Redação Pragmatismo
Compartilhar
Revista Veja 23/Mar/2015 às 19:06
84
Comentários

"A vida é muito curta para ler a Veja", diz Jean Wyllys

"A vida é muito curta para ler a Veja (...)", diz Jean Wyllys após se deparar com a reportagem de capa da revista desta semana, que tenta transformar o líder evangélico e presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em grande estadista

eduardo cunha revista veja jean wyllys

A simpatia da revista Veja pelo atual presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), chamou a atenção do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ). Na reportagem de capa desta semana, Veja apresenta o líder do PMDB como o ‘político mais poderoso do Brasil’. De acordo com Wyllys, a publicação está decidida a tentar transformar Cunha em um ‘grande estadista’, ignorando que ele é réu em processo que será julgado pelo STF por envolvimento na Lava-Jato.

No passado, lembrou Wyllys, a mesma Veja colocou o ex-senador Demóstenes Torres (DEM-GO) em um pedestal, elegendo-o ‘paladino da moralidade e da ética’. Pouco tempo depois, ficou provado que Demóstenes era um corrupto confesso e graúdo. O parlamentar, que teve participação em esquemas fraudulentos junto com o bicheiro Carlinhos Cachoeira, foi condenado e perdeu seu mandato.

Leia abaixo a íntegra da mensagem de Jean Wyllys:

A vida é muito curta para ler Veja e o fruto de meu trabalho é precioso demais pra gastá-lo com essa revista. Mas, na livraria onde estive há pouco, vi a capa de sua nova edição e a fotografei. Vejam que a revista – que transformou em herói nacional o senador corrupto Demóstenes Torres (DEM-GO), peça-chave do esquema de corrupção de Carlos Cachoeira, do qual também fazia parte um repórter da Veja – decidiu, nessa edição, transformar Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em grande estadista (percebam que não há, na capa da revista, qualquer menção ao fato de o presidente da Câmara estar indiciado na operação Lava Jato, que investigou pesado e antigo esquema de corrupção na Petrobras, e denunciado pelo Ministério Público Federal ao STF). O que dizer desse “jornalismo”? Deixem seus comentários…

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Renato Z Postado em 23/Mar/2015 às 19:22

    Do Caçador de Marajás ao Poder de Aécio, não me surpreende nada a veja sendo a veja.

    • André Victor Postado em 24/Mar/2015 às 10:28

      Ainda houve antes: "Geisel, um comando firme".

  2. Deisi Postado em 23/Mar/2015 às 19:28

    Concordo plenamente com Jean, revistinha mentirosa, golpista e oportunista!

  3. Brasileira Informada Postado em 23/Mar/2015 às 21:27

    Esse Jean Wyllys não tem meu respeito para falar da Veja ou do Eduardo Cunha,apesar de que a revista Veja para mim é nada mais nada menos do que uma sensacionalista interesseira. Mesmo que o deputado Jean defenda os direitos Lgbt no Congresso,ele é muito agressivo em suas opniões e quer colocar os gays numa posição muito vitimada,não respeita as opniões evangélicas nem as contrárias as dele,acha que tudo é homofobia não sabe aceitar opniões que não tolerem essa "babação de ovo" com as minorias,principalmente Lgbt.Me poupe,nunca gostei desse deputado.

    • Vinicius Postado em 24/Mar/2015 às 22:31

      A questão é que deturpam todas as declarações dele. Ele não é contra cristãos,Biblia nem a favor de pedofilia e etc.Ninguém coloca gays numa posição vitimizada, só querem que seus direitos sejam assegurados. Opiniões evangélicas? nunca vi uma, o que eu vejo é intolerância, preconceito e falta de respeito. É bom saber diferenciar opinião de discurso de ódio. desculpe mas acho que seu nome deveria se "Brasileira desinformada". *Outro Vinicius

      • Isabel Postado em 20/Oct/2015 às 00:37

        Isso aí, Vinicius!!!!!!

      • Cezário Postado em 29/Mar/2016 às 05:47

        Brasileira Desinformada, aprenda!

      • Zeca Rodrigues Postado em 08/Apr/2016 às 12:11

        Apoiado, Vinicius. Não sou contra os evangélicos, mas tem uma parte que é bastante retrógrada e preconceituosa, com um discurso bem fascistinha mesmo.

    • Lena Postado em 25/Mar/2015 às 02:15

      Algum evangelico foi morto por demonstrar sua opção religiosa? Ou foi impedido de formar uma família por isso? Imagina se tivessemos uma bancada de alguma outra religião querendo defender que seus princípios religiosos se aplicassem as leis. O mundo tem outras teocracias para vc pensar a respeito. Defender o estado laico é garantir a igualdade de direito e o respeito a todos.

