André Falcão
Colunista
Compartilhar
Política 25/Mar/2015 às 16:15
18
Comentários

Vamos combinar?

corrupção ódio pt esquerda dilma direita

André Falcão*

Seu ódio não é contra a corrupção, cujo manto podre vem sendo levantado, ainda que com holofotes e megafones voltados só para um dos lados do espectro político, mais particularmente para o governo e o PT, que independentemente de seu voto vem vencendo todas as eleições presidenciais.

Seu ódio não é contra a corrupção, que desde 2003 é combatida com instituições finalmente livres do cabresto dos donos de ocasião do poder, com o auxílio de mecanismos de controle criados por esses governos, sem espaço para engavetamento de inquéritos por procurador amestrado, e com os órgãos policiais efetivamente autônomos e livres para investigar o que e quem quer que seja, com toda a publicidade.

Seu ódio não é contra a corrupção, porque você não é estúpido para acreditar que a corrupção é algo novo no Brasil, nascida, criada e desenvolvida por alguns inescrupulosos que possam estar enfileirados em partidos de esquerda, ou de centro-esquerda, como o PT, que merecem, sim, os rigores da lei, mas não seletivamente.

Leia aqui todos os textos de André Falcão

Seu ódio não é contra a corrupção, porque você sabe que os grandes grupos midiáticos são useiros e vezeiros na utilização de “dois pesos, duas medidas” quando se trata desse tema, ou quando se trata de qualquer outro tema que possa ser negativo ou positivo ao governo; se negativo, amplificadores, quando não o engodo, o falseamento, a manipulação, a mentira deslavada; se positivo, o silêncio, na melhor das hipóteses.

Seu ódio, meu caro, é porque você não aguenta um governo que finalmente tenha desejado e conseguido realizar, num mundo capitalista visivelmente decadente, alguma coisa de justiça social, ainda que com mais de quinhentos anos de atraso; seu ódio é porque você não suporta a ideia de que as pessoas comecem a compreender que elas podem ter uma vida melhor, porque isto não pode e não deve ser um privilégio ditado pelas oportunidades dadas apenas a quem teve um berço rico ou remediado para nascer; seu ódio é porque você é individualista, mesquinho e egoísta, além de complexado por não suportar que a filha(o) de sua(eu) empregada(o) esteja cursando uma faculdade no exterior e a(o) sua(eu) tenha perdido o terceiro ou quarto vestibular; seu ódio é porque sem gente desqualificada e sem direitos você daqui a pouco sequer empregada poderá ter.

Seu ódio, por favor, sem hipocrisia, vamos combinar?, não é contra a presidenta Dilma, mulher honrada e corajosa, eleita legitimamente: seu ódio é porque já está evidente que o “pobre”, hoje, é você.

*André Falcão é advogado e autor do Blog do André Falcão. Escreve semanalmente para Pragmatismo Político

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Ingrid Postado em 25/Mar/2015 às 16:24

    Entendi o ponto de vista do texto, mas preciso dizer que apesar de não concordar com os pedidos de saída da presidente e outras coisas que estão virando gritos de guerra por ai, não estou satisfeita com o governo atual em muitos pontos e não tenho ódio, só quero lembrar que algumas oposições são racionais assim como alguns defensores do governo. Então vamos combinar: A corrupção não é nova, a manipulação de mídia também não, mas isso não pode ser usado para esquecer erros.

  2. Rodrigo Postado em 25/Mar/2015 às 16:31

    (Outro Rodrigo) Coxinha e Enroladinho/Pastel de vento. Negro e branco. Reaça e Revoluça. Petista e Tucano. Amor e ódio... "Ame-o, ou deixe-o" ("Vá para Cuba"/"Vá para Miami")... Resultado final? Mais binarismo e maniqueísmo, muita confusão, visão do outro como se inimigo fosse e nenhuma conclusão conjunta. É, André, parece que a população anda a passos largos para local realmente ainda mais distante daquele em que deveríamos combinar, de verdade. Local aquele em que concidadãos veriam suas combinações, o que os iguala.

  3. Eduardo Postado em 25/Mar/2015 às 16:41

    pelamordedeus.. vira a porcaria do disco. Esse discurso eleitoreiro já expirou em 26/10/2014. Ta sem pauta meu amigo? Deve ser o quinto texto desse cidadão falando a mesma coisa.

    • José Postado em 25/Mar/2015 às 17:46

      quem tem que virar o disco e seguir em frente é a oposição raivosa que perdeu a eleição e não quer aceitar.

  4. Denisbaldo Postado em 25/Mar/2015 às 16:46

    VAMOS COMBINAR 2: A coxinhada insiste em pedir o impeachment da Dilma epor culpá-la pela "situação insustentável" do país. Agora uma pergunta, algum coxinha me responda por favor: Depois das manifestações "populares" do dia 15/03/15, o que o Congresso Nacional fez para atender o seu pedido de impeachment? Talvez não saibam, mas eh exclusivamente dele a competencia (com acento circunflexo, meu micro está com problema na letra "e") para que este ato seja iniciado e concretizado. Se querem que algo seja feito, deveriam direcionar suas palavras a quem tem capacidade para tal. Parece que o Congresso fez que não ouviu seu pedido. Por isso parem de culpar o PT. Ninguém lhes dá ouvidos.

