Redação Pragmatismo
Compartilhar
Terrorismo 23/Apr/2015 às 14:46
9
Comentários

Quem é a menina que dispara uma metralhada e diz que já matou 400?

Vídeo de uma menina curda de 6 a 7 anos disparando uma metralhadora está sendo repercutido em todo o mundo. Filmagem impressionante gerou debate sobre utilização cada vez mais frequente de crianças em propagandas de guerrilha

menina metralhadora curdos estado islâmico

O vídeo (assista abaixo) de uma menina curda disparando uma metralhadora pipocou em sites da imprensa internacional e nas mídias sociais, levantando preocupações sobre táticas de propaganda usadas por grupos guerrilheiros.

As imagens sugerem que grupos curdos que combatem o ‘Estado Islâmico’ estariam usando as mesmas técnicas de propaganda usadas pelo grupo extremista ‘Estado Islâmico’ – com imagens de crianças realizando tarefas de combatentes.

A menina parece ter entre seis e sete anos. Ela conversa com um adulto que não aparece na gravação, possivelmente o seu pai, que pergunta a ela quantos combatentes do grupo autodenominado “Estado Islâmico ela matou.

“Quatrocentos”, diz ela, falando no dialeto curdo da região de Sulaymaniyah, no norte do Iraque.

Em seguida, a menina inclina-se sobre a metralhadora, maior do que ela, e com as duas mãos, dispara. Os tiros ecoam no deserto e o homem por trás da câmera grita: “Mate! Mate!”

A filmagem impressionante parece ter surgido pela primeira vez em meados de janeiro numa página do Facebook dedicada a vídeos pró-curdos e, pouco depois, surgiu num canal do YouTube chamado “YPG curdo”.

Vídeo:

O YPG, ou Unidades de Proteção do Povo, é o braço armado do Partido de União Democrática curdo na Síria.

A página “YPG curdo” contém vários outros vídeos que elogiam famosos batalhões de combate de mulheres curdas, além de gravações gerais, entre elas sobre como cozinhar batatas.

Não se sabe o quão popular o vídeo era antes do site de notícias sociais Vocativ dar atenção à gravação há uma semana – e, em seguida, diversos outros órgãos da imprensa.

Militantes do Estado Islâmico, que controlam amplas áreas da Síria e do Iraque, têm cada vez mais usado crianças em seus vídeos de propaganda.

O autor da página do Facebook na qual o vídeo foi originalmente publicado disse não ter nenhum parentesco curdo. Ele mora em Gaza e disse simplesmente admirar combatentes curdas. Ele também tem blogs e sites dedicados ao Exército russo e outras forças de combate.

BBC

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Marcos Silva Postado em 23/Apr/2015 às 15:06

    Até onde eu sei, criança deve apenas estudar e brincar. Mas o que esperar de crianças (des)educadas por adultos idiotas que as ensinam, por exemplo, que o ex-presidente Lula cortou o dedo para se fingir de coitado?

  2. Tiago Lemos Postado em 23/Apr/2015 às 19:29

    Vendo esta matéria, acabo de me lembrar da frase de Reinaldo Azevedo: "Ser bandido é uma escolha, não uma imposição do meio". Vocês concordam com ele, pessoal?

    • Carlos Postado em 24/Apr/2015 às 00:39

      É uma escolhas, mas quanto todo meio está falido moralmente não existe outra opção como em alguns casos no Brasil.

    • João Batista Postado em 24/Apr/2015 às 09:07

      Ele, por exemplo, mesmo tendo tido opção de ser um jornalista decente, pois não é burro nem privado de senso moral, fez a escolha de ser um escroto que mente, deturpa fatos, difama pessoas corretas e acha legal ganhar dinheiro alimentando o ódio dos leitores contra um partido e um governo dos quais ele não gosta por razões psicológicas... É um bandido pago por outros bandidos, donos da Veja, para agradar bandidos que são inimigos do povo. Simples assim.

    • enganado Postado em 25/Apr/2015 às 18:51

      Caro Tiago Muito bom! Pergunte aos adoradores do Ocidente Maravilha com qtos anos as crianças nos EUA/iSSraHell entram para o Clube Tiro. Por que será que existem enúmeros "Columbine" nos EUA? Será que estas armas das mortandades nos EUA foram doadas aos jovens dos EUA pelo Bin Laden? Ou será que aquelas crianças que nos filmes de faroeste treinam dando tiros em garrafas na fazenda eram para acertar em coiotes ou eliminarem os Índios? Como é que é mesmo, crianças Árabes fazendo o que ..... ? rsrsrsrsrsr....

    • Rosali de Rosa Cantlin Postado em 30/Apr/2015 às 17:51

      Eu concordo que ele é um tremendo imbecil!

  3. MELKOR Postado em 23/Apr/2015 às 20:57

    Não condeno os pais dessa menina. Existem coisas que não se pode esconder de uma criança, ainda mais em um pais em guerra. Prefiro que minha filha saiba atirar, tenha uma instrução básica com armas para não gerar perigo as pessoas envolta e para ela mesma, mas é óbvio que não deixaria ela brincar com elas! Ouvir boatos que essa menina salvou uma vila de ataque do isis, é considerada uma heroína local!

  4. Carlos Postado em 24/Apr/2015 às 00:38

    A diferença que os Curdos estão lutando pela sua vida, no Brasil criminosos matam centenas e são tratados como coitadinhos, tem coisa muito pior que isso ai no nosso país.

  5. Adalberto Postado em 28/Apr/2015 às 12:06

    Mataram Kadaf e Sadhan. Ruim com eles, pior sem eles...