Redação Pragmatismo
Compartilhar
Economia 11/Feb/2015 às 15:31
25
Comentários

Poder de compra do salário mínimo é o maior em 50 anos

Poder de compra do salário mínimo registrado em janeiro de 2015 é o maior desde agosto de 1965. Informação foi divulgada em boletim oficial do Banco Central

O poder de compra do salário mínimo em janeiro de 2015, fixado em R$ 788, é o maior desde agosto de 1965, informou o Banco Central nesta terça-feira (10).

“O poder de compra do salário mínimo em janeiro de 2015 é o maior desde agosto de 1965, superado apenas pelo registrado no período de julho de 1954 a julho de 1965”, ressalta o Banco Central. Por isso, de acordo com a autoridade monetária, não surpreende o fato de que o rendimento médio real do trabalho venha crescendo há vários anos, em todas as regiões do País. De 2003 a 2013, por exemplo, os aumentos médios anuais desses rendimentos atingiram 5,1% no Nordeste; 4,3% no Centro-Oeste; 3 7% no Norte; 3,5% no Sul; e 3,1% no Sudeste.

O boletim do Banco Central também informa que a renda da população ocupada “supera o avanço do mínimo”. O rendimento da população ocupada com renda de até um salário mínimo cresceu 52% a mais do que o salário mínimo, sendo 36% no Norte; 48% no Nordeste; 49% no Sul; 56% no Centro-Oeste e 60% no Sudeste.

“A análise das variáveis indica, portanto, que elevações reais dos rendimentos do trabalho em anos recentes – em especial nas faixas de menor rendimento – foram determinadas, em parte, pela valorização do salário mínimo”, afirma o Banco Central.

Cestas básicas

Ainda segundo o Dieese, o mínimo de R$ 788 neste ano equivale a 2,22 cestas básicas (R$ 355 cada uma). “Na série histórica da relação entre as médias do salário mínimo anual e da cesta básica anual verifica-se que a quantidade de 2,22 cestas básicas é a maior registrada nas médias anuais desde 1979”, informou o Departamento em janeiro deste ano.

com Agências

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Priscila Postado em 11/Feb/2015 às 16:06

    Não é verdade; se for verdade, não pode ser notícia; se for notícia, não terá sido vista; se for vista nenhum deles vai acreditar; se alguém entre eles acreditar, ficará calado; se não ficar calado, abrirá a boca para dizer que "não é verdade"...

    • Gustavo Postado em 11/Feb/2015 às 16:10

      Quanto "se" mulher... Aceita que dói menos!

      • ricardo Postado em 11/Feb/2015 às 17:47

        Meu Deus, esquerdista visceral é retardado desse jeito Gustavo? Não é capaz nem de perceber sarcasmo? ela tá ironizando o pensamento dos "coxinhas".

    • Priscila Postado em 13/Feb/2015 às 10:46

      Outra Priscila aqui no PP! E agora? rsrs

  2. Rodrigo Postado em 11/Feb/2015 às 16:22

    Seria interessante um gráfico poder de compra x anos

  3. Silva Postado em 11/Feb/2015 às 16:40

    Porque diabos vem aqui então moço!

  4. Caique Postado em 11/Feb/2015 às 16:42

    Realmente dibabastards, seu argumento é esclarecedor e bem embasado. Obrigado por abrir meus olhos!

  5. Monteiro Postado em 11/Feb/2015 às 17:20

    Meu amigo(a), como você pode refutar um argumento sem sequer ir direto a fonte averiguar??? Leia o relatório do Bacen na íntegra e reafirme sua posição, eu duvido. A não ser que lhe falte capacidade para ler e compreender textos. http://www.bcb.gov.br/pec/boletimregional/port/2015/01/br201501b2p.pdf

  6. Gabriel Postado em 11/Feb/2015 às 17:30

    Ixi, o coxinha entrou em colapso, chamem a ambulância...

    • Eduardo Postado em 11/Feb/2015 às 18:45

      DO SAMU NÃO, ELE NÃO ACREDITA NO QUE O PT FAZ.....

