Redação Pragmatismo
Compartilhar
Contra o Preconceito 23/Feb/2015 às 12:57
63
Comentários

Blogueira preconceituosa está fora de O Globo

Após repercussão negativa dos seus textos nas redes sociais, Silva Pilz, jornalista que debochou de pobres e de crianças com síndrome de down, anuncia fim do seu blog no jornal O Globo

silvia pilz o globo
Silvia Pilz está fora de O Globo após repercussão negativa de textos preconceituosos. Jornalista anunciou o fim do seu blog (reprodução)

A jornalista Silvia Pilz, que debochou de pobres e de crianças portadoras de Down, não tem mais espaço no jornal O Globo. O blog foi retirado do ar e ela atribui sua derrota ao ‘politicamente correto’.

No texto em que anuncia o fim do blog, Silvia afirma que a proposta inicial da página era tratar de temas que ninguém abordava, hipocrisias e questionar valores e comportamentos, mas que “desandou quando resolvi abordar com a mesma franqueza temas que envolvem minorias, incapazes, desvalidos e desfavorecidos”. Segundo a colunista, o post “O Plano Cobre” [relembre aqui] desencadeou uma “onda de reprovação inesperada”.

No texto, Silvia satirizou o deslumbramento e o comportamento do pobre diante das oportunidades oferecidas pelos planos de saúde. “A situação tornou-se tragicômica e insustentável para a imagem do jornal O Globo”, diz a blogueira.

Leia abaixo a íntegra do texto em que Silvia anuncia o fim do seu blog:

Sobre o fim do blog Zona de Desconforto. A proposta era trazer ao jornal alguns assuntos que não são naturalmente abordados em jornais e discuti-los aberta e francamente. Dizer o que ninguém tem coragem de dizer. Fazer com que as pessoas reavaliassem hábitos e costumes. O blog foi concebido para tratar de hipocrisia, questionar valores e comportamento.

A proposta funcionou enquanto o debate girava em torno de questões sexuais ou temas da família. Mas desandou quando resolvi abordar com a mesma franqueza temas que envolvem minorias, incapazes, desvalidos e desfavorecidos. O post “O plano cobre”, em que satirizo o deslumbramento e o comportamento do pobre – nova classe média – diante das oportunidades oferecidas pelos planos de saúde, desencadeou uma onda de reprovação inesperada. A situação tornou-se tragicômica e insustentável para a imagem do jornal O Globo.

Depois desse post, que gerou um terremoto nas redes sociais, leitores revoltados foram buscar outros textos no acervo do Blog. A onda de reprovação cresceu e tomou proporçōes insuportáveis quando começaram as ofensas pessoais. Fui chamada de nazista e fascista por dizer – em um desses posts – que os adultos escondem o desconforto que sentem – por exemplo – quando se deparam com crianças com síndrome de Down ou anões. Enfim, preconceitos velados e disfarçados, de um modo geral, não foram bem aceitos pelos leitores politicamente corretos.

VEJA TAMBÉM: O texto de Silvia Pilz sobre negros e crianças com Síndrome de Down

informações de Revista Fórum

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Félix Postado em 23/Feb/2015 às 13:02

    Foi tarde! Reinaldo Azevedo será o próximo!

    • poliana Postado em 23/Feb/2015 às 13:50

      AMÉM! bem q o constantino tb poderia entrar aí...

    • douglusa Postado em 23/Feb/2015 às 21:01

      Tomara, Félix!

    • Wander Postado em 24/Feb/2015 às 15:45

      E o imbecil do Marco Antonio Villa

    • Randy Postado em 24/Feb/2015 às 16:07

      O Demostenes, Carlinhos Cachoeira e o Policarpo Jr. não vão deixar demitir o amiguinho REINALDINHO...

  2. Adriane Postado em 23/Feb/2015 às 13:07

    UI, mimimi, ninguém entende minha inteligência, mimimi... Assim, pensamentos e sentimentos idiotas todos nós temos, mas nem todos nós temos incapacidade de auto-crítica e muito menos a capacidade de achar que pensamentos e sentimentos idiotas são o suprassumo da franqueza ou da inteligência como esta arrogante aí tenta fazer parecer.

