Redação Pragmatismo
Compartilhar
Rio de Janeiro 14/Apr/2015 às 16:47
30
Comentários

José Júnior chama menino Eduardo Jesus de 'bandido' e depois apaga tudo

Após chamar de “bandido” o menino Eduardo Jesus, 10, assassinado pela polícia militar, José Júnior editou o post, mas como a errata ficou pior, a solução foi apagar tudo. O comentário do líder da ONG AfroReggae não causaria tanto espanto se viesse de um oficial da PM ou de Jair Bolsonaro

josé júnior afroreggae
José Júnior, fundador da ONG Afroreggae (divulgação)

Marcos Sacramento, DCM

O fundador da ONG Afroreggae, José Júnior, disse no Facebook que o menino Eduardo de Jesus Ferreira, 10 anos, assassinado pela polícia no Complexo do Alemão, “era bandido”.

“Esse menino segundo informações era bandido. Provavelmente se fosse bandido poderia ter matado um policial se tivesse oportunidade. A questão é quem está ganhando com essa guerra? Famílias inteiras sendo dilaceradas. Parte do efetivo do Complexo do Alemão e outras favelas tem como mão de obra meninos e meninas”, escreveu na rede social. Após as críticas, Júnior editou o post, mas como a errata ficou pior, a solução foi apagar de vez.

O comentário não causaria tanta comoção se viesse de um oficial da PM ou de Jair Bolsonaro, tipos acostumados a minimizar crimes cometidos por policiais sugerindo que a vítima era criminosa. Nem Bolsonaro, aliás, ousou ir tão longe.

José Júnior preside uma ONG surgida sob os ecos da chacina de Vigário Geral, cuja missão, no papel, é “promover a justiça e a inclusão, através da arte, da cultura afro-brasileira e da educação”. Incautos deveriam esperar dele, no mínimo, mais compaixão pela vítima.

VEJA TAMBÉM: E se o menino Eduardo Jesus fosse assassinado em Ipanema ou no Leblon?

Mas é só olhar a página de Júnior no Facebook para descobrir como ele está próximo das mentes reacionárias que pregam que “bandido bom é bandido morto” e defendem a volta do regime militar.

Entre as últimas postagens estão convocações para as manifestações contra o governo Dilma e o PT. Não há uma única referência ao extermínio da juventude negra, tema corriqueiro na agenda de 10 entre 10 ativistas sociais. A redução da maioridade penal, sobre a qual Júnior se diz contra, é abordada de forma bem discreta, asséptica.

A conta do Instagram entrega mais ainda. Tem fotos dele ao lado de Rogério Chequer, o obscuro líder do movimento Movimento Vem Pra Rua, com Luciano Huck e com o aliado político Aécio Neves.

Aliança, pelo visto, que não terminou com o fim da campanha presidencial e se estende aos asseclas do neto de Tancredo, com direito a post em defesa do senador e ex-governador de Minas Gerais Antonio Anastasia, na ocasião em que foi citado na Operação Lava Jato.

“Antonio Anastasia é um dos politicos + integros e honestos desse país! Não votei nele porque voto no Rio + acredito na sua inocencia! Nem todo mundo é farinha do mesmo saco! Ele eu sei q ele não é! Não podemos deixar os homens bons serem massacrados pela perversidade (sic)”.

Além da amizade com Huck, José Júnior se gaba de suas relações com o ex-presidente da Editora Abril, Fábio Barbosa, que o levou para almoçar no restaurante da sede em São Paulo. Foi capa da revista Trip mais de uma ocasião, posando como “empreendedor social” ou algo do gênero. É frequente em festas da Globo para dar um ar radical chic. Nunca ficou claro como sua ONG era financiada.

Mas este é José Júnior. Defende de olhos fechados o amigo senador com a mesma celeridade com que reverbera calúnias a respeito de uma criança morta com um tiro na cabeça. O tempo irá dizer se ele é um ativista bem intencionado que errou na escolha das amizades ou se não passa de mais um oportunista. Quer dizer, o tempo já passou.

Post apagado de José Júnior:

josé júnior afroreggae

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Márcio Postado em 14/Apr/2015 às 18:43

    Ele parece ser mais um que reproduz o que lê na grande mídia...tá "coçando a cabeça" demais...

