Redação Pragmatismo
Compartilhar
Protestos 16/Mar/2015 às 12:01
92
Comentários

The Guardian e Forbes sobre protestos de domingo: "Festival do ódio; manifestação de ricos"

Mídia internacional vê 'classe média branca' por trás dos protestos de domingo. Britânico The Guardian falou em "manifestações da direita" e destacou a influência da grande mídia para mobilizar as pessoas. Revista Forbes chamou os atos de "festival do ódio". New York Times, La Repubblica, El País e Clarín também comentaram as manifestações no Brasil

protesto dilma domingo manifestações impeachment
Manifestantes protestaram com cartazes em inglês para atrair atenção da imprensa internacional. Mensagens com pedidos de intervenção militar foram vistas em várias cidades

As manifestações contra a presidente Dilma no último domingo ganharam a atenção da imprensa internacional, que acompanhou de perto os acontecimentos.

Segundo o jornal britânico The Guardian, os protestos reuniram pessoas “mais velhas, mais brancas e mais ricas” de que em 2013. O jornal chamou os protestos de “manifestações da direita” causadas por insatisfação com a economia, política travada e o escândalo de corrupção na Petrobras. O “Guardian” ainda descreveu cartazes escritos em inglês pedindo a volta da ditadura.

Os protestos de domingo foram os maiores no Brasil desde 2013, mas o perfil e as políticas dos participantes foram muito diferentes. As manifestações da Copa das Confederações dois anos atrás tiveram suas origens em campanhas para assegurar transporte público gratuito, e se espalharam rapidamente especialmente entre jovens, com ajuda de redes sociais, após a violência policial inflamar a opinião pública. A mais recente onda de protestos, entretanto, é de um grupo mais velho, mais branco e mais rico, reunidos após uma grande cobertura antecipada da grande mídia“, disse.

A revista de economia Forbes chamou os protestos de “festival do ódio”. “Estranhamento, não é a deterioração da economia que irrita os brasileiros. É a política. É a corrupção. Em outras palavras, a política de sempre. E, agora, os brasileiros estão abrindo as janelas dos seus apartamentos, colocando as cabeças para fora e gritando”, diz, em referência ao filme “Rede de Intrigas”, de 1976.

O jornal americano New York Times ressaltou que o impeachment ainda parece uma possibilidade distante, e defendeu a postura de Dilma diante dos protestos. “Em contraste com outros líderes da região que responderam à dissidência com ataques a seus críticos e uso de forças de segurança, a senhora Rousseff assumiu uma postura relativamente pouco confrontadora”, disse o “New York Times”, destacando que a presidente defendeu o direito de protestar dos brasileiros.

O italiano La Repubblica destacou que havia manifestantes pedindo intervenção militar para “por fim ao predomínio político do partido dos trabalhadores”

Já o espanhol El País noticiou, na capa do periódico, que “os protagonistas das marchas pertencem às classes médias mais educadas”. Foram, segundo o jornal, “médicos, professores, advogados e estudantes bem preparados e informados”.

Na argentino Clarín, destacou-se que o deputado federal Paulinho da Força (SD-SP) foi “o único que levou grande número de manifestantes que não são nem brancos nem ricos para a manifestação”. O diário destacou, porém, que Paulinho – líder da Força Sindical e um dos únicos a defender abertamente o impeachment da presidente- foi hostilizado por manifestantes que apenas “toleram” a camada social de trabalhadores representada por este político.

VEJA TAMBÉM: Imagens constrangedoras das manifestações de domingo (15/03)

Recomendados para você

Comentários

  1. Jonas Ferreira Postado em 16/Mar/2015 às 12:11

    Postem os links das matérias internacionais. Desde já, obrigado!

  2. Leonardo Postado em 16/Mar/2015 às 12:19

    “os protagonistas das marchas pertencem às classes médias mais educadas”. Foram, segundo o jornal, “médicos, professores, advogados e estudantes bem preparados e informados” Não entendi por que para voces isso é algo que deslegitima as manifestações, ser chamado de mais educado é para mim um elogio. No mais, qualquer um que entende o minimo de economia, sabe que a forma como as politicas foram instituidas apos a guerra fria, com um estado grande e de bem estar social, só foi possivel pois este mesmo estado é predominantemente financiado pela classe media, não é pela elite e nem pelos pobres. Se alguém tem o direito de protestar no país, é justamente quem estava nas ruas ontem.