    • leonardo Postado em 23/Feb/2015 às 21:54

      Perfeita análise.

    • Andréia Postado em 24/Feb/2015 às 09:23

      Perfeito...

  3. Macunaíma Prestes Postado em 23/Feb/2015 às 13:12

    Ouvi dizer que ela fugirá com o chefe do partido neonazista alemão para a Guiné Equatorial, onde manterá coluna de opinião no jornal do Sr. Obiang!

    • Wander Postado em 24/Feb/2015 às 15:47

      Deveria se refugiar na biblioteca de Veneza onde o Mainard se esconde.

  4. Telma Postado em 23/Feb/2015 às 13:18

    Vamos derrubar cada um. Colocar racistas em seus devidos lugares e dar um espaço cada vez maior para quem soma.

    • Luiz Alberto Pires Postado em 23/Feb/2015 às 19:37

      Menguele seria a solução dos problemas e enfermidade congênitas

    • Gregori Peck Postado em 23/Feb/2015 às 19:38

      Morte ao negros!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  5. José Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 13:38

    As pessoas preferem mentiras confortantes do que verdades reais. O esquema é ver os defeitos da sociedade e fingir que eles não existem. E assim se tira aos poucos a liberdade de expressão.

    • EliZabeth Postado em 23/Feb/2015 às 13:46

      Oprimir não é liberdade de expressão. Pare de defecar pelos dedos e se politize mais. Respeito é algo direito. Ninguém tem que fazer por merecer ou se dar.

    • Thiago Postado em 23/Feb/2015 às 13:48

      Ofender outras pessoas é liberdade de expressão?! O direito dela de falar o que quer, não só o dela, como o de todos, termina onde o outro se sente ofendido. Não confunda liberdade com libertinagem ¬¬

      • José Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 15:28

        Alguns enxergam como ofensa, mas não era a intenção da blogueira ofender ninguém. É aquela coisa da noiva sempre ser bonita e do morto sempre ser uma boa pessoa. Elogiar com hipocrisia é o mesmo que dar uma esmola com uma moeda falsa.

      • Jane Lopes Postado em 23/Feb/2015 às 15:34

        Eu tinha uma colega de trabalho, a mulher dizia o que lhe vinha à telha, ofendia, desrespeitava e gritava com a gente, depois dizia que fazia isso porque era muito positiva. Eu disse a ela que o que intitulava "positiva" na minha terra tinha outro nome: grosseira.

      • Jane Lopes Postado em 23/Feb/2015 às 15:37

        Sr.José Ferreira, ela não precisa elogiar com hipocrisia. Se queria fazer algo polêmico, poderia correr atrás das falcatruas do Aécio que o Globo esconde tão bem, que já seria um ótimo começo, muito inovador, já que as roubalheiras da direita não são assuntos naturalmente abordados pelos jornais, como ela mesma se expressou.

      • Parece Piada Postado em 23/Feb/2015 às 18:15

        serio amigo???? Tipo tudo bem entrar em um escritorio e matar um monte de cartunistas que ofenderam milhoes de pessoas, zombando de suas crenças? Deixa te dizer uma coisa brotha: O DIREITO DE FALAR NAO ACABA EM LUGAR NENHUM!

      • neuza Palaro Postado em 25/Feb/2015 às 08:08

        Se ela tem o direito à liberdade de expressão para falar o que quizer, mesmo que de maneira ofensiva, nós também temos o mesmo direito de discordar e criticar. Se houve consequências e o jornal está preocupado só com o lado financeiro e o de agradar ao público e a demitiu, isto é problema dela e do jornaleco para quem ela trabalha. Plante o que quizer, só não reclame da colheita.