    • Denisbaldo Postado em 25/Mar/2015 às 17:55

      Voce me elucidar!?!?!?! Hahahahahaha! Quem é o partido presidente das casas? Quem é maioria nas casas? Eh o PT por acaso!?!?!? Então voce quer dizer que o impeachment não sai porque o PT não deixa que isso aconteça no Congresso também!?!?!?! TUDO É CULPA DO PT MEU DEUS!!! Não caro coxinha, o Congresso NÃO TEM CORAGEM E MUITO MENOS RAZÕES LEGAIS PARA TAL ATO. Explique-se melhor por favor quando abrir a boca aqui, seu comentário tem o mesmo conteúdo das manifestações, ou seja, NADA!

  5. Pereira Postado em 25/Mar/2015 às 17:41

    "Seu ódio, meu caro, é porque você não aguenta um governo que finalmente tenha desejado e conseguido realizar, num mundo capitalista visivelmente decadente, alguma coisa de justiça social" Isso só pode ser piada !!!! A situação de inflação alta que esse governo levou o brasil, somado as contas pública exorbitantes , gastos extratosféricos e sem responsabilidade alguma, sem contar a corrupção com cifras monstruosas nunca antes vistas com fins de perpetuação de poder. Isso afeta diretamente as pessoas de baixa renda. Juros altos impede um micro empresário na favela de conseguir crédito, por exemplo. Dólar nas alturas encarece o pãozinho nosso de cada dia com farinha importada. isso afeta os ricos ??? NÂO !!!!! Isso afeta os pobres que esse governo diz defender. Bolsa família não é suficiente, não está sendo suficiente. Queremos desonvolvolvimento e qualificação. Não só qualificação mas inclusão no mercado de trabalho ausente dos bolsões de pobreza. não adianta formar técnicos no Pronatec se não há desenvolvimento nas regiões mais pobres. ESSE GOVERNO É UMA MENTIRA !!! Como é foi todos os governos socialistas da história.

    • José Postado em 25/Mar/2015 às 17:50

      Socialista! Sabe de nada inocente útil (ou mal intencionado inútil). É tão socialista quanto o governo tucano de SP ou Democrata da Bahia. O Capitalismo se desenvolveu no Brasil mais nos últimos 15 anos que em todo o período anterior. Mas a direita nesse país é tão incompetente que nem isso conseguir fazer antes- agora tem que chorar na oposição.

      • Pereira Postado em 25/Mar/2015 às 17:57

        Realmente você tem razão.... socialista não é , mas que tenta ser um socialismo aos moldes soviéticos, cubanso e venezuelanos .... isso tenta !!!! é que a PF e as forças armadas não foram aparelhadas.

      • Pereira Postado em 25/Mar/2015 às 18:01

        A dona Bebel petista da APOESP , quer greve.... contra o alckmin...quem se prejudica ? as crianças da periferia que ficam sem aula.

  6. Marcos Silva Postado em 25/Mar/2015 às 17:53

    Querer igualdade e justiça social é virtude. Ódio e manter os outros na miséria e na pobreza. Ódio é desejar que existam seres inferiores. Ódio é concentrar toda a renda e deixar de resto apenas migalhas para os trabalhadores (até horas extras roubam). Ódio é, por exemplo, se revoltar pelo motivo do Instagram ser disponibilizado ao popular Android, e não apenas ao IOS.

  7. Pereira Postado em 25/Mar/2015 às 17:55

    E tira essa bandeira verde amarela linda desse post porco e fedorento que tu colocou e volta para a tua bandeira vermelha com foice e martelo.

  8. Pereira Postado em 25/Mar/2015 às 18:08

    A PF investiga os desmandos desse governo, não porque "agora tem autonomia", autonomia da PF é constitucional. O Problema para o PT é que a PF não foi aparelhada como deveria ser. Não foi, porque lá tinha homens que honram as bolas do saco, como o Dr. Romeu tuma Jr. Tuma jr jogou no ventilador o que o PT estava tentando fazer com a PF.

    • Denisbaldo Postado em 25/Mar/2015 às 18:16

      O MP tem muito mais autonomia constitucional, mas na época do FHC...bom, deixa pra lá né...Hoje o MP tem autonomia de verdade, mas isso voces não reconhecem também. Na época do FHC o presidente da Petrobrás era o genro dele!!! Hahahahahaha! Voces coxinhas são demais mesmo!!!! Hahahahahahah!

    • Onda Vermelha Postado em 26/Mar/2015 às 01:49

      Pereira e suas pereirices. A PF de FHC tinha dirigentes como Agilio Monteiro e Marcelo Itagiba e outros do mesmo quilate. Todos filiados ao PSDB! Ainda quer falar em "aparelhamento" e "autonomia" na EraTucana cidadão? Quer discutir o número de operações da PF antes e depois da Era Lula? Acho que não. Até porque seria vergonhoso e humilhante...

    • eu daqui Postado em 30/Mar/2015 às 12:28

      NA PF COMO NA MAIORIA DOS ÓRGÃOS PÚBLICOS FEDERAIS, NUNCA HOUVE TANTO ASSÉDIO MORAL CONTRA SERVIDORES COM PERFIL MAIS LEGALISTA COMO NO GOVERNO DO PT. Esse é meu ódio. Não pq "pobre finalmente tá subindo na vida " às custas de esmola eleitoreira e outros engodos passageiros e paliativos. Subida de vida como essa pode mais é dar pena desse bando de otários vendíveis e não ódio.

  9. eu daqui Postado em 30/Mar/2015 às 12:24

    Meu ódio é contra a corrupção sim, que é algo apartidário. O que não é contra a corrupção é o ódio de alguns contra mim: o ódio desses deve ser contra a honestidade, que também é apartidária. É só querer.

  10. ademar Postado em 31/Mar/2015 às 12:00

    Sr. André Falcão fala sobre ódio com muita propriedade, me parece estar praticando com afinco e assiduidade, é um especialista..