    • Rafael Postado em 16/Mar/2015 às 12:40

      Leonardo, claro que ser chamado de bem preparados e informados por jornais dos nossos colonizadores afaga o ego de quem ainda é colonizado. Recebeu sua estrela dourada? Ótimo, continue vendendo seu vizinho, seu bairro e tudo o mais para sustentá-los, eles continuarão te achando inteligentíssimo.

    • Ricardo Postado em 16/Mar/2015 às 12:45

      Leonardo, o que deslegitima as manifestações de ontem não foram o classe socioeconômica dos participantes. O estranhamento é termos pessoas “tão bem educadas” lutando contra princípios democráticos e expressado ódio por meio de cartazes e palavras de ordem. Espanta muito perceber que “pessoas bem educadas” possam pensar que os problemas políticos do país são ocasionados por uma única pessoa ou partido. Eu, honestamente, esperava muito mais de pessoas “tão bem educadas,” porém a origem de todas as decepções é um excesso de expectativas. Achar que um grupo tem mais direito que o outro é um erro gravíssimo! Somos todos iguais em Direitos. O Brasil está se bi polarizando e esse tipo de desagregação só traz prejuízos para os dois lados.

    • ricardo Postado em 16/Mar/2015 às 12:51

      querido, "No mais, qualquer um que entende o minimo de economia, sabe que a forma como as politicas foram instituidas apos a guerra fria, com um estado grande e de bem estar social, só foi possivel pois este mesmo estado é predominantemente financiado pela classe media, não é pela elite e nem pelos pobres. Se alguém tem o direito de protestar no país, é justamente quem estava nas ruas ontem."... me parece que vc faz parte do grupo que NÃO entende "o mínimo de economia"

      • Leonardo Postado em 16/Mar/2015 às 14:50

        ricardo tens razão, sou formado em economia porém não tenho conhecimento sobre o assunto, foram 5 anos todas as manhas que não serviram para nada. Na minha opinião o teorema de coase explica muito melhor pq somos subdesenvolvidos do que a maldade dos colonizadores. Em momento algum disse que alguém tem mais direito de protestar, apenas ressaltei o quão absurdo é querer deslegitimizar o protesto do grupo que é responsável pela maior parte do financiamento estatal. Não sou a favor de tirar a Dilma do poder sem motivos legais, caso eles venham a existir, independente de gostar ou nao do Temer, ela deve sim ser retirada do poder, caso contrário, ai sim estaremos sofrendo um golpe (não sou a favor de tirar ela por golpe, mas nem deixa-la caso aparecam provas). A verdade é que temos instituições ainda muito fragilizadas. Precisamos separar o legislativo e executivo do judiciário, nao dá pra ministro do STF ficar fazendo reunioes fechados com presidentes. Eu quero que investiguem todos, pt, psdb e etc, mas para isso precisamos de uma reforma politica, porém uma que diminua o estado, não o infle ainda mais. abraços

      • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 22:07

        Enagano seu Ricardo, leia meu comentário acima. Voce acha que quem estava nas ruas ontem entende de economia? mesmo? então pelo o que estavam protestando? eu até agora não entendi. Não vi um trabalhador reivindicando salários, empregos, taxas de impostos, melhores condições de trabalho. Vi mulheres semi nuas, políticos corruptos, pessoas com camisetas escritas frases indecentes, vi bonecos enforcados pendurados numa ponte, vi atentado com bombas caseiras no diretório do partido, vi pedindo para a presidente sair(ilegal), vi pedindo intervenção militar( anti democrático), vi frases em cartazes escrito português errado, vi pais ensinando o filho de 4 anos falar frases de baixo calão contra a presidente. Não vi ninguém pedir seriedade nos problemas que o Brasil enfrenta, como uma reforma tributária, política, resgate do judiciário, reforma agrária etc.. Será que o Brasil é para uns? e para outros não? cadê os negros, pobres, desdentados, sem terra, sem casa, sem escolas? não vi nenhum. Essa manifestação foi deita para privilegiados, e não para os excluidos também. Somos um só povo, com os mesmos direitos e deveres, somos iguais pernte a constituição. Portanto, se você acha que só você e aqueles que estavam ontem nas ruas são os que entendem de economia e política, então estamos a beira do caos, porque depois do que vi naquelas pessoas de ontem( nem todos) fiquei horrorizada.

