De resto, homofóbicos vagabundos cagalhando o espaço pra variar. "Ain, é a opinião dele...", "mimimi é a opinião da maioria", "nhé, isso aí é a ditadura gay..", "mimimi porque a novela e a Fernanda Montenegro e o beijo lésbico e mimimi...". Cansado. Vou morrer e não verei o mundo livre desses energúmenos.

    • João Postado em 06/May/2015 às 00:09

      Tenha certeza disso irmão, abraço.

  12. lucas Postado em 05/May/2015 às 21:13

    Ziraldo e Fernanda Montenegro. Ambos com 80 anos. Mas cada um tem o direito de ter a sua opinião. Será que é tão difícil aceitar isso? A impressao que tenho e que todos os que emitirem qualquer opinião ou argumento que desagrade os homossexuais é imediatamente taxado como homofóbico. Relacionar a fala do Ziraldo com as opiniões malucas do Bolsonaro é uma grande desonestidade intelectual. Todo discurso é passível de ser desconstruído. Seja os discursos que pregam a heterormatividade ou aqeueles que pregam a homoafetividade. Pense bem, se as suas crenças, ideologias, sentimentos e/ ou opiniões não conseguirem suportar uma critica, é por que VC não tem tanta certeza assim do que faz!

  13. Lívia Postado em 05/May/2015 às 21:15

    Seguinte: não assisto novelas, sobretudo, não vejo praticamente nada (por livre e espontânea vontade) ligado a rede Globo. O dia é corrido, não sobra tempo pra essas coisas e no meu tempo livre, ou eu quero descansar ou assistir algo que realmente seja do meu gosto. Contudo, sei que a novela atual está causando um rebuliço por conta de um casal lésbico de senhoras. O que me espanta nessa história toda é a repercussão que isso está tendo, pro bem e pro mal. Quando vi/soube, não tive reação alguma. A gente não tem reação àquilo que é normal. Não achei legal, nem achei terrível, não achei moral nem imoral: achei corriqueiro. As novelas tendem a apresentar, a priori, o cotidiano, o dia a dia, com pessoas do dia a dia. Casais héteros existem, casais gays existem, zoofilia existe, pedófilo existe... Você pode concordar ou não, pode gostar ou não... Mas existe. Claro que alguns conteúdos (como zoofilia numa novela das 21h) seria apelativo e descabido, embora exista. Mas está na hora de entender que HOMOSSEXUALIDADE É ALGO NORMAL. Existe. Está aí. Todos os dias. E hiperdimensionado está tudo nos dias de hoje, principalmente a sexualidade - seja ela homo, ou hetero. O problema não é de gênero.

    • Luciano Postado em 05/May/2015 às 23:55

      Um dos comentários mais sensatos que li.

    • Lívia Postado em 06/May/2015 às 08:47

      Não é? Pra mim, o casal formado pelas duas atrizes (sensacionais, diga-se de passagem) na teledramaturgia é tão normal quando ver qualquer casal hétero da novela. Soube que houve um selinho. "Meu Deus! Um beijo gay na TV! Um beijo gay". Eu: ah, teve? Legal. Casais heteros também se beijam na novela. Casal homo é um casal. Casais se beijam. Fim, normal. Isso é um processo que acontece com qualquer um que se permite aceitar as pessoas. Tudo o que foge da 'regra', no início, pode causar estranheza. O preconceito está exatamente em um dos caminhos que você tem pra aceitar as coisas: no caminho 1, você se abre pra encarar a realidade e as novas configurações do espaço em que vive; no 2, você fica atrelado a valores arcaicos, que nem combinam muito com a idade que se tem ou com a época que se vive, e coloca-se na mesquinha posição de julgar o outro. Preconceito. Open your mind. :)

    • Rafael Postado em 06/May/2015 às 14:06

      Perfeito.

  14. Carlos augusto rodrigues Postado em 05/May/2015 às 21:26

    82 anos... complicações!

  15. NORMA SUELY Postado em 05/May/2015 às 21:27

    Nas novelas ou mini-séries homossexuais não podem demonstrar seus sentimentos bons e até maus, mas héteros podem mostrar suas más intenções, suas traições, suas imoralidades, homens podem ter amantes até manterem apartamentos exclusivos para encontros sexuais, mas em casa a mulher "santa" (só que não) o espera cheia de amor e carinho. Pode-se mostrar um pai sem vergonha que deseduca os filhos e os transforma aos poucos no mesmo canalha que é, preguiçoso e traidor. É isso pode, gays não.