  2. Valter Kunitaki Postado em 14/Apr/2015 às 19:52

    Ora, ora ! Escorregadela natural de quem é obrigado a prestar vassalagem à mídia bandida e corrupta.

  3. Roberto Pedroso Postado em 15/Apr/2015 às 09:28

    Uma pergunta : alguém sabe informar a quantas anda o processo de investigação da morte de Evandro João Silvado? antigo coordenador desta ONG assassinado de forma brutal em um crime até agora sem explicação.

    • vai vendo Postado em 15/Apr/2015 às 11:48

      kkk amigo tem coisa ai so caras que mataram ja devem ter morrido queima de arquivo e quem mando deve estar rindo da cara da justiça aquilo la não foi só um assalto

  4. Felipe Peters Berchielli Postado em 15/Apr/2015 às 09:59

    O texto desse cara me pareceu totalmente sem nexo...sei la,primeiro era bandido que podia ter matado policial...depois a morte foi lamentavel como qualquer outra... Não entendi a mensagem dele...de qualquer forma,Não,o menino não era bandido.

  5. Danila Postado em 15/Apr/2015 às 11:41

    Nunca acreditei na boa vontade desse moço. Sei lá... algo nele não me convense. E realmente Felipe... a declaração dele é totalmente controversa. Deve ser difícil ter rabo preto com os dois lados de uma guerra.

  6. Juninho Barbosa Postado em 15/Apr/2015 às 12:00

    Quem chama Anastasia de íntegro e honesto só poderia falar besteira mesmo. Vivesse em MG e trabalhasse pro Estado no tempo do choque de gestão tucano pra ver!

  7. Roberta Nassar Postado em 15/Apr/2015 às 12:01

    o post dele é bem "em cima do muro", parece q vai dizer alguma coisa e no final não se chega a conclusão nenhuma... quero dizer, cheguei a conclusão de que é um idiota

  8. Olga Postado em 15/Apr/2015 às 12:03

    E se o menino fosse "bandido" (ou qualquer outra pessoa), o policial pode matar dum tiro na cabeça alguém desarmado que não oferece ameaça ou resistência, sem direito a defesa? a um processo legal como determina a lei? Concordo com Felipe, o texto começa sujando e depois lamentando o fato; como sempre a vitima tem a culpa, pode ter sido um bandido, pode ter matado um policial, vai saber o que ele estava fazendo lá, levou tiro porque os amigos ou vizinhos são bandidos, estava suspeitoso.... era pobre...estava na linha de tiro, era fogo cruzado vai saber quem atingiu ele... os policiais estavam arriscando a vida e ele pareceu ataca-los .... muitas causas para o mesma consequência, a morte injustificável. Menos no caso do Lava Jato que os mortos são isentos de culpa não é? aqueles que estão mortos e pelo tanto não investigados, que podem ter deixado fortunas da corrupção as famílias... Estamos vivendo a contradição viva e plena, Nesse caso o morto, morto esta, bandido ou não, não podemos sujar a sua memoria!

  9. Walquires Maciel Postado em 15/Apr/2015 às 12:12

    Mais um lacaio oportunista.

  10. nene Postado em 15/Apr/2015 às 12:16

    Quanta hipocrisia meu Deus!!!

  11. Ricardo Postado em 15/Apr/2015 às 12:26

    Ué, pensei que ONG's fossem boas...

    • Ana Postado em 15/Apr/2015 às 17:10

      Então aí está a prova que pensar não é o teu forte.

      • André Postado em 17/Apr/2015 às 10:11

        Nossa.... Podia dormir sem essa...rsrsrsrsrs

  12. Carlos Postado em 15/Apr/2015 às 12:38

    Esses sites são muito estranhos, quantos cidadãos, trabalhadores e policiais mortos nos últimos dias por criminosos no Brasil, uns 1000? Porque malham a polícia apenas, quem não gosta de polícia geralmente é vagabundo, simpatizante ou petista.

    • rubens Postado em 15/Apr/2015 às 15:02

      Quanta besteira Sr Carlos.

