Redação Pragmatismo
Compartilhar
Guerra injustificável 30/Jan/2015 às 14:14
31
Comentários

Angelina Jolie desabafa após visitar campo de refugiados: "nunca vi nada parecido"

"Não vi nada que se compare ao sofrimento que estou testemunhando agora". Em artigo no New York Times, Angelina Jolie desabafa após visitar campos de refugiados onde sírios e iraquianos estão abrigados

angelina jolie campo refugiados síria iraque

Embaixadora da boa vontade a ONU, a atriz Angelina Jolie visitou, no último domingo (25), campos de refugiados de onde sírios e iraquianos estão abrigados em razão dos conflitos que atingem a região, e resolveu se pronunciar sobre o assunto em um artigo publicado no jornal The New York Times, na quarta-feira (28).

Leia abaixo trechos do artigo:

“Visitei o Iraque 5 vezes desde 2007, e não vi nada que se compare ao sofrimento que estou testemunhando agora. Vim visitar os campos de refugiados onde iraquianos e sírios estão procurando desesperadamente por proteção contra os combates que atingem suas regiões”, contou.

“Por muitos anos visitei acampamentos, e todas as vezes, eu me sento em uma barraca para ouvir histórias. Eu tento fazer o meu melhor para dar apoio. Para dizer algo que vai mostrar solidariedade e dar algum tipo de orientação. Nesta viagem eu fiquei sem palavras”, diz.

“O quê dizer a uma mãe com lágrimas correndo pela face, que diz que a sua filha está nas mãos do Estado Islãmico, e diz que desejaria estar lá também? Mesmo que tiversse que ser torturada e estuprada, ela diz, seria melhor do que não estar com sua filha”, conta ela que, ao lado de Brad Pitt, é mãe de seis crianças.

“O quê dizer a uma criança de 13 anos que descreve os armazéns onde ela e outras viviam, em que, três de cada vez, eram chamadas para ser estupradas por homens?”, indagou Angie. “Quando o irmão dela descobriu, se matou”. Ela continua: “Como você pode falar quando uma mulher da sua idade te olha nos olhos e lhe diz que toda a sua família foi morta em frente a ela, e que ela agora vive sozinha em uma barraca e tem rações alimentares mínimas?”.

“Na tenda seguinte, conheci uma família de 8 crianças. Sem pais. Pai assassinado. Mãe desaparecida, provavelmente raptada. O garoto de 19 anos é o ganha pão. Quando comentei que era uma grande responsabilidade para sua idade, ele apenas sorriu e abraçou a irmã mais nova. Ele diz ser grato pela oportunidade de trabalhar para ajudá-los. Ele realmente quer dizer isso. Ele e sua famíli são a esperança para o futuro. Eles são resistentes contra o impossível”.

A atriz conclui pedindo ajuda das autoridades e a comunidade internacional. “Não é o suficiente defender os nossos valores em casa, em nossos jornais e em nossas instituições”, escreve ela. “Nós também temos que defendê-los nos campos de refugiados do Oriente Médio, e nas cidades-fantasma em ruínas da Síria.”

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. José Postado em 30/Jan/2015 às 17:59

    Espero que ela tenha consciência de que os EUA e a OTAN são os maiores responsáveis por isso. Se não tivessem apoiado a primavera da morte, que nunca foi um movimento por democracia, mas sim um movimento terrorista de fundamentalistas religiosos, o EI e o Al-Nusra jamais teriam conseguido as armas e o poder que tem hoje. Para salvar esses inocentes, temos que apoiar o herói Bashar Al-Assad na sua resistência contra os EUA e os fundamentalistas religiosos apoiados pela OTAN, Turquia, Catar e o Reino Medieval da Árabia Saudita.

    • GabrielG Postado em 30/Jan/2015 às 19:39

      É isso aí, temos que apoia o Bashar AL-Assad, que matou 1.429 pessoas num ataque químico. Vamos ao Youtube assistir o sofrimento das crianças a beira da morte e saudar o nosso ídolo. 250 crianças mortas não são nada, diante do nosso imperador. Alah Akibah

      • Roberto Postado em 31/Jan/2015 às 08:28

        Assad não matou ninguém com ataques químicos. Pare de acreditar incondicionalmente nas mentiras da mídia sionista. Leia o seguinte artigo, bem como os dois links ao final do mesmo: http://www.voltairenet.org/article180331.html

      • Roberto Postado em 31/Jan/2015 às 08:29

        Outro artigo: http://www.voltairenet.org/article180221.html

      • Antonio Palhares Postado em 31/Jan/2015 às 09:33

        Senhor Gabriel estude mais sobre a região.