    • Dyego Alves Postado em 28/Mar/2016 às 23:01

      Vinicius já foi genial em sua falta. Nunca vi ele desrespeitar a "opiniões evangélicas" que só disseminam intolerância sem argumentos plausíveis. A princípio de história, quando o assunto é política, evangélicos deveriam enfiar o evangelho entre as pernas, pois lugar de se pregar evangelho é na igreja e não no congresso. Evangélicos tem seu direito de culto assegurado, igrejas gozam de vários benefícios e se tornaram verdadeiras empresas, tanto é que estão lamentando a "crise" devido perdas significativas no faturamento. Ou seja, o que mais os evangélicos querem? a comunidade LGBT não quer nada A MAIS do que direitos iguais, e essa é uma das principais pautas do deputado, aonde está a vitimização nisso?

  4. Onda Vermelha Postado em 23/Mar/2015 às 22:23

    O que dizer desse “jornalismo”? Respondo: É um LIXO! A Veja é LIXO fascista! E o que vai nos blog dela pior ainda...

  5. Salomon Postado em 23/Mar/2015 às 22:32

    Cuidado, se você olha para a Veja a Veja olha para você.

  6. Thiago Teixeira Postado em 23/Mar/2015 às 22:34

    Minha vida é muito preciosa para comentar sobre a inVeja.

  7. Vinicius Postado em 24/Mar/2015 às 00:38

    Veja é o exemplo mais óbvio de "jornalixo". O logo dela já e de dar náuseas, imagine com a foto desse "senhor"... Apoiado Jean!! A vida também é curta para ver Globo, Record , Band, SBT e ler jornalecos golpistas . *Outro Vinícius

  8. Márcio Postado em 24/Mar/2015 às 07:08

    Acho que você deveria se informar melhor sobre o Jean...

    • André Postado em 24/Mar/2015 às 08:37

      Márcio, eh só tu procurar que tu encontrará rssa declaração do BBB.

    • Felipe Postado em 24/Mar/2015 às 09:32

      Esta declaração de Jean Wyllys já foi devidamente "desmistificada". Informe-se melhor.

    • Brito Postado em 24/Mar/2015 às 11:43

      Afe, agora querer ganhar mais é ser corrupto? hahahahahaha

    • Felipe Postado em 24/Mar/2015 às 12:20

      André, ele era professor na época, provavelmente ganhava mal mesmo. Descontextualizando o que ele fala fica fácil de criticá-lo.

    • Antônio Ferrara Postado em 24/Mar/2015 às 12:42

      Realmente Márcio, o tal de Naro manda procurar se informar e quem não se informa é ele. O texto do Jean está aqui e ele em momento algum diz que ganha pouco. http://www.cartacapital.com.br/politica/voce-quer-saber-quanto-recebe-um-deputado-8802.html

    • Eduardo Ribeiro Postado em 24/Mar/2015 às 15:41

      "Anagrama do Bolsonaro" distorcendo grandiosamente as palavras do Jean e passando vergonha. Feio demais..

    • André Postado em 24/Mar/2015 às 20:03

      Brito, em que momento eu escrevi q ele eh corrupto?

  9. dafner Postado em 24/Mar/2015 às 08:26

    Estava eu comprando uma revista que falava de uma banda que curto e me deparo com essa capa, eu olhei e não acreditei... Esse semanário realmente me surpreende com sua parcialidade e desinformação! E tem quem ainda vê credibilidade nessa imprensa meretriz!!!

  10. robson Postado em 24/Mar/2015 às 09:34

    Aprendeu hoje a escrever "mazelas", amigo?

  11. Andre Anlub Postado em 24/Mar/2015 às 09:35

    Achar que ganha pouco é direito dele; arrisco dizer que uns 90% dos brasileiros também acham. Eu acho que ganho o suficiente, mas não conte isso a ninguém, podem me chamar de comodista! Agora, dar passagens de graça a esposas de político é outra história!

  12. Gabriela Postado em 24/Mar/2015 às 09:37

    Essa declaração está sendo usada fora de um contexto, deve-se assistir toda a reportagem para entender, não apenas o trecho editado que está circulando.