    • Stenio Ramos Postado em 23/Feb/2015 às 14:09

      mimimimimimimimmi "liberdade de expressão".... por favor, ela queria se justificar dizendo que estava fazendo "sátira" e "humor", o que acontece é que hoje esta é a carapuça dos que acham que falam "verdades que ninguem quer ouvir" mas na verdade destilam seus próprios preconceitos e visões estreitas de mundo. Não acho que a coluna dessa coitada fosse extremamente necessária para a "manutenção da liberdade de expressão", pois até a sátira tem suas responsabilidades. Ela apenas não é madura o suficiente para arcar com as consequencias do que fez, e joga a culpa nos outros. Típico comportamento de gente mimada quando contrariada.

    • Ronaldo Postado em 23/Feb/2015 às 14:10

      Desde quando pobre, portador de síndrome de Down, anões são defeitos da sociedade? Quantos posts a jornalista escreveu sobre ganância, orgulho, racismo, homofobia, misoginia? Malhar que está por baixo é fácil. Quero ver coragem para apontar o dedo para quem está por cima.

      • José Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 14:29

        A Síndrome de Down e o nanismo não são defeitos da sociedade, mas o fato de encarar essas situações. Você só concorda com textos que sigam a cartilha do PCO, o resto é retratado por pessoas como você como "inadequados".

    • sleiman v m n Postado em 23/Feb/2015 às 14:13

      Seu pequeno texto, assim pequenininho, assim todo redondinho, e cheio de franquezas, pode receber elogios, porque realmente parece ser de uma mente aberta, descolada. Mas não sei se permanecerá em alta conta, se começarmos conceituar os "defeitos da sociedade", o que seria fingimento e, principalmente, o que andam fazendo com a liberdade de expressão. Talvez o que a jornalista esteve fazendo não foi uma exposição de ideias e de interpretações no uso legítimo da liberdade de imprensa, mas um escárnio, um deboche àqueles que, de tão desprivilegiados, nem tem sabido sobre o que acontece nesses suportes de debate.

    • Aline Scherer Postado em 23/Feb/2015 às 15:22

      Esta blogueira deveria ter feito um post sobre feiura. A própria foto dela iria ilustrar a matéria, já que a bichinha é feia pra caramba! Ser pobre não é defeito, assim como ser feio também não é, mas se ela acha que o direito que um pobre tem de ter plano de saúde é deslumbramento, ser uma horrorosa como ela a criticar os mais necessitados também é total deslumbre, não acha?

    • Aline Scherer Postado em 23/Feb/2015 às 15:24

      Ah, José Ferreira, vem dizer que esta mulher falar que pobre com plano de saúde é deslumbrado é sinal de franqueza da parte dela? Qual é, meu, se toca.

    • Gretgor Postado em 23/Feb/2015 às 15:40

      Verdades? Verdades onde? O que ela fazia era destilar veneno, racismo e elitismo. Não há verdade nenhuma na opinião dela, apenas ódio. A liberdade de expressão não foi infringida em momento algum nessa situação. Liberdade de expressão significa simplesmente que ninguém pode te impedir de falar o que pensa, não significa que todos tem direito a um público interessado, nem que as pessoas deveriam ser imunes a críticas. A idiota pode continuar falando as asneiras dela, só não no jornal que acabou de lhe dar um pé na bunda. Ela foi removida do O Globo por causa da repercussão negativa das besteiras que ela escrevia, o que levou a uma revolta da população e, consequentemente, ao seu afastamento para evitar maiores transtornos. Ninguém está proibindo-a de se expressar, apenas tirando-a do púlpito.

    • Maria Inácia Postado em 23/Feb/2015 às 15:44

      A proposta era trazer ao jornal alguns assuntos que não são naturalmente abordados em jornais e discuti-los aberta e francamente. Dizer o que ninguém tem coragem de dizer. Então a blogueira poderia muito bem mostrar os inúmeros processos contra Aécio, o tanto que ele desviou em MG para pagar dívidas da Globo, o tanto de jornalistas que ele prejudicou, cerceando o direito à liberdade de expressão, como o Carone de BH, que foi preso a mando de Aécio apenas porque mostrou a relação de amizade entre AÉCIO E OS PERRELLAS DA COCAÍNA, e ainda os ataques de Aécio à internet, impetrando na justiça ações para que até as buscas no google sobre maconha feitas em relação a ele fossem escondidas.

