Redação Pragmatismo
Compartilhar
Direitos Humanos 01/Apr/2015 às 10:46
23
Comentários

A poesia de Sérgio Vaz sobre a redução da maioridade penal

"Sou contra a redução da maioridade penal e a favor do aumento da maioridade escolar. Lugar de criança é presa na escola". Na semana em que a Câmara discute a questão da maioridade penal, o poeta Sérgio Vaz dá sua contribuição ao debate

sérgio vaz maioridade penal
O poeta Sérgio Vaz. (Imagem: Luciana Serra)

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira o voto em separado do deputado Marcos Rogério (PDT-RO), favorável à admissibilidade da PEC 171/93, que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos. Foram 42 votos a favor e 17 contra – resultado que gerou protesto de manifestantes presentes na reunião.

No parecer vencedor, Marcos Rogério afirma que a redução da maioridade penal “tem como objetivo evitar que jovens cometam crimes na certeza da impunidade”. Ele defendeu que a idade para a imputação penal não é imutável. “Não entendo que o preceito a ser mudado seja uma cláusula pétrea, porque esse é um direito que muda na sociedade, dentro de certos limites, e que pode ser estudado pelos deputados”, disse.

Já o deputado Alessandro Molon (PT-RJ) lamentou o resultado: “Estamos decidindo mandar para um sistema falido, com altíssimas taxas de reincidência, adolescentes que a sociedade quer supostamente recuperar. É um enorme contrassenso.”

O poeta e ativista Sérgio Vaz acompanhou atentamente a tramitação da PEC na CCJ e escreveu em sua página do Facebook, durante a votação, uma poesia sobre a questão da maioridade penal. Em seu texto, Sérgio sugere que a redução da maioridade segue o caminho inverso da verdadeira resolução para o problema. “Precisamos aumentar a maioridade escolar”, afirma o poeta. Leia a íntegra da poesia abaixo:

LUGAR DE CRIANÇA É PRESA NA ESCOLA.
Sou a favor do aumento da maioridade escolar.
Isso mesmo, lugar de criança é presa na Escola (das 8h às 17h) e sendo torturada por aulas de Matemática, Português, Ciência, Música, Teatro, Geografia, Química, Física… Ou tomando banho de sol enquanto fazem Educação Física.
Quando elas começarem a criar asas, trancá-las na biblioteca para aprenderem a lapidar sonhos.
Nessa cadeia os professores com super salários, super treinamento, super motivados não deixarão nada, nem ninguém escapar da castigo da sabedoria. Serão tempos difíceis para a ignorância.
Depois de cumprirem pena e se tornarem cidadãos terão liberdade assistida… Pelos pais orgulhosos.

Sérgio Vaz”

Veja também: Os quatro caminhos da redução da maioridade penal

com agências

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. poliana Postado em 01/Apr/2015 às 11:05

    Já o deputado Alessandro Molon (PT-RJ) lamentou o resultado: “Estamos decidindo mandar para um sistema falido, com altíssimas taxas de reincidência, adolescentes que a sociedade quer supostamente recuperar. É um enorme contrassenso.”...............................................pois é! é pura sede de vingança mesmo. a última coisa com que a sociedade está preocupada, é com a ressocialização desses indivíduos. ela quer é vingança. só tá esquecendo de um pequeno detalhe q fará toda a diferença: no brasil n tem pena de morte ou prisão perpétua. esses indivíduos sairão dos presídios logo mais e estarão reinseridos na sociedade. ok...vamos ver a tragédia q isso vai dar.

    • fabricio Postado em 01/Apr/2015 às 12:07

      se eu não estiver morto por um "ex-menor infrator" e agora pós graduado no crime, estarei rindo de dentro do meu bunker que construirei para evitar o caos quase medieval que se instalará....começarei agora por via das dúvidas heuheuehuehuheuhehe................

    • Thiago Teixeira Postado em 01/Apr/2015 às 21:08

      Poli, ele falou besteira, a sociedade não quer recuperar ninguém, quer matar tudo que eles julgam poluição visual. Da maioridade penal para uma pena de morte, com o Datena e Rezende gritando diariamente no PiG, é só um passo.

  2. Paulo Eduardo Postado em 01/Apr/2015 às 11:15

    Verdade Poliana. Estamos vivendo um momento de reisignificação. O brasileiro precisa aumentar os horizontes no que tange ao pensamento de coletividade. Para de usar religião ou programas policiais como norteadores de pensamento. É exatamente isso que vai acontecer. Adolescentes pobres sairão especialistas nas mais variadas formas de crimes. Prontos para perder a única coisa que lhe restou pós prisão. A vida. Muito triste saber que outras coisas muito mais importantes não são votadas com essa celeridade.

  3. caio Postado em 01/Apr/2015 às 11:32

    Que bosta de poesia, no face mesmo ta cheio de gente melhor.

