Redação Pragmatismo
Compartilhar
Especial 14/May/2015 às 16:06
97
Comentários

Estudante britânico comenta o complexo de vira-latas dos brasileiros

"O Brasil tem uma reputação invejável no exterior, mas os brasileiros, às vezes, parecem ser cegos para tudo exceto o lado negativo". Estudante de Oxford em estadia no Brasil comenta o complexo de vira-latas dos brasileiros e diz considerar deprimente o endeusamento de alguns aos Estados Unidos como modelo de sociedade

brasil complexo vira latas
Estudante da Universidade de Oxford diz que brasileiros exageram na rejeição ao Brasil. “Ao mesmo tempo em que existe um exagero na idealização dos americanos, existe um exagero na rejeição ao Brasil pelos próprios brasileiros” (imagem ilustrativa)

por Adam Smith, estudante de Oxford e blogueiro da BBC

Pouco depois de chegar a São Paulo, fui a uma loja na Vila Madalena comprar um violão. O atendente, notando meu sotaque, perguntou de onde eu era. Quando respondi “de Londres”, veio um grande sorriso de aprovação. Devolvi a pergunta e ele respondeu: ‘sou deste país sofrido aqui’.

Fiquei surpreso. Eu – como vários gringos que conheço que ficaram um tempo no Brasil – adoro o país pela cultura e pelo povo, apesar dos problemas. E que país não tem problemas? O Brasil tem uma reputação invejável no exterior, mas os brasileiros, às vezes, parecem ser cegos para tudo exceto o lado negativo. Frustração e ódio da própria cultura foram coisas que senti bastante e me surpreenderam durante meus 6 meses no Brasil. Sei que há problemas, mas será que não há também exagero (no sentido apartidário da discussão)?

Tem uma expressão brasileira, frequentemente mencionada, que parece resumir essa questão: complexo de vira-lata. A frase tem origem na derrota desastrosa do Brasil nas mãos da seleção uruguaia no Maracanã, na final da Copa de 1950. Foi usada por Nelson Rodrigues para descrever “a inferioridade em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do resto do mundo”.

E, por todo lado, percebi o que gradualmente comecei a enxergar como o aspecto mais ‘sofrido’ deste país: a combinação do abandono de tudo brasileiro, e veneração, principalmente, de tudo americano. É um processo que parece estrangular a identidade brasileira.

Sei que é complicado generalizar e que minha estada no Brasil não me torna um especialista, mas isso pode ser visto nos shoppings, clones dos ‘malls’ dos Estados Unidos, com aquele microclima de consumismo frígido e lojas com nomes em inglês e onde mesmo liquidação vira ‘sale’. Pode ser sentido na comida. Neste “país tropical” tão fértil e com tantos produtos maravilhosos, é mais fácil achar hot dog e hambúrguer do que tapioca nas ruas. Pode ser ouvido na música americana que toca nos carros, lojas e bares no berço do Samba e da Bossa Nova.

Pode ser visto também no estilo das pessoas na rua. Para mim, uma das coisas mais lindas do Brasil é a mistura das raças. Mas, em Sampa, vi brasileiras com cabelo loiro descolorido por toda a parte. Para mim (aliás, tenho orgulho de ser mulato e afro-britânico), dá pena ver o esforço das brasileiras em criar uma aparência caucasiana.

Acabei concluindo que, na metrópole financeira que é São Paulo, onde o status depende do tamanho da carteira e da versão de iPhone que se exibe, a importância do dinheiro é simplesmente mais uma, embora a mais perniciosa, importação americana. As duas irmãs chamadas Exclusividade e Desigualdade caminham de mãos dadas pelas ruas paulistanas. E o Brasil tem tantas outras formas de riqueza que parece não exaltar…

Um dos meus alunos de inglês, que trabalha em uma grande empresa brasileira, não parava de falar sobre a América do Norte. Idealizou os Estados Unidos e Canadá de tal forma que os olhos dele brilhavam cada vez que mencionava algo desses países. Sempre que eu falava de algo que curti no Brasil, ele retrucava depreciando o país e dando algum exemplo (subjetivo) de como a América do Norte era muito melhor.

O Brasil está passando por um período difícil e, para muitos brasileiros com quem falei sobre os problemas, a solução ideal seria ir embora, abandonar este país para viver um idealizado sonho americano. Acho esta solução deprimente. Não tenho remédio para os problemas do Brasil, obviamente, mas não consigo me desfazer da impressão de que, talvez, se os brasileiros tivessem um pouco mais orgulho da própria identidade, este país ficaria ainda mais incrível. Se há insatisfação, não faz mais sentido tentar melhorar o sistema?

Destaco aqui o que vejo como um uma segunda colonização do Brasil, a colonização cultural pelos Estados Unidos, ao lado do complexo de vira-latas porque, na minha opinião, além de andarem juntos, ao mesmo tempo em que existe um exagero na idealização dos americanos, existe um exagero na rejeição ao Brasil pelos próprios brasileiros. É preciso lutar contra o complexo de vira-latas. Uma divertida, porém inspiradora, lição veio de um vendedor em Ipanema. Quando pedi para ele botar um pouco mais de ‘pinga’ na caipirinha, ele respondeu: “Claro, (mermão) meu irmão. A miséria tá aqui não!” Viva a alma brasileira!

O estudante britânico Adam Smith (reprodução)
O estudante britânico Adam Smith (reprodução)

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Rafael Postado em 14/May/2015 às 16:16

    É o FHC fazendo seguidores. (Eu ia dizer FHC fazendo escola...)

    • Nelson Postado em 14/May/2015 às 16:37

      hahahaa verdade, acho que ele não faz escola porque professor é frustrado, coitado! hahahah

      • Celia Postado em 15/May/2015 às 05:21

        Vc eh a prova de que o professor ingles tem razao. Ser professor ou garimpeiro, pedreiro, advogado... Na torna ninguem melhor ou pior do que qq outra profissao. Sao todos cidadaos. como vc.

    • jean Postado em 14/May/2015 às 17:11

      Perfeito. Fhc nao faz escola, fecha.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 14/May/2015 às 17:21

      Mas que baita mentira tu ia contando, rapaz...

    • Eduardo Postado em 14/May/2015 às 18:56

      esse que voce citou é a exceção da regra, um professor que não fez escola enquanto Lula o "analfabeto" fez 114 IFETS, 4 UNIVERSIDADES E VÁRIOS CAMPIS AVANÇADOS.... e no exterior ele fala bem do Brasil, pois ele é brasileiro enquanto o citado parece ser alienígena.....

      • Gustavo Postado em 17/May/2015 às 23:03

        Mudou de nome de muitas instituições e depois disse que FEZ, como se fosse coisa nova!

  2. alexandre josé Postado em 14/May/2015 às 16:21

    Sinceramente o nosso judiciário em especial o STF e a nossa imprensa (TV, Rádio e Jornal / Revistas), me causa tanto asco, nojo mesmo! que não sinto alegria nenhuma na sociedade brasileira.