    • Anna Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 21:37

      Na verdade, José, as pessoas preferem verdades melhores e, se hoje gritam diante de absurdos preconceitos que antes não percebiam. Há duas vertentes quando alguém enxerga sua própria hipocrisia: Ou tenta fazer com que a aparência exterior se torne um conteúdo real e se luta, de fato, para se tornar uma pessoa melhor, ou tenta - no caminho inverso - trazer à tona o que de pior havia escondido pela falsidade, usando o falacioso argumento de que, falando o que pensa, zela pela sinceridade. Eu, realmente, prefiro ficar com aqueles que são capazes de confrontar sua hipocrisia e combatê-la. Nãome consideraria um ser humano minimamente decente se tomasse a defesa dos meus preconceitos e ainda achasse virtuoso me orgulhar deles.

    • vanessa Postado em 23/Feb/2015 às 21:39

      O que???? Liberdade sendo nutrida com mentiras?? ...não entendi..

    • isabela Postado em 24/Feb/2015 às 00:49

      Há uma diferença entre abordar o preconceito velado e condená-lo e abordar o preconceito velado e querer que ele se torne mais aberto, que as pessoas o expressem como se fosse algo certo. O que ela fazia não era criticar esse comportamento preconceituoso, mas simplesmente falar que existe e que não deveria ser escondido.

    • Andréia Postado em 24/Feb/2015 às 09:26

      Existe uma grande diferença entre opinar e desrespeitar. Tenho certeza que tanto você como ela não acredita que todo mundo é satisfeito com suas limitações, mas isso não dá o direito de ser desrespeitado. O seu direito acaba quando começa o do próximo.

  6. Ana Postado em 23/Feb/2015 às 13:51

    “A situação tornou-se tragicômica e insustentável para a imagem do jornal O Globo”, diz a blogueira. Imagem? Que imagem? A imagem de O Globo é a pior possível. Silvia é quase um poço de candura diante do lixo que se tornou o jornal.

  7. Ricardo Postado em 23/Feb/2015 às 13:59

    Não. O esquema é combater a manifestação dos defeitos da sociedade, e não colocá-los em uma "zona de imunidade".

    • José Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 14:08

      Era isso que a blogueira fazia em seu blog, ao combater a manifestação dos defeitos da sociedade, e não colocá-los em uma "zona de imunidade".

  8. Ronaldo Postado em 23/Feb/2015 às 14:01

    Isso que acontece quando se confunde politicamente incorreto com soberba e falta de compaixão. Agora resta engrossar o coro dos "vitimizados" que faziam parte de seu humor(???) moderninho. Boa sorte.

  9. jugger Postado em 23/Feb/2015 às 14:05

    Jose Ferreira concordo com vc e sabe o que eh mais triste? A grande massa tosca que nao entende realmente o que ela queria dizer com ´zona de desconforto´ .. se sente ofendida, mas nem interpretar o texto conseguiram..... vao continuar vivendo agressivamente e hipocritamente .... é impressao minha ou jogaram uma banana pra um ´jogador pretinho´ quase recentemente ? ahh mas racismo NAO existe... eu sou um bobo racista .... eu acho que a banana foi pra matar a fome do jogador.. como sou tolo! os anoes conseguem papeis de humor na tv.... ahhh fui tolo de novo! nao eh nada disso, eles se vestem ridiculamente é soh por que nao tem figurinos apropriados pra eles.... viva a hipocrisia! queria dar mais exemplos crueis cotidianos, mas ninguem vai entender mesmo ..... vou eh ser xingado provavelmente .....

    • José Ferreira Postado em 23/Feb/2015 às 15:30

      Alguns enxergam como ofensa, mas não era a intenção da blogueira ofender. É aquela coisa da "noiva sempre ser bonita" e do "morto sempre ser uma boa pessoa". Elogiar com hipocrisia é o mesmo que dar uma esmola com uma moeda falsa.

      • Itamar Postado em 23/Feb/2015 às 16:26

        Elogiar com hipocrisia? Eu chamo de educação!