  13. IgorZ Postado em 24/Mar/2015 às 09:52

    E fazendo uma análise rápida de toda a capa desse gibi, além da matéria principal ela trás a chamada de outras 3 na parte de cima 1- falando sobre os protestos do dia 15, aquele que tinha pedidos e intervenção militar e tudo mais, e fala que ele ajuda a despertar a consciência do jovem, trazendo um suposto líder de um dos movimentos, ou seria um outro fantoche, igual ao que eles tentaram fazer a gente engolir nos protestos de 2013? Bom, não sei, não conheço o sujeito. 2- Notícia tentando desestimular o programa mais médicos...até ai nada de novo para a Veja, nem vou gastar meu tempo comentando. 3- Falando sobre economia de Água, fazendo a propaganda que a culpa é do povo que toma banho demorado demais, e não uma imperícia do governo estadual.... É...Veja, de cabo a rabo um lixo de revista. Eles deveriam mudar o slogan deles para "Não Veja. As vezes é melhor ficar indiferente"

  14. Ricardo Postado em 24/Mar/2015 às 09:58

    Veja fazendo Vejice...

  15. Daniel Postado em 24/Mar/2015 às 10:01

    sejam bem vindos ao mundo democrático. onde podemos dizer o que pensamos. e sermos cobrados por isso. por um país mais justo onde todos possam usufruir do sustendo trabalhado. E que maus cidadãos sejam punidos por atos.

  16. saldanha Postado em 24/Mar/2015 às 10:01

    a veja nao tem tanto poder assim , quase todo mundo ai desse antro de corrupçao esta envolvido com falcatruas e a casa da mae joana esse congresso eles ladroes governam pra eles e a familia e a gente que se foda

    • antonio lourival alves de Postado em 27/Mar/2016 às 14:42

      Eu pré- vejo na minha pobre e santa ignorância que a revista VEJA está morrendo aos poucos a cada edição.A procura por ela já diminuiu bastante e os assinantes já estão se indo.Aqui em minha cidade era grande o numero e hoje poucos mas,poucos hoje assinam a revista.Já não se vê mais a VEJA como se via.Será por quê?

  17. John Postado em 24/Mar/2015 às 10:03

    Cara, leia direito. Ele não disse que acha que ganha pouco, disse que não acha que seja muito, dado que é um valor muito parecido com o que ele ganhava como professor Universitário. Se não entende a diferença entre as duas coisas, precisa estudar um pouco.

    • caio Postado em 24/Mar/2015 às 10:38

      nao adianta discutir com quem nao ta disposto a entender cara. nao alimente os trolls!

  18. Lucas Postado em 24/Mar/2015 às 10:06

    O político mais poderoso do Brasil? KKKKKK Só pode ser piada. Não seria o corrupto mais inescrupuloso do Brasil? KKKKKK

  19. Sanches Postado em 24/Mar/2015 às 10:07

    É conhecendo as armas do teu inimigo é que chegarás a vitória.... A Vesga, todo mundo sabe que não é flor que se cheire, Ups Aécio, e faz campanha descarada contra o governo. Entretanto nem tudo é desinformação, o governo vai de mal a pior mesmo, e só não enxerga quem não quer. Nossa economia em 4 anos retrocedeu 8. Nossos estados e municípios estão as penúrias. Aqui no RJ, o governador pegou empréstimo de mais de 6 bilhões apenas para pagar pensionistas e aposentados, o estado esta quebrado. O prefeito entrou na justiça para que o governo federal cumpra lei aprovada ano passado que muda o calculo da divida dos municípios. Haddad ameaça ir pelo mesmo caminho. A Dilmas não tem mais apoio político incondicional, e terá que barganhar com esse safado do Cunha. E a militância, vive de passado como se o mundo tivesse parado em 2002, tentando justificar a roubalheira do PT com os erros do PSDB. Vamos abrir os olhos, todo dia aparece esquema e vc´s ainda acreditam que o PT é integro.. O ultimo agora foi dos Correios onde PT e PMDB estão mais uma vez juntos de mão atadas em mais uma falcatrua.

    • Lena Postado em 25/Mar/2015 às 02:31

      Todo dia "aparece" esquema...hmmmm E antes não era assim, né? Os esquemas não apareciam, a gente cansava de ver a corrupção do dia a dia mas as enormes a gente só ficava sabendo se tivesse alguma informação de bastidor porque era acobertada. Vc prefere que voltembos acobertadores ou que parem com essa bandalheira?

  20. Theo Cavalcante Postado em 24/Mar/2015 às 10:12

    Veja: simplesmente não vejo.

  21. Rafael Akahoshi Postado em 24/Mar/2015 às 10:35

    A entrevista com Jean Wyllys foi enviesada por diversos canais, assim como é costumeiro na Veja, que traz mais esta hilária peça deste pitoresco album que a classifica pelo mundo afora como "Brazilian gossip magazine". O que o deputado fez foi tentar justificar o alto salário por ele recebido, de quase R$30.000,00 mensais. Não obstante, não foi iniciativa dele, mas sim por ocasião de uma entrevista na qual ele foi questionado. A diferença é enorme entre um candidato que expõe uma ideia adversa como defesa pessoal improvisada e outro que propõe como lei redigida.