      • paulo correa Postado em 01/Feb/2015 às 19:10

        sr gabriel não foi bashar al assad que começou essa guerra.foram as potências ocidentais querendo aumentar sua influencia na região.e o povo que se foda

    • Fátima Postado em 02/Feb/2015 às 17:17

      Faço das minhas as suas palavras, José! Concordo plenamente com você!

  2. Antonio Palhares Postado em 31/Jan/2015 às 09:31

    So esqueceu de dizer que estes pulhas miseráveis e assassinos foram criados e mantidos pelo país dela. Estados Unidos da América, para desastabilizar e tentar derrubar o governo Sírio, que sempre manteve a estabilidade do país e o convivio equilibrado entre suas etnias.Criaram o monstro e hoje não sabem o fazer com ele.

    • Maria Izabel Ramos Postado em 01/Feb/2015 às 18:47

      Ela não foi lá pra acusar ninguém, mas sim mostrar solidariedade! E ela não foi em busca de culpados ela foi numa atitude de solidariedade e amor ao próximo e escreveu esse artigo para pedir ajuda aos refugiados. Entenda.

    • eu daqui Postado em 02/Feb/2015 às 11:13

      ELA NÃO TEM INDEPENDENCIA PARA TANTO. NENHUMA CELEBRIDADE TEM.

    • Fátima Postado em 02/Feb/2015 às 17:18

      Exato! Concordo com você, Antonio!

  3. Antonio Palhares Postado em 31/Jan/2015 às 11:18

    Sr Luis Henrique. Respeitosamente. O Iraque, depois da invasão americana para roubar-lhe o petróleo, destruirem todo país,assasinarem mais de 300.000 pessoas,dividí-lo, colocá-lo em uma sangrenta guerra civil.Esta hoje melhor? Quem criou e apoiou o Bin Laden para combater os Russos no Afeganistão? Esta "primavera" Árabe interessa a quem? Melhorou o quê? E por ai vai. Fiquemos no campo das idéias.

  4. Marcos Damiano Postado em 31/Jan/2015 às 18:28

    Disse tudo, José. Disse tudo. Mas não devemos culpar o GabrielG pelo que postou. Como ele, são muitas as pessoas lavadas mentalmente pela mídia fascista.

  5. Oblivion Postado em 01/Feb/2015 às 00:57

    Sr. Luis Guilherme, Os custos foram do governo estadunidense, certo? E pagos pra quem? Para micro empresas iraquianas? Acho que não né. O dinheiro vai para empresas que comandam o EUA cara. Aqui, assim como lá é a mesma coisa. Mas aqui as empresas são de outras áreas... Ninguém financia milhões para eleger um presidente, governadores e parlamentares, por militância. O problema de países do Oriente médio não é simples. É muito triste o relato da atriz, principalmente para nós, pessoas comuns, que estão de mãos atadas. Para finalizar uma pergunta, tu achas mesmo que as invasões (Iraque e Síria) foram por questões humanitárias? Então acho que eles ainda não descobriram a África subsaariana.

  6. Antonio Palhares Postado em 01/Feb/2015 às 10:32

    Sr Luis.Este negocio de que a democracia americana é modelo para o mundo, que eles são os bastiões da moralidade e dos bons costumes, que eles tem o DIREITO MANIFESTO de comandar a recuperação moral do mundo, é uma falácia, acredita quem quer. Em cima de uma mentira virulenta eles invadiram e destruiram um país soberano.Cometeram sim, um genocídio e foram embora deixando tudo pior do que estava. Os estados Unidos e sua "democracia' estabeleceram os mais hediondos centros de torturas, onde menores de catorze anos tinham pedaços arrancados do corpo.E voce vem justificar isto ? Ou é mentira?

  7. Antonio Palhares Postado em 01/Feb/2015 às 14:57

    Sem rotular, sr Luis, sem rotular.