  16. Ruy Dias Postado em 05/May/2015 às 21:48

    A idade é cruel e as pessoas deviam saber a hora de cair fora e aproveitar o tempo que resta. Mas comparar Ziraldo a Bolsonaro é sacanagem. Ele emitiu uma visão de mundo conformada nos anos 30. Temos que ser tolerantes com essas pessoas e focar nossas críticas ao homofóbicos que nasceram nos anos 70 em diante

  17. Jonas Schlesinger Postado em 05/May/2015 às 22:22

    Lúcido. O Brasil vai de mau a pior. E essa ditadura viadista já tá indo longe demais. Todo mundo tem que aceitar imoralidade, promiscuidade? VSF!

  18. Roberto Pedroso Postado em 06/May/2015 às 00:51

    Ziraldo apenas expressou sua opinião,apenas isso, todos tem o direito de concordar com ela ou de repudia-la, mas agora taxa-lo de homofóbico é um disparate! o cúmulo do exagero,pois ele tem sua opinião e deve ser respeitado e assim se estabelece a pratica e conduta democrática e cidadã.Evocar os valores democráticos e o direito a livre manifestação de pensamento somente quando a opinião em questão me agrada e coaduna com meus princípios e convicções é confortável, difícil e'reconhecer o direito de livre manifestação do outro e,mesmo discordando de suas teses, exigir e reivindicar para que ele tenha assegurado o seu direito de livre expressão e manifestação sempre garantidos .

    • barbara Postado em 06/May/2015 às 01:47

      o que é uma pessoa homofóbica então???? Alguém que é contra o direiro de uma tribo, uma classe, ser representada numa novela não é homofóbica? E se tivesse um judeu numa novela e alguém postasse um comentário contra judeus e atores que aceitam representar judeus, isso não é anti-semitismo??? O que é isso então??? Homofóbico não é só aquele cara que AGRIDE E MATA homossexuais. Nem racistas são aqueles que apenas BATEM E MATAM gays. Você pode ser racista sem nunca ter agredido um negro!!! Basta que você seja contra a conquista de direitos pela minoria. Se você é contra um judeu ter o direito de entrar num restaurante, por exemplo, você é anti-semita. Se você é contra uma mdelo negra numa passarela, você é racista. Se você é contra um casal gay ter direito a casar, ter conta conjunta, ter plano de saúde familiar, você é homofóbico. Se você é contra minorias terem DIREITOS CIVIS que todos os outros grupos têm, então você é preconceituoso. Conclusão: Se o Ziraldo é contra uma lésbica ser representada numa novela, ele está sim sendo homofóbico. Veja bem, ninguém na novela disse que todos tem que ser gays... A novela apenas retrata a realidade, existem muitos casais lésbicos e gays. Então se ver isso o incomoda tanto assim, ele É SM HOMOFÓBICO. Uma pena, deve ser a velhice.

      • Roberto Pedroso Postado em 06/May/2015 às 09:38

        Mas devemos sempre garantir o direito de livre opinião mesmo quando esta se encontra em um ponto equidistante aos meus valores e princípios,assim se estabelece os fundamentos democráticos basilares.Em resumo devemos seguir os princípios da celebre frase(erroneamente) atribuída a Voltaire: "Posso não concordar com o que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo",talvez partindo deste principio teremos debates mais abertos e maduros tão importantes e salutares para o refinamento democracia.