    • gabriel Postado em 11/Feb/2015 às 20:29

      Owww não ele me chamou de moça pela internet, mds... kkkkk Primeiro ser chamado de moça não é um problema, mulheres são incrivelmente fortes nesse mundo machista. Segundo não sou um "parasitinha" sou um homem com ideologias e que tem o seu direito a voto como todos. E sim, estou gostando de ter votado no PT, preferia Eduardo Jorge, mas como disse meu voto é apenas um entre milhões. E por fim, inútil é você, que ao invés de usar o chat para discussões filosóficas, ou críticas construtivas, sai xingando todo mundo. Inútil pois não tem voz, pois não sabe argumentar e criticar. É uma criança que berra e esperneia.

    • poliana Postado em 11/Feb/2015 às 23:45

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  7. poliana Postado em 11/Feb/2015 às 18:14

    Sabia q n ia demorar da coxinhada vir aki e dizer q eh tudo mentira! Que são números e dados inventados pelo pt! Típico! Rsrsrs

    • Eduardo Postado em 11/Feb/2015 às 18:51

      é muito fácil, trata-se de números... na internet tem a série histórica do Salário Mínimo, baixe a, e compare.... número não mente, uma coisa para exemplificar....em 2002 80 dolares igual a R$ 196,00 hoje 286 dólares na cotação de R$ 2,76, mais de 300% de aumento.... não é o ideal mas é bem mais que a tucanada acha que o povo trabalhador merece....

      • BRUNO SILVA Postado em 12/Feb/2015 às 08:18

        VDD EDUARDO, infelizmente nosso país ainda caminha muito lentamente a um desenvolvimente que ajude a população pobre de forma digna, mais fico feliz de pelo menos saber que nós estamos progredindo para algo melhor que do que os porcos tucanos tem a nos oferecer.

  8. Jônathas Arruda Postado em 11/Feb/2015 às 18:34

    Quanto ódio no coração, agressividade... Deveria começar não escrevendo em caixa alta e argumentado de forma minimamente racional. Aceita. Dói menos. O poder de compra aumentou.

  9. Pedro Postado em 11/Feb/2015 às 20:31

    como pode ser uma mentira se e um boletim oficial do Banco Central? Agora se este tipo de noticia nao aparece na midia que vc gosta nao quer dizer que nao seja verdadeira. Para de ser fanatica e reflexiona um pouco mais.

  10. Thiago Teixeira Postado em 11/Feb/2015 às 20:50

    O pais está uma merda, todos estão passando fome, matriculados no nível superior é o menor desde 1947, com o salário mínimo é possível pagar duas passagens de ônibus interurbanos apenas. Satisfeitos coxinhas?

    • BRUNO SILVA Postado em 12/Feb/2015 às 08:25

      Nós vivemos no BRASIL não na SOMALIA, entenda que se vocé não está feliz com a nossa situação então lute por algo melhor e se vocé não quer fazer isso e acha que só mandando mensagem na internet para que vocé mostre o quanto está infeliz com a situação, sugiro sair do país e deixar com aqueles que amam a patria e procuram por um futuro melhor.

  11. Daniel Postado em 11/Feb/2015 às 23:55

    Kkkk. Os comentários são hilários. " coxinhas" e " reaças", esse é o vocabulário usado. Por isso o Brasil é a merda que é. Com um povo de bosta desse.

  12. Eduardo Postado em 12/Feb/2015 às 09:18

    Enquanto isso, do outro lado da cidade: A inflação bate os 7,15%.

  13. Félix Postado em 12/Feb/2015 às 10:40

    Narinho, o perseguido. Este cara é muito perigoso! Se ele algum dia conseguir dizer tudo sem ninguém censurá-lo... pode explodir uma guerra mundial... Narinho, para o nosso bem, cala a boca!

  14. Pedrão Postado em 16/Feb/2015 às 15:25

    Essa notícia vc não vê na Globo.

  15. Silva Postado em 19/Feb/2015 às 07:28

    Baixou o nível Naro? O perseguido e arrogante, o PP é um site privado moço, eles decidem quem deve deletar ou não. Mas seria maravilhoso se não publicassem nenhum comentário de reaça!

  16. Alexandre Labatut Postado em 30/Mar/2015 às 00:15

    Querem enganar a quem com essa afirmação? Certamente não é a classe C, D, E, F até Z que nem lêem isso aí. Vão tomar no cu, seus imbecís do PT.