  22. Rose Postado em 24/Mar/2015 às 10:53

    Veja + Exame = Vexame E tem gente que dá credibilidade. Ah tem gente que assiste a Globo também.

    • eu daqui Postado em 24/Mar/2015 às 11:16

      Adultos podem assitir e ler tudo. O que não se pode é acreditar em tudo.

  23. carlos junior Postado em 24/Mar/2015 às 10:58

    Mais uma vez a poderosa veja, para muitos, mostrando seus dotes tendenciosos, virando o jogo para corruptos safados e tentando fazer uma lavagem cerebral na população... Simplesmente um lixo de revista...

  24. ricardo Postado em 24/Mar/2015 às 11:01

    Mais um pilantra sendo promovido por essa revistinha mequetrefe

  25. Robson Ribeiro Postado em 24/Mar/2015 às 11:05

    ''A simpatia da revista Veja pelo atual presidente da Câmara''. Não existe simpatia , a Veja cobra muito caro por uma capa dessa, é assim que ela ganha fortuna no política. Age com milícia, quem não paga é esculachado.

  26. Heitor Postado em 24/Mar/2015 às 11:07

    Ao passar em uma banca e ver uma revista VEJA, não compre. Se comprar, não abra. Se abrir, não leia. Se ler, não acredite. Se acreditar, relinche.

  27. Skias Postado em 24/Mar/2015 às 11:08

    Se queres comentar algo, refira-se ao que enuncia Jean Willys, e não à sua pessoa ou a alguma outra fala de seu passado. Não é isto que "está em jogo" nesta notícia. Não incorra a falácias, amigo.

  28. Matheus Ferreira Postado em 24/Mar/2015 às 11:12

    Que que isso, mas que pessoa burra meu Deus, entre outras mazelas

  29. Guilherme Postado em 24/Mar/2015 às 11:17

    Revistas como essa não serve não para fundo de gaiola.

  30. Guilherme Postado em 24/Mar/2015 às 11:24

    Particularmente não gosto do deputado Jean Willys nem de muitas de suas posições políticas. Mas o respeito justamente por isso. E considero coerentes alguns de seus posicionamentos (mesmo os que eu não concordo). Sobre Eduardo Cunha, pra mim não passa de um oportunista. Quanto a Veja, bem... O que esperar de uma revista que não serve nem pra substituta de papel higiênico...

  31. CARLOS ALBERTO Postado em 24/Mar/2015 às 11:25

    ESSA REVISTA É A PROSTITUTA DA IMPRENSA BRASILEIRA!

  32. Kayky Postado em 24/Mar/2015 às 11:26

    Eu acho que toda fonte de informação é válida. Mas é preciso ter bom senso para filtrá-las. É apenas uma questão de poucos anos pra essa revista imunda falir, tenho fé de que não chegará as próximas eleições. Mas de uma coisa é verdade, ela tem os leitores que merece!

  33. Ruan Postado em 24/Mar/2015 às 11:50

    Pode ser que eu seja péssimo em ler nas entrelinhas, mas vocês vão me dizer que o Eduardo Cunha não é, hoje, o político mais poderoso do Brasil? Não estou falando em ser um bom político ou "estadista" (não sei de onde vocês tiraram esse termo da capa) ou honesto, mas o cara faz a presidente demitir ministro, trava o congresso quando quer, e junto com o Renan Calheiros está fazendo o governo se ajoelhar pro PMDB. Se isso não é poder, não sei o que é...

  34. Anderson Postado em 24/Mar/2015 às 11:51

    Tenho medo pensando na baixeza da verdade nestes instantes, a verdade parece instituição. É assombroso ver tantos submetidos indivíduos tão baixos e o caráter da verdade que "todos" acreditam ser tão baixo. As pessoas poderiam ler Georg Orwell.

  35. Pereira Postado em 24/Mar/2015 às 11:53

    Mas por que criticam a globo ? Jean wilis é o que é por causa do BBB, que passa na globo. As bandeiras da esquerda desfilam em horário nobre na novela. Deveriam agradecer à rede globo. A diretia sim que deveria odiar a globo, ficam empurrando esses jean wilis para a vida pública.

    • Vinicius Postado em 24/Mar/2015 às 22:39

      A globo desfila essas supostas "bandeiras da esquerda" para atrair audiência, não vou assistir novela só porque tem casal gay, valorizo quem realmente tem empenho acerca da causa LGBT. devo agradecer o que a Globo? Eu conheço Jean Willys pelo seu trabalho e suas ideias. Só desinformados e alienados como você acham que ele é o que é por causa de BBB. A direita deveria estar com raiva da Globo? Só pode ser piada.*Outro Vinicius

  36. PRIM Postado em 24/Mar/2015 às 12:04

    Político de cativeiro criado igual Aécio.

