Redação Pragmatismo
Compartilhar
América Latina 13/Jan/2015 às 11:15
2
Comentários

Maradona revela que só está vivo “graças a Fidel Castro”

“Graças a Fidel estou vivo”, diz Maradona. Ídolo do futebol argentino classificou o ex-presidente de Cuba como o “maior da história”

maradona fidel castro
Maradona e Fidel Castro (reprodução)

Fórum

O ídolo do futebol argentino Diego Armando Maradona declarou no último sábado (9), durante o seu programa de televisão “De Zurda”, exibido pelo canal venezuelano TeleSur, que o ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, é o “maior da história”.

Na última edição do programa, que é comandado por Maradona e pelo jornalista Victor Hugo Morales, a dupla dedicou o primeiro bloco a falar sobre a figura do ex-mandatário cubano. Na ocasião, o ex-craque da seleção argentina também comentou sobre aspectos de sua amizade com o líder da revolução cubana. “Graças a Fidel, estou vivo”, disse o ex-craque argentino.

Em outro momento, Maradona contou que esteve, na semana passada, em Havana, com os três agentes cubanos que estiveram presos nos Estados Unidos por espionagem e que foram libertados, graças ao acordo firmado entre Cuba e EUA, que iniciaram um processo de normalização das relações diplomáticas.

VEJA TAMBÉM: 8 frases marcantes de Fidel Castro

Para Maradona, o acordo com os EUA e a libertação dos presos políticos trata-se de “uma vitória de Fidel, que nunca abandonou los cinco (maneira como se refere aos ativistas políticos libertados)”, disse o jogador.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 13/Jan/2015 às 11:32

    Galvão Bueno ensinou os brasileiros a odiarem argentinos (e vice versa o narrador babaca do país vizinho), e a mídia golpista a ter nojo de Cuba. Uma foto dessas deve eixar os coxinhas doidos!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • jorge Postado em 13/Jan/2015 às 15:54

      •coxinha detected•