  10. Toledo Postado em 23/Feb/2015 às 14:12

    Já foi tarde. Faltam apenas o Reinaldo Azevedo e o Constantino e seus seguidores acéfalos.

  11. Evandro Postado em 23/Feb/2015 às 14:33

    eu não gostava da coluna dessa senhora. não só pelo preconceito, mas também porque eu simplesmente não achava bom. se a intenção dela era fazer ~~humor inteligente politicamente incorreto~~ não funcionou, porque não era engraçado, nem era especialmente inteligente. o conteúdo era algo que qualquer comentarista do g1 é capaz de comentar, só que escrito com português correto. mas independente de gostar da coluna dela ou não, o mínimo que eu esperava dessa senhora era o mínimo de capacidade de fazer autocrítica. recebe um monte de críticas, é afastada do seu blog, mas não tem capacidade de parar pra pensar um minuto se não errou, se não pesou a mão nos textos... se alguém a critica e ela é demitida, os errados são os outros que não entendem a ~~genialidade~~ dela. em tempo: tá fácil fazer textinho ~~politicamente incorreto~~ com criança com sindrome de down, com pobre que nunca teve acesso a saúde e agora consegue, com muito custo, pagar um plano. essa história de ~~politicamente incorreto~~ acaba com uma dosezinha de empatia.

    • Graça Postado em 23/Feb/2015 às 22:38

      Compra uma tv de 50' e põe na tua sala de 1 m quadrado. Sem auto-crítica, tá!

  12. Maria da Graça Postado em 23/Feb/2015 às 14:51

    Essa senhora esqueceu do Humanismo... desconhece o conteúdo do termo dignidade. É saudável sair de circulação, repensar sua postura, não só como ser humano, mas como mulher e profissional da comunicação social. Talvez retorne curada ou feneça dolorosamente no mar dos seus preconceitos.

  13. Eduardo Postado em 23/Feb/2015 às 15:13

    Essa senhora coloca seu próprio desconforto ao encarar pessoas com nanismo ou síndrome de Down como uma coisa que pertinente a sociedade. Não é. Convivo em meu trabalho como professor com Down e já tive alunos com nanismo, surdez, transgêneros e isso nunca me causou desconforto e foram raros colegas que presenciei com alguma atitude discriminatória. É claro que existe gente como ela que se sente incomodada com quem sai um pouco do padrão a qual estão acostumados. Mas isso se chama Preconceito (com P maiúsculo, mesmo). Que ela fale sempre na primeira pessoa.

  14. Katia Maria Tork Rodrigue Postado em 23/Feb/2015 às 15:25

    Ela simplismente nao faz leitura que mesmo que ainda haja preconceito se constata uma grande parte da populaçao braaileira que o combate fortemente.Não hà hipocrezia nenhuma o pensamento està mudando mesmo.Aceita que dói menos. Vai tarde

  15. Rafael Santana Postado em 23/Feb/2015 às 15:47

    "Enfim, preconceitos velados e disfarçados, de um modo geral, não foram bem aceitos pelos leitores politicamente corretos." Não foi e não será aceito em hipótese nenhuma. Ao menos se assume como preconceituosa, mas que arque com suas palavras e atos.

  16. Daniel Postado em 23/Feb/2015 às 17:24

    No Brasil ele seria crucificado por fazer esta piada. "Eu achei hilária", diz Iñarritu sobre piada polêmica de Sean Penn "Quem deu um 'green card' para este filho da puta?", disse o ator ao anunciar que o prêmio de melhor direção iria para o mexicano

  17. Ludymila Postado em 23/Feb/2015 às 18:04

    Menos um! Ainda tem vários pra aderir ao movimento

  18. Thiago Teixeira Postado em 23/Feb/2015 às 19:32

    Não dou 3 dias para ela ser protagonista do Roda Morta, Programa do Jo, Canal Livre, Agora é Tarde e merdas afins dizendo que a jornalista foi censurada pela ditadura esquerdista e blá blá blá ....