    • Bruna Sales Postado em 14/May/2015 às 16:44

      Mas você tem nojo da sociedade brasileira ou desses setores apenas??? Nao dá pra somente julgar os defeitos do país. Existem aqui muitas qualidades! O grande problema é que muitos brasileiros vivem preferindo ressaltar os defeitos ás qualidades. E essa é uma discussão que tive e sempre terei com meus familiares e amigos. Mas não pense que 'nasci' pensando dessa forma. Foi e é muito complexo o processo de mudança do pensamento.

      • Rafael Postado em 14/May/2015 às 17:15

        O próprio STF é um puta exemplo de Tribunal Constitucional, com hard cases pioneiros e sempre avante nas análises do que outros setores da máquina pública brasileira. Nosso Supremo tá entre as melhores cortes constitucionais do mundo e nossos juristas, sem dúvidas também. O asco é devia ser com povinho mesquinha que faz sempre juízo raso de todo que se faz no país. Mais amor ao que se faz de bom aqui, e não, não precisa de patriotismo babaca pra isso. É só curtir a terrinha, amar a cultura, a arte, a criatividade científica, não precisa usar verde amarelo e exaltar bandeira de forma fascistinha no 07/09... basta valorizar o que se faz de foda e o quão criativo é o que se produz aqui, de obras artísticas sem apoio governamental algum a decisões memoráveis dos tribunais país a fora. O Brasil é bão sebastião. E é bão pra caralho.

      • Eduardo Postado em 14/May/2015 às 18:00

        Verdade Bruna. Concordo com você. É um processo de reisignificação no qual estamos tentando ser cada dia mais brasileiros. Amo meu País. Agora é como disseram aqui. Setores como a Mídia, Judiciário, Legislativo precisam dessa mudança também já que deliberadamente trabalham para o capital financeiro, inclusive o de fora. Isso me cansa. Não sei como vencer isso. Queria saber...

      • Ricardo Abesapien Postado em 15/May/2015 às 13:19

        Verdade, Bruna e Rafael, é meio escroto ver essa relação de vergonha que os brasileiros tem com suas origens e cultura. Todos os amigos que passam temporadas ou moram fora são super respeitados e valorizados por serem daqui enquanto que os que recebem os estrangeiros ficam com essa babaquice e nhém-nhém-nhém de "pagar pau" e depreciar o próprio país... Patriotismo não é só em grandes eventos esportivos não, sebastião. Orgulhoso de ser brasileiro, sempre!

  3. Eduardo Ribeiro Postado em 14/May/2015 às 16:41

    Texto escrito sob medida pros milhões de brasileirinhos de merda que pululam por aí. Os marchadeiros e paneleiros, "lambedores de sacos americanos" que são, obviamente vão se enxergar prontamente no texto.

  4. João Batista Postado em 14/May/2015 às 16:45

    Simplesmente excelente esse testemunho. Torço muito para que aconteça uma mudança nessa nossa cultura "viralatófila" Aprender a apreciar nosso país, sua culinária, seus sotaques, sua gente, sua produção cultural é essencial! É um verdadeiro colonialismo mental.. ele têm toda razão. Mas aos poucos as pessoas vão acordando sim...

  5. poliana Postado em 14/May/2015 às 16:53

    fiquei emocionada pelo brilhantismo e pela lucidez das palavras desse BRITÂNICO!!! até me senti envergonhada por ver toda essa verdade saindo da boca de um estrangeiro. até qdo meu deus? texto maravilhoooooosooo!!!

    • Nelci neves da cruz oro Postado em 15/May/2015 às 01:59

      Amei o texto, e bom ouvir a verdade pela boca de um jovem!

  6. felipe gordilho Postado em 14/May/2015 às 17:03

    Gostaria de ver se ele se sentiria a vontade para escrever o mesmo texto depois de verificar o quanto pagamos de impostos; a total descaso de estrutura em nossa saúde, segurança , transporte publico; os valores absurdos de nossos automóveis, imóveis, gasolina, dentre outros; os escândalos de corrupção que somos submetidos a engolir todos os dias. NÃO! EU NÃO TENHO ORGULHO DO BRASIL QUE VIVO. EU NÃO TENHO ESPERANÇA DE ENXERGAR UM PAÍS MELHOR NO FUTURO.

    • Jessé Rodrigues Postado em 14/May/2015 às 17:59

      Mano, depois de um texto desse você vem falar isso ai. Por isso os caras ficam colocando apelido de coxinha nos outros.

    • Clarisse Postado em 14/May/2015 às 18:02

      Amigo, na Ingkaterra pagasse muito mais imposto q no Brasil. Procure saber. Só assim se sustenta o maravilhoso welfare state q eles têm lá. Lá o estado não é pai não, cara, é MÃE mesmo! 70 reais do bolsa família daqui é piada perto do q ganham lá! PS: tenho parentes e amigos lá.

    • Thiago Teixeira Postado em 14/May/2015 às 18:09

      Vai para Miami.

      • Eduardo Postado em 14/May/2015 às 19:06

        e faz questão de colocar em letras maiusculas....pena, pois se está tão ruim assim como você faz questão de exprimir... e como toda ação tem uma reação, qual é a sua.... só de dizer que não gosta do país.... ou faz algo para que ele melhore.... afinal de contas mesmo se dizendo envergonhado você amigo é BRASILEIRO.

      • Deisi Postado em 15/May/2015 às 07:38

        Ele é um coxinha vira-lata, não tem dinheiro!

      • eu daqui Postado em 15/May/2015 às 09:53

        Eu não vou a lugar nenhum, fico e CRITICO E CONFRONTO AS ATROCIDADES NACIONAIS SIM. Quem for parecido com e se identificar com as mazelas desta m que banque o imbecil ufanista. Sou muito melhor do que a capital mundial da violencia e da hi pocrisia e portanto tenho todo o direito de malhar e agir rumo a uma mudança SIM. Os incomodados mordacistas que então rumem pra africa subsaariana.

    • Carlos Postado em 14/May/2015 às 18:19

      É exatamente sobre comportamentos como esse que o texto retrata. Não importa o que se diga, o povo sempre vai ver o lado miserável. Tudo o que as pessoas enxergam é desgraça. É importante existir um meio termo amigo.

    • Ebzo Postado em 14/May/2015 às 18:27

      Amigo,existe mais de 200 paises, para voce poder mudar...,o que esta esperando?

      • Eduardo Postado em 15/May/2015 às 10:57

        Indonésia uma sugestão, Serra Leoa, Chechenia, Faixa de Gaza, Síria.....

    • Karen Postado em 14/May/2015 às 18:49

      Esse texto é pra vc...

    • Salomon Postado em 14/May/2015 às 19:04

      Felipe, o que você está fazendo para mudar esse estado de coisas? Batendo panelas? Pedindo a tal da ditadura constitucional? Ou só fica aí, sentadão no sofá, fazendo beicinho? Olha como estão os Estados governados pela Oposição. Dá gosto de ver, né? No Brasil já teve gente que morria de fome. Hoje, não mais. Só isso já é motivo de orgulho. Repito: crianças não morrem mais de fome! E no interior agora tem médico! Tem médico, cara! Veja o lado bom das coisas.

