Redação Pragmatismo
Compartilhar
América Latina 10/Mar/2015 às 17:45
15
Comentários

Fidel parabeniza Maduro por discurso contra os EUA

Em carta, Fidel parabeniza Maduro por discurso 'brilhante e valente' contra sanções dos EUA. Líder da Revolução Cubana escreveu breve carta a presidente venezuelano após governo norte-americano dizer que Venezuela é 'ameaça à segurança nacional'

maduro fidel venezuela eua cuba
Nicolás Maduro e Fidel Castro (divulgação)

O líder cubano Fidel Castro parabenizou o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, por seu discurso após o chefe de Estado norte-americano, Barack Obama, anunciar na segunda-feira (10/03) que a Venezuela é uma “ameaça à segurança nacional” e impor mais sanções.

Datada de ontem, a breve carta foi publicada na íntegra nesta terça-feira (10/03) no Granma, jornal oficial do PCC (Partido Comunista de Cuba):

“Querido Nicolás Maduro, te parabenizo por seu brilhante e valente discurso frente aos brutais planos do governo dos Estados Unidos”, afirmou Fidel. “Suas palavras passarão para a história como prova de que a humanidade pode e deve conhecer a verdade”, acrescentou.

Nesta manhã, a ilha classificou a ordem de sanção norte-americana de “arbitrária e agressiva”, oferecendo “apoio incondicional” ao governo venezuelano. Segundo declaração oficial divulgada no Granma, o governo cubano “reitera novamente seu incondicional apoio e o de nosso povo à revolução bolivariana, ao governo legítimo do presidente Nicolás Maduro e ao heroico povo irmão da Venezuela”.

Ontem, Maduro anunciou que entrará com pedido à Assembleia Nacional para governar com decreto. De acordo com o líder venezuelano, a medida servirá para “defender a integridade, a paz, a soberania e a tranquilidade” do território. Em pronunciamento em rede nacional, ele classificou a decisão como uma “lei anti-imperialista” para que Caracas se prepare para “todos os cenários” e “triunfe com a paz”.

Opera Mundi

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Mauro Postado em 10/Mar/2015 às 17:54

    Meu Deus, mais uma ditadura caolha e pé rapada na américa latina. Todos estão vendo para onde a tal revolução bolivariana está levando o povo da venezuela. Ao ditador a grana no bolso e ao povo o calabouço.

    • sebastiao leme Postado em 11/Mar/2015 às 16:46

      Voce por acaso defende o barato o lama

    • Elias Montakis Postado em 13/Mar/2015 às 23:57

      CAOLHO E VOCE SEU MIDIOTA .VAZA COXINHA, ESTA COLUNA NAO DIZ RESPEITO A MIDIOTAS ``GLOBALIZADOS``. V!AI LER A VEJA

  2. Guilhermo Postado em 10/Mar/2015 às 18:50

    Será que ele também parabenizou pela falta de produtos básicos no supermercado?

  3. Salomon Postado em 10/Mar/2015 às 20:36

    Vejam que os estados unidos não têm nenhum constrangimento em invadir um país por causa do petróleo. Afinal, a desculpa era que iam instalar uma democracia e defender o povo sofrido do cruel ditador. Instalaram a democracia no Iraque? O país está melhor? O povo de lé agora tem "produtos básicos no supermercado"? E o México que se aliou aos estaites, está melhor? Coxinhas do meu Brasil baronil, vão bater panela pro JN. Em terra de cego, quem tem um olho é caolho.

  4. André Postado em 11/Mar/2015 às 04:27

    Um socialista usando "adidas". Coerente, não?

  5. Hélio Postado em 11/Mar/2015 às 08:01

    Um cara que fala em defender a paz, pouco tempo depois de falar em Invadir o brasil em caso de queda da Dilma! exatamente. Enquanto emissoras gastam tempo falando de "reality show" ou programinhas religiosos de "milagres" e dízimos, nosso país está a beira do colapso, e ninguém consegue ver por causa da maquiagem barata que a mídia usa, e o povo adora. Ninguém sabe disso? mas garanto que sabem do jogo da semana passada, da novela, do BBB, ou do hino de louvor de sei lá quem. esse país está sendo entregue de bandeja a mercê de ditadores e capitalistas extremos, cujos interesses obviamente não é o bem estar da população. Será que alguém se arrisca a ir para as ruas por isso, ou só por paradas de "orgulho hétero", ou "orgulho gay". Digo uma coisa: escravos e gado não tem direito ao orgulho. Libertem-se

  6. João Paulo Postado em 11/Mar/2015 às 09:09

    Impeachment para derrubar a Dilma? Só se for para por Fidel Castro no lugar!

    • Guilhermo Postado em 11/Mar/2015 às 09:58

      Não. Melhor deixar a Dilma então.

    • eu daqui Postado em 13/Mar/2015 às 10:47

      Nenhum dos dois. VOTE VLAD QUE ELE VOLTA E VARRE !!!!!!!!!

  7. Junipero Postado em 11/Mar/2015 às 14:59

    Ditadores importados só parasitariam o país ainda mais...

  8. Thiago Postado em 12/Mar/2015 às 02:43

    Os EUA têm uma longa lista de erros e até mesmo atrocidades em sua história política. Mas existe uma diferença: lá, depois de dois mandatos o presidente sai (seja ele popular ou não). Na Venezuela e em Cuba, governa eternamente o mesmo grupo político, pois se acham indispensáveis ao país. Acreditam piamente que têm um direito divino dos reis de governar pra sempre. E nessa arrogância, condenaram seus povos à pobreza, à escassez, à alienação política. Tenho nojo de quem tenta romantizar ditaduras sob o estigma de "revolução".

    • eu daqui Postado em 13/Mar/2015 às 10:45

      Romantizar ditaduras é punk ! Nem eu consigo e olha que sou daquelas bem dark, hein?

  9. eu daqui Postado em 13/Mar/2015 às 10:44

    Ainda prefiro Guevara a Fudel. E Vlad a Caiduro.

    • Elias Montakis Postado em 14/Mar/2015 às 00:00

      eu daqui,thiago,junipero,guilhermo,joao paulo,mauro,minduim! Why dont you drop dead? Bunch of cocksuckers!