    • Gal de Postado em 23/Feb/2015 às 22:41

      E não foi isso que aconteceu?

  19. khalil Postado em 23/Feb/2015 às 19:36

    Ela precisa conhecer um homem, ou uma mulher para faze-la feliz, o duro é arrumar alguém com estomago prá comer lixo! ô coitada!!!

  20. Maria Postado em 23/Feb/2015 às 19:37

    Foi tarde!!

  21. Eduardo Postado em 23/Feb/2015 às 20:37

    ...viva as redes sociais, viva a participação popular, vamos lutar para que hajam conselhos populares para fiscalizar as grandes empresas, fiscalizar os gastos do Congresso Nacional, fiscalizar cada um dos nossos legisladores, eleitos por nós e que parecem se esquecer disto.... nosso poder é infinito num verdadeira democracia, basta que o exerçamos... é nosso dever e direito até hoje o que temos feito é omissão...

  22. MÁRCIA FEITOSA PEREIRA DE Postado em 23/Feb/2015 às 20:44

    É uma pena que não pode enterrar o preconceito dela que atribui aos outros. Não fará falta nem para o jornal nem para o mundo!

  23. MARIA Postado em 23/Feb/2015 às 22:21

    ESSA INSANA NENHUM MOMENTO SE ARREPENDEU! AINDA QUER SAIR DE BOA! SE NINGUEM TE ENTENDE ...

  24. José Geraldo Gouvêa Postado em 23/Feb/2015 às 22:23

    Uma análise mais profunda aqui: http://www.letraseletricas.blog.br/lit/2015/02/silvia-pilz-e-os-limites-de-caco-antibes Sem celebrar qualquer dos lados, tentei entender as mudanças nos mecanismos que permitiram esse episódio ter o desfecho que teve.

  25. Adelia Postado em 23/Feb/2015 às 23:39

    Incapazes? Incapaz é essa mulher, q não serve nem pra blogueira.

  26. Marcelo Postado em 24/Feb/2015 às 08:02

    Bom, pela maioria das manifestações, se as pessoas tivessem algum poder ditatorial, e fossem de esquerda, iriam mandar prender o Reinaldo Azevedo. Se fossem de direita, iriam fazer o mesmo com o Mino Carta... preferem calar as pessoas a ouvir algo que discordam...

  27. Ligia Brito Postado em 24/Feb/2015 às 11:02

    Ela disse que se sentia desconfortável quando se separava com um Anão ou uma pessoa com Síndrome de Down.Eu li todo o seu artigo e não achei o humor dela nada inteligente. Deboche ao extremo, sarcasmo. Isso é liberdade de expressão? ??Você falar e atingir os menos favorecidos? Na imprensa existe algo que se chama ética. E pelo que eu pude ver essa coitada é desprovida disso.Se ela tivesse algum parente na família dela com alguma dessas características, talvez ela fosse mais humana. Ela tem tanto profissionalismo e bom senso, que ao menos tentou se retratar com os ofendidos.Tem um filho com síndrome de Down e tenho o maior orgulho dele.É muito amado e querido por onde passa.Pessoas com o essa blogueira aí, são sem dúvida pobre de espírito e infelizes.A um ditado que diz:O seu direito termina onde começa o do outro.

  28. Symone Matos Postado em 24/Feb/2015 às 12:47

    É uma pobre coitada q até ontem ninguém sabia quem era. A tonta ainda se acha correta no q fez! Ninguém neste mundo precisa dos seus textos Dona Silvia sei lá o q! Mulherzinha vazia! Vaza! Já vai tarde!

  29. Luis Postado em 24/Feb/2015 às 18:10

    Alguém poderia me explicar que raios Reinaldo Azevedo tem a ver com essa mulher ou o os textos dele têm a ver com os textos dela?

  30. nina Postado em 02/Mar/2015 às 15:38

    acho engraçado. e ser politicamente correto é errado? a quem interessa manter o politicamente incorreto sem limites quaisquer? aos mesmos a quem interessa a manutenção de preconceitos vários. é uma EVOLUÇÃO que estejamos questionando esse tipo de 'humor'.