  19. barbara Postado em 06/May/2015 às 01:39

    As pessoas estão confundindo tudo!!!! A tempos atrás, ser negro era um ultrage. Um negro num bom emprego incomodava, numa universidade, num carro de luxo, um negro casado com uma loira de olhos azuis era extremamente "imoral". O cara podia até ser negro, contanto que fosse pobre, miserável, gari, faxineiro, engraixate, fosse infeliz no casamento, fosse cheio de doenças e vivesse num sofrimento constante. Negros felizes, NÃO! Agora o pensamento de 100 anos atrás está se repetindo, com os homossexuais. Afinal, você pode ser gay, contanto que tenha aids, viva a margem da sociedade, ganhe pouco, não tenha filhos e seja infeliz. As pessoas não querem gays felizes andando de mãos dadas nas ruas. Não querem gays felizes adotando crianças e educando-as mostrando desde cedo as diferenças. Não querem gays felizes em se ver retratados nas novelas, fora do padrão "bichinha engraçada" ou "sapata machona". Definitivamente, felizes, nunca!!! Qual será o próximo grupo a ser atacado quando começarem a reivindicar seus direitos? Será que serão os deficientes físicos? Os portadores de síndrome de down? Talvez os índios? Até porque não pega bem você ver um portador de síndrome de down beijando um colega na rua, trabalhando, estudando, não é legal seu filho estudar com um na mesma sala! E um síndrome de down ganhando mais do que uma pessoa normal!!! Um absurdo!! Pessoas assim sendo retratadas em anúncios, novelas, não querem isso! Uma pessoa pode até ser índio, ter deficiência mental, contanto que viva presa dentro de casa. Não saia, não trabalhe, não estude, não lute!!! Se começar, vai incomodar. Aí a sociedade tradicional invoca seu "direito a ter opinião" pra meter o malho na luta deles e ainda se acham corretos.

    • Roberto Pedroso Postado em 06/May/2015 às 09:57

      O que não devemos é tentar cercear o direito de opinião daqueles que possuem princípios e valores distintos dos nossos,o debate acerca da igualdade de direitos deve ser franco e aberto o que não se pode permitir é que pessoas com um ponto de vista discordante dos meus princípios e valores tenha sua liberdade de opinião suprimida,pois o debate sério e aberto se faz sempre necessários, é salutar para a democracia e contribui para o seu refinamento.Pois o "direito a opinião"não é uma invenção dos setores conservadores da sociedade é sim um principio basilar e fundamental em qualquer democracia.

      • Eduardo Ribeiro Postado em 06/May/2015 às 10:46

        Como se esse direito estivesse sendo violado. Ziraldo é livre pra falar a merda que quiser, pra ser imbecil no nível que achar que deve, e nós, conscientes e racionais, somos livres pra avacalhar com a postura homofóbica dele, sempre torcendo para que gente dessa laia seja expurgada cedo ou tarde. Não tem essa de "principios e valores de Ziraldo", isso é mimimi. Atacar a preconceito e a homofobia explicita de Ziraldo e de quem quer que seja é obrigação de qualquer brasileiro de bem, sem que isso signifique "cercear o direito de opinião" ou "atacar a liberdade de opinião de acordo com principios e valores blablabla". Isso é um espantalho muito do vagabundo.

      • Erick Postado em 06/May/2015 às 11:26

        Aponte onde o direito de opinião do Ziraldo foi cerceado. Ele disse o que queria dizer livre e democraticamente. Da mesma forma as outras pessoas tem A MESMA DE LIBERDADE, de forma democrática, de não concordar com o que ele disse.

  20. Braulio Bispo Postado em 06/May/2015 às 07:37

    Houve na TV brasileira umas figuras chamadas machões. A própria Fernanda protagonizou uma senhora que vivia em peleja com Paulo Autran. Naquele tempo a palavra incompetente era um xingamento normal, uma demonstração do quão aqueles dois atores fizeram escola. Quem não se lembra de os trapalhões, que esculcava gays, baixinhos, negrões... Mas hoje os tempos são outros. Na segunda versão de Guerra dos sexos homem não chamava mulher de incompetente. Mas quer ver polêmica? Deixem que um dia criem um personagem hétero militante, que defenda seu direito e o dos outros de ser hétero. O grande engodo da mídia é querer se promover com um tema polêmico, pois se não causa polemica não da Ibope. Um gay consciente sabe o que é ter seus direitos respeitados e o que é puro jogo midiático.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 06/May/2015 às 09:27

      "Mas quer ver polêmica? Deixem que um dia criem um personagem hétero militante, que defenda seu direito e o dos outros de ser hétero." Tem comentário mais sem noção? Pra que que alguém criaria um personagem tão estúpido desse jeito? "O Hetero Militante". Mas o que é isso? Existe por acaso essa luta, pelos "direitos hetero"? Deve ser tipo "O Homem Branco Militante", pelos "direitos brancos e contra a brancofobia". Não é possível que não se tenha a noção do quanto essa idéia é estapafúrdia e sem pé nem cabeça. É coisa de HOMOFÓBICO mesmo que enrustido. Esse personagem "O Hetero Militante" seria o mais estúpido da história da teledramaturgia brasileira, quiçá da filmografia mundial em todos os tempos. Só torço pra que nenhum roteirista homofóbico/fascistinha compre esse tipo de idéia.