    • Maria Postado em 16/Mar/2015 às 12:58

      Mas eu não vi ninguém deslegitimando nada, o autor apenas apresentou os fatos sem expor opinião.

    • camila Postado em 16/Mar/2015 às 12:58

      Engano seu... TODOS OS BRASILEIROS TÊM O DIREITO DE EXPRESSAR SUA OPINIÃO E PROTESTAR!!!! O ponto é que muitos q nao foram às ruas ontem, podem não concordar com os rumos deste governo, mas não são a favor de muitos dos objetivos desta manifestação de ontem....

    • Lázaro Postado em 16/Mar/2015 às 12:59

      Eu sou "educado", faço parte da elite branca, e encho a boca pra dizer: reaçada na rua não me representa! Aliás, ouvir um Leonardo da vida dizer que tem mais direito de protestar me embrulha o estômago.

      • Keila Postado em 16/Mar/2015 às 13:39

        Lázaro, sou sua fã.

      • Elizabete Postado em 16/Mar/2015 às 14:14

        Parabéns Lázaro por sua sensatez. Educação e respeito ainda continuam sendo portas abertas para o mundo, para a vida.

      • Elizabete Postado em 16/Mar/2015 às 14:17

        Parabéns Lázaro por sua sensatez. Educação e respeito ainda continuam sendo portas abertas para a vida e para o mundo!

      • Elias Montakis Postado em 16/Mar/2015 às 14:43

        Valeu Lazaro! E bom que tais figuras se manifestem e mostrem suas cores. O festival de ultrajes esta se tornando lugar comum em nosso pais. Quer diser, que so quem e classe media tem o direito de protestar? Nunca ouvi tamanho absurdo!

    • Diego Postado em 16/Mar/2015 às 13:33

      São tão mais educados, bem preparados e informados que fizeram faixas enormes com erros de português que ninguém com ensino fundamental poderia cometer. Pedir a volta da ditadura é o mesmo que abrir mão da democracia e da liberdade. Nunca vi a classe média, a não ser jovens e estudantes, sair para protestar. Nunca estiveram interessados em assusto de cunho político, pegaram o bonde andando e estão pedindo ditadura. Como já disseram "é uma grande histeria em forma de protesto". Ninguém lá sabia ao certo o que estavam fazendo. Poderiam começar pedindo uma reforma política e não uma ditadura. Se alguém tem o direito de protestar nesse país que o faça em português e no mínimo, com a acentuação e pontuação correta.

      • Lázaro Postado em 16/Mar/2015 às 15:09

        São tão educados que fizeram cartazes em inglês copiados do Google tradutor. Por exemplo: "military intervention already" (sic)

    • Marcos Eilert Postado em 16/Mar/2015 às 13:36

      O problem, Leonardo, é que essa parcela do povo "educado" que foi às ruas (não foram todos) representa uma paecela da sociedade que não pensa no povo como um todo e sim apenas em si mesmos. Educação não garante altruismo. Esse pessoal não quer nada além de políticas que beneficiem a si mesmos e que se *#@&$ os "vagabundos" que estão nas classes inferiores. Se esse povo usasse sua educação em prol do POVO brasileiro que em sua grande maioria é pobre, tudo bem. Mas não adianta ser educado e egoísta. E é justamente esse egoismo da elite direita branca que tira a legitimidade da manifestação. Não representam o povo, representam apenas seus próprios umbigos.

      • Alex Postado em 16/Mar/2015 às 22:02

        É isso mesmo, concordo plenamente, a classe média brasileira é totalmente egoísta e não contribui para o avanço da sociedade como um todo.

    • TANIA Postado em 16/Mar/2015 às 13:39

      mais educados.... pudera... uma horda de bárbaros, isso sim... e um festival de ignorância , burrice e ódio aos pobres.. era sim, uma maioria branca , mas não somente gente como advogados, médicos, professores... pudera... tinha ali muita gente tacanha , pequena empresária atacando o governo que lhe deu incentivos... E sinto muito, porque se fossem pessoas realmente conscientes e bem intencionadas estariam propondo reforma politica, fim do monopólio da mídia, mas qual, se foi a Globo que botou este povo na rua, não somente pelos chamados que fez já dois dias antes, mas pelos que fazia a cada meia hora desde o começo do dia quinze..