  8. Tatiana Abreu Postado em 01/Feb/2015 às 17:28

    Não vou entrar em defesa de qual está com a razão , porém os três acima estabeleceram aqui um excelente debate rico de informações de ambos ...infelizmente a questão aqui são as pessoas que estão tendo suas vidas dizimadas e só surgem discussões , mas atitudes q é o mais emergencial ..infelizmente as alteridades estão mais preocupados com as $$ da guerra do que as vidas q estão sendo perdidas ...

  9. Vane Postado em 01/Feb/2015 às 18:03

    Então sob a sua ótica, os EUA invadiram o Iraque tendo um custo de 2 trilhões porque queriam participar do processo de democratização no país? Você não acha meio ingênuo acreditar que eles não visavam alguma vantagem econômica?

  10. sandra pacheco costa Postado em 01/Feb/2015 às 18:51

    por acaso, senhor luis guilherne, desconhece, também, que usa planejou os golpes da américa latina? quantas torturas e mortes?

    • Alessandra Postado em 02/Feb/2015 às 07:19

      O Luís você está rotulando russos e chineses também. E por sinal seus conhecimentos sobre eles sao poucos. E esta coisa de eu e melhor viver sob o comando de um em detrimento de outro e de uma submissao e de uma colonizacao mental impressionante.

    • Thiago Teixeira Postado em 02/Feb/2015 às 08:10

      É perda de tempo argumentar com leitores de Reinaldo Azevedo.

      • eu daqui Postado em 02/Feb/2015 às 12:31

        Esse não é leitor, é baba ovo, mesmo.

    • EU DAQUI Postado em 02/Feb/2015 às 11:16

      O Brasil é muito pior do que um imperio maligno: é a mãe gentil que "devora os próprios filhos nas próprias entranhas".

  11. Luciene Cavalcanti Postado em 01/Feb/2015 às 19:56

    Sr. Luis e Sr. Antônio, vcs são indispensáveis! obrigada!

  12. Luciene Cavalcanti Postado em 01/Feb/2015 às 20:05

    Roberto, os artigos que vc sugeriu não abrem...

  13. Alan Postado em 01/Feb/2015 às 23:53

    "Para o governo tu és um voto, para a igreja um dízimo, e para o sistema um escravo."

  14. giovana Postado em 02/Feb/2015 às 10:48

    E talvez se olhassemos para o presente e esquecessemos o passado, poderiamos nos orgulhar do futuro!!! Chega de viver do passado! Conhecer a história tem que ser benefica para transformar o presente e o futuro!! Perdao é a palavra a ser exercida, justiça também! Guerra é uma desculpa para o poder e sacrificio de pessoas boas!!! As criancas e as mulheres sempre tem suas vidas devastadas!!! Piedade meu Deus para estas pessoas!!! Ajudem-nas. É possivel parar de discutir sobre quem tem razao e tentar ajudar quem está sofrendo????

  15. eu daqui Postado em 02/Feb/2015 às 11:14

    Não só os eua causam mal. Todos os imperios causam mal e pior seus lambecús que nem pra isso servem.

  16. Marijane Ramos Sampaio Postado em 02/Feb/2015 às 15:04

    Senhores e Senhoras, não percam tempo discutindo quem erou ou quem erra mais. O importante é tentarmos fazer a nossa parte e parar de reclamar. Isso é o Apocalipse. Conscientizem-se de que cada um de nós podemos fazer algo, que não seja só palavras. A Angelina pode fazer muito, como ela faz, mas não pode tudo. Ao invés de ficarmos tentando julgar os erros dos outros, vamos fazer alguma coisa, a começar pela nossa própria família, nossa casa, nossa rua, nosso País. Se pensarmos um pouco e raciocinarmos com a sabedoria de um ser humano falho, que somos, e pecadores, veremos qual atitude devemos tomar e tentar fazer algo de concreto por nós e nossos semelhantes. Só assim existirá futuro para nossas crianças. Que Deus, Nosso senhor, ilumine e guie nossos passos. Fiquem na paz.

