Redação Pragmatismo
Compartilhar
Desigualdade Social 29/Jan/2015 às 16:55
9
Comentários

Quem são e onde vivem os mais ricos dos mais ricos?

mais ricos dos riscos vivem moram mundo

Relatório da entidade Oxfam causou polêmica ao prever que o grupo de 1% das pessoas mais ricas do mundo possuirá, em breve, mais do que o resto da população mundial. A estimativa foi baseada em pesquisa do banco Credit Suisse, que estimou a riqueza total das famílias em todo o mundo em 2014 em US$ 263 trilhões (R$ 678 trilhões).

Isso é riqueza, não renda. É calculado como ativos menos dívida.

Obviamente, bilionários como Bill Gates, Warren Buffett e Mark Zuckerberg fazem parte deste 1%. Mas quem mais? Segundo o Credit Suisse, outras 47 milhões de pessoas – todas com uma riqueza equivalente ou superior a US$ 798 mil (R$ 2,06 milhões).

Isso inclui muitas pessoas em países desenvolvidos que não se consideram ricas, mas que possuem uma casa quitada ou já tenham pago parte significante de suas hipotecas.

Entre elas, estão 18 milhões de pessoas nos Estados Unidos, o país com maior número de integrantes no grupo do 1%.

São 3,5 milhões na França, 2,9 milhões no Reino Unido e 2,8 milhões na Alemanha. A Alemanha tem a maior economia da Europa e a razão por ter menos pessoas ricas, segundo o Credit Suisse, é que tem níveis menores de pessoas com casa própria.

Há dois países asiáticos com mais de 1 milhão de pessoas entre as mais ricas: Japão (4 milhões) e China (1,6 milhão).
E aproximadamente 295 mil brasileiros fariam parte desse grupo seleto, de acordo com o Credit Suisse.

O país com a maior proporção de integrantes em relação à população é a Suíça: um em cada dez – ou 800 mil dos 8 milhões – tem patrimônio superior a US$ 798 mil.

Mas o relatório do Credit Suisse não conta a história inteira, já que não leva em conta o custo para comprar bens em cada país, por exemplo. Meio milhão de libras pode comprar um apartamento de um quarto no centro de Londres, mas em outros países compra uma mansão. O estudo também não leva em conta a renda.

Já para estar entre os 10% mais ricos, é necessário ter US$ 77 mil em ativos (R$ 198 mil). E para figurar na metade de cima dos mais ricos do mundo é preciso US$ 3.650 (R$ 9.408).

BBC

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Jonas Schlesinger Postado em 30/Jan/2015 às 01:13

    Gostei demais da matéria. Só o apartamento onde moro custou uns 350 mil na época, acho que tá valendo mais. Mas o condomínio é barato, uns 900 reais. Enfim, se ser rico é ter mais que 100 mil reais então eu tô nesses 10% aí. Isto significa que estou longe das garras da Eu Daqui q vive chamando o povo de pobretão kk mas voltando ao artigo... nos EUA tem mais pq existem os artistas mais famosos do planeta, escritores, cineastas.. enfim, é uma gama de gente rica. Agora só n vale criticá-los por serem ricos, estudaram e trabalharam pra isso. Quem tem a obrigação de dar assistência aos humildes é o estado, não tirar dos ricos e dar aos pobres. Acho absurdo, é minha visão. Nunca iria imaginar dar os 4 salários mínimos recebo todo o mês a qualquer um. O estado q os cuide.

    • Jonas Schlesinger Postado em 30/Jan/2015 às 02:43

      E o custo de vida pra quem tem mais é maior. Por exemplo, eu recebo depositado na minha conta corrente, por mês, por volta de 3500 a 4mil incluindo a mesada que acrescenta o meu salário, já que o meu pai é o meu empregador... vou fazer a minha pós graduação este ano (na facul particular, óbvio), vou financiar meu primeiro carro (aleluia) e quando entrar nas próximas férias (facul+trabalho) Telaviv que me aguarde. Então não é fácil.

      • rafa Postado em 30/Jan/2015 às 11:58

        mas vc poderia ir pra facu pública, e nao PRECISA ir pra telaviv. mas ta certo: rico tem q ir é pra facu partic msm.

      • Jonas Schlesinger Postado em 30/Jan/2015 às 13:24

        Vc é doido. Telaviv é maravilhosa. Eu sei que vcs têm raiva do premiê de lá, mas realmente é linda. Desde q o meu tio foi pra lá ele me chama pra passar as férias. E como n tive férias ano passado vou aproveitar este ano. Aproveito e passo em jerusalém...

    • rafa Postado em 30/Jan/2015 às 11:56

      o estado cuida, COM A ARRECADAÇÃO. proprietários de terras ALUGAM TERRA pra quem tem que ter onde trabalhar: daí sua riqueza. proprietários de usinas ALUGAM TERRENO E MÁQUINAS FABRICADAS POR OPERÁRIOS a operários que precisam ter onde trabalhar. eis o capitalismo. sou pela posse coletiva dos meios de trabalho: como índio, como celta.

    • Eduardo Postado em 16/Feb/2015 às 01:52

      É tem uns dois citados na matéria que assisti a documentários sobre como construiram suas fortunas... um foi roubando ideias e criações de outro, o outro registrando a criação de um brasileiro, nesse segundo caso teve até processo na justiça, e o brasileiro ganhou 5% das ações do registro de uma patente que seria pelo menos 50% sua.... agora a tributação não pode e não deve ser a mesma para quem vive de salário mínimo e aqueles que vivem de explorar os primeiros... COMO ESCRAVOS DO SÉCULO XXI.

  2. rafa Postado em 30/Jan/2015 às 11:51

    a Suíça e Lichtenstein são aqueles paraísos fiscais que não produzem nada?

    • Thiago Teixeira Postado em 30/Jan/2015 às 15:01

      Se depender da visão do mundo que o Fantástico da Glória Maria apresenta aos telespectadores, sim, na Suíça só tem chocolate e banco lavando dinheiro. Índia só tem aquela rua miserável de Calcutá, África só tem Ebola, Pari e NY são lugares maravilhosos e na Tailândia só tem casas de prostituição.

    • Eduardo Postado em 16/Feb/2015 às 01:54

      produzem sim indíviduos que vem para nosso país querendo privatizar nossa água....