  37. rachel dantas Postado em 24/Mar/2015 às 12:08

    ESTE SUJEITO CUNHA NADA SÓ PODERIA ESTAR MESMO NA CAPA DESTA REVISTA E NÃO DE OUTRA! REVISTA "CEGA", PRÁ NÃO DIZER "CAGA"

  38. Silva Postado em 24/Mar/2015 às 12:14

    É exatamente isso que eu estava me perguntando Pereira. Olha não sou da direita, nem esquerda e como mero espectador gostaria apenas de entender porque que a globo é considerada de direita se nos últimos anos ela tem feito uma campanha pesada em favor do movimento LGBT que é apoiado pela esquerda.

    • Pereira Postado em 24/Mar/2015 às 13:30

      É que essa gente é pirada mesmo silva. A rede globo escondeu durante 15 anos as articulações ilegais do Foro de são paulo. A novela das 9 é um desfile de bandeiras esquerdistas que até parece protesto da CUT. Promovem a todo o custo essas coisas de LGBT. Elegeram o tal wilis pelo BBB. Boicotaram enquanto puderam as manifestações do dia 15 de março, rebaixaram ao nível do ridículo o número de participantes e várias outras coisas. O que eu penso é que como eles recebem gordas quantias do governo para fazer publicidade estatal, a Globo sempre tenta dar uma mãozinha para o governo. O problema é que a corrupção e a incopetência é tão flagrante que nem o JN consegue passar em branco.

      • poliana Postado em 24/Mar/2015 às 15:20

        pereira, como assim a globo boicotou as manifestações do dia 15 de março???!!!!!!!!!!???? vc está de brincadeira né???!! a todo instante ela parava a programação pra convocar o público para os protestos e o transmitiu durante todo o dia em sua programação,mostrando-o em todos os estados!!! como ela a boicotou???!!! e silva, a globo pode "ser de esquerda" em suas novelas, mas seja racional, ASSISTA AO JORNALISMO DA EMISSORA E VEJA A QUEM ELA REALMENTE APOIA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      • Eduardo Ribeiro Postado em 24/Mar/2015 às 15:55

        Olha o tamanho dessa insanidade: "Boicotaram enquanto puderam as manifestações do dia 15 de março, ..". Olha o grau da desonestidade intelectual desses reacinhas.

      • Pereira Postado em 24/Mar/2015 às 16:06

        Na globo news falram em apenas 25 mil pessoas em porto alegre, quando é sabido que 120 mil foram às ruas. Deram destaque para o governismo do datafolha e sumiram com 800 mil pessoas na paulista. Depois do erro grotesco, corrigiram para os números da PM gaúcha e fecharam em 100 mil. O problema é que o governo é tão corrupto e tão deslavada é as mentiras que nem mesmo a Globo consegue ficar quieta. Não há como não noticiar os desmandos de Lula e Dilma e de sua articulação política.

      • Onda Vermelha Postado em 24/Mar/2015 às 19:49

        "Boicotaram enquanto puderam as manifestações do dia 15 de março". Esquenta não gente! É só o Pereira falando "pereirices". Hehehe! Ah, esses Olavetes, o cérebro foi, irremediavelmente, destruído pelas "drogas" que leem na "Mídia Sem Máscara".

      • Vinicius Postado em 24/Mar/2015 às 22:45

        Não elegeram o Jean Willys pelo BBB, nas eleições de 2010 ele somente obteve aproximadamente 13 mil votos,nas eleições de 2014 ele obteve cerca de 144 mil votos. E agora a Globo é a favor do PT? Isso é piada né. *OUtro Vinícius

    • Vinicius Postado em 24/Mar/2015 às 22:41

      Ela é a favor do movimento LGBT para atrair audiência. Não seja ingênua Silvia. *Outro Vinicius

    • Thiago Postado em 25/Mar/2015 às 10:07

      Globo a favor do PT?! E o episódio com a bolinha de papel em 2010, numa tentativa desesperada de alavancar a candidatura do serra?

  39. Simone Postado em 24/Mar/2015 às 12:19

    Pois é, cada um apoiando aquilo q lhe convem... sociedade hipocrita, a nossa!

  40. Sandra Postado em 24/Mar/2015 às 12:25

    Bem , quem acredita que um salário de 33 mil é pouco para trabalhar de terca à quinta-feira , realmente precisa rever seus conceitos . Só lembramdo que os deputados custam 75 milhoes ao mes !!!