      • Fonseca Postado em 16/Mar/2015 às 14:31

        As reportagens da Globo são de uma cretinice sem limites. Mentirosos e golpistas! Está sendo muito simples ter opinião política: é só fazê-la por exclusão. A maioria dos grupos do "protesto" de ontem, ou não me representa socialmente ou não reivindicam o bem geral da população. Demonizar uma presidenta e um partido é o menor esforço de pensamento e isso que o povão reproduz.

    • Luiza Postado em 16/Mar/2015 às 13:47

      A impressão que a matéria me passou foi que a Pragmatismo repassou também este recorte de notícia como medida de isenção. Como quem diz: "Sim, achamos matérias internacionais criticando o movimento, mas nem todas fizeram isso - olha essa aqui".

    • Thiago Teixeira Postado em 16/Mar/2015 às 14:01

      Concordo, eles tem todo o direito de protestar, não é a toa que eram pessoas que estão passando fome, são atendidos pelo SUS, seus filhos estudam em escolas públicas e estão apreensivos com o desfeche do seguro desemprego.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 16/Mar/2015 às 14:20

      "Se alguém tem o direito de protestar no país, é justamente quem estava nas ruas ontem." LEIA-SE: O POVO POBRE, EXPLORADO E MARGINALIZADO TEM MENOS DIREITO DE SE MANIFESTAR E PROTESTAR DO QUE A ELITE.

    • Paulo V. Postado em 16/Mar/2015 às 14:37

      Não deslegitima, Leonardo, pelo que entendi é o contrário, qualifica; o que entendi dessa colocação, é que fica nítido, aos olhos internacionais, que essa manifestação não veio do seio do povo votante da Dilma nem do PT, aqueles mesmos que elegeram-na para mais quatro anos de governo há menos de 5 meses atrás; para mídia estrangeira, não faria sentido que grupos até ontem a apoiavam pedissem seu impeachment tão já.

    • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 21:36

      Nossa, porque tanta agressão, apenas não responde, nada contribui, além de ser falta de educação.

    • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 21:55

      Quando alguém do exterior se refere a classe mais educada, se refere a estudo, pessoas formadas, isso não quer dizer que seja educadas informalmente. Como vimos n protesto de ontem, não faltou palavrões, ofensas, erros ortográficos nas faixas, mulheres semi nuas, desinformação total das leis, principalmente quando se pede impeachment, quando se pede intervenção militar pedindo democracia. Não se viu nenhuma classe trabalhadora pedindo direitos trabalhistas, benefícios etc.., pediam fim a corrupção, mas não se combate a corrupção com passeatas nas ruas, e sim com reforma política, reforma tributária, fim de financiamento de campanha por empresas privadas, constituinte, plebiscito. Não vi nada disso, vi pessoas com muita raiva, fazendo gestos obcenos, escritas nas camisetas frases indecentes, pedindo para que a presidente saia e o partido tbm. Para não gostar da presidente e de seu partido, não precisa ir para as ruas. Esperem a próxima eleição e ganhem no voto direto, isso é democracia. Engano seu achar que a classe média financia o país. Só existe duas classes, o proletariado e a elite.A, B e C são categorias que se dão para especificar salários, todos são trabalhadores, e a elite precisa da força dessa classe. Todos pagamos impostos, pobres e menos pobres. Enquanto a classe média não entender esse conceito, ficará achando que carrega o país nas costas. O pobre trabalha e muito, todos trabalham. Quem constrói estradas, viadutos, carrega lixo, serve sua bebida, lava os pratos dos restaurantes, serve como domésticas, os faxineiros, zeladores de prédios, constrói prédios, os garis, quem trabalha nas máquinas? pra você esses pobres não carregam o país nas costas também? todos nós trabalhadores temos a mesma importancia para a elite, empresários grandes, grandes empresas, todos pagamos impostos, usamos bancos e fazemos eles ficarem ricos, seja por salários depositados ou não. Um país não se desenvolve sem radicar a pobreza absoluta, ela é fruto dos ricos, do desenvolvimento econômico, o estado tem que tirar essas pessoas da miséria. Quem estava nas ruas ontem foi a elite carregando os ditos classe média, manipulados por uma mídia sórdida e por uma elite escancaradamente cínica. Aqueles grandes carros que pareciam carnavalescos, as camisetas vendidas e porque da CBF? Voces trabalhadores tem que colocar a cabeça para pensar, refletir, e não entrar na deles, como sempre entraram desde a descoberta do Brasil. Não sejam inocentes, já tivemos 2 golpes da direita, eles querem ganhar pela força e não pelo voto.