  17. unknown Postado em 02/Feb/2015 às 19:11

    Bom..primeiramente queria dizer que li o que todos voces escreveram, e gostaria de dizer..bom dizer nao..confirmar..que sim todos os problemas que existem na siria e no iraque os EUA e os israelenses estao por dentro e contribuem com isso, sou brasileira, dessendente de libanes, e sou muculmana, quando morava no Brasil, nao entendia muito dos problemas existentes por aqui, mais gostaria de esclarecer coisas que a midia geralmente falsifica, os problemas que temos sao devido as duas partes de nossa religiao, e existe os shamados Daesh, que sao extremistas, e que comecaram com tudo isso, mais da onde vem todo o dinheiro das armas deles e das coisas que eles tem? A midia esconde, mais e os EUA que contribui nisso, fora isso, a pouco tempo teve 1 ataque de israel que matou gente importante libanesa que estavam na siria, fora otros ataques que fizeram, entao Sr. Luis, ainda defendes os EUA e os israelenses? Queres tanto defende-los? Entao explique pq eles entraram na siria e mataram um dos nossos? Sendo que eles nao estao metidos nessa briga? Tirando os problemas de siria e iraque, vocr sabe o problema de gaza? Gaza nao e guerra por territorio e massacre que israel faz com as pessoas que estao la, sabe quem estao em gaza? Idosos, mulheres e criancas, ou seja ninguem capaz de se defender, pois homens ha mt pouco, pois a maioria foi morto, e vc acha q eles matam so? Eles masacram, esquartejam, e c for meninas e mulheres? Estupram! Axa isso justo? A midia vive dizendo que nos somos os terroristas, mais a midia esconde os atos dos EUA e de israel! Eles usam discupas de que querem petroleo ou outras coisas desse tipo mais nao eh! Eles querem e territorio, os problemas que ha no iraque, e questao de religiao mais os que comecaram com isso sao beneficiados pelos EUA, c nao nao teriam tudo o que tem.. Seria bom que as pessoas abrissem os olhos e nao acreditassem no que a midia fala!

  18. Marcos Cruz Postado em 02/Feb/2015 às 19:20

    Sr. Luis Guilherme, o Brasil FOI realmente um império malígno à esta época (que o digam os arquivos ingleses a respeito desta guerra infame), o fato de não ter tomado mais nenhuma atitude beligerante não nos isenta, como nação, dos crimes de guerra cometidos. o Sr. falou: "O objetivo da invasão do Iraque foi retirar um ditador que matou mais de 1,5 milhões de pessoas do poder...", o que me causa estranheza pois pelo seu jogo de palavras, APARENTA ter conhecimento histórico, entretanto esquece que apenas TRÊS meses antes da invasão do Iraque, Donald Romsfield estava justamente no Iraque apertando a mão de Saddan (Aliado dos EUA de longa data), selando mais acordos que lesavam a população do Iraque. Lembre-se também que quando Saddan despejou bombas de gás mostarda nos curdos, elas foram vendidas à ele pelo mesmo Donald Romsfield. Só para lembrar, quando Saddan cometeu estra atrocidade os EUA não pronunciaram uma linha de protesto sequer contra seu ALIADO, só o fez as vésperas da invasão do iraque, de maneira muito conveniente, é claro. Esquece também que Osama Bin Laden foi seu MELHOR E MAIS TREINADO agente da CIA no Afeganistão, aliás sua folha de pagamentos o transformou no mais rico terrorista do mundo. Sei, sei, vai vir chorando novamente dizendo que "os fins justificam os meios" e que "foi melhor criar este monstrinho do que deixar o povo do Afeganistão virar Comunista". Deveria fazer melhor sua lição de casa e estudar mais sobre História. Ainda faltam informações à suas teorias. A história contamporânea não se escreve pelas manchetes dos jornais e sim através de estudos e pesquisas feitos por HISTORIADORES. Não, não servem "comentaristas politiqueiros" que só conseguem enxergar meio palmo à frente dos olhos e esquecem (ou não querem) de olhar todo do cenário. Isto faz uma grande diferença para entender o desenrolar dos fatos. "Comentaristas politiqueiros", normalmente pegam os fatos que lhe interesam e montam uma folha de retalhos para contar para os incautos, que não buscam TODOS os fatos, estorinhas (sem o H mesmo) que podem condenar quem não devia ou inocentar quem não poderia.