Redação Pragmatismo
Compartilhar
Direitos Humanos 18/Mar/2015 às 11:54
52
Comentários

PMs não reconhecem Suplicy e batem boca com ex-senador

Ao tentar impedir que dois moradores de rua fossem espancados pela PM, Eduardo Suplicy quase leva um “enquadro” dos militares. O ex-senador não foi reconhecido e houve princípio de confusão

O secretário municipal de Direitos Humanos de São Paulo, Eduardo Suplicy (PT), interveio em uma abordagem policial feita próxima a sede da secretaria, na região central de São Paulo.

O ex-senador se irritou com a forma com que policiais abordaram dois moradores de rua. “Sou o secretário de Direitos Humanos, vocês não vão fazer isso na minha frente”, declarou Suplicy. “Aqui é a porta do meu gabinete, sou secretário de Direitos Humanos e é minha responsabilidade não permitir agressão”, acrescentou. As imagens foram inicialmente divulgadas pela página do Portal ImprenÇa.

Vídeo:

Aparentemente, o ex-senador não foi reconhecido pelos policiais. Após o bate-boca, os moradores de rua foram levados pela Polícia Militar. O episódio ocorreu na tarde dessa terça-feira (17).

Nesta quarta (18), Suplicy explicou no Facebook por que interveio: “Precisei ser muito assertivo nesta terça-feira, ao ver um PM, depois de jogar gás de pimenta nos olhos de morador em situação de rua, bater em seu corpo com cassetete e lhe dar forte rasteira. O rapaz caiu e bateu com a cabeça na porta do edifício da Secretaria de Direitos Humanos. O fato de o rapaz estar exaltado, sob efeito de drogas, não justifica tamanha violência”.

SAIBA MAIS: As mentiras espalhadas na internet sobre o ‘auxílio-reclusão’

Congresso em Foco

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. José Ferreira Postado em 18/Mar/2015 às 11:59

    Um completo imbecil que estava atrapalhando o trabalho da polícia. O povo do estado de São Paulo lutou muito para tirar esse aí do Senado, mas o "Malddad" tratou de enfiar "guela abaixo" esse sujeito. Assim como outros perdedores como o Padilha.

    • eder santi Postado em 18/Mar/2015 às 12:17

      De idiotas fascistas como vc o mundo está cheio. em que a pm espancar moradores de rua melhora a sociedade? deviam espancar é fascistas anti cristãos como vc.

      • silva Postado em 18/Mar/2015 às 12:28

        Acho que ele é cristão Eder, só de araque, hipócrita e incoerente, aos domingos frequenta a igreja dobra os joelhos e está tudo certo. Vai cair no colo do capeta, se não reconhecer que o maior mandamento de Jesus é o amor e não o ódio.

      • José Ferreira Postado em 18/Mar/2015 às 13:06

        Eu sou agnóstico, e os policiais estavam fazendo o seu trabalho. Os moradores de rua costuma ser tenazes ao cumprimento de um comportamento ético com a sociedade.

      • Daniel Chaves Postado em 18/Mar/2015 às 13:47

        José Ferreira, você está mesmo falando sobre comportamento ético? Tu sabes, de fato, o que isso significa? Ou você está falando na tal "moral e bons costumes" da família brasileira? Você tenta justificar seu ponto de vista, mas acaba entrando mais a fundo num poço de contradição.

      • Lucas Oliveira Silva Postado em 18/Mar/2015 às 14:59

        Éder, você tem toda razão, pois de fachos idiotas como esse tal de José Ferreira tem um monte.

      • Marcos Vinícius Postado em 18/Mar/2015 às 15:06

        E se fosse você o morador de rua? Ou alguém da sua família? Tá com pena do policial leve ele pra sua casa.

      • José Ferreira Postado em 18/Mar/2015 às 15:07

        Tudo bem. Seria bom ter um policial em casa para prevenir crimes.