  41. Eduardo Postado em 24/Mar/2015 às 12:54

    Eu nao li a reportagem da Veja a respeito dele, e aparentemente ninguem aqui leu, nem o Jean. Mas nao entendo qual a manipulaçao da revista em dizer que ele é o politico mais podereoso hoje, ja que ele é o presidente da camara, e foi responsável direto pela demissao do Cid Gomes. Ou seja, nao vejo mentira nessa capa, nem tentativa de endeusar o rapaz. Se alguem leu o conteudo por favor repasse aqui a informaçao.

    • poliana Postado em 24/Mar/2015 às 15:21

      ele foi o responsável direto pela demissão de cid gomes?????putz...santa inocência!!! kkkkkkkkkkkkkk...e moço, te garanto q o renan, como presidente do senado, é muito mais poderoso q o cunha! n viaje, por favor!!!!

  42. poliana Postado em 24/Mar/2015 às 13:18

    naro, vc n entendeu o q o jean disse qdo soltou essa declaração. se vc n se importar, dá uma lida nesse texto que ele escreveu na "carta capital", falando a respeito.................................................. Você quer saber quanto recebe um deputado? Não reclamei do meu salário. Reclamei da estupidez de quem acha que todos os deputados e deputadas ganham muito para trabalhar pouco. Nova coluna na Carta Capital (Ascom) Antes de mais nada, vamos esclarecer uma coisa. Eu não disse que os deputados “ganham pouco”, nem que o salário de um deputado seja igual ao de um professor, como estão dizendo por aí. Também não disse que a Bíblia é "uma palhaçada" e que os cristãos são "doentes", e nem defendi a pedofilia — um crime horrível, que combato como integrante da CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Tudo isso é mentira. Por isso, eu peço a você: quando achar no Facebook ou no Twitter uma mensagem que diz que "o deputado Jean Wyllys disse que...", seguida de alguma barbaridade, não repasse sem checar a informação. Já inventaram até entrevista falsa à CBN, que a própria emissora de rádio desmentiu. O fato de eu combater a máfia fundamentalista e corrupta que quer fazer do Brasil uma teocracia à moda do Irã faz com que eu seja alvo de campanhas difamatórias por meio das redes sociais. Eles (ou elas), responsáveis por essas campanhas, não aguentam que um gay assumido e orgulhoso ocupe o espaço de representação que eu ocupo na Câmara dos Deputados — e morrem de ódio quando os jornalistas me escolhem, pela terceira vez, como um dos dois melhores deputados do país. Mas o objetivo deste texto não é falar das campanhas difamatórias dos criminosos de “mala cheia”. Comecei por aí para falar com você sobre um assunto que há muito tempo eu quero tocar: o salário dos parlamentares. Consultado pelo apresentador Marcelo Tas, a partir da pergunta de um internauta que acompanhava a entrevista, sobre se o salário de um deputado era excessivo, eu respondi que não, que não acho que seja. E não acho mesmo, sou sincero, não gosto de hipocrisia: dizer o que não penso para agradar o outro. Também expliquei ao Marcelo que, no meu caso, feitos todos os descontos, o que eu recebo é QUASE o que eu recebia como professor universitário, com 40 horas-aula, dedicação exclusiva e coordenador de um grupo de pesquisa numa universidade particular. Eu nunca disse que fosse pouco nem que todos os parlamentares recebessem o mesmo que um professor. Apenas falei do MEU CASO. Mas eu não tenho nada a esconder. Você quer saber quanto eu recebo? Meu salário bruto como deputado federal é de 26.723,13 reais, mas tem descontos. Na folha, são descontados 2.939,54 reais da seguridade social, 5.702,61 reais de imposto de renda, 235 reais do clube do Congresso, 781,64 do plano de saúde da Câmara (que inclui o plano da minha mãe, como dependente). Além disso, eu pago cada mês 3.000 reais de contribuição partidária ao diretório nacional do PSOL e 2.000 reais ao diretório estadual do Rio de Janeiro. Sim, o PSOL é um partido pobre e honesto, que não recebe dinheiro da corrupção nem arranca do bolso dos fieis de alguma igreja caça-níquel, nem aceita contribuição de campanha de empreiteiras, empresas de transporte, bancos ou multinacionais. Somos um partido sem grana, mas com princípios, e isso permite que eu possa, como deputado, combater o fundamentalismo, denunciar a corrupção e defender os interesses do povo, porque não devo favores a ninguém. Eu posso votar ‘não’ ao Código Florestal porque nenhum fazendeiro pagou minha campanha. Posso denunciar os