    • Diana Postado em 14/May/2015 às 19:44

      Vai morar na Suécia pra ver qto de imposto vai pagar.

    • Paula Postado em 14/May/2015 às 20:50

      Ué, procure outro país pra viver camarada. É bem simples resolver seu problema.

    • Renato Braga Postado em 14/May/2015 às 22:07

      Por que será que sempre que esse pessoal vem malhar o Brasil, o foco é sempre o preço alto dos carros, da gasolina, do seguro, do IPVA, etc? Felicidade não se resume a ter o carro do ano, coxinhas.

    • luciano Postado em 14/May/2015 às 22:27

      esses problemas Felipe são seculares e não se muda em 10 nem 20 anos, mas vejo melhorias nos ultimos anos e o povo acordou, e aprendeu o que significa democracia, poder do povo, sim!! temos poder de cobrar as mudanças necessárias para o país, mas cada cidadão tem sua parcela de responsabilidade nessa mudança, temos que fazer cada um sua autoanalise e ver o que estamos fazendo pra mudar a sociedade que nos rodeia, o quanto nos dedicamos pra isso, não adianta ficar só criticando governo. Eu acredito sim neste país e no seu povo, que é batalhador e não desiste apesar das dificuldades!

    • Guilherme Postado em 15/May/2015 às 06:21

      Caro Felipe, se o Sr. Nao esta satisfeito vasa meu amigo. Porque o gringo ai esta mais do que certo. Sao pessoas como vc q fazem o pais ser o que é, porque se vc tivesse orgulho do seu pais iria p as ruas lutar ao invez de ficar falando essas besteiras. Por fabor nao fique brabinho OK. Sou Brasileiro com muito orgulho pelo meu povo nao pelo meu governo.

    • André Dias da Costa Postado em 15/May/2015 às 10:40

      O Brasil só é um país bom de morar para quem tem muito dinheiro. Aqui no meu bairro, as ruas são de terra. Quando fui na prefeitura reclamar, eles não podiam fazer nada, pois no cadastro deles, já estava tudo asfaltado. Aqui quando chove, a rua enche de água, pois não tem drenagem. Meu vizinho é traficante, toda a noite tem gente atirando na rua. Meus pais nunca conseguiram financiar um imóvel, pois trabalham na informalidade. Para melhorar de vida, estou fazendo faculdade. Só que, neste ano, tive que trancar, pois o governo não renovou o contrato do FIES, como prometido no comercial de TV. Meu primo teve dengue. No posto de saúde, são 20 dias para sair o resultado do exame. Nesse meio tempo ele ficou em casa, sem tratamento. Quase morreu, de tão mal que ficou. Quando saiu o resultado do exame, ele já tinha sarado. Aqui os ônibus passam no horário que bem entendem. Pulam horários também. Para mim não interessa o valor de um carro, pois não tenho dinheiro mesmo. Enfim, estou lutando, mas nada sai do lugar. País sem perspectivas, aniquilando os sonhos das pessoas. Estou perdendo a minha juventude aqui nesta droga.

    • Gretgor Postado em 15/May/2015 às 14:04

      Ninguém está negando que a situação socio-econômica do Brasil está tensa, mas isso não é desculpa pro Brasileiro negar sua própria identidade cultural, muito menos para acreditar que tudo no estrangeiro é melhor.

  7. Darcy Postado em 14/May/2015 às 17:06

    O Brasil é maravilhoso o que estraga são esses políticos ladrões. O Brasil é tão forte que mesmo com toda a bandidagem desses incompetentes ele continua de pé.

    • Heber Postado em 31/Jul/2016 às 17:56

      Darcy, nós estamos vendo aí que os políticos não são o problema... é parte do povo que tem o complexo de vira-latas mesmo... incluindo os empresários, políticos.

  8. Denisbaldo Postado em 14/May/2015 às 17:09

    Esse inglesinho de merda é um vagabundo, petista comunista! Chama o PSDB e pau nele!

    • Guttenberg Postado em 15/May/2015 às 04:52

      Isso mesmo, e que criolo abusado, falar que brasileiro tenta ser caucasiano.... Só pq o cara é criolo acha que no Brasil é um monte criolo e o resto é misturado?

    • Pedro Accioli Postado em 15/May/2015 às 10:03

      Coxinha detected! Vagabundo é você! Vai trabalhar!

      • poliana Postado em 15/May/2015 às 12:33

        ele foi irônico. tenha certeza.

  9. Breno Postado em 14/May/2015 às 17:10

    Ah, não, sinto dizer, mas nosso amigo gringo andou muito mal acompanhado, hein? huahuah

  10. Jair Postado em 14/May/2015 às 17:13

    O brasileiro é o único povo racista contra sí mesmo.

  11. Philippe Delteil Postado em 14/May/2015 às 17:23

    Eu morei no Brasil tb e concordo com o autor. Os coxinhas adoram países neoliberais como Chile ou Estados Unidos.

  12. Guilherme Postado em 14/May/2015 às 17:34

    Quintalzão dos EUA. Lamentável.

  13. luiza Postado em 14/May/2015 às 17:42

    Poliana ele teve esta lucidez toda que estas expondo pq no país dele existe respeito, na educação, existe disciplina e seriedade, amo o Brasil mas infelizmente todas nossas riquezas naturais não são tratadas como deveriam, compara um país com o outro em desenvolvimento tecnológico , lógico que tbm tenham pobreza extrema como eu conheço nestes interiores da Bahia, enfim o nordeste . Eu ja viajei quase todo o Brasil e conheço desde as melhores capitais ao agreste, ao sertão .É complicado falarmos coisas positivas ao quanto a miséria afora em nossos olhos ao passar por lugares ermos sem condições humanas mas estão trabalhando, plantando o sustento lá estão morrendo pelo abandono.Vejo maravilhas neste país mas citarei o que pouca saúde para os mais nescessitados, segurança, educação estamos no sextugessimo lugar num raque de 170 , com tudo que investimos para termos estradas de primeiro mundo , onde podemos atravessar o país sem passar por rodovias , Brs estreitas sem acostamento ou lodo , onde é escoada nossa produção , precarias condições, não é quer ser negativa e sim realista, para os que estao bem com otimos transportes públicos, ônibus com ar condicionado e cada um na sua poltrona esta uma maravilha total lucidez. Vamos conhecer o Brasil real para achar que esta tudo bem.

    • poliana Postado em 15/May/2015 às 12:35

      e quem disse q está tudo bem??? vc me viu falando isso???? aonde?