    • Pedro Postado em 18/Mar/2015 às 12:24

      Quanta ignorancia nas tuas palavras. Aposto que nao tem nocao do que sao os direitos humanos. É preciso coragem pra interferir nos abusos dos policiais. Aposto que voce passando na rua nao faria nada ao ver um sujeito sendo espancado e com pimenta nos olhos. Aqui nas redes sociais sao revolucionarios, mas nas ruas sao fazem absolutamente nada. Um grande aplauso pela coragem do Eduardo Suplicy. Precisamos de mais exemplos como esse. E só pra te lembrar. O salario que ele ganha nesse cargo ele reembolsa a prefeitura.

      • Olga Postado em 18/Mar/2015 às 13:30

        Pedro : Adorei teu comentário, consegui ler depois de tanta risada dos comentários de José Ferreira, principalmente a última frase, "comportamento ético com a sociedade" Aplaudo também ao Sr. Eduardo Suplicy, precisamos mais pessoas como ele, que se indignam com fatos como este, e atuam em consequência. Parabéns,graças a Deus, existem pessoas conscientes, centradas e humanas.

    • BRUNO SILVA Postado em 18/Mar/2015 às 12:30

      É sempre o mesmo retardado para fazer comentarios e ganhar alguma reconhecimento de idiotice.

      • José Ferreira Postado em 18/Mar/2015 às 13:11

        São sempre os mesmos que não sabem argumentar e partem para as ofensas.

    • Janine Postado em 18/Mar/2015 às 12:36

      eu hein, José Pereira! Você também é truculento? O trabalho da polícia é outro, rapaz. O trabalho da Polícia é proteger e não agredir um pobre coitado. Palmas para o Senador!

    • Daniel Chaves Postado em 18/Mar/2015 às 12:40

      Tem gente que reclama de tudo mesmo por pura ignorância e ódio/preconceito. José, tu achas mesmo correto sair batendo e humilhando pessoas em situação de risco social? Pelo visto, você deve ser a favor de "limpar" a sociedade a base de violência, nos moldes facista. Cara, peço que reflita seus conceitos, poia defender uma ação policial coerente é fundamental para a segurança pública e dignidade humana, inclusive para o bem dos próprios policiais. O pior é desmerecer a situação devido a crise política que vivemos.

      • bruno Postado em 19/Mar/2015 às 12:07

        Deixa de falar bosta.

      • Luiz Souza Postado em 19/Mar/2015 às 18:40

        Depois dizem que não sabemos o que é fascismo.

    • Lucas Postado em 18/Mar/2015 às 12:53

      pq você não se oferece para ser espancado impunemente, já que vangloria tanto a truculência da pm? você é um imbecil, e eu sou do tempo que imbecis tinham vergonha de ser assim. por obséquio, fique calado e deixe-nos ao menos a esperança de pensarmos que você não está apenas ocupando um espaço morto na sociedade. um espaço inútil de propagação de ideias imbecis, canalhas, preconceituosas e desonestas.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 18/Mar/2015 às 15:55

      Menino mijado reacinha da internet é assim. Caráter zero. Acha que pobre e preto atrapalha, que tem que remover esse lixo do caminho, levar pra algum canto obscuro e distante pra não incomodar o cotidiano das "pessoas de bem", seja na borrachada, na porrada, ou na bala. Não há nenhuma mínima possibilidade de diálogo nem de convivência com esses fascistas. É gente mal intencionada. Gente que você atravessa a rua pra não cruzar na mesma calçada.

    • marlene Postado em 18/Mar/2015 às 18:56

      Um perfeito idiota... seu infeliz, cresça um pouco como ser humano

    • Preto Velho Postado em 18/Mar/2015 às 23:00

      Se fosse o seu filho ali na porta da SDH, ô cria do Bolsonaro, você deixaria os policiais meterem a borracha? É por causa da falta de empatia das pessoas que o domingo encheu de babaca na Paulista.

      • José Ferreira Postado em 19/Mar/2015 às 13:58

        Eu iria bater no meu filho antes dos policiais. Se não desse tempo eu ajudaria os policiais.

