Redação Pragmatismo
Compartilhar
Corrupção 05/Mar/2015 às 15:33
4
Comentários

Aécio contrata o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay

Aécio Neves contrata Kakay para acompanhar os desdobramentos da segunda fase da Operação Lava Jato. O advogado é considerado um dos maiores criminalistas do país e foi responsável pela absolvição do publicitário Duda Mendonça no julgamento do mensalão

aécio neves kakay lava jato
Assim que soube que foi citado, Aécio Neves contratou Kakay para acompanhar desenrolar da Operação Lava Jato (Pragmatismo Político)

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) contratou o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, mais conhecido como Kakay, para acompanhar o desenrolar das investigações da nova fase da operação Lava Jato. Aécio teve o seu nome citado pelo doleiro Alberto Youssef em seu depoimento de delação premiada e chamou Kakay, tido como um dos maiores criminalistas do país, para descobrir quais haviam sido as citações feitas pelo doleiro.

SAIBA MAIS: Aécio Neves recebia recursos desviados de Furnas, denunciou doleiro Youssef

Kakay disse, nesta quinta-feira, que o Ministério Público “insistiu” em perguntas sobre Aécio Neves (PSDB-MG) com Alberto Youssef.

“Soube como tinha sido o depoimento e que, na verdade, tinham insistido, o MP, em perguntas sobre Aécio em momentos distintos: o primeiro pouco antes das eleições e o segundo agora em fevereiro”, afirmou Kakay.

As denúncias diziam respeito a um esquema de propinas existente na estatal elétrica de Furnas e que seriam repassadas ao PP. Apesar de não citar nomes, Youssef teria dito que o dinheiro era repassado a Aécio por intermédio “da sua irmã”. O tucano possui duas irmãs, Angela e Andréa, sendo que esta última trabalhou no governo de Minas Gerais e também na campanha presidencial de Aécio em 2014.

Arquivamento

Nesta terça-feira (3), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de inquéritos contra 54 pessoas incluindo parlamentares e autoridades, investigados pela Operação lava Jato da Polícia Federal que apura denúncias de corrupção na Petrobras. Janot também pediu o arquivamento de sete inquéritos, dentre eles o de Aécio Neves

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. roberto branco Postado em 05/Mar/2015 às 15:47

    a gente não sabe se chora ou ri.Deixa um cara desse, depois de ter quebrado Minas Gerais, aprontado todas, ficar fora do inquérito. o que vamos fazer : pedir impedimento do procurador???

  2. MARIA Postado em 05/Mar/2015 às 20:13

    # IMPEACHMENT DO AÉCIM JÁ!

  3. Gustavo Postado em 06/Mar/2015 às 08:55

    Aécio sofreu um claro impeachment nas urnas! Agora precisa ir para a cadeia e devolver o que roubou. Quero ver se vai ter a cara de pau de aparecer aos protestos do dia 15/03. O povo "esclarecido", avesso à corrupção deverá linchá-lo.

  4. Rodrigo Postado em 06/Mar/2015 às 10:03

    (Outro Rodrigo) Se ele for culpado, a Dilma, o Deputado, o Senador etc., que cada um responda e que não sobre "pedra sobre pedra" (em que pese, após os movimentos iniciais, eu achar que Dilma se referia à novela da globo, mas não à novela da política). Só não entendi o que tem a ver quem é ou deixa de ser o Advogado dele.