  14. Rocken Postado em 14/May/2015 às 17:43

    o engraçado é que até os coxinhas na retorica vão concordar que existe o complexo de vira-lata, mas é obvio que eles vão inventar algum argumento pra dizer que a culpa é do PT ou das escolas publicas, pra eles os donos da imprensa não tem influência nenhuma

  15. Vagner Postado em 14/May/2015 às 18:01

    Triste mas é a grade verdade... A grande maioria dos Brasileiros são assim, e se você for do tipo de Brasileiro que valoriza o seu país é taxado como besta, alguém que não é "descolado" ou não pertence a um grupo de valor. O problema da grande maioria é que eles amam o que vem de fora sem conhecer muito bem... Só conhecem pelo o que vem na televisão, nos filmes... etc etc. Na cabeça de muitos brasileiros acaba gerando um ideal utópico de civilização que é a americana ou europeia... Falo como uma pessoa que já morou fora por muito tempo, vivi na Alemanha durante 2 anos. E aprendi a valorizar muitas coisas que temos aqui no Brasil. Como o clima, a natureza, as belezas... Tudo isso que nós temos que faria inveja a qualquer alemão, ou alguns estrangeiros, pois só em sonho eles teriam como terem essas coisas nos países deles.... Mas como eu disse, os brasileiros não enxergam isso... Agora indo um pouco mais além, observei lá problemas também.... Como em qualquer nação, como carga tributária elevada (esse último era um terror), problemas de custo energéticos (energia tinha um preço simplesmente absurdo)... E problemas sociais la também existem....

  16. Abílio Junior Postado em 14/May/2015 às 18:08

    Quero ver ganhar salário de brasileiro, morar nos morros do Rio de Janeiro, andar de transporte público, usar serviço de saúde pública ele não teria complexo de virá lata. Por certo os EUA não seja o sangrilá, mas isto aqui é um lixo sim, uma excrescência sim. Viva a Suécia

  17. Carlos Postado em 14/May/2015 às 18:12

    Muito bom o texto. Nós só cuidamos daquilo que amamos, por isso a importância de um pouco de amor próprio. Que o Brasil possa ter mais pessoas apaixonadas pelo país, motivadas a tornar essa nação de primeiro mundo. Eu tenho orgulho de ser brasileiro e é meu dever, como cidadão, persistir e acreditar no meu Brasil.

  18. Kerke Postado em 14/May/2015 às 18:13

    Eu moro nos EUA a 23 anos, tenho dupla nacionalidade, o Brasil tem suas qualidades mas os problemas sao muitos que ultrapassam suas qulaidades...um so exemplo eu vou colocar aqui em baixo Aqui em Nova Jersey, vc tira a sua carteira de motorista em um dia, vc faz o teste de teoria, o teste pratico, paga $24 dolares e em 2 - 4 horas sai com sua carteira de motorista provisoria, em uma semana a permanente chega no correio para vc. No Brasil vc paga mais ou menos $1,700 reais, dependendo da burocracia pode demorar ate 6 meses para tirar a sua carteira...isso e motivo de ter inveja do Brasil?

    • poliana Postado em 15/May/2015 às 12:38

      e os eua n tem problemas? é um país perfeito???

    • poliana Postado em 15/May/2015 às 12:40

      dê uma lida nessa matéria, kerke: http://www.pragmatismopolitico.com.br/2012/12/sonho-americano-fatos-chocantes-eua.html

    • Thiago Teixeira Postado em 15/May/2015 às 23:17

      Aqui no Brasil temos o Poupa Tempo ... Vapt Vupt ... a quando tem não vem pra cá?

  19. Emanuella Postado em 14/May/2015 às 18:39

    O mais curioso é pensar que isso precisou ser escrito por um britânico pra ganhar visibilidade entre os vira-latas.

  20. Salomon Postado em 14/May/2015 às 19:10

    Rafael, data máxima vênia, com todo o respeito pela sua ignorância, mas você é burro pra caralho.

    • Fabio Postado em 15/May/2015 às 00:03

      Burro é pouco... o cara é uma ANTA.

    • Filipe Postado em 15/May/2015 às 00:19

      Acho que nem burro nem anta...Essa historia de "judaica cristã" so pode significar uma coisa....olavete rs....

    • Ricardo Abesapien Postado em 15/May/2015 às 13:23

      Salomon, sem mais. Depois dessa sonora traulitada, um pouco sem rodeios é verdade, a defesa encerra. Rafael, passa no RH que sua rescisão de brasileiro tá pronta. Vá para Mimimi!

  21. Reinaldo Postado em 14/May/2015 às 19:22

    Muito bom o texto, é exatamente isso que se passa, enquanto não nos valorizarmos nãos sairemos desse estigma criado por nós próprios, digo, região sudeste e sul, porque o restante ainda possui alma brasileira

    • maria zeferina Postado em 15/May/2015 às 11:26

      fato! moro no nordeste a 3 anos e não pretendo voltar tão cedo pra morar no sul... por aqui existe muita afirmação em sua própria cultura e não vejo pessoas se fazendo de coitado...ta todo mundo trabalhando o quando precisa e se divertindo o quando pode. As pessoas conhecem seu estado, suas musicas, suas danças e recebem os estrangeiros da melhor maneira possível: mostrando sua casa!

  22. José Wilson de S. Martins Postado em 14/May/2015 às 19:25

    Os que diz brasileiros, não gostam da terra procura outro rumo, aqueles que achincalha com insulto mesmo os estrangeiros porque não conhecem os verdadeiros brasileiros procura mais conhecimentos um país continente, divididos em regiões devem serem exploradas consumindo as delicias oferecidas não com ofensas esdrúxulas ao verdadeiros brasileiros.

  23. Rodrigo Araújo Postado em 14/May/2015 às 19:35

    "Viva os EUA .A mais promissora República constitucional do mundo líder da civilização ocidental judaica cristã." LÍDER da civilização ocidental??? Que maluquice é essa? Fale por você cara! É impressionante como existem babacas que se curvam à bandeira mais suja do mundo: a americana. Eu não vejo um comentário mais ridículo que esse por aqui. Quanta ignorância! F***-se os EUA, f***-se as religiões.

  24. carlos Postado em 14/May/2015 às 19:42

    Ta cagando pelos dedos ein fera?

  25. Hugo Leonardo Postado em 14/May/2015 às 19:53

    Cultura = coletivo. A desvalorização de tudo o que envolve a cultura brasileira talvez esteja ligada ao fato de que o brasileiro está menos coletivo e mais individualista (e eu me incluo nisso, assumo). O brasileiro já vive o erro de considerar os Estados Unidos, como um todo, como o exemplo a ser seguido. Obviamente os americanos já fizeram muita coisa interessante e que serve de modelo para o mundo todo, mas nem tudo o que o estilo de vida americano prega seria realmente interessante, se implantado por aqui (mesmo que superficialmente pareça bom). Muita da pirraça que uma parcela considerável dos brasileiros (não todo mundo, claro) tem com a política, mas que acaba se expandindo para um conceito mais amplo e generalizado sobre o nosso país, é com relação a consumo. Não vamos negar, o que muita gente quer é consumir como os americanos e se vê revoltado quando o Brasil não oferece um ambiente favorável para isso. Para estas pessoas, enfrentar problemas profundos da sociedade brasileira não as fará satisfeitas, pois isso não irá ajudá-las a comprar o novo gadget eletrônico do momento, as peças de roupas da grife mundialmente conhecida ou qualquer outro objeto de desejo e status. Muitas pessoas vão a essas manifestações ludibriadas por ideologias do momento que colocam o mercado/indústria em uma posição messiânica para a sociedade e o comportamento de consumir como uma das grandes virtudes do ser humano. Essa é justamente uma das heranças que eu considero mais negativas da sociedade americana, tudo é consumo, tudo em prol do consumo, você não é um ser-humano, você não é um cidadão, você é um consumidor e seu valor para a sociedade se resume ao quanto você pode consumir (ou o quanto você aparenta ter ¬¬). Ok, consumir é legal, ter acesso a variedade é muito bom e ver seu dinheiro tendo valor na hora de ir às compras é ótimo, mas temos problemas mais importantes e mais profundos que precisam ser enfrentados. O consumo (o estilo americano de consumo) é algo que nós gostamos, as vezes até queremos, mas não é algo que precisamos ou que iria nos ajudar com questões que temos de encarar no nosso país, negar ou tentar diminuir estes problemas para defender um modelo político que desejamos não é uma atitude muito madura por parte de alguns brasileiros. Muitos países europeus seriam melhores exemplos a serem seguidos do que os americanos, os europeus cada vez mais tem retomado um estilo de vida simples e sustentável, menos acumulo de bens por uma vida mais tranquila (e com a vantagem que sobra dinheiro e tempo para fazer as atividades que você realmente gostaria). É um estilo de vida mais agradável, sustentável e humano, valoriza-se o coletivo e fortalece os aspectos positivos da cultura (aspectos estes que depois serão lembrados na hora em que o nosso complexo de vira lata nos faz avaliar estes países como superiores ao nosso, "porque os italianos são isso, os franceses são aquilo e o brasileiros não são iguais a eles, então somos inferiores"). Valorização da cultura (de aspectos positivos dela) passa diretamente por uma valorização do coletivo, mas a minha impressão é que isso é justamente o que uma parcela da população brasileira tem fugido e/ou lutado contra (para buscar depois em viagens turísticas em outros países, "a população do país X é educada, a população do país Y é romântica e a do país Z é muito divertida, olha como eles são mais legais"). Não haverá melhoras na sociedade brasileira e na cultura (assim como na identidade do brasileiro com o país ou com sua própria região) se não pensarmos no coletivo.

  26. Ariane Postado em 14/May/2015 às 21:25

    Do jeito que anda,muitos povos de fora estarão dando lição aos própríos brasileiros.O país não tem culpa,a culpa é do próprio povo.Devemos saber separar as coisas.Com tais atitudes só faz os povos de fora nos ver de maneira negativa.Vejo tantos brasileiros a falar bem dos países de fora,mas certas atitudes abomináveis continuam a praticar,seja fora ou no Brasil.Imite então o que é bom,deixe as críticas,visto os maiores críticos não fazerem nada e não tentam mudar.

  27. enganado Postado em 14/May/2015 às 22:28

    Consta no Anais do Itamaraty que nos anos 1800, qdo o imperador ainda governava, que os EUA enviaram um navio de Guerra de sua marinha subir o rio Amazonas até o Peru. Daí despertou no Imperador fazer algumas Leis para impedir a Internacionalização da Amazônia, ou seja, tirou o sofá da sala. Daí o Barão do Rio Branco nos tirou das mãos da família Rothschild (família judia, com origem em Hamburgo, Alemanha, que estabeleceu uma dinastia bancária na Europa) e nos colocou nas mãos da Família Rockefeller. Então a coisa já é antiga: "Donos"do BRASIL: PORTUGAL-ESPANHA-INGLATERRA-EUA/iSSraHell. Para confirmar tudo isso, tivemos o "episódio" do ministro das relações exteriores do PSDB_FHC, sr. Lampreia, americanófilo de caderninho que tirou os SAPATOS para entrar nos EUA, se fosse eu neste caso mandaria o meganha do aeroporto de NY enfiar os sapatos no cx do BUSH. Mas como todos sabemos o FHC queria entregar parte do território do BRASIL, base de Alcântara, para os EUA, isto com apoio do maior cientista que se diz brasileiro, mas é judeu, José Goldemberg. Esse puto ainda disse que era bom negócio para o BRASIL! O ministro da educação do golpe de 1964 solicitou aos EUA um novo modelo para o ensino universitário para o BRASIL (há pouco os universitários no Paraná-UFP, destruiram sua estátua no campus). Temos o episódio do brigadeiro PIVA que reformulou os foguetes Scuds do Sadam e que os anti-mísseis Patriot não conseguiam acertá-los. ... Enfim são casos e casos que os EUA/UE/iSSraHell SEMPRE puseram no Nosso Rabo e os governos da DIREITA (tudo isto de 1500 até 2002) para não verem suas quantia produtos dos roubos na Pátria e depositados na Banca Anglo-Semita nos EUA SEMPRE sentava no colo e ainda gozava de amor pelo pau dos Americanos. Então para tirar a "Síndrome de Vira-Latas" não vão ser dois governos do PT, pois além de culhonésimos fatos, temos também a criação de genalha como Bob Field, FHC, os generais do golpe de 1964, çERRA (quer entregar a PETROBRAS aos EUA), Aloysio Nunes "vulgo Trezentinha" virou casaca, JB ficou rico, ... . Tá difícil! Por onde começar? Enfim, os culpados de sempre srerão: LULA/PT/DILMA/POBRES/PETISTAS/PUTAS/PRETOS/PROFESSORES/PATRIOTAS/NACIONALISTAS/ ...

  28. Luiza Postado em 14/May/2015 às 22:43

    Foi mal meu velho, mas Reino Unido e Alemanha usam muito mais políticas assistencialistas do que o Brasil, e nem por isso o povo ta falando que a ditadura comunista tá vindo. A Grécia já estava em declínio quando a esquerda venceu, que por sinal venceu como uma reação do povo justamente à essa situação. E os EUA são o que são sugando e pisando em cima das outras nações. Não tem nada do que se orgulhar disso.

  29. rasputin Postado em 14/May/2015 às 23:11

    Grande erro pensar que o consumismo do brasileiro é culpa de ou tem origim nos EUA. 100% falso. O consumismo brasileiro nasce da mesma historia do consumismo norteamericano. Dois paises (continentes) imensos com recursos sem fim. O consumismo brasileiro nasceu no Brasil. A diferença? Os EUA foi fundado por pessoas tentando formar uma vida melhor, tentando construir um novo modelo de governo, de liberdade. Pelo bem ou pelo mal, é um país onde pessoas foram para ser livre. O Brasil foi fundado em sangre, totalmente através do roubo de ouro e outros recursos para as bolsas de reis e rainhas. E até hoje exploração manda tudo. Esse menino britânico tem que estudar mais.

  30. Fábio Postado em 15/May/2015 às 00:03

    Caro Adam, por tudo isso que você mencionou no texto... e muito mais, é que às vezes é tão difícil pro brasileiro defender o Brasil e deixar de exaltar países como EUA e Inglaterra. Pena que muitos o fazem pelos motivos errados. Essa sua descrição do brasileiro, no meu ponto de vista, é um dos principais motivos pelo qual eu também (mesmo reconhecendo tudo de bom que tem aqui) não consigo deixar de pensar que o Brasil é um pais de pessoas "inferiores" no aspecto cultural e de formação humanística. Se eu tivesse que dar um motivo pelo qual eu deixaria o Brasil (não vou deixar) seria esse. Um povo (grande parte dele) mal educado, desonesto, desinteressado em crescer como pessoas, de uma ignorância sem medidas. E parte desse mesmo povo odeia o Brasil sem saber o porquê. Se eu tivesse que odiar, eu saberia o porquê. Por causa do povo. Comparar esta parte desse povo a um cão vira-latas é uma ofensa ao pobre cachorro, que geralmente é humilde. Brasileiro não tem complexo de vira-latas... brasileiro se acha especial, não admite a classe social que vive, por isso sente tanta inveja dos povos desses países mencionados. Mas não fazem nada para ser como eles. Quem já teve a sorte de viajar a alguns desses países, como eu, sabe do que estou falando. A educação, o comportamento social, a honestidade no trato comercial, a organização... tudo isso só prova o quanto atrasados nós ainda estamos. Enquanto este povinho só ficar cobrando dos outros (governantes) e eles mesmos não mudarem sua postura pessoal, este país nunca vai mudar... e vão continuar babando ovo de americano, pois não tem capacidade (essa é a verdade) de melhorar, nem humildade para admitir seus erros.

    • evandro Postado em 15/May/2015 às 07:13

      Você estava em São Paulo. O estado mais norteamericano do País, venha conhecer o Nordeste. E ver que há uma luz no fim da túnel.

      • Eduardo Ribeiro Postado em 15/May/2015 às 15:54

        Fato. Quem vem aqui pra SP tem a pior impressão possível do Brasil. Gringo que toma o Brasil inteiro pelo que vê na Boçalândia volta pra casa dizendo que encontrou o maior canil do mundo, tamanha a quantidade de vira-latas aqui vivendo. Entre os brasileiros em geral, aqui temos um povo com tendências irrefreáveis ao servilismo e ao entreguismo, com especial talento pra ser capacho, lambe-saco, paga-pau de americano.

      • enganado Postado em 16/May/2015 às 12:18

        Caro evandro. São Paulo NÃO é BRASIL, são tucanos! Até que gostaria que essa gentalha se separasse do BRASIl e ficasse com os FHC's, Aloysio's, çERRA's, ... etc, todos enfiado no fiofo dos paulistas e paulistanos. Qto ao Aópio os Mineiros sabem muito bem o que fazer com esse tipinho.

  31. Sandro Sans Postado em 15/May/2015 às 00:17

    O quintal do vizinho é sempre mais verde.

  32. Guilherme Postado em 15/May/2015 às 01:09

    É muito fácil falar quando se nasceu e cresceu em um país desenvolvido; É muito fácil falar quando não se precisa ficar dias na espera pra um atendimento médico; É muito fácil falar quando não se tem escolas de péssima qualidade; É muito fácil falar quando o sistema funciona não é 90% corrompido pela corrupção; É muito fácil falar quando não precisa sofrer com o perigo constante a qualquer hora do dia; Realmente pra qualquer britânico vai ser muito fácil falar do Brasil, eu quero vê o que ele falaria se morasse por dois anos aqui, na real ele não veria o que é, por que ficaria em Copacabana bebendo cerveja e aliciando a prostituição. E como ninguém vê isso pelo amor de deus! Poxa bom senso gente o cara não passo pelos problemas que nós passamos, ele não vê todo dia esquemas de corrupção bilionários sendo descobertos, esse cara tem mais é que ficar de boca fechada e enfia a opinião bem sabe aonde. Mas beleza, somos burros e pagamos altos impostos onde somos roubados, mas temos um lindo país mesmo Olha pelos comentários da pra se entender apenas uma coisa. A GENTE PODE TA TOTALMENTE F¨&*&¨#@ O GOVERNO [email protected]@##@ NA NOSSA CARA E VOCÊS AI DESLUMBRADOS COM A BELEZA DESSE PAÍS TROPICAL. É por isso que essas pessoas querem ir embora, pois a gente não aguenta esse tipo de gente que preferem carnaval, futebol, cerveja e as praias ao invés de lutar contra essa roubalheira que ta esse PAÍS!

  33. mychaell Postado em 15/May/2015 às 01:52

    Esse garoto está certo ............ Nós brasileiros julgamos tantas coisas erradas que mesmo com a crise, corrupção, super faturamentos, crimes, assaltos, etc.... Devemos olha para os outros lados e ver que a nossa nação é elogiada e admirada por outras nações, pois assim como uma pessoa normal tenha a sua vida, sabe que tem problemas cotidianos. E que cada um de nós temos problemas pessoais, mas só quem está na pele de si mesmo sabe o como é a sua dor. Cada um tem sua dor e sentimentos que é diferente de uma de cada um, mas que cada um tenha que caminhar e saber conviver com essa dor e sabe evoluir e superá-la a cada dia. Aos outros países tem os seus problemas também, pode ser pequeno ou grandes mas tem. !!! Nenhum país da Europa foi maravilhoso no século todo sempre, nos X, XII, XV, XVIII, tiveram muitas mortes e sofrimentos para se evoluir para se tornar países evoluídos e até hoje eles passam por dificuldades, assim como os EUA, nós vemos só o lado bom dos EUA mas vai ver o lado negativo. Muitos dos países da Europa demoraram muito para chegar à onde ele chegou e o Brasil tem um pouco mais de 500 anos, comparando com os países que tem mais de 2 mil anos. E que tinha mortes pelo cristianismo, pela monarquia e os crimes bárbaros sem os direitos humanos. Não é qualquer país que possa ter essa natureza e alegria e história que nós temos, mesmo que juntamente tenhamos os contras e os prós. Devemos ser mais patriotas à nossa nação e também recolher frutos bons e não os males. Temos paisagens que nenhum país tem em qualquer lugar do planeta Terra, desde suas terras até sua cultura. A terra e a cultural é única coisa que se faz o Brasil ser diferentes de outros. Para nós desenvolvermos e ser mais flexíveis e reconhecidos no Mundo devemos nós instruir-se (* estudar*) a cada vez mais para se tornar uma nação com mais independes de matéria industrializada e ter mais sabedoria nas eleições, pois muito se pode imaginar o que deveria ser melhor para o Brasil se não sabe o como é a sua história e quem teve na sua história. Vamos ter forças e fazer mudanças da política e construir uma nação mais bem preparada e sem o controle da elite da política na câmara que vem manipulando com ameaças aos menos afortunados e sem escolaridade. A revolução é quando uma nação é instruída e não alienada por programas (Globo) e pelos partidos políticos que fazem a cabeça das pessoas com promessas e juradas falsas!!!