    • Geise Postado em 19/Mar/2015 às 00:43

      Oi COMPLETO IMBECIL josé ferreira! Você poderia ficar calado ou se suicidar, por favor? Obrigada.

      • eu daqui Postado em 20/Mar/2015 às 09:23

        Mais imbecil e fracassada é quem precisa sugerir morte ou mordaça para a divergencia pq não merece ter competencia para debater, argumentar e quesionar.

    • Paulo Rozendo Ferreira Postado em 19/Mar/2015 às 14:09

      Mim responda uma coisa, onde é que está escrito, que polícias podem espancar alguém, já fui militar e nunca vi nem ouvi este tipo de ordem, temos que prender e entregar-lo em uma delegacia , a autoridade no caso um delegado é que dá destino ao transgressor, vamos deixar de fazer tanta besteira, policial não tem autoridade de bater em ninguém, primeiro que policial não é pai, segundo: tem que preservar o meliante, salvo em troca de tiros , mas em caso de reação corporal, uma guarnição é composta por três homens, e um militar ele tem que valer pelo menos por três (três homens não subjuga um delinquente não é? )

    • Luiz Souza Postado em 19/Mar/2015 às 18:39

      Vá esquentar chazinho para a viúva do Fleury.

      • eu daqui Postado em 20/Mar/2015 às 09:20

        E vc saia do armário e vá dar pros restos do Stalin..........

    • JS Mill Postado em 19/Mar/2015 às 21:31

      Ô José.É por causa desse tipo de comentário que os esquerdistas ficam criando esse estereótipo maldito do "coxinha fascista da elite branca". Essa vc não ajudou em nada na discussão, hein?! Serviu de munição para argumento socialista. O fato do morador de rua não se encaixar no que consideramos um "comportamento ético" é motivo para espanca-los deliberadamente? Se vc for um daqueles que acredita que ele está na rua pq quer e não merece ser tratado com dignidade está mais que na hora de rever seus conceitos...

    • Sérgio Postado em 29/Oct/2015 às 15:17

      Está recebendo o seu trocadinho em dia aqui?

  2. Giovana Postado em 18/Mar/2015 às 12:11

    E você José ? Ficou excitado com o fato de um pobre infeliz apanhar ? Qualquer dia vai ser você...quero ver pra quem vai reclamar, já que defende polícia que faz o que quer.

  3. Pereira Postado em 18/Mar/2015 às 12:19

    Estava me aventurando nos outros posts absurdos contra as manifestações apolíticas, apartidárias e democráticas do dia 15. Os caras ficam de mimimi até pelo charlatão do paulo freire !!!! A esquerda está cada vez mais hilária. "Sobrou até para o patrono da educação brasileira Paulo freire". A concorrência desse site com grupos humorísticos é desleal !!!

    • Olga Postado em 18/Mar/2015 às 13:37

      Estude Paulo Freire mesmo em outro país e ele é reconhecido sim, seus livros estão nas melhores bibliotecas do mundo, sou educadora e falo isso com total certeza.Só quem não conhece não reconhece a altura desse filósofo pedagogo brasileiro. Com isto quero disser que ele não é o patrono da educação brasileira tão somente se não uns dos pedagogos mais importantes de nossa época. Cultura alem da política é bom para crescer em consciência e conhecimentos.

    • Eduardo Ribeiro Postado em 18/Mar/2015 às 16:07

      "Charlatão"....pqp...que moral um analfabeto politico que chama a micareta de 15/3 de "manifestações apartidarias e democraticas" tem pra chamar Paulo Freire de "charlatão"? Olha o naipe desses reaças. Cada dia piora o nivel desses boçais.

      • Silva Postado em 18/Mar/2015 às 20:12

        Se tratando do pereira Eduardo, o melhor a fazer é ignorar, não passa de um asno em tempo integral, fundamentalista religioso e reaça.