leilões do petróleo e falar de energia sustentável porque não recebo um tostão das corporações do petróleo. Posso defender o passe livre porque não recebi dinheiro de empresários do transporte. Feitos os descontos da seguridade social, imposto de renda, plano de saúde, contribuição partidária, etc.,o que entra no meu bolso cada mês é menos do que eu receberia hoje, com a minha qualificação, se trabalhasse no setor privado. Apesar disto, ainda é um bom salário, não nego (se comparado ao salário mínimo, claro, mas não se comparado a de um executivo do setor transporte ou ao de alguns dos servidores do próprio Congresso ou ao de um apresentador de tevê), mas um salário que QUASE corresponde ao mesmo que eu ganhava quando professor 40 horas e com dedicação exclusiva do ensino superior privado, só que com MUITO MAIS TRABALHO E RESPONSABILIDADES que quando eu era só professor. Durmo uma média de 4 horas por dia para dar conta do volume de trabalho. Além da análise e escrita de pareceres de projetos que tramitam nas comissões das quais faço parte - Comissão de Educação e Comissão de Cultura - há os projetos que estão em plenário. Somado a isso, coordeno duas frentes parlamentares (a Frente Parlamentar pela Cidadania LGBT e a Frente Parlamentar Mista de Enfrentamento à DST/HIV/Aids), sou um dos coordenadores colegiados da Frente Parlamentar pelos Direitos Humanos e sou membro assíduo da FrenteCom (pelo direito à comunicação e à liberdade de expressão). Sou vice-presidente da CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes; da Comissão Especial do Ensino Médio e coordeno a subcomissão de Cultura e Direitos Humanos. Acham que para por aí? Não! Viajo todas as semanas para diferentes lugares do Brasil para atender aos pedidos da sociedade civil organizada de palestras, debates e conferências; e estas exigem, de mim, além do deslocamento e da ação, o preparo das mesmas. Ideias não caem do céu! Exigem leitura rigorosa! Não cobro por nenhuma dessas atividades fora da Câmara porque as considero parte de meu trabalho como parlamentar. Mas atender a essas demandas exige tempo e estrutura, e esta é garantida pela verba parlamentar. Não bastasse este trabalho, sou colunista da CartaCapital e do iGay, colaborações pelas quais não recebo um centavo, e atendo aos pedidos da imprensa, por considerar a comunicação parte de minhas atividades. E, como cereja do bolo, ainda sou obrigado a tolerar toda sorte de insultos e ameaças de morte por defender o tema dos direitos humanos de LGBTs. Em momento algum disse que um professor ganhava o justo; apenas disse que, embora tenha aumentado bastante meu volume de trabalho em relação ao que eu tinha quando professor 40 horas e dedicado exclusivamente a tal tarefa, meu salário pouco aumentou. Não reclamei do salário. Reclamei da estupidez de quem acha que TODOS os deputados e deputadas ganham muito para trabalhar pouco (pode até haver, mas não é meu caso; e eu só falei de mim). O resto é deturpação para fins de difamação. Existe a verba parlamentar e a cota para salários de funcionários e algumas pessoas, por ignorância ou má fé, somam esse dinheiro ao salário e dizem que os deputados recebem dezenas de milhares de reais por mês. Mentira. Eu sempre vivi do que eu recebo pelo meu trabalho, seja como jornalista do Correio da Bahia e de G Magazine, roteirista da Globo, professor universitário ou deputado federal. E, quando não for mais deputado, continuarei trabalhando, como sempre fiz — como faço, porque ser deputado também é um trabalho. E é muito trabalho. Desconfie dos políticos que dizem que um parlamentar deveria receber um salário mínimo e não ter verba parlamentar. Eles estão mentindo para você. Eu prefiro ser politicamente incorreto, mas dizer a verdade. O que precisamos é aumentar o salário mínimo (como o PSOL defende) e não reduzir o salário dos parlamentares. Com baixos salários e sem recursos para montar uma equipe de trabalho que possa dar conta da responsabilidade que significa um mandato parlamentar, só os ricos e os corruptos iriam se candidatar. Afinal, eles têm o caixa-dois. Hoje, felizmente, ainda há muitos deputados e deputadas que vivem do salário e usam a verba parlamentar com transparência. Parlamentares como eu, que trabalhamos pelo povo. Não somos tantos como é preciso, nem tão poucos como você pensa. Do seu voto depende que sejamos mais.