  34. Ventar The Unholy Postado em 15/May/2015 às 03:07

    Ótimo texto, mas o meu patriotismo se foi há muito tempo.

  35. Monica Postado em 15/May/2015 às 04:33

    Morei no Brasil até os 27, agora estou a 6 anos na Europa. Reconheço muita coisa bacana da cultura e povo brasileiros, mas não dá para ignorar a violência e corrupção, que são as principais chagas do país em minha opinião. Morei no passado também nos EUA por 3 meses através de intercâmbio cultural, quando trabalhei num restaurante. Mesmo o pessoal que faz trabalho simples como era o meu lá, muitas vezes vindo do México ou de camadas menos favorecidas da população americana, tem uma vida decente, com casa e carro confortáveis, comida a vontade e algum dinheiro para gastar em pequenos luxos. Eles levam uma vida digna, sem medo de andar na rua ou forçados a andar de ônibus lotado. Lógico que todo país tem seus problemas, mas a impressão que fica é que quase todo trabalhador americano (ou europeu, dependendo do país) honesto tem em geral uma qualidade de vida muito superior ao seu equivalente brasileiro. Tenho voltado ao Brasil com frequência para visitar meus pais. Mesmo levando uma vida de classe média em SP, sem nenhuma ostentação, não me sinto confortável andando na rua. O medo da violência é muito grande. Todo mundo tem uma tragédia pra contar, seja com um familiar, seja com um amigo. A classe média aqui na Alemanha, onde moro atualmente, leva uma vida incomparavelmente mais bem estruturada. Até comparando o dia-a-dia no Brasil com o de lugares menos obviamente bem estabelecidos, como a Turquia, vejo que o Brasil ainda tem muito o que evoluir. Minha opinião é que essa "síndrome de vira-lata" infelizmente é justificada, e na verdade é o primeiro passo para uma possível mudança mais profunda no país. Uma pena que ninguém que está vivo hoje vai ver o país muito melhor do que está atualmente, pois o Brasil tem problemas básicos (educação, principalmente, e consequentemente violência) que não estão sendo resolvidos de maneira permanente.

  36. Nivardo Melo Postado em 15/May/2015 às 06:27

    O Brasil está muito além de seus pretensos defeitos. Temos defeitos, como os EUA e a UE tb tem os seus. Mas nossa imprensa sempre joga contra, sempre ataca aquilo que é de nossa originalidade. Estamos evoluindo nossas instituições, nosso povo, no nosso ritmo. De alguma forma, não é na velocidade que desejaríamos, mas sempre houve uma dominação externa que nos obstruiu o caminha, fosse Inglaterra, fosse EUA. O próprio Golpe de 64 nos trouxe atraso que ainda estamos correndo atrás. Toda a herança institucional que ainda não extirpamos daquele período está aí nas nossas ruas, causando os verdadeiros danos que nos mantém no passado. Um destes fantasmas da ditadura é a própria Rede Globo, sempre destilando vinagre na mente do brasileiro, enquanto deixa intocados os verdadeiros exploradores do país. Antes tivéssemos uma comunicação neutra por parte dos canais abertos, para não querer dizer uma positiva, por que sim, temos condições plenas de gerar um noticiário positivo, mas o que trazem no diário são mazelas eternas, que nos oprimem antes mesmo do dia começar. Se tivermos culpa enquanto povo, será por não nos organizarmos e trazermos para o centro do nosso debate esta questão tão essencial: a agenda de nossas comunicação social. O que e como queremos que a comunicação em massa do Brasil seja realizada. Não seria a troca de nenhum favor, pois o uso do espectro dos canais de televisão aberta é uma concessão pública, como povo soberano, deveríamos interferir sim na qualidade daquilo que ocupa e é disseminado por este espectro. Quem sabe, com isto, passaríamos a transmitir um verdadeiro Brasil, muito além dos cenários do PROJAC.

  37. Diego Postado em 15/May/2015 às 06:37

    Cara, esse moleque inglês aí não sabe que a educação no Brasil está atrás da de países miseráveis. Mais da metade dos brasileiros não teria condição de ler o texto dele. O índice de violência e corrupção aqui também estão em níveis insuportáveis. Se comparado com os EUA, realmente é uma sociedade mais organizada e igualitária em muitos aspectos. Se um brasileiro que "fugir" para EUA, Canadá, UK, etc, pelas razões certas, não vejo isso como complexo de vira-latas, vejo como pragmatismo e estratégia. Se o sujeito que sair por causa de consumismo, de preço de carro e de roupas de grife, aí, meu amigo, acho q ele está realmente equivocado. O Brasil tem quase tudo para ser um País muito melhor. Mas falta começar a caminhar nessa direção, e, quando começar, demorará algumas gerações até se sedimentar os valores cultivados em sociedades mais justas e maduras. Você vai culpar quem tem pressa?

  38. josé Postado em 15/May/2015 às 07:46

    Não ofenda os animais, Fábio!

  39. J.A.Souza Postado em 15/May/2015 às 08:39

    HEIL HITLER! SIEG HEIL! São as únicas coisas que você merece ouvir!

  40. Eduardo Ribeiro Postado em 15/May/2015 às 09:27

    Esqueçam. Lugar de "vira-latinha brasileiro" é na coleira de um bom dono americano em Miami. Não sei por que ele não está lá ainda.

    • Pedro Accioli Postado em 15/May/2015 às 10:06

      Vai para Miami seu coxinha! Critica o país e não apresenta nenhuma solução? Então não tem porque ficar aqui no Brasil!

  41. Andre Postado em 15/May/2015 às 09:30

    O problema é que ele só conheceu São Paulo, onde a maioria da população é coxinha. E deve ter entrado em contato apenas com pessoas alienadas. Se conhecesse mais partes do Brasil e uma camada com um pouco mais de cultura veria que nem todo mundo endeusa os EUA e que há muita coisa boa em terras tupiniquins.

  42. Antonio Palhares Postado em 15/May/2015 às 11:05

    Este que esta segurando a nossa bandeira e denegrindo o próprio país,certamente é mais um fracassado,que incapaz de ser produtivo e contribuir para o progresso do Brasil, viaja para os "states" para lavar privada.Quando começa perceber que lá não é esta "brastemp" toda começa a colocar a culpa no lugar de origem.Este tipos não fazem diferença aqui.Que lavem muitas privadas lá.

  43. Adriano Postado em 15/May/2015 às 11:31

    O complexo de vira -latas decorre, pelo menos para mim, da tristeza de ver bandidos soltos, sem punição, do colarinho branco até o chinelo que te leva o celular e a carteira e que atinge tanto os mais afortunados quanto os mais pobres...da sensação de insegurança que vivemos em nosso país, da irresponsabilidade generalizada de nossos governantes e mesmo da falta de preparo destes ao que se propõem, do mau uso de nossos impostos, do nosso ranking de educação e saúde (apesar de tudo que nós pagamos), com a falta de transportes eficientes e não poluentes (trem no Brasil não existe), do abatedouro que é nosso trânsito (não é que nos EUA, Europa não tenham algumas destas coisas, mas com certeza é em número bem menor)...mas se é pra tirar fotinho com uma praia atrás, com certeza o Brasil é um dos lugares certo...