  21. Luiz Souza Postado em 06/May/2015 às 09:31

    Não consigo entender o nexo causal entre homossexualidade e promiscuidade. Um gay não pode ser casto? Isso me parece tão lógico como Ziraldo dizer nunca ter broxado. A turma do Aecinho do pó e do Ronaldo poderia explicar, Please?

  22. jose luiz Postado em 06/May/2015 às 10:56

    acho que o Ziraldo tem razão quando fala da exploração do homossexualismo em grande escala, como se todo mundo fosse homossexual (ou potencialmente); sabemos que nenhuma criança que não desenvolveu-se sexualmente é gay ou lesbica e temos que deixar que ela se defina com liberdade, quando chegar a hora e não estimulada pela m[idia como quis dizer Ziraldo.

  23. Wanderson Postado em 06/May/2015 às 12:46

    Não vi nada demais nas palavras do vô Ziraldo.Veja bem,não sou homofóbico mas a fala dele casa com a maioria dos velhos de hoje em dia, que criticam veementemente esse tipo de coisa.Meus velhos em casa são desse mesmo jeitinho.Compreensível.Vamos dar uma colher de chá ao velhinho.Aliás,ele está se valendo de uma premissa democrática de dar sua opinião,seja ela errada ou não,pois assim como a birra,o choro também é livre para todo mundo.

  24. Clovis Postado em 06/May/2015 às 13:49

    Quem não gosta muda de canal , vai assistir o GuGu e quem deixa filho assistir novela ? Compra um PlayStation p ele e os deveres de escola ? Põe ele p estudar, enfim se está assistindo é porquê esta curioso, quem esta te obrigando ?

  25. Seu Zé Postado em 06/May/2015 às 14:24

    99% dos comentários aqui são de pessoas do século XVIII.

  26. Eliane Ferreira Postado em 06/May/2015 às 20:56

    Fernanda Montenegro não faz apologia do afeto homessexual. Ela apenas interpreta uma personagem. Fico admirada de Ziraldo fazer essa confusão entre ator e personagem. Pensei que ele tivesse um nível intelectual mais apurado.

    • Roberto Pedroso Postado em 07/May/2015 às 11:41

      O que vejo senhora Eliane é que Ziraldo se refere a responsabilidade social do ator,ao aceitar este papel neste folhetim Fernanda concorda na defesa de tese que se estabelece ao interpretar tal personagem, pois a grande Fernanda Montenegro(sendo ele a grande dama do teatro nacional uma atriz com carreira sólida e talento incontestável e inquestionável,tendo sua vida atrelada a história do teatro nacional) poderia se recusar a interpretar tal personagem pois a grande dama do teatro não seria obrigada a interpretar um papel caso não quisesse, não sei se a senhora concorda,mas a questão não é o suposto nível intelectual raso de Ziraldo e sim a responsabilidade social do ator,não se exaspere estou apenas apontando um outro ponto de vista....

  27. Gilberto Postado em 06/May/2015 às 21:24

    Se as pessoas pararem para pensar, verao que Ziraldo e uma pessoa que faz seu trabalho muito bem feito. Apenas isso. Ele nao tem que ser a melhor cabeca pensante do mundo. Assim deve ser com todos. Se o cara e um medico de prestigio, apenas isso vale.

  28. Roberto Pedroso Postado em 07/May/2015 às 11:19

    Quando cito o direito de opinião de Ziraldo e os riscos de cerceamento de seu direito a defender seu ponto de vista(por mais retrogrado que ele seja)me refiro ao comportamento concatenado no sentido de se estabelecer uma especie de campanha de linchamento moral movido por crime de opinião via redes sociais contra Ziraldo por uma opinião impopular,este comportamento deve ser analisado com cuidado e atenção pois devemos sempre ter como principio premente e basilar o conceito de defesa de liberdade de expressão e opinião, conceitos fundamentais em uma democracia,mesmo que essas opiniões sejam contrarias aos meus princípios,valores ,ideais e costumes.Aos que engrossam as fileiras dos críticos de ocasião,partidários e eleitores de Jean Wyllys que se apressam em criticar o pensamento e discurso de Ziraldo lembrem-se do que foi dito por Nietzsche " Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro."