Redação Pragmatismo
Compartilhar
Economia 23/Apr/2015 às 15:36
5
Comentários

Presidente da Petrobras pede desculpas em nome dos funcionários

Novo Presidente da Petrobras diz ter "vergonha" do que a empresa sofreu nas mãos de corruptos. Aldemir Bendine pediu desculpas em nome dos trabalhadores da estatal. Balanço divulgado revela que a petrolífera teve prejuízo de R$ 6,2 bilhões com perdas referentes à corrupção

presidente petrobras aldemir bendine
O atual presidente da Petrobras, Aldemir Bendine (divulgação)

O presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, pediu desculpas, em nome dos empregados da estatal, pelas irregularidades ocorridas na companhia. O balanço auditado de 2014, divulgado na quinta-feira (22), mostrou que a estatal teve um prejuízo total de R$ 21,6 bilhões, sendo R$ 6,2 bilhões com perdas referentes à corrupção. Bendine falou durante entrevista à imprensa na sede da empresa, no centro do Rio.

“Eu hoje represento a companhia. A Petrobras foi vítima de tudo isso pelo que ela passou. Somando-me aos 86 mil empregados do sistema Petrobras, sim, a gente está com o sentimento até de vergonha disso que a gente vivenciou, desses malfeitos que ocorreram”, disse. Bendine destacou que a sociedade deve continuar acreditando na Petrobras e pediu desculpas pelo o que aconteceu com a empresa. “Sim, eu faço um pedido de desculpa, em nome dos empregados da Petrobras, porque hoje eu sou um deles.”

Ele falou também sobre a situação das centenas de empresas que fazem parte da cadeia produtiva encabeçada pela estatal, que gera renda e negócios dos quais dependem milhares de trabalhadores, muitos, segundo Bendine, desempregados ou sem receber salários, por conta dos impedimentos legais de repasse de dinheiro, principalmente a partir das grandes empreiteiras.

O presidente da Petrobras destacou que o plano de investimento da companhia ainda é robusto para 2015, com R$ 50 bilhões sob responsabilidade da holding e totalizando R$ 90 bilhões considerando todo o sistema. “Primeiro eu gostaria de destacar que a Petrobras não tem hoje nenhum compromisso atrasado. O que nós estamos vivenciando é um momento econômico mais restritivo e está sendo amplificado pela situação dessa investigação. Lógico que o ideal para a companhia é que esses processos de investigação e julgamento aconteçam o mais rápido possível. Mas a gente se vê em uma situação que essas pequenas e médias empresas estão ligadas na cadeia produtiva a uma dessas empresas que também estão passando por dificuldade neste momento, dado o processo de investigação. E a Petrobras não pode avançar em relação a esse processo, enquanto essas investigações e acordos não estiverem definitivamente realizados”, disse.

Bendine ressaltou que a estatal empreenderá todos os esforços para recuperar o dinheiro desviado pela corrupção, inclusive processando pessoas apontadas nas investigações. “A empresa vai fazer todos os esforços para que ela possa reaver o maior valor possível diante desses feitos. É o que a gente vem buscando muito fortemente na colaboração com as autoridades. Nós vamos agir com o máximo rigor e buscar todos esses valores, seja das pessoas que praticaram esse processo, assim como possíveis desvios das empresas que fizeram parte dessa cartelização.”

Ele agradeceu a paciência de todos pelo atraso na publicação do balanço contábil e destacou dados que indicam a força da companhia, pedindo que a sociedade continue acreditando na estatal. “Essa forma transparente com que as coisas estão sendo conduzidas é o mais importante para nós. Continuem acreditando fortemente na empresa. Ela já tomou todas as medidas necessárias. A Petrobras tem hoje o maior valor de retorno do mundo, em exploração e produção, com 28%. Um em cada três barris de óleo descobertos no mundo, nos últimos dez anos, foi da Petrobras. Temos a maior geração de valor sobre investimento da indústria do petróleo: para cada dólar gasto em exploração, adicionamos quatro dólares aos nossos ativos.”

Ao fim da entrevista, o presidente da Petrobras disse que a empresa não vai ficar imobilizada e que a crise gerada pelas denúncias de corrupção agora pertence ao passado. “Mesmo com todas as dificuldades que a empresa enfrentou, quero reforçar que ela não vai entrar em um sistema de paralisia. Ela tem uma capacidade de investimento muito alto e a gente sabe a importância disso para a economia brasileira e para toda a sociedade. Isso é uma página virada nesse capítulo triste que a empresa passou, mas agora a gente tem plena confiança de que nós vamos conduzir a empresa para uma nova fase e para aquilo que ela sempre foi, o orgulho da sociedade brasileira.”

Agência Brasil

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Pedro Pereira Postado em 23/Apr/2015 às 16:24

    Pedido de desculpas aceito! Agora toca esse barco! O Brasil quer a consolidação do modelo de exploração do pré-sal, tanto a cessão onerosa quanto o de partilha! Quer em pleno funcionamento as refinarias de Abreu e Lima e Comperj! A entrega da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados de Uberaba! E principalmente a consolidação do conteúdo nacional na exploração do pré-sal! Boa sorte!

  2. Thiago Teixeira Postado em 24/Apr/2015 às 08:29

    Eita governo que gosta de dar a cara a tapas para os coxinhas. Merecem todo descrédito mesmo. Cidadão, povo brasileiro, para a mídia, são os brancos de salários de 5 dígitos, será que esse retardados do PT não pensam nisso? Acham que sendo diplomáticos vão conseguir alguma coisa? Tem que dar satisfações porcaria nenhuma, tem que retomar as obras imediatamente pois há muitos profissionais da construção civil rodados por ai.

  3. Eliana Postado em 24/Apr/2015 às 14:56

    Resolvido: "página virada..."

  4. enganado Postado em 25/Apr/2015 às 19:53

    Engraçado este senhor dando mal exemplo Ademir Bendine, porque Henri Philippe Reichstul / Francisco Gros / David Zylbersztajn (governo do FHC) NÃO pediram desculpas por porra nenhuma das roubalheira na PETROBRAS. Estranho, né! Será que naquela época destes ILIBADOS Senhores Presidentes NÃO HAVIA ROUBO? E aí FHC! Nada também seu safado/traíra/imundo.

  5. enganado Postado em 27/Apr/2015 às 14:29

    Caro Rodrigo Vc deve estar acostumado com o governo do FHC, qdo se roubava MUITO e o Engavetador Geral da Rep. = Geraldo Brindeiro varria a ROUBALHEIRA TODA para debaixo dos tapetes do Palácio do Planalto. Aquela famosa frase da Presidenta DILMA que apuraria TODAS as ROUBALHEIRAS, doesse a quem doesse e que iria até o fim, abre para vcs tucanos QUEREREM SE FAZER de DEMOCRATAS. Imaginemos se o presdente fosse o seu Cheirador=Bêbado=... Aópio; teriam perguntas como a sua ou a Mídia Internacional+AIPAS+HASBARA+CIA+NSA+MOSSAD+... atuais donos da rede gRoubo deixariam que fosse questionado alguma coisa sobre a PETROBRA(X) do çERRA? De mais a mais o Conselho da PETROBRAS da sra. DILMA fazem parte do sr. Gerdau//um fulano da abril com o sobre nome de BARBOSA// ... não responderiam por nada? Afinal onde estão as contas da Presidenta e do LULA no Exterior que todos vcs da Direita tem uma seconder a grana ROUBADA? Será que a Presidenta tem que explicar algum roubo que não cometeu? E as QUATRO contas em LUXEMBURGO do Aópio, que responde por elas? E os 4,5 bi do rombo nas contas de MG, quem responde por eles? Vamos ! E aí? Nada! É só venha nós, ao vosso reino NADA!?!? ë coisas de TUCANO.