  44. S Rod Postado em 15/May/2015 às 23:58

    Minha simplistica e humilde opiniao. A Globo fomenta o complexo de vira-lartas,a Globo fomenta o odio, a Globo fomenta a violencia, a Globo fomenta a mentira, "equanto houver burguesia nao vai haver poesia" dizia o Poeta. A Globo e' o maior cancer do Brasil, dizia nosso saudoso Brizola. Acorde Brasil, o fim do complxo de vira-latas, acabara com o fim da Globo.

  45. S Rod Postado em 16/May/2015 às 00:27

    Nao interessa aos EUA, Canada, Australia e Europa (UK, France, Germany, Italy, Spain) nossa soberania e independencia tecnologica e cultural, nao interessa a eles termos navios feitos com conteudo nacional, nao interessa a eles termos nossa propria culinaria e costumes. Eles preferem ignorar e imporem suas regras atraves do PIG. O PIG e' internacional, o PIG tem o coracao em Wall Street, o PIG quer um Brasil periferico pra sempre. O medo deles e' nossa diversidade e biodiversidade, o medo deles e' que seremos o celeiro do mundo em graos, que temos agua pra o planeta nao morrer de sede, que temos uma populacao criativa que num futuro bem proximo com o dinheiro do pre-sal na educacao, nos deixarao orgulhosos. O problema e que depois de 502 anos de desmandos, a turminha do quanto pior melhor quer ver o Brasil que era governado para 30 por cento da populacao, virar Pais desenvolvido em uma decada. O que eles querem e' nosso petroleo, invadiram o Iraque para tomar o oleo, aqui nao da para invadir pois somos aliados do BRICS e eles usam o PIG para o golpe, golpe que vai alem de comprar a justica e alguns politicos, mas usam da TV que midiotiza a geracao de alienados que concluem uma noticia de 2 linhas de mentiras lidas nas redes sociais. Ja' imaginaran quando nossa criminalidade ficar a niveis aceitaveis, nosso turismo ira tirar os turistas da Europa e US, por que la eles vivem sob a neve e frio por mais de seis meses? Nosso PIB sera 10-20% do turismo, quem viver vera. Sim, o Brasil e' sim abencoado por Deus, que bonito por natureza, que beleza em Fevereiro tem carnaval, nao sou Flamengo nem tenho uma nega chamada Tereza, mas se o meu irmao brasileiro e; Flamengo e tem uma nega chamada Tereza, que ele viva feliz e um Pais cada ez mais justo. Para os saudosistas coxinhas e os metidos a coxinhas, vamos lembrar de nosso Brasil da era FHC que eles fingem que nao existiu: https://www.youtube.com/watch?v=0h43_cb3khM

    • Adriano Postado em 21/May/2015 às 13:19

      Caramba...o Randy ai de baixo disse mais do que você com um só comentários...bom, de um jeito de censurar ou terminar com a globo se você acha que ela é causadora de boa parte dos males nacionais...porque a audiência dela (especialmente com as novelas) ainda, ao que parece, vai muito bem.. (censurar não pode pela lei) e terminar com a concessão (tens o partido certo no poder que ainda não se mexeu) (abraço ao ministro do Bradesco Levy) e educar as pessoas para não assistir aos seus programas parece que não funciona também...quanto ao resto do seu comentário não entendi sobre o tal Pig (talvez eu seja meio bobo) e volto a dizer que antes de olhar para os países citados e culpá - los totalmente pelo nosso complexo temos muito que fazer, a começar por uma faxina interna e aproveitar melhor nossos recursos pois estamos num grande atoleiro, independente se formos para a esquerda ou direita!!!

  46. Randy Postado em 19/May/2015 às 16:46

    Eu achei bem hipócrita e simplista ele dizer que todos os problemas do Brasil consistem em imitar americanos... 1) O país dele foi a primeira grande nação imperialista a ditar regras no Brasil 2) Eles desconsiderou que o Brasil tem uma sociedade doentia dividida por classes 3) Ele desconsiderou que o "Brasil que manda" é escravocrata e que o "Brasil que obedece" não tem casa, renda, saúde, educação e o mínimo necessário para que se possa viver com dignidade. 4) Ele esqueceu que existe uma mídia mainstream que vive dizendo que somos feios, sujos, pobres e vagabundos para justamente nos barrar no mercado de trabalho, nos oferecer salários menores ou exigir um preço exorbitante por algum produto ou serviço... 5) A esquerda do Brasil que deveria lutar por igualdade prefere colocar um ministro da fazenda neoliberal formado em CHICAGO para gerir o governo como uma empresa... sem contar que a esquerda está atolada em corrupção e partidos menores como o PSOL admitem fascistas para se candidatarem como deputados... 6) Tudo mostrado sobre o Brasil soa falso e mascarado para que os turistas venham e achem tudo maravilhoso... os brasileiros estão enjoados de mentiras e ilusões... Ninguém mais aguenta esse país imaginário... ninguém aguenta tanto preconceito e ignorância (exceto os que fazem parte do BRASIL CASA GRANDE, esses são os responsáveis por oprimir o povo e manter o status quo)... então o que adianta vc ter a sua nacionalidade brasileira se vc não consegue ter uma casa(nem pagar aluguel)... vc não consegue pagar as suas contas, não consegue sustentar a sua família e viver de maneira honesta com o seu trabalho... A identidade brasileira não serve para absolutamente nada...

    • Adriano Postado em 21/May/2015 às 13:21

      Comentário coeso e de valor!

  47. francisco Postado em 02/Jul/2015 às 15:27

    com FHC o brasil vivia o q a Grécia vive hoje é obrigada pedir bença ao FMI. minha vida melhorou muito mais com o PT do q com FHC.

  48. Minos Adão Filho Postado em 14/Aug/2015 às 19:56

    Isso é a marca do entreguista, predador do estado brasileiro, FHC, por onde ele passa fala mal do Brasil, aliais ele nem mora no Brasil, só vem aqui para seus lucros inclusive sua aposentadoria que é hoje de 60 mil reais, e em 2002 logo que saiu do governo comprou um imóvel na França no valor de 15 milhões de euros, de onde saiu esse dinheiro professor ? garanto uma coisa se fosse o Lula que tivesse esse tal patrimônio ele já estaria preso.

  49. Lucas Cantino Postado em 07/Sep/2015 às 20:19

    ": ‘sou deste país sofrido aqui’." como um atendente pode falar uma coisa absurda dessas ?

  50. silisboa Postado em 08/Jan/2016 às 15:13

    Assista a tv só tem comerciais com musicas em inglês as famílias e casas retratadas nos comerciais são tipicas americanas.