  43. Pereira Postado em 24/Mar/2015 às 13:39

    Alguém tem alguma dúvida que é Cunha que está governando o Brasil ? Depois do episódio do piti do Cid gomes, em que cunha exigiu de Dilma a demissão do mesmo. Dilma não tem como governar sem o PMDB, sendo assim Cunha e o PMDB estão com a faca e o queijo na mão para pressionar o planalto. Não que eu morra de amores por Cunha, mas o fato de ele ter reconhecido e recuado da bobagem das passagens para familiares, o torna menos pior que rui falcão, hadadd , suplicy, wilis , maria do rosário, luciana genro e quase 90 % do CN. Falou certo quanto a possibilidade de impedimento de Dilma(Diz que no momento não há a menor possibilidade disso), isso mostra que pelo menos é coerente.

    • poliana Postado em 24/Mar/2015 às 15:23

      e vc continua chamando o episódio das cotas de passagens aéreas para as esposas de parlamentares de "bobagens"! vc é um pândego mesmo pereira.

  44. Pereira Postado em 24/Mar/2015 às 14:23

    "ignorando que ele é réu em processo que será julgado pelo STF por envolvimento na Lava-Jato." Cuma ???? Pelo que eu sei para a esquerda essa lava-jato não passa de uma "farsa" se é uma "farsa" Cunha deve ser inocente, tal qual é "inocente" joão vaccari neto, José dirceu e outros petistas.

  45. alex Postado em 24/Mar/2015 às 14:46

    UM LADRÃO!!!!!!!!!!! BANDIDO!!!!!!!! A VEJA, aquele folhetim politico, publicou uma matéria "muito" interessante sobre o Eduardo Campos que lembra Globo Reporter: Veja a Chamada: "Quem é, o que pensa e qual é o jogo do presidente da câmara dos Deputados, que se tornou o político mais poderoso do Brasil" Eu respondo e nem de dou ao trabalho de se quer chegar perto da banca que estampa esta capa em um cartaz, quase um Poster de Terror! UM LADRÃO!!!!!!!!!!! BANDIDO!!!!!!!! COM A FICHA MAIS SUJA QUE PAU DE GALINHEIRO. http://www.conversaafiada.com.br/…/as-acoes-que-correm-con…/

  46. Edmar Motta Postado em 24/Mar/2015 às 15:09

    Veja: Não compre, se comprar, não leia, se ler, não acredite, se acreditar, relinche...

    • poliana Postado em 24/Mar/2015 às 15:24

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...adorei edmar!!!!!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  47. andre fln Postado em 24/Mar/2015 às 16:07

    A percepção de ganhar pouco ou muito depende da quantidade e qualidade do trabalho. Pra um deputado como Jean, que veste a camisa, deve ser pouco. Já pra um senador que não trabalha, faltoso, não coloca nem um projeto descente em votação, como aquele um mineiro que tentou a presidencia, até o vale alimentação é desmerecido

  48. José Postado em 24/Mar/2015 às 16:16

    Meu gato é "leitor" da Veja, mas depois dessa até ele desistiu, além de que as folhas rasgam muito fácil, nem pra fundo de gaiola e forrar areia do gato esse lixo serve.

  49. André Postado em 24/Mar/2015 às 20:00

    Não adianta falar, Naro! O BBB eh esquerdista. Logo, será defendido aqui com unhas e dentes...:

    • Lena Postado em 25/Mar/2015 às 01:54

      O texto completo acima é super interessante e em vez de conhecer um pouco vc se limita a essa declaração de preconceito? Para discordar é melhor ler.

  50. Thiago Postado em 25/Mar/2015 às 10:12

    Ele nunca disse que ganha pouco. Ele disse que o salário que ganhava como deputado não era muito maior do que o que ganhava antes. E o mais importante são ações, e não palavras. Jean e o resto do Psol nunca votaram a favor do aumento de seu próprio salário. O mesmo não pode ser dito em relação aos deputados reacionários: Bolsonaro e Bancada Evangélica Teocrática SEMPRE votaram para a grana que vai para seus bolsos.

  51. Glauco Postado em 27/Mar/2016 às 03:13

    Essa revista é Horrivel!

  52. Edgar Postado em 31/Mar/2016 às 11:09

    ladrao maldito!!! a pergunta é, quanto ele pagou por essa materia na veja!!! com ctza foi alguns milhoes!!! a bancada evangelica e mais podre do que tudo!!!

  53. Maurício Gimenes Postado em 31/Mar/2016 às 13:40

    Quem é ?; É um delinquente de cabelos grisalhos. O que pensa ? Pensa em chantagear, faturar milhões em propinas, barganhar favores e cargos políticos, tudo em beneficio próprio e dos seus compassas. Qual o seu jogo ? Dar um golpa na presidenta Dilma, chegar a presidência da republica e mandar o Brasil pra 1457, na idade média.