Redação Pragmatismo
Compartilhar
Documentário 13/May/2015 às 16:44
27
Comentários

5 filmes sobre a Segunda Guerra Mundial que merecem ser vistos

Há 70 anos terminava o conflito que marcou a derrota do nazismo e mudou a história do século XX. Confira 5 filmes sobre o fim da II Guerra Mundial que propõem uma visão não-hollywoodiana do confronto

fim segunda guerra mundial filmes
Fim da Segunda Guerra Mundial completou 70 anos no último 8 de maio (arquivo)

Caue Seigne Ameni, Outras Palavras

Neste 8 de Maio, comemoram-se, na Europa e EUA, setenta anos do fim da II Guerra Mundial. Já os russos apontam o fim da guerra em 9 de maio. Não existe um consenso quanto à data exata. Na verdade a rendição das forças remanescentes do III Reich aos aliados ocidentais se deu dia 8 de Maio, e ao Exército Vermelho na madrugada do dia seguinte 9 de Maio. Findava-se o pesadelo nazista.

Hoje poucos se lembram do papel fundamental que a antiga União Soviética jogou no episódio. Muitos atribuem a vitória aos EUA e a relacionam a episódios menores, porém intensamente dramatizados por Hollywood — como o “Dia D”.

VEJA TAMBÉM: A lista dos 10 melhores filmes de todos os tempos

Nossa seleção de filmes é mais heterodoxa. Conheça a seguir cinco grandes obras cinematográficas sobre um confronto que mudou a História. Veja também, em outro post, os posters soviéticos. Na foto, cena que marca a contra-ofensiva anti-nazista na Batalha de Stalingrado, a mais importante da guerra.

A Queda: As Últimas Horas de Hitler

Arquitetura da Destruição (Documentário)

A Batalha de Berlim (Documentário)

Generais em Guerra: Stalingrado (Documentário)

A Alemanha do Pós-Guerra (Documentário)

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Carlos Postado em 14/May/2015 às 00:07

    Um filme que considero um dos mais dramáticos se chama "A vigésima quinta hora".

    • Franciso Postado em 27/Jun/2015 às 10:37

      Ja vi, com Anthony QUinn, nao foi?a

  2. Souza Postado em 14/May/2015 às 01:21

    "The World at War" não foi relacionado ? O melhor documentário feito acerca do conflito da segunda guerra.

  3. Sergio Postado em 14/May/2015 às 06:22

    O partido era da extrema direita alemã!

    • Misael Postado em 14/May/2015 às 06:51

      Tu vai tentar ensinar algo pra coxinha? Lembre-se que se eles pegarem em um livro de história, entram em combustão.

      • Sergio Postado em 11/Dec/2015 às 21:42

        calma cara,

    • Ton Castilhos Postado em 03/Jan/2016 às 00:03

      Partido SOCIALISTA dos trabalhadores alemães = NAZI ... a esquerda adora empurrar seu lizo pra direita.

    • Ton Castilhos Postado em 03/Jan/2016 às 00:03

      Partido SOCIALISTA dos trabalhadores alemães = NAZI ... a esquerda adora empurrar seu lizo pra direita.

  4. Torquato Postado em 14/May/2015 às 09:03

    Partido da Social Democracia Brasileira = PSDB ¬.¬

  5. André Postado em 14/May/2015 às 12:27

    Estou assistindo ao segundo (Arquitetura da destruição)... É inevitável que me venha à cabeça coisas como obsessão pela beleza estética (cirurgias plásticas), manifestações contra os médicos cubanos e uma pesquisa que vi apontando o maior número de psicopatas ligados à administração de empresas e médicos ligados à cirurgia. http://super.abril.com.br/blogs/cienciamaluca/quais-profissoes-mais-atraem-psicopatas/ Em 18'58" "O médico passa a ser um perito em estética". Em 20'10" "nenhuma outra profissão tinha tantos membros do partido. 45% dos médicos alemães pertenciam ao partido" ...

    • Ciro Dantas Postado em 14/Jun/2015 às 15:39

      Partilho das mesmas preocupações com relação a psicopatas e profissões, André. O que presenciamos hoje no Brasil e particularmente aqui no Amazonas, onde municípios chegam a oferecer 25 mil de salário a médico mas nenhum se interessa, claro, porque haverá problemas de infra-estrutura, etc., mas que na minha opinião são usados como desculpa pois a mentalidade da ampla maioria dos que fazem medicina está ligada ao lucro simplesmente. Quanto mais pacientes mais lucro. Serviço público é um bico para a maioria desses. Poucos médicos brasileiros estão no espírito do juramento que fizeram ao se formarem . Aí temos a chegada dos médicos cubanos, que estão realmente visitando as comunidades, no maior espírito público, chega a espantar a boa vontade e educação desses profissionais.

  6. André Postado em 14/May/2015 às 12:29

    Diga lá, sabichão: Quantas (e quais) empresas foram coletivizadas ou estatizadas? Qual a relação do nasdap com a grande indústria?

    • Pedro Postado em 20/May/2015 às 18:04

      A indústria aeronáutica, a começar pela Junker que fabricava o Junker JU52. Seu presidente não queria aumentar gastos na compra de mais matéria-prima e aumentar a fábrica para fins militares. Ele foi destituído do cargo e a empresa foi colocada em um conglomerado dirigido pelo ministério do Ar, vulgo Herman Goring. E em 1944 quase todas as empresas estavam de mãos atadas, envolvida contra sua vontade em conglomerados criados pelo governo para maximizar a produção de armas.

  7. Vinicius Matos Postado em 14/May/2015 às 14:21

    É bom ver que alguém se preocupou em pesquisar a verdadeira história sobre esse período turbo e nebuloso da história de nosso planeta. Hitler não foi o primeiro, nem o pior, líder cruel que já passou pela terra, mas sem dúvida, foi o que mais impactou, ao mesmo que tempo tinha uma imensa inteligência tática, era teimoso demais para desistir de um plano claramente falho, bem como ao mesmo tempo que cultuava as artes e cultura, ordenava matanças de seres humanos, que considerava piores que sua cadela. Isso todos já sabem, mas é interessante notar como a população civil Alemã, em sua maioria, não compactuava com os ideais nazistas, bem como, muitos não sabiam o que ocorria nos hoje famosos campos de concentração, porém, o alto patriotismo, os fazia lutar a lado da ideia nazista, poucos foram os movimentos internos alemães contrários ao nazismo, que realmente lutaram contra. Por outro lado, temos uma Itália, que desde o primeiro momento, deu mais trabalho internamente para Mussolini, do que os próprios aliados. E por último os japoneses, que não tinham opinião, apenas fidelidade ao imperador, esses, se não fossem as bombas atômicas, estariam guerreando até hoje.

    • Rogério Britto Postado em 02/Jan/2016 às 15:21

      Síntese perfeira!

  8. André Postado em 14/May/2015 às 16:07

    nhénhénhé Quantas (e quais) empresas foram coletivizadas ou estatizadas? Qual a relação do nasdap com a grande indústria?

  9. Elisa Postado em 14/May/2015 às 17:51

    É muito interessante também o documentário "Propaganda na 2ª Guerra" produzido pela CBC - Canadian Broadcasting Corporation.

  10. Vinicius Matos Postado em 14/May/2015 às 17:51

    Sim, realmente é muito socialista/comunista, odiar os russos e matar os que coitam a ideia de se render para não morrer, com cartazes como "eu apoiei os bolcheviques", aliás, esse "ódio" e essa gana de ver comunismo até onde não tem me lembra muito algumas pessoas por aí... Ou melhor, por aqui...

    • Leandro Postado em 18/Jul/2015 às 23:48

      Eu sou Fascista e Anti-Comunista. Qual é o problema?voce não quer ver um holcausto de novo,não é mesmo? O Nazismo nunca mais tera forças,porém o Fascismo é hoje e para sempre a solução de diversos problemas sociais e politicos;principalmente aqui no brasil.O Brasil precisa de um Regime Autoritário para colocar as coisas no Eixo.Se for falar Militarmente está até bem,mas em questões públicas está uma vergonha;e os grandes culpados disso é o Direitos Humanos e essa Democrácia Mentirosa.

      • Davi Postado em 02/Jan/2016 às 18:52

        Hahahahaha! Ai a coxinhada mostrando a cara! Melhor assumir mesmo que dá mais certo!

      • Dilton Marinho Filho Postado em 03/Jan/2016 às 21:18

        Cara, eu fui militar de gemada. Juro que eu nunca li tanta bobagem! Hahahaha! O General Ernesto Geisel declarou que: "A corrupção nas forças armadas é tão grande, que a nossa única saída é promover a abertura"! Entre os casos gritantes de corrupção durante a ditadura, estão o Lutfalla, Coroa-Brastel, Caderneta Delfin, DNOCS, SUDENE, e, a famigerada Camargo Correa já era sucesso de bilheteria naquele tempo. Vá estudar, procure se informar, conhecer a história mais ou menos recente do seu país, para não virar alvo de chacota!

  11. Vander Postado em 14/May/2015 às 22:11

    O Pianista do Polanski também traz uma visão mais realista da coisa.

  12. Julio Postado em 14/May/2015 às 22:12

    Rodrigo, eu não sei pq vcs insistem nessa asneira. Basta ler o "Minha Luta" onde deixa explícito seu ódio por tudo o que é ligado a Marx pra derrubar esse historinha. Basta ler o livro principal. Só olavete ainda cai nessa historinha

  13. paulo silva Postado em 15/May/2015 às 11:53

    Preocupa-me mesmo é a História utilizada como propaganda a serviço dos supostos vencedores. Crimes horrendos de guerra praticados pelos aliados são completamente esquecidos nessas histórias mal contadas das guerras. Revisionistas são silenciados e mesmo condenados e presos por leis existentes na maioria dos países para que a versão oficial nunca seja contestada. Para se ter uma ideia, num dos campos de concentração da Polônia havia uma placa alardeando a morte de quatro milhões de almas inocentes, hoje, entretanto, a placa foi "ATUALIZADA" e fala em 1,5 milhão! Como é possível que se falsifique a História grotescamente? PS.: e não me venham perguntar se achei pouco...

  14. Dario Postado em 15/May/2015 às 16:14

    Faltou o Melhor "Redescobrindo a Segunda Guerra". Assistam e me agradeçam depois. Destaque para a trilha sonora que é épica!

  15. Eliana Postado em 29/Jun/2015 às 23:34

    Como resgate da historia The World at War feitoThames Television é imbatível. Creio que são 26 programas de 1972 com filmes originais e, por isso, puderam entrevistar muitos sobreviventes importantes de todos os lados. Até Kruschov cedeu filmes soviéticos. Interessantíssimo!

  16. Mega portal de Filmes Postado em 13/Dec/2015 às 13:23

    A batalha de berlin, filme sovietico, de 1948 foi o melhor filme que vi sobre a segunda guerra mundial..tenho em meu site