  4. Rogerio Postado em 18/Mar/2015 às 12:56

    Você já leu sobre Paulo Freire? O que você tem a falar, Pereira? Engraçado que a ONU reconhece a importância, o cara é referência mundial na área de educação e alguns IDIOTAS, que nunca leram um livro além da Caminho Suave (e se leram), veem falar que o cara é charlatão! Coloque os pontos para que discutamos e que o levam a falar que ele é isso que você disse. Eu duvido (DUVIDO) que você tenha lido alguma coisa sobre ele. É a velha mania de valorizar o externo, sem olhar o que tem aqui. Como diria o João Ubaldo Ribeiro, "orgulhe-se do seu povo, não seja macaco".

  5. Luciano Postado em 18/Mar/2015 às 13:24

    Pessoal fica lendo Paulo Coelho e Olavo de Carvalho quer discutir Paulo Freire.

  6. Salomon Postado em 18/Mar/2015 às 13:39

    Destaco o comentário do Senhor José Ferreira: "Eu sou agnóstico, e os policiais estavam fazendo o seu trabalho. Os moradores de rua costuma ser tenazes ao cumprimento de um comportamento ético com a sociedade". O que dizer?

    • Eduardo Ribeiro Postado em 18/Mar/2015 às 15:57

      Dizer nada. Caso perdido. Mau caratismo em estado irreversível.

    • Preto Velho Postado em 18/Mar/2015 às 23:02

      Digo que esse cidadão é tenaz com a própria estultícia.

  7. Silva Postado em 18/Mar/2015 às 13:54

    Não dá para entender mesmo Salomon, ele me respondeu porque perguntei se era cristão, mas o que esperar de uma pessoa que acha que o trabalho da policia é agredir morador de rua; por serem tenazes. Agnóstico e desumano, simples assim.

    • José Ferreira Postado em 18/Mar/2015 às 14:22

      Se os moradores de rua tivessem escutado as orientações dos policiais, não iria existir a necessidade de se conter os mendigos.

      • JS Mill Postado em 19/Mar/2015 às 21:47

        O fato de vc achar que o morador de rua tem a mesma noção que do conceito de sociedade civil e plena consciência de seus direitos e deveres a ponto de ou escutar as orientações policiais ou tentar argumentar educadamente com eles só mostra o quanto vc precisa abrir sua cabeça. Já leu O Mundo de Sofia? Tem um trecho muito interessante que compara filósofos com "pulgas que sobem no topo do pêlo do coelho para conseguir enxergar a cartola do mágico" (se não leu, procure sobre, é muito grande para explicar). Tente se por no lugar do mendigo, de verdade (não um mendigo que pense como vc) e vc verá o quão absurdo é o que vc propôs...

  8. Samael Postado em 18/Mar/2015 às 14:05

    Sempre é bom um pouco de filosofia "O incrível mundo de Gumball" Temporada 2 Episódio 17 "Eu tenho princípios, só não consigo segui-los"

  9. nelsoncarvalho Postado em 18/Mar/2015 às 14:08

    Quem deveria estar sob efeito de drogas era o PM, que não reconhece o lugar que ocupa na sociedade. É um funcionário público pago com o meu dinheiro.

  10. poliana Postado em 18/Mar/2015 às 14:27

    Vc só pode estar sendo irônico, de forma proposital, n eh naro!?!? Taí mais um exemplo de estupidez e fracasso dessa corporaçãozinha falida e incompetente q vc tanto venera!!!!!! Vai falar o q diante dessa atrocidade? E vc ainda acha q o suplicy foi o errado da historia? Cara, tenho certeza q vc foi ironico só pra provocar!

  11. Thiago Teixeira Postado em 18/Mar/2015 às 14:45

    Enquanto isso o tráfico de drogas domina o país com a mudança de foco nessa richinha colegial entre direita e esquerda.

    • Rodrigo Postado em 18/Mar/2015 às 18:00

      (Outro Rodrigo) Pois é, Thiago, com toda a certeza (não estou sendo irônico).

