Redação Pragmatismo
Compartilhar
Racismo não 23/Feb/2015 às 16:01
3
Comentários

“Glory”, a canção vencedora do Oscar em 2015

Música “Glory”, do filme “Selma – Uma Luta Pela Igualdade”, que conta a história da luta do movimento negro nos EUA, foi premiada com o Oscar de melhor canção original. Ao receber a estatueta, John Legend, cantor e compositor, falou sobre racismo

glory oscar john legend common
Common [esq] e John Legend recebem a estatueta do Oscar de melhor canção original em 2105 pela música “Glory” (NBC)

Composta e gravada por John Legend e Common para o filme “Selma – Uma Luta Pela Igualdade”, a música “Glory” ganhou o Oscar de melhor canção original na noite de ontem, 22. O longa conta a história da luta do movimento negro, liderada por Martin Luther King nos Estados Unidos.

Durante o discurso na 87ª edição de entrega dos prêmios, os vencedores fizeram um pronunciamento político. “Nina Simone disse que é dever do artista mostrar os tempos em que vivemos. Selma pode ter sido há 50 anos, mas é agora porque a luta por justiça é agora. O direito ao voto pelos quais eles lutaram, hoje, agora, estão sendo comprometidos. Vivemos no país com a maior população carcerária do mundo. Existem mais homens negros presos do que escravos na época da escravidão”, disse Legend.

“Glory” derrotou “Grateful”, de Rita Ora, em Beyond the Lights, “Everything is Awesome”, por Tegan and Sara e The Lonely Island, de Uma Aventura Lego, “I’m Not Going to Miss You”, por Glen Campbell, de Glen Campbell: I’ll Be Me e “Lost Stars”, por Gregg Alexander, Danielle Brisebois, Nick Lashley, Nick Southwood.

Ouça a música “Glory”

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Caio Postado em 23/Feb/2015 às 16:14

    Cara como vcs aguentam assistir isso?? Só não é mais chato que o Grammy

    • BRUNO SILVA Postado em 25/Feb/2015 às 11:29

      É vdd que em bem chato assistir sim, mais o racismo indemico que vive hoje os Estados Unidos isso não pode deixar passar e deve ser combatido com todos os meios pacificos e demonstrar que isso ñ deve continuar.

    • Alexandre Postado em 26/Feb/2015 às 12:47

      Questão de gosto.