  4. Pereira Postado em 01/Apr/2015 às 11:44

    Pois é , "prender" uma criança na escola seria uma boa. Se os pobres educadores não tivessem que seguir um modelo de educação fracassado(Paulo freiriana), em que o que vale é a doutrinação para o vitimismo e o velho e surrado discurso opressor X oprimido. Se tivéssemos um sistema em que o professor fosse autoridade de novo, talvez a maioridade penal não precisasse ser reduzida.

    • R.R.Rocha Postado em 01/Apr/2015 às 15:57

      "Se tivéssemos um sistema em que o professor fosse autoridade de novo..." E depois essa galera diz que não é a favor da intervenção militar em nossa democracia. Pereira pereirando mais uma vez. Lamentável.

    • Vinicius Postado em 02/Apr/2015 às 22:00

      Realmente não tem nem como argumentar com tanta ignorância desse Pereira. Só rindo mesmo... *Outro Vinicius

  5. Maria Regina Cortez Postado em 01/Apr/2015 às 12:16

    A educação liberta, não consigo conceber a ideia de"prender" a criança na escola, acho a palavra inadequada. A escola tem de ser acolhedora e atrativa para a criança e o adolescente. Hoje vejo escolas que se assemelham a uma prisão, isso é triste. Quero a educação libertadora!!!

    • Alexandre Bolfarini Postado em 01/Apr/2015 às 16:12

      Na verdade, Maria, pelo o que entendi, ele usou o verbo "prender" com um objetivo poético, da mesma maneira que usa o "super treinamento, super motivados". Ele zoa com o discurso do Estado policial; não é que ele realmente conceba a educação dos jovens como um sistema prisional.

  6. Pereira Postado em 01/Apr/2015 às 12:23

    Os mesmos que são contra a redução da maioridade penal, são os mesmos que querem que uma criança de 12 anos tenha capacidade para pedir troca de sexo.

    • R.R.Rocha Postado em 01/Apr/2015 às 16:00

      Putz...!!! De onde você retirou essa informação mesmo??? Ah...!!! Da sua mente deturpada... está explicado.

      • Pereira Postado em 02/Apr/2015 às 10:25

        Do patético Jean wilis , que nunca aprovou um projeto. Entre outras barbaridades disse: "Se um menininho de 6 anos estiver brincando com o pintinho do outro, deixa !!! ele está aprendendo". está gravado.

    • Gabriel Gabo Postado em 01/Apr/2015 às 16:28

      Os que são à favor são contra o aborto, mas a favor da pena de morte

      • poliana Postado em 01/Apr/2015 às 23:27

        boa gabriel! essa é a incoerência da direita desse país!!!!

      • Pereira Postado em 02/Apr/2015 às 10:26

        eu não sou a favor da pena de morte, e sim trabalhos forçados.

      • poliana Postado em 02/Apr/2015 às 10:34

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...pereira, tu é uma figura, viu cara....rsrsrsrsrsr

  7. Silva Postado em 01/Apr/2015 às 16:24

    Ignorem o pereira, ele nasceu com defeito de fabrica, tem mania de perseguição, além de reaça é fundamentalista religioso. Precisa de terapia urgente! Digno de pena!

    • Thiago Teixeira Postado em 01/Apr/2015 às 21:05

      Ele tem resposta pra tudo. O cara é muito louco!!!!!!!!!!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkk Eu só dou risada!!!!!

      • Pereira Postado em 02/Apr/2015 às 10:30

        Sim, num país onde os valores estão completamente invertidos, talvez eu precise mesmo. Num país minimamente sério, sequer haveria um blog sujo como esse para se falar. Os psicopatas estáo todos no governo, e os sãos tentando restaurar a sanidade. Nesse cenário talvez eu precise de uma dose de psicopatia e esquizofrenia. Esse seria o tratamento adequado para mim ?

  8. Pereira Postado em 02/Apr/2015 às 10:41

    Eu Pereira, solenemente veio a público dizer que preciso de tratamento urgente. Para me alinhar com a "realidade" esquerdista dominante, preciso de uma dose de, digamos, 1000 mg de 1 em 1 hora de psicopatia e 1000mg de esquizofrenia de meia em meia. Sendo assim, peço que um médico cubano me receite os referidos medicamentos.

    • Pereira Postado em 02/Apr/2015 às 10:43

      Em tempo, adicione doses diárias de cara de pau compulsiva e de fingimento explícito. Creio que esse tratamento me tornará um militante ativo para as "conquistas sociais".

  9. Vinicius Postado em 02/Apr/2015 às 22:18

    Tem que investir pesado em educação e assistência social ai sim a violência vai diminuir. Mas grande parte dos nossos parlamentares estão interessados nisso? só estão interessados em fama , sensacionalismo demagogia, ah e claro nos objetivos de quem os financia. A questão é bem profunda. A quem interessa o fracasso da educação pública brasileiras? Aos empresários da educação, os quais devem ter parlamentares ao seu serviço. Então preferem punir quem não tem condições de pagar a educação e explorar quem tem condições. Lamentável, mas é o capitalismo que tanto glorificam e ditam como "libertador". *Outro Vinicius