    • Rodrigo Postado em 18/Mar/2015 às 18:09

      (Outro Rodrigo) Independente da situação que levou o rapaz a usar drogas, aparentemente ele o faria com frequência. E estaria nas ruas com frequência. E, não posso dizer quanto a ele, mas há usuários que praticam crimes para sustentar o vício. Prender e soltar não resolve (nem mesmo a nova situação da "admoestação", em que o juiz tem de parar o trabalho para dar bronca e dizer que usar droga é feio e coisa de menino buchudo); pela narrativa de amigos, o tratamento só tem efeito a partir da conscientização individual no sentido da necessidade de mudança. Qual é, pois, o cerne da questão? É o tráfico? É a legalização/tolerância nos moldes suíços, holandeses, uruguaios ou de algum outro? É a falha na prestação de serviços públicos (a exemplo da educação) por Municípios, Estados e Governo Federal? É a falha de pais que, independente da condição social, renunciam ao dever de cuidado para com seus filhos (deixam a cargo da rua, da tv, da babá, da escola ou de qualquer outro?). Como Thiago disse, enquanto ficamos num "lenga-lenga" sem fim, pessoas seguem se viciando, cometendo crimes, sendo presas, agredidas, assaltadas e mortas. Já passou da hora de revermos as responsabilidades, inclusive as de nós mesmos, enquanto pais (eu ainda não o sou), educadores, gestores públicos e cidadãos eleitores, buscando ao menos um início de solução; um amigo, Policial Civil, me diz que hoje, quanto ao tráfico, a segurança pública trabalha "enxugando gelo", a "bola de neve" estando maior a cada dia.

    • eu daqui Postado em 19/Mar/2015 às 12:24

      Bem lembrado, mino.

  12. Edson Postado em 18/Mar/2015 às 18:22

    Com certeza muitos apoiam este tipo de trabalho policial e repudiam aqueles que labutam em prol dos excluídos. Com certeza os "incluídos" desconhecem a fome, o frio, o abandono...a indiferença. Mas a sabedoria do universo sabe colocar as pessoas certas na hora certa e no lugar certo.

  13. João Pedro Postado em 18/Mar/2015 às 21:10

    Mais uma história sem explicação. Nem dizem como começou a briga com os PMs. Um cara drogado pode muito bem tentar matar uma pessoa, ou mesmo uma pessoa pode fazer isso pra escapar de ter cometido um crime grave. Mas isso a esquerda não reporta. Dane-se o crime cometido por pobres, a polícia maligna que traz mal ao mundo MUWAHAHAHAHAHA

  14. Luiz Souza Postado em 19/Mar/2015 às 18:53

    Reacionário é quem reage à característica inata do ser humano de procurar o saber. Optam pela ignorância, por difamar quem não conhecem e falar acerca do que ignora. Bem, vou ler Pedagogia Do Oprimido agora mesmo, em homenagem à escumalha. Melhor que ler o Ustra.

  15. JS Mill Postado em 19/Mar/2015 às 22:10

    Cara, sou contra a esquerda até a morte. Mas nisso eles estão certos. Pelo que eu li os policiais estavam abordando os moradores de rua pq eles estavam brigando (briga física, não discutindo) o homem do vídeo tinha dado um soco na outra moradora de rua que estava com ele o que justificaria uma abordagem mais dura dos policiais. Mas só o spray de pimenta já bastava para conter qualquer briga de rua. Não precisava de cacetada e rasteira, por isso o Suplicy, aparentemente, agiu bem ao repreender os policiais... Mas se o vídeo fosse outro, e mostrasse ele socando a mulher e os policiais agindo corretamente, ou seja, apenas o prendendo sem abusos desnecessários, a discussão por aqui com ctz seria outra. Já até vejo os comentários que apareceriam: "Esse cara tem q morrer, estar drogado é desculpa para bater em mulher? Queria ver ele brigando com seus companheiros de cela p ver se é homem mesmo. Pq foram tão educados com ele, a PM só bate em manifestante? Os policiais foram moles, tinha que ter dado cacetada nesse porco chauvinista."