  3. Diego Postado em 16/Mar/2015 às 12:26

    http://www.theguardian.com/world/2015/mar/15/brazil-protesters-rouseff-impeachment-petrobas

  4. Diego Postado em 16/Mar/2015 às 12:29

    http://www.nytimes.com/2015/03/16/world/anger-bubbles-up-against-brazilian-president.html?ref=world&_r=0

  5. Reginaldo Postado em 16/Mar/2015 às 12:30

    Não Leonardo, mais educados não significa mais conscientes, politicamente falando. É apenas educação formal. E os professores estiveram nas ruas dia 13 e não dia 15. Além do que o governo é do Partido dos Trabalhadores, que não fazem parte dessa educação formal. E mais, a divisão de classes é um câncer na humanidade que precisa ser extirpado, o bem estar social tem que ser para todos.

  6. André Diniz Postado em 16/Mar/2015 às 12:34

    Quem quiser conferir as matérias, USEM O GOOGLE e pesquisem sobre os links das matérias internacionais. Desde já, obrigado!

  7. Gustavo Postado em 16/Mar/2015 às 12:35

    Eu estava assistindo Esporte Espetacular e o Escobar dizia que as manifestações estavam pacíficas, famílias, crianças e idosos. Comecei então a fazer minha declaração de Imposto de Renda antes que acabassem com a corrupção. De repente, eu vejo o médico que me vende os recibos. Liguei pra ele. Tava muito barulho mas consegui ouvi-lo "Não posso falar agora, estamos acabando com a corrupção. Me liga amanhã".

    • Ingrid Postado em 16/Mar/2015 às 12:44

      "De repente, eu vejo o médico que me vende os recibos", está no país certo :)

      • Gustavo Postado em 16/Mar/2015 às 13:08

        Ingrid, isto foi antes de acabarem com a corrupção. Era umas 10 horas ainda!

      • Marilene Postado em 16/Mar/2015 às 14:12

        Ingrid posso compartillhar seu vomentario

      • Ingrid Postado em 16/Mar/2015 às 16:27

        kkkkk obrigada por me explicar Gustavo :) Marilene claro, acho que isso passa na cabeça de todo mundo que lê essa frase.

    • LUIZ COSTA Postado em 16/Mar/2015 às 12:48

      Meu caro Gustavo se isso for verdade, tenho medo do nosso futuro.

      • Gustavo Postado em 16/Mar/2015 às 13:43

        Não fique com medo! Já somos um novo país! O governo estima que após os protestos de ontem a arrecadação de impostos vai aumentar muito! Até o trânsito já está melhor! Eu nem liguei pro médico hoje. Ele também não me ligou.

    • Félix Postado em 16/Mar/2015 às 13:07

      Eu te vi também Naro! Você estava na barraquinha de delação premiada!

    • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 13:15

      putz...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...inacreditável!

    • Cidalana Postado em 16/Mar/2015 às 13:21

      Rs... por aí, por aí. Kkkkkkkkkkk

    • Félix Postado em 16/Mar/2015 às 13:28

      Fazendo selfie com Lobão!

    • Marines Postado em 16/Mar/2015 às 13:53

      Passei por uma situação parecida. Juro. Conheço pessoas que praticam atos curruptos, ilegais e antiéticos enchendo o peito para grita: vamos acabar com a corrupção desses petralhas... Não entendo...

      • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 18:41

        hipocrisia marins. algo absolutamente normal na vida da direita raivosa desse país! hipocrisia!! nada além disso!

    • Otávio Postado em 16/Mar/2015 às 13:54

      Assim que o número de manifestantes atingiu 1 milhão na Paulista minha internet parou de funcionar.O filme (Lula o filho do Brasil) que eu estava assistindo também "deu pau"! Só depois entendi. A internet era "gatonet" e o filme pirata.

      • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 22:19

        kkkk, eu liguei na record e vi que estava em 250 mil pessoas, fui por o prato no microondas(30 segundos), voltei e estava em 600 mil, almocei e fui levar o prato, voltei, e já estava em 1 milhão, pensei que estava vendo o jogo da Alemanha, desiste.

    • Guilherme Postado em 16/Mar/2015 às 14:27

      HAhhaHhAHaHAHhAahaHh Sensacional!

    • Ricardo Postado em 16/Mar/2015 às 14:35

      Cara! Isso daria um ótimo meme pra sacanear esses coxinhas!

      • Gustavo Postado em 16/Mar/2015 às 18:27

        Já deu: http://geradormemes.com/meme/q6m1gm

      • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 18:44

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!! rachei gustavo...kkkkkkkkkkkkkk

    • rosana Postado em 16/Mar/2015 às 14:55

      kkkkkkkk...hilário!!!

  8. Írres Ponsável Postado em 16/Mar/2015 às 12:38

    Bem, se não fosse a preguiça, ia ser fácil achar uma meia dúzia de noticias, aqui mesmo no pragmatismo politico, dizendo que forbes, o guardian, e afins, não são fontes confiáveis. Afinal, estão a serviço do PIG. Então , ó meu Santo Hugo Chaves, em quem acreditar?

    • INgrid Postado em 16/Mar/2015 às 12:43

      Írres Ponsável, eu pensei a mesma coisa, quando soube das matérias eu já sabia que o PP ia esquecer que segundo eles mesmos, não da para confiar nessas fontes.

    • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 13:21

      naro, foi vc mesmo em outra matéria aki do pp q contestou um membro qdo ele falou sobre o número de manifestantes..aí vc disse q n foi isso q a imprensa internacional noticiou. agora a imprensa internacional já n lhe convém!? taí a noticia dada pela imprensa internacional sobre as manifestações de ontem...agora vc irá rechaçá-la, diferente do q fez na matéria anterior? sei..é o pp q é o bipolar e contraditório aki, né? tá bom...

      • Thiago Teixeira Postado em 16/Mar/2015 às 16:15

        Delúbio Soares roubou dinheiro para comprar gases nos postos de saúde e depositou na conta da galera. Genuíno também colocou euros na cueca e foi para a Europa comprar a imprensa, certamente.

      • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 22:40

        A imprensa internacional noticia aquilo que a mídia daqui produz, e o que ela produz? mentiras. Mas existem jornalistas estrangeiros que pensam.

  9. Otto Cavalcanti Lacerda Postado em 16/Mar/2015 às 12:52

    Olha os links aqui, Jonas. http://www.forbes.com/sites/kenrapoza/2015/03/14/in-brazil-pres-dilma-prepares-for-weekend-long-hate-fest/ ------------------------------------------------------------------------------ http://www.theguardian.com/world/2015/mar/15/brazil-protesters-rouseff-impeachment-petrobas "(...) The Confederations Cup demonstrations two years ago had their origins in a campaign to secure free public transport and spread rapidly particularly among the young, via social networks after police violence inflamed public opinion. The latest wave of protests, however, is from an older, whiter, more affluent demographic, following widespread advance coverage by the mainstream media." TRADUÇÃO: "As manifestações da Copa das Confederações, há dois anos tiveram suas origens em uma campanha para garantir o transporte público gratuito e se espalhou rapidamente, particularmente entre os jovens, através de redes sociais, após a violência policial inflamar a opinião pública. A mais recente onda de protestos, no entanto, é a partir dos velhos, mais branco, mais ricos, seguindo a cobertura do avanço generalizado pela mídia mainstream. Olha o trecho da matéria do The Guardian, Jonas Ferreira.

  10. MARGARETH Postado em 16/Mar/2015 às 13:02

    É algo sem noção as pessoas irem as ruas pedir Intervenção militar! Esse povo mais educado não conhece a história? Fiquem com o regime militar pra vcs!

  11. Su Dias Postado em 16/Mar/2015 às 13:30

    E não apareceu ninguém aqui para acusar esses jornais de receberem dinheiro do PT, impressionante.

    • Bia Esteves Postado em 16/Mar/2015 às 14:15

      kkkkkkkkkkkkkkk Só essa q faltava... Os jornais internacionais não recebem dinheiro do PT, eles são dos países desenvolvidos, para onde todos os coxinhas querem ir... E eles têm uma melhor visão do movimento. Mas é só pra quem quer ouvir e enxergar.

  12. Ana Postado em 16/Mar/2015 às 13:31

    Gustavo e Félix, vocês foram ótimos! Adorei! Hahaha!

  13. Salomon Postado em 16/Mar/2015 às 13:45

    Médicos, advogados, etc foram à rua para combater a corrupção. Tá certo, todos são honestos até prova em contrário. Mas, não é que nossa sociedade está cada vez mais honesta? Que coisa, né? São pecadores jogando pedra em Maria Madalena?

  14. Thiago Teixeira Postado em 16/Mar/2015 às 13:50

    Que feio hein PiG? Teve que sair em noticiários estrangeiros e do 1° mundo a percepção honesta do público manifestante nas ruas? Não era o POVO? Não era a LIVRE MANIFESTAÇÃO SEM PATRÕES? Vão ser indiscretos assim na PQP, até uma criança de 5 anos soube interpretar o perfil dos manifestantes.

  15. Eduardo Ribeiro Postado em 16/Mar/2015 às 14:24

    Poxa...mas não eram somente os PTralhas safados que ainda insistiam e acreditavam nessa conversa fiada de "manifestação classista", "a direita na rua", "passeata-gourmet da elite branca"? Que estranho tanto veiculo internacional dizendo o mesmo que se cansa de dizer aqui, que é bem óbvio por sinal, e que somente reacinhas acoxinhados tem a cara de pau de discordar.

  16. Tchekowski Postado em 16/Mar/2015 às 14:29

    Não podemos negar que a direita, apoiada pela sua mídia, conseguiu realizar a sua manifestação. Isso já é uma evolução no jeito de se manifestar da direita. Pois bem, a direita deu o seu recado. Em 2018 teremos novas eleições presidenciais. Viva a Democracia!!!!

  17. Rosana Amorim Postado em 16/Mar/2015 às 14:31

    Estou com você Presidente Dilma Rousseff, NÃO desista NUNCA!!! Fodam-se esses emergentes que sempre fuderam o nosso País . Eles que andem de Ônibus e vão lavar sua calças PODRES! Fora escravidão para a humanidade!

  18. Thales Postado em 16/Mar/2015 às 14:45

    Acho que o site deveria dar os créditos de onde eles tiraram a matéria, pois a reportagem está quase idêntica a publicada no UOL mais cedo: http://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2015/03/16/imprensa-internacional-ve-protesto-mais-velho-mais-branco-e-mais-rico-de-que-os-de-2013.htm

  19. Samael Postado em 16/Mar/2015 às 14:55

    Acabo de pegar a lista de revindicação dos manifestantes: 1 - Fora Dilma. 2 - Maioridade penal aos 03 anos de idade. 3 - Fora Dilma. 4 - Privatização da Petrobras. 5 - Privatização dos bancos estatais. 6 - Privatização do ar. 7 - Privatização da privatização. 8 - Fora Dilma. 09 - Proibição do voto dos beneficiários do Bolsa Família. 10 - Proibição do voto dos não leitores da Veja. 11 - Fora Dilma. 12 - Castração química de toda classe C, D, E, LGBTS, PT, PC do B ETC. 12B - Fora Dilma. 14 - Revogação da Lei Áurea. 15 - Lei que obrigue os pobres a voltarem todos para a rodoviária. 16 - Criação do Dia Nacional do Playstation. 17 - Correção do nome Brasil, para Brazil, como se escreve na gringa. 18 - Fora Dilma. 19 - Intervenção militar. 20 - Intervenção dos EUA. 21 - Intervenção alienígena. 22 - Dilma Fora.

    • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 19:58

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...boa samael!!!!!!!!

  20. Rodrigo Postado em 16/Mar/2015 às 15:18

    (Outro Rodrigo) Postagens que fujam do lugar comum do argumento "ad hominem" e demais lições compiladas por Schopenhauer, por favor...

  21. Onda Vermelha Postado em 16/Mar/2015 às 15:56

    E a hashtag #MenosOdioMaisDemocracia continua entre as lideres do twitter em nível mundial por quase VINTE E QUATRO HORAS. A propósito já li algo a respeito de uma mega manifestação dia 1 de Abril em frente a todas as afiliadas da Rede Globo no Brasil. Não sei se é verdade, mas também acho que já está na hora da #GloboGolpista tomar uma "sacode". Sem violência! Sem agredir ou ofender seus repórteres, mas denunciando seu jornalismo parcial e antiético! E COBRANDO das autoridades e da Dilma o cumprimento de sua promessa de campanha: regulação econômica da mídia. E fim de papo!

    • Adyneusa Postado em 16/Mar/2015 às 22:37

      Perfeito, isso que devemos fazer daqui por diante, focar a mídia suja.

  22. Eduardo Postado em 16/Mar/2015 às 19:14

    pelo que vi as citações são de jornais da America do Sul e Europa, teve algum dos EUA??? Se teve pode contar que o jornalista vai ser punido....Obrigado velho mundo, pelo menos enxergar vocês estão enxergando... pois aqui dentro, enquanto o governo federal manter a publicidade nesta mídia parcial vamos assistir o que assistimos.... "prissão dos corruptos"..."Ataque a Paulo Freire" etc....

    • poliana Postado em 16/Mar/2015 às 19:59

      teve eduardo. o new york times e a forbes...

  23. Luiz Souza Postado em 16/Mar/2015 às 19:45

    O maior potencial fascista duma sociedade reside em sua classe média. Pobre tem tempo de menos e o rico dinheiro demais para pensar em intervenções.

  24. rafael Postado em 16/Mar/2015 às 21:54

    Elite, pobre, fascista,golpista,coxinha,petralha,etc etc etc..Tudo rotulagem. Rotulou desvirtuou. A palavra se sobrepoe ao sentido. Seja esquerda direita ou centro. Quem rotula tem limites e dialogos com muitos limites termina em intolerancia. Tudo, bem analisado, pode ter muito a descobrir. Ficar argumentando ate chegar no extase de poder mandar um "chupa petralha" ou "chupa boy" é um desperdicio de liberdade de expressao. Enquanto temos desperdicemos!

  25. Luis Postado em 16/Mar/2015 às 23:16

    "Manifestação dos ricos" Sim, e...? O dia que colocarem na cabeça que isso é uma democracia, onde todos são iguais perante a lei, e um protesto em Higienópolis ou Copacabana tem o mesmo valor que um protesto na Rocinha será o dia que o nível do nosso debate público terá subido consideravelmente.

  26. Silvia Postado em 17/Mar/2015 às 11:06

    A elite brancas estáinsatisfeitissíma com o governos do PT que beneficiou 36 milhões de brasileiros muito deles do norte e nordesdeste do Brasil, que hoje nã precisam vir mais para o sudeste trabalhar nos sub-empregos, pois hoje com a construção de cisternas e as obras no rio São Francisco já beneficia muitas familias as mesmas não precisam abandonar suas raizes para serem escravos. Isto gera muito ódio na eleite branca que se beneficiava destas pessoas tanto como pedreiros porteiros, babás, cozinheiras, enfim nso trabalhos menos reconhecidos e respeitados. Numa sociedade tanto o rico quanto o pobre precisam um do outro para a economia andar, mas em nosso pais e elite ainda não cosneguiu se livrar do ranço das senzalas e não trata com respeito os funcionários que precisama trabalhar . e hoje este funcionários exigem respeito mas a elite nã consegue entender que o Brasil mudou , principalmente neste doize últimos anos. Eu sinceramente fique preocupada porque a elite e as igrejas principalmete as cristãs e em maior número as evangélicas querm dividir o país, entre cristão e não cristãos, negors e brancos, heterossexuais e homossexuais. Isto é muito grave . nós não somos um povo com experiência de guerrilha,mas se as coisa continuarem como estão indo.Estamos caminhando para o pior.

  27. Miga Tado Postado em 17/Mar/2015 às 16:10

    Que mentira! Eles dizem que a roubalheira que o PT fez em conjunto com grandes empresas criou uma crise de legitimidade da elite brasileira. Ou seja, o PT conseguiu fazer com que pessoas que não trabalham honestamente fiquem ricas e quem trabalha não. è isso que o texto diz. Gente mentirosa!!! Vc ainda estão enganado os mais simples que não sabem inglês, mas o povo está acordando e vendo quem são vocês!!!

  28. Marlon Bravo Postado em 18/Mar/2015 às 10:44

    A alemã também destacou o caráter elitista do protesto ! Na França nem acharam digno mencionar ! AVE REDE GLOBO !