      • André Postado em 17/Apr/2015 às 10:13

        Que isso nunca aconteça a ninguém de sua família sr. Carlos, pois se reclamar será uma vagabundo, já que não é petista. Pense antes de falar seu animal.

  13. Thiago FS Postado em 15/Apr/2015 às 12:41

    Via o "Conexões Urbanas" como um alivio humanista no meio de programas que simpatizam com a barbárie contra a barbárie. Agora não vejo mais sustentabilidade ideológica por parte do idealizador..

  14. eduardo Postado em 15/Apr/2015 às 12:44

    E quem disse que estas ONGs, nascidas, aproveitando o calor da comoção são honestas? Este é mais um oportunista que já pulou o muro e pelo jeito está do lado de lá, mas ainda se sustentando com a falsa imagem ( que caiu agora) que mantém do lado de cá.

  15. Gilvânia Postado em 15/Apr/2015 às 12:46

    E as Sheherazade e os Bolsonaros se multiplicam... Breve, breve há de surgir, quem sabe, uma vacina para evitar novos contágios.

  16. Elda Ferreira Postado em 15/Apr/2015 às 12:58

    Boa pergunta Roberto Pedroso! Isso já caiu no esquecimento e tbm não deve favorecer aos que lucraram com a morte dele. De uma coisa eu tenho certeza, pra morrer da forma q ele morreu, deveria estar dificultando ação de alguém. A coisa foi esquecida de uma forma muito estranha, mas se trouxerem a tona e jogarem no ventilador, vai feder para muita gente! A morte do ex presidente da ONG, Evandro, não foi por acaso.

  17. luciana cordeiro Postado em 15/Apr/2015 às 13:15

    JJ não tem do que reclamar ou temer: anda de carro blindado, tem a companhia de policiais para fazer a sua escolta, anda em um carrão com logo da Red Bull(aparece sempre bebendo, fazendo o merchandising) e não sei que tipo de patrocínio recebe do Banco Santander. Já perdeu a credibilidade faz tempo e o poder de discernimento também... Diga-me com quem andas e te tireis quem és...

  18. antoni wroblewski Postado em 15/Apr/2015 às 13:22

    'Com certeza esse menino, esse 'bandido', ameaçava o bem estar dos 7 soldados bem treinados, armados com fuzis e coletes a prova de balas. ' Tentar sequer defender a atitude deste grupo de oficiais é absurdo, pois o ato é inexplicável quando se tenta justificar a morte da criança. Esse caso ressalta o momento vergonhoso e 'calamitante' que o Brasil passa, onde esta sendo gerado um ódio pelas classes pobres e se tenta convencer à todo o país que crimes contra os menos afortunados é um direito dos opressores.

  19. Tammy Postado em 15/Apr/2015 às 13:50

    Até Pereira não disse um absurdos desses.

  20. juliene Postado em 15/Apr/2015 às 13:52

    Nao sei mais 0 que pensar, absurdo,absurdo, eestamos em um país mergulhado em lama.

  21. [email protected] Postado em 15/Apr/2015 às 14:13

    http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/09/12/pastor-marcos-pereira-e-condenado-a-15-anos-de-prisao-por-estupro-no-rio.htm

  22. Fran Oliveira Postado em 15/Apr/2015 às 16:31

    O cara tem uma ONG e ainda não entendeu nada sobre a vida....

  23. Oblivion Postado em 15/Apr/2015 às 23:32

    Que mau eim cara (José Jr). A frase que um dos comentaristas deixou ali acima diz tudo... "Diga-me com quem tu andas que eu te direi quem tu és".

  24. Roberto Pedroso Postado em 16/Apr/2015 às 09:52

    É fato que apos o senhor Jose Junio após ter assumido a ONG Afroreggae tratou logo de se aproximar dos ideais e de políticos de centro direita se tornando uma especie de cabo eleitoral dos candidatos da classe media branca carioca junto aos eleitores pobres moradores de comunidades,enquanto isso aguardamos os resultados da investigações da morte do antigo presidente desta ONG o senhor João Evandro Silva.

  25. Roberto Pedroso Postado em 16/Apr/2015 às 11:04

    (Errata)...os resultados DAS investigações da